Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático

15,541 views

Published on

Esta aula destina-se aos alunos e alunas do Terceiro Ano do Colégio Militar de Brasília, mas qualquer pessoa pode utilizar o material, basta entrar em contato e citar a fonte.

Published in: Education
0 Comments
6 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
15,541
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,941
Actions
Shares
0
Downloads
342
Comments
0
Likes
6
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático

  1. 1. GOVERNOS DUTRA E VARGAS O POPULISMO DEMOCRÁTICO
  2. 2. TRANSIÇÃO PARA O POPULISMO DEMOCRÁTICO (1946-1954) • Dutra, ex-ministro da Guerra de Getúlio, foi eleito pelo PSD com 52,39% dos votos válidos. • Alinhamento com a política americana da Guerra Fria → assinatura em 1946 do Tiar (Tratado Interamericano de Assistência Recíproca) • PLANO SALTE: Saúde, Alimentação, Transporte e Energia. GENERAL DUTRA (1945-50)
  3. 3. Mapa da eleições de 1945. Com o apoio de Getúlio Vargas e os erros de Eduardo Gomes, a vitória de Dutra foi indiscutível.
  4. 4. Truman visitou o Brasil em 1946 e Dutra retribuiu a visita em 1948.
  5. 5. CONSTITUIÇÃO DE 1946 • Foi uma Constituição liberal preocupada com os direitos e liberdades civis e que reforçou o papel do legislativo, depois de uma longa ditadura. • Garantiu: igualdade perante a lei, fim da censura, liberdade religiosa e de associação, garantia de sigilo das correspondências, extinção da pena de morte e separação dos três poderes. • Genérica em relação ao direito de greve e restritiva aos sindicatos. 5Prof.ª Valéria Fernandes Promulgada em 18 de setembro de 1946
  6. 6. CONSTITUIÇÃO DE 1946 • Mandato presidencial de 5 anos, sem reeleição. • Como inovações, trouxe:  3% do orçamento anual destinado à programas de desenvolvimento da Amazônia e do Nordeste.  Dever do Estado de promover a reforma agrária. Imposto progressivo de acordo com a renda produzida por cada cidadão.  Voto obrigatório para homens e mulheres maiores de 18 anos. 6Prof.ª Valéria Fernandes
  7. 7. FATOS DO GOVERNO DUTRA • PCB colocado na ilegalidade em 7 de maio de 1947 e o rompimento de relações diplomáticas com a URSS se deu em outubro do mesmo ano. • Envio de tropas ao Canal de Suez em 1948. • Intervenção em mais de 300 sindicatos → Movimento Unificado dos Trabalhadores (MUT) na ilegalidade. • Crise Econômica: Liberalização do câmbio e do comércio exterior, arrocho salarial, inflação e perdas de divisas. • Junho de 1950 → Guerra da Coréia → Dutra de compromete a ajudar os EUA. 7Prof.ª Valéria Fernandes
  8. 8. FATOS DO GOVERNO DUTRA • Missão Abbink: Cooperação econômica Brasil e EUA → recomendou abertura do setor petrolífero às empresas estrangeiras. • Proibição dos jogos de azar → 30/04/1946 → 40 mil desempregados. • 18/09/1950 → foi inaugurada a TV Tupi. • 24/06-16/07/1950 → Copa do Mundo no Brasil → Uruguai venceu. 8Prof.ª Valéria Fernandes
  9. 9. A ELEIÇÃO DE VARGAS • Vargas é candidato pelo PTB/PSP → Aliança com Adhemar de Barros (SP), líder do Partido Social Progressista em troca de apoio político nas próximas eleições. • O PSD abandona seu próprio candidato, Cristiano Machado. • A UDN lança outra vez o Brigadeiro Eduardo Gomes. • A Era Vargas (1930-45) impediu o surgimento de novas lideranças políticas. 9Prof.ª Valéria Fernandes
  10. 10. A ELEIÇÃO DE VARGAS • Vargas obteve 48,73% contra 29,66% de Eduardo Gomes, que em campanha se colocara contra a existência do salário mínimo. Prof.ª Valéria Fernandes 10
  11. 11. A ELEIÇÃO DE VARGAS "O senhor Getúlio Vargas, senador, não deve ser candidato à Presidência. Candidato, não deve ser eleito. Eleito, não deve tomar posse. Empossado, devemos recorrer à revolução para impedi-lo de governar.” Carlos Lacerda, deputado pela UDN, num artigo publicado em 1º de junho de 1950, no seu jornal Tribuna da Imprensa. 11Prof.ª Valéria Fernandes
  12. 12. A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954) • Populismo, trabalhismo e nacionalismo. • Plano Lafer (Plano Nacional de Reaparelhamento Econômico) → criar novas fontes de energias, ampliação da indústria de base, aumento da produção e das exportações. • Campanha “O PETRÓLEO É NOSSO!” • Criação do BNDE → 1952. • Eletrobrás → proposta em 1954 → criada em 1962. 12Prof.ª Valéria Fernandes Vargas não envia tropas para a Guerra da Coréia.
  13. 13. A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954) • Opção pelo Nacional-Desenvolvimentismo → A defesa da intervenção do Estado em atividades consideradas de interesse nacional, priorizando as indústrias e aquelas vinculadas à diversificação do mercado interno. 13Prof.ª Valéria Fernandes O velho Vargas em três momentos. Como seria o novo Vargas?
  14. 14. • Comissão Mista Brasil- Estados Unidos → 1951- 53 → cooperação e recursos econômicos. • Governo Americano corta os empréstimos ao Brasil em 1953. • Criação da Petrobrás em 1953 → Monopólio estatal da extração, refino e transporte. • Ampliação da siderúrgica de Volta Redonda. 14Prof.ª Valéria Fernandes A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954)
  15. 15. • Carlos Lacerda, “o corvo”, intensifica a campanha contra o presidente usando o jornal Tribuna da Imprensa. • CPI do jornal Última Hora, de Samuel Wainer, porta- voz do presidente → empréstimos estatais sob ataque + perseguição pessoal e antissemitismo. 15Prof.ª Valéria Fernandes A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954)
  16. 16. • Ministério Dividido → Disputa entre Conservadores e Progressistas. • Tentativa de Vargas de governar acima dos partidos o debilitou. • Aumento de 15% do imposto de renda. • Perda de controle sobre os sindicatos. 16Prof.ª Valéria Fernandes A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954)
  17. 17. • PCB fomenta uma greve que dura 1 mês em março → 32% de aumento e a não punição dos líderes grevistas → Pacto de Unidade Intersindical (PUI). • Manifestações da Panela Vazia contra a inflação → março/1953 em diante. 17Prof.ª Valéria Fernandes 1953: PASSEATA DA GREVE DOS DOS 300 MIL EM SÃO PAULO
  18. 18. • 1954 → João Goulart propõe 100% de aumento para o salário mínimo. • 82 coronéis e tenentes- coronéis, ligados à ala conservadora do Exército no Rio de Janeiro assinaram um manifesto → o Memorial dos Coronéis → Duras críticas ao Governo Vargas. • João Goulart e o Ministro da Guerra são demitidos. 18Prof.ª Valéria Fernandes A PRESIDÊNCIA DE VARGAS (1951-1954)
  19. 19. OS ÚLTIMOS MESES DE VARGAS 19  Denúncia do Pacto do ABC (Não Agressão, Consulta e Arbitragem) → Argentina, Brasil e Chile → em abril → Bloco regional, não-alinhado → Vargas é acusado de negociações secretas → Pedido de Impeachment. UDN → Denúncias de corrupção → Mar de Lama. Atentado da Rua Toneleros em 5 de agosto → um dos guarda-costas de Lacerda, o major Rubens Vaz, é morto.Prof.ª Valéria Fernandes Lacerda fica levemente ferido
  20. 20. SUICÍDIO DE VARGAS • Gregório Fortunato, o “anjo negro” → é acusado de ordenar o atentado → a República do Galeão. • Intensifica-se a campanha para que Vargas renuncie → em 24/08 → Vargas reúne o ministério e se licencia. • O Presidente dá um tiro no peito. 20Prof.ª Valéria Fernandes
  21. 21. MORTE DE GETÚLIO VARGAS 21 Carta Testamento (Estão arquivadas a versão manuscrita e a datilografada pelo jornalista José Soares Maciel Filho)Prof.ª Valéria Fernandes
  22. 22. MORTE DE GETÚLIO VARGAS 22Prof.ª Valéria Fernandes Comoção no velório do presidente e nas ruas...
  23. 23. MORTE DE GETÚLIO VARGAS 23Prof.ª Valéria Fernandes
  24. 24. MORTE DE GETÚLIO VARGAS 24Prof.ª Valéria Fernandes Carros de reportagem de O Globo atacados pela população. Ao lado, multidão escolta o corpo de Vargas até o aeroporto Santos Dumont.
  25. 25. PARA MAIS IMAGENS: 25Prof.ª Valéria Fernandes • Acervo do CPDOC: http://bit.ly/2qZmYtu • Acervo do Estadão: http://bit.ly/2sH9QKz • Acervo do Globo: https://glo.bo/2r54snL

×