Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
VIDA E OBRAS ALFREDO VOLPI
Luis Alfredo Volpi     Miranda
Alfredo Volpi nasceu em Lucca, Itália, a 14 deabril de 1896. Em 1897, a família Volpi emigrapara São Paulo e se estabelece...
Até os anos 30, Volpi elabora sua técnica e,principalmente, a partir da década de 1930, emerge umtrabalho mais consciente,...
Em 1938, Volpi conhece o pintor italianoErnesto de Fiori. O encontro seria muitofrutífero para ambos, e se deu numaépoca m...
Um acontecimento fundamental para a evolução deVolpi foi a sua “estada” em Itanhaém, entre 1939 e1941. Sua esposa teve pro...
Sem a preocupação de se engajar emmovimentos artísticos, ele queria apenas pintarquadros com uma simplicidade que acabouch...
Volpi foi se transformando em cada etapa. Suamaturidade artística levou-o a produzir cada vez mais ea se expressar em comp...
Volpi brincava com as formas, as linhas e ascores, e para isso descobriu -- e usou comomestre -- a têmpera a ovo. O tempo ...
Nas décadas de 50 e 60, o trabalho desse artista torna-se muito significativo. Nessa época ele passa a produzir obras conc...
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Alfredo volpi
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Alfredo volpi

16,033 views

Published on

  • Be the first to comment

Alfredo volpi

  1. 1. VIDA E OBRAS ALFREDO VOLPI
  2. 2. Luis Alfredo Volpi Miranda
  3. 3. Alfredo Volpi nasceu em Lucca, Itália, a 14 deabril de 1896. Em 1897, a família Volpi emigrapara São Paulo e se estabelece na região doIpiranga, com um pequeno comércio. Destinocomum aos filhos de imigrantes italianos, Volpiinicia-se em trabalhos artesanais e, em 1911,torna-se pintor decorador. Talvez daí decorra ogosto pelo trabalho contínuo e gradual da sualinguagem estética, próprio da valorização deum “saber fazer”.
  4. 4. Até os anos 30, Volpi elabora sua técnica e,principalmente, a partir da década de 1930, emerge umtrabalho mais consciente, utilizando-se das cores para aconstrução de um equilíbrio muito próprio. Por essestempos, Volpi aproxima-se de artistas como FúlvioPennachi e Francisco Rebolo Gonsales, integrando oGrupo Santa Helena. A denominação do grupo, e ainserção de Volpi nele, é oriunda mais de umaproximidade física dos pintores (que pintavam em umasala do Edifício Santa Helena) e da sua origem comumdo que de uma identificação estética. Volpi destoava dogrupo especialmente por não ser um pintor conservador.
  5. 5. Em 1938, Volpi conhece o pintor italianoErnesto de Fiori. O encontro seria muitofrutífero para ambos, e se deu numaépoca muito oportuna para Volpi, queenveredava para um caminho de maiorliberdade estética.
  6. 6. Um acontecimento fundamental para a evolução deVolpi foi a sua “estada” em Itanhaém, entre 1939 e1941. Sua esposa teve problemas de saúde e mudou-separa o litoral, a fim de se tratar. O artista a acompanhou,retornando a São Paulo apenas nos finais de semana,em que procurava vender suas obras. A gravidade dadoença de Judite Volpi envolveu o artista emquestionamentos que o fizeram rever sua obra e suasconcepções, liberando um potencial criativo latente, aoqual Volpi finalmente conseguiria dar vazão. A tensãoprópria de situações-limite possibilitou para Volpi umaliberdade gestual que imprimiria uma nova dinâmica àsua obra.
  7. 7. Sem a preocupação de se engajar emmovimentos artísticos, ele queria apenas pintarquadros com uma simplicidade que acabouchamando a atenção de outros artistas.Autodidata e independente, podia até incomodaro meio artístico, mas ainda hoje críticos eestudiosos de arte buscam associar, por umaquestão didática, sua obra a movimentosartísticos como: impressionismo,expressionismo, abstracionismo, concretismo.
  8. 8. Volpi foi se transformando em cada etapa. Suamaturidade artística levou-o a produzir cada vez mais ea se expressar em composições abstratas e bemequilibradas. Descobriu temas populares que foramcapturados em suas novas composições. Através desuas pinceladas, luas, sereias, barcos, janelas,brinquedos, bandeiras, mastros e faixas ganharamnovos significados... não eram mais apenas formasdesenhadas em planos horizontais, mas signosabstraídos de suas observações, de seu olhar de artista,e transformados em surpresas formais.
  9. 9. Volpi brincava com as formas, as linhas e ascores, e para isso descobriu -- e usou comomestre -- a têmpera a ovo. O tempo foipassando e Volpi talvez nem percebesse... suaevolução era tão natural quanto significativa.Passou pelo concretismo, a optical-art efinalmente abstraiu os significados de cadaforma tratando-as informal, porémconsistentemente, qualidade que fez dele ummestre das artes.
  10. 10. Nas décadas de 50 e 60, o trabalho desse artista torna-se muito significativo. Nessa época ele passa a produzir obras concretas, abrindo seu caminho para o abstracionismo geométrico, que aparece presente na obra com bandeiras e mastros presente em festas juninas. Alfredo Volpi veio a falecer em 28 de Maio de 1988 aos 92 anos.

×