Carrefour Apresentacao

34,099 views

Published on

Trabalho de conclusão do curso de MBA em Gestão Estratégica em Moda pela FAAP-SP.

Published in: Business, News & Politics
  • excellent presentation, unfortunately i’m not allowed to download it, it would be very useful as a starting point for a presentation in my classroom in italy about the entry of Carrefour in Brazil! if u change idea and make it downloading....write me!
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Carrefour Apresentacao

  1. 1. A MODA NO CARRINHO DE COMPRAS
  2. 2. 1. A Empresa 2. Produtos e Serviços 3. Clientes 4. Análise da Concorrência 5. Participação no mercado 6. Estratégia de Negócios 7. Plano de Marketing 8. Viabilidade Financeira 9. Conclusão 10. Agradecimentos Finais Roteiro de Apresentação
  3. 3. A Empresa
  4. 4. <ul><li>Empresa francesa que atua no setor de varejo alimentar. </li></ul><ul><li>Fundada em 1960 está presente em 30 países. </li></ul><ul><li>Possui 14.991 lojas distribuídas por três continentes: América, Ásia e Europa. </li></ul><ul><li>1º operador de hipermercados da Europa e o 2º do mundo, atrás apenas do grupo Wal-Mart. </li></ul>Carrefour no Mundo
  5. 5. <ul><li>Presente há 32 anos no Brasil. </li></ul><ul><li>Opera as bandeiras Carrefour (150 hipermercados), Carrefour Bairro (38 supermercados), Dia% (300 lojas de desconto) e Atacadão (34 lojas “atacarejo”). </li></ul><ul><li>Maior rede varejista do país com 14,2% de participação de mercado. </li></ul><ul><li>Faturamento em 2007: R$ 19,3 bilhões. </li></ul>Carrefour Brasil
  6. 6. Produtos & Serviços
  7. 7. <ul><li>Mix de produtos diversificado e adequado ao público-alvo. </li></ul><ul><li>Divisão por categorias: Alimentar e Não Alimentar. </li></ul>Mix Varejista
  8. 8. <ul><li>Macro categoria: Não Alimentar. </li></ul><ul><li>Corresponde a 3% do faturamento da empresa. (Pouco explorada). </li></ul><ul><li>Mix de Produtos: para o lar (cama, mesa e banho), vestuário e acessórios. </li></ul><ul><li>Subdivididos em produtos de vendas sazonais e permanentes. </li></ul><ul><li>Produtos de conveniência, de menor valor agregado e que não fazem parte da lista de compras planejada do consumidor. </li></ul>Categoria Têxtil
  9. 9. <ul><li>Linha pioneira dos produtos marca própria no Brasil. </li></ul><ul><li>Introduzida com o objetivo de associar a imagem do Carrefour ao setor têxtil. </li></ul><ul><li>Estrategicamente pouco explorada. </li></ul><ul><li>Produtos de qualidade superior e destinado a todas as idades. </li></ul>Linha TEX
  10. 10. Clientes
  11. 11. <ul><li>Perfil do Consumidor </li></ul><ul><li>Predominantemente mulheres das classes B/C, entre 25 e 50 anos. </li></ul><ul><li>Valorizam a família, a casa, o bom atendimento e o seu tempo. </li></ul><ul><li>Buscam conveniência, praticidade, preços baixos e qualidade. </li></ul><ul><li>Quando bem tratadas, tendem a fidelização. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Hábitos de Compra </li></ul><ul><li>Visita ao hipermercado está relacionada ao prazer. </li></ul><ul><li>Alto interesse e envolvimento com a compra. </li></ul><ul><li>Gostam da companhia dos filhos, mas não do marido. </li></ul><ul><li>Valorizam limpeza e ações no PDV. </li></ul><ul><li>Familiarizam-se com as bandeiras e seu lay-out. </li></ul><ul><li>56% percorrem todos os corredores da loja. </li></ul><ul><li>Disposição de pagar 20% a mais por produtos de qualidade. </li></ul>
  13. 13. Análise da Concorrência
  14. 14. Concorrência Direta Mesmo formato de loja
  15. 15. Lojas de departamento especializada Concorrência Direta
  16. 16. Estratégia de Negócios
  17. 17. MATRIZ SWOT PONTOS FORTES Marca Própria pioneira e exportada para vários paises. Cobertura nacional. Localização facilita o acesso aos consumidores. Conveniência – comprar tudo em um só lugar. (Valorização do tempo). Preços inferiores aos concorrentes. Ticket médio de compra elevado. Área destinada à categoria têxtil favorece a visibilidade e o acesso aos produtos. A ausência de atendimento personalizado deixa o consumidor mais a vontade para a compra. PONTOS FRACOS Qualidade dos produtos de moda não é satisfatória. Design dos produtos de moda não é atrativo. Pouca variedade de produtos. Disposição das peças não é apropriada. Provadores e iluminação inadequados Comunicação sem foco e consistência. Venda de roupa, sem emoção. Commodities (roupa = sal, feijão). Exposição baixa frente à concorrência Ausência de apoio ao consumidor (Falta de atendentes).
  18. 18. SWOT AMEAÇAS Invasão Chinesa. Crescimento da Riachuelo. Agilidade na entrega das tendências (Fast-Fashion). Envelhecimento da população. OPORTUNIDADES Varejo de moda popular no Brasil ainda não esta consolidado. Tempo cada vez mais tido como artigo de luxo (Valorização do tempo). Movimento da classe média por produtos populares com design e qualidade. Consumidores ávidos por produtos e com poder de compra. Parcerias com estilistas nacionais e franceses. Demanda latente para produtos moda praia popular. Criar relacionamento com o cliente.
  19. 19. <ul><li>Consolidar a área têxtil dos hipermercados Carrefour Brasil como a opção mais popular e vantajosa para o consumidor (Reestruturação da área). </li></ul><ul><li>Espera dobrar a participação da categoria têxtil em um período de 04 anos. </li></ul><ul><li>Além disso, visa fortalecer sua linha de produtos marca própria TEX, bem como desenvolver outras linhas, marca própria, estratégicas para essa categoria de produto. </li></ul>Objetivos
  20. 20. Foco da Estratégia <ul><li>Produto (Mix de produtos têxtil - 50% do foco estratégico). </li></ul><ul><li>Ponto de Venda </li></ul><ul><li>Comunicação </li></ul>
  21. 21. Produto <ul><li>Baseado no trinômio Moda/Qualidade Percebida/Preço Popular. Produtos com apelo de moda, design e com qualidade, de alto giro ( freshness ) a preços baixos. </li></ul><ul><li>Equipe focada no desenvolvimento de coleções por segmentos: lar, vestuário feminino, vestuário masculino, vestuário infanto/juvenil, acessórios. </li></ul><ul><li>Criação e desenvolvimento de linhas de produtos marca própria (especialmente moda praia, reconhecimento mundial). </li></ul><ul><li>Ampliação do sortimento da categoria. </li></ul><ul><li>Consolidação da imagem de moda popular perante o mercado. </li></ul>
  22. 22. Ponto de Venda <ul><li>Espaço convidativo com a cara do público-alvo. </li></ul><ul><li>Visual merchandising atrativo e eficiente (5 sentidos), proporcionando ao consumidor uma atmosfera de bem estar - Maior envolvimento com os produtos e marcas. </li></ul><ul><li>Comunicação dirigida ao consumidor, criativa, inovadora, informativa. </li></ul><ul><li>Provadores, com dimensões maiores, ótima iluminação e espelhos apropriados. </li></ul><ul><li>Criação de Pontos Focais – vitrines. </li></ul>
  23. 23. Ponto de Venda <ul><li>Estabelecer novos padrões de estética e comunicação para o varejo. </li></ul><ul><li>Exposição dos produtos de acordo com os diferentes estilos de vida dos consumidores. </li></ul><ul><li>Criar experiências: atendimento especializado, desfiles de moda, entrega de brindes, promoções e concursos. </li></ul>
  24. 24. Comunicação <ul><li>Lojas e arredores: informativa, educativa, impactante e emotiva. </li></ul><ul><li>Mídias tradicionais TV, rádio, jornal. </li></ul><ul><li>Criar revista especializada. </li></ul><ul><li>Portal da Moda Carrefour e hotsite (promocional). </li></ul><ul><li>Novas mídias e novas tecnologias: youtube, blogs, hotsites, myspace, orkut, estimulando a criação de comunidades no seu portal de moda na internet. </li></ul><ul><li>Marketing viral e de guerrilha. </li></ul>
  25. 25. Plano de Marketing
  26. 26. Ações e Serviços Propostos
  27. 27. <ul><li>Investir no conceito fast-fashion priorizando a excelência do trinômio (Moda/Qualidade percebida/Preço popular). </li></ul><ul><li>Ser competitivo em preço, propor inovações em seu mix de produtos e buscar melhorar constantemente a experiência de compra dos consumidores. </li></ul><ul><li>A empresa deve priorizar às vendas dos produtos marca própria, principalmente moda praia (exportação). </li></ul><ul><li>Lançar sazonalmente, de acordo com o calendário de moda e varejo os produtos desenvolvidos das parcerias com estilistas, sempre criando motivos e comunicações especiais em sua divulgação. </li></ul><ul><li>Investir na venda de produtos casados, sugerindo e compondo diferentes looks para os diversos consumidores. </li></ul><ul><li>Investir no atendimento especializado. </li></ul>Estratégia de Vendas
  28. 28. Viabilidade Financeira
  29. 29. <ul><li>Ampliar o faturamento da categoria têxtil dos 3% atuais para 7% em um período de 04 anos. </li></ul><ul><li>Crescimento agressivo no 1 o ano, desacelerando progressivamente. </li></ul>Projeção de Crescimento
  30. 30. <ul><li>Previsão sem o plano (considerando 2,9% de cresc.) </li></ul><ul><ul><li>R$ 594.592.87 milhões (3% do faturamento total). </li></ul></ul><ul><li>Crescimento proposto de 50% para a área no primeiro ano com o plano. Incremento de R$ 297.296.43 milhões. </li></ul>Faturamento Previsto
  31. 31. Conclusão
  32. 32. <ul><li>O Carrefour tem uma oportunidade latente para atuar no varejo de moda, mas precisa estar muito bem preparado. (conhecimento, poder de barganha, escala, excelência operacional). </li></ul><ul><li>Consumidores com poder de compra ávidos por produtos de qualidade, com design vendidos a preços justos. </li></ul><ul><li>Investir na criação de marcas próprias, informar e educar o consumidor, criar experiências para o público-alvo e entregar no PDV a proposta de Moda com Qualidade Percebida a Preços Populares. (Consolidar a participação no mercado e imagem perante os clientes). </li></ul><ul><li>Baixo investimento e retorno comparado ao das grandes lojas de departamento especializada. </li></ul>Conclusão
  33. 33. OBRIGADA! Aluna: Simone Teixeira Orientador: Luis Settanni

×