Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Ferramentas Lean para melhoria de 
processos produtivos 
Paulino G Francischini 
pgfranci@usp.br
Institucional 
PRO	 
Departamento	de	 
Engenharia	de	Produção	 
Escola	 
Politécnica	 
Fundação	 
Vanzolini	 
USP	 
Univer...
Sequência de aplicação de ferramentas Lean 
Não existe uma “receita de bolo” que sirva para qualquer empresa 
3 
5S Trabal...
5 S - Housekeeping 
4 
Origem Descrição Principal Atividade 
Seiri Senso de Utilização Separar o necessário do desnecessár...
Organização e limpeza no local de trabalho 
5
SMED - Single Minute Exchange of Die 
Setup Rápido / Troca Rápida de Ferramenta 
6 
TEMPO IMPRODUTIVO 
Set up 
Processa 
a...
Tipos de Setup 
7 
 Setup interno 
– Deve ser feito com a máquina parada 
• Soltar molde 
• Retirar molde 
• Prender mold...
Dispositivos rápidos 
8 
Check pin 
Chave T e L 
Redução de fixadores 
Carrinho de Set up 
Engate rápido 
Grampos ou 
fixa...
Carrinho Transportador 
Eliminar ou reduzir a dependência da ponte-rolante 
9 
Equipa 
mento 
Carrinho 
transportador 
Arm...
Padronização de Dimensões 
Evitar ajustes e procuras por materiais e ferramentas 
10 
Calços 
Base 
Fixadores 
Padronizado...
Sistema Cassete 
Troca de subconjuntos prontos para acelerar o Setup 
11 
Limpeza 
da resina Nova 
resina 
Novo funil 
com...
Ciclo Sistema Kanban 
12 
Processo 
fornecedor 
P-10 P-14 P-30 P-45 P-53 P-76 
Vermelho 
(emergência) 
Amarelo 
(atenção) ...
Painel Kanban 
13
Supermercado e Flow rack 
14 
Supermercado “aberto” 
Flow rack na linha de produção
Kanban de posição 
15
Células de Manufatura 
Mini-fábricas dentro da fábrica 
16 
M.P. P.A.
Arranjo Físico Celular 
Linearizar o processo de uma “Familia” de peças 
17 
Célula 2
Famílias de Produtos 
18 
Critério da similaridade geométrica 
Família A 
Família B 
Critério da similaridade de processos...
Células de Manufatura 
Matriz de Incidência 
19 
... 
Definir quais processos serão alocados em quais Células de Trabalho ...
Célula de manufatura 
20
Célula de manufatura 
21
Operário Polivalente 
Flexibilidade da mão-de-obra 
22 
Ajuste de 
demanda 
Célula 1 Célula 2 
Demanda 1 Demanda 2
Avaliação de Competências 
23 
Competência  Conhecimento  HabilidadeAtitude 
Furadeira 
manual 
Lixadeira 
manual 
Tor...
Milk Run 
24 
Fornecedor 
Roteiro otimizado
Heijunka 
Produção Nivelada 
25 
Produção em 
Lotes
Heijunka 
Produção Nivelada 
26 
Produção em lotes 
Lote 1 
Lote 2 
Lote 3 
Produção Heijunka
Heijunka Box 
27
Heijunka Box em Serviços 
28
One Piece Flow 
Promover o fluxo de uma peça entre duas máquinas 
29 
Célula de Manufatura 
“Lote de tamanho um”
Dispositivo para One Piece Flow 
30
Poka Yoke 
Conceito 
• Conceito: 
– Método que usa sensores ou outro dispositivo para identificar erros que possam 
passar...
Enfoque proativo 
(Inspeção na fonte ou no ponto de origem) 
32
Enfoque reativo 
Previne que defeitos serem passados para próximo processo 
33
Poka Yoke 
Tipos 
34 
Visuais 
Sonoros 
Acesso $ Travamento automático $
Poka Yoke 
35 
http://www.campbell.berry.edu/pokayoke : link para “John Grout's 
Poka-Yoke Page” http://www.mistakeproofin...
Arranjos Produtivos Locais 
36 
Recpeção 
Expedição 
Cia. 
Fornecedor 
CD 
Processo 
MAM 
Cliente 
Montagem 
Final 
Montag...
Arranjos Produtivos Locais 
37 
Distrito Industrial de Indaiatuba 
Condomínio Industrial GM - Gravataí
Arranjos Produtivos Locais 
38 
Condomínio Modular Ford - Camaçari 
CQ Fornecedor Fornecedor Fornecedor 
Fornecedor Fornec...
JIT Tradicional 
39 
Linha de 
Montagem 
Estoque
JIT com Kits 
40 
Linha de 
Montagem 
Estoque 
Kits 
Montagem 
dos Kits
JIT com Kits 
Produção de Kits conforme Takt time 
41
Kit para posto de trabalho 
42
Kanban para itens “C” e Kits para itens “A” 
43
JIT Sequenciado 
44 
Pintura Cliente 
Fornecedor 
Ponto de 
Aplicação 
Linha de 
Montagem 
150’ 
Ponto de 
personalização
Paulino G Francischini 
pgfranci@usp.br
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

2FLU - Ferramentas Lean para melhoria de processos produtivos

129 views

Published on

Ferramentas Lean e os efeitos no processo produtivo; 5S Housepeeking; Célula de Manufatura; Troca Rápida de Ferramenta (SMED); Kanban; Operador Polivalente; Poka yoke.

Published in: Leadership & Management
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

2FLU - Ferramentas Lean para melhoria de processos produtivos

  1. 1. Ferramentas Lean para melhoria de processos produtivos Paulino G Francischini pgfranci@usp.br
  2. 2. Institucional PRO Departamento de Engenharia de Produção Escola Politécnica Fundação Vanzolini USP Universidade de São Paulo Linhas do conhecimento • Gestão da Inovação • Sustentabilidade • Gestão de Pessoas • Gestão de Serviços • Gestão de Projetos • Gerenciamento por Processos • Gestão Industrial • Lean Production • Gestão de Riscos Operacionais • Seis Sigma • Economia e Finanças da Produção • Produtividade • Logística • Qualidade • Qualidade em Saúde • Tecnologia da Informação • Ergonomia Conhecimento e experiência são os grandes diferenciais na elaboração dos projetos da Fundação Vanzolini, uma combinação que permitirá, à sua empresa, resultados sempre consistentes. Produtos & Negócios (Consultoria e Cursos In Company) Carlos Alberto Vanzolini (1902-1953) • Engenheiro civil pela POLI-USP • Pioneiro nos estudos da correlação entre Engenharia e Administração • Contribuiu para influenciar a criação do curso de Engenharia de Produção da POLI-USP
  3. 3. Sequência de aplicação de ferramentas Lean Não existe uma “receita de bolo” que sirva para qualquer empresa 3 5S Trabalho padronizado Kanban Célula de Manufatura SMED Operador polivalente Manutenção Autônoma Sistema de sugestões ATP, Blitz Kaizen Heijunka Poka Yoke Andon One Piece Flow Sequência mais provável Sequência mais provável
  4. 4. 5 S - Housekeeping 4 Origem Descrição Principal Atividade Seiri Senso de Utilização Separar o necessário do desnecessário Seiton Senso de Organização Um lugar para cada coisa, cada coisa no seu lugar Seiso Senso de Limpeza Manter o local de trabalho limpo Seiketsu Senso de Higiene e Padronização Ordem e limpeza nas áreas comuns; evitar improvisações Shitsuke Senso de Disciplina Ter o hábito do descarte, ordem, limpeza e higiene
  5. 5. Organização e limpeza no local de trabalho 5
  6. 6. SMED - Single Minute Exchange of Die Setup Rápido / Troca Rápida de Ferramenta 6 TEMPO IMPRODUTIVO Set up Processa amostra Inspe-ciona Regula Processa ..... amostra Processa 1.ª peça boa do próximo lote LIXO/REPARO Tempo Total de Setup Equipamento parado última peça boa do lote anterior Pára a máquina Busca moldes Busca material Busca ferramenta Limpa moldes ..... Tempo de Setup
  7. 7. Tipos de Setup 7  Setup interno – Deve ser feito com a máquina parada • Soltar molde • Retirar molde • Prender molde  Setup externo – Pode ser feito com a máquina ligada • Buscar molde • Buscar ferramentas • Buscar material • Limpar
  8. 8. Dispositivos rápidos 8 Check pin Chave T e L Redução de fixadores Carrinho de Set up Engate rápido Grampos ou fixadores rápidos
  9. 9. Carrinho Transportador Eliminar ou reduzir a dependência da ponte-rolante 9 Equipa mento Carrinho transportador Armário Carrinho transportador
  10. 10. Padronização de Dimensões Evitar ajustes e procuras por materiais e ferramentas 10 Calços Base Fixadores Padronizados
  11. 11. Sistema Cassete Troca de subconjuntos prontos para acelerar o Setup 11 Limpeza da resina Nova resina Novo funil com resina Nova tinta Limpeza da tinta Investimento para alterar a fixação do mancal Acelerar a retirada e colocação dos roletes da Printer Novos rolos limpos Investimento para estancar o refluxo de resina Instalação de valvula-gaveta Retirada do funil sem precisar retirar a resina sobrante
  12. 12. Ciclo Sistema Kanban 12 Processo fornecedor P-10 P-14 P-30 P-45 P-53 P-76 Vermelho (emergência) Amarelo (atenção) Verde (baixa prioridade) A Supermercado 1 2 3 C Processo cliente B P-30 P-30 P-30 P-30 D O objetivo final do Sistema Kanban é acabar com os Kanbans
  13. 13. Painel Kanban 13
  14. 14. Supermercado e Flow rack 14 Supermercado “aberto” Flow rack na linha de produção
  15. 15. Kanban de posição 15
  16. 16. Células de Manufatura Mini-fábricas dentro da fábrica 16 M.P. P.A.
  17. 17. Arranjo Físico Celular Linearizar o processo de uma “Familia” de peças 17 Célula 2
  18. 18. Famílias de Produtos 18 Critério da similaridade geométrica Família A Família B Critério da similaridade de processos Proc A Proc B Proc C Proc D Equipamento sobre rodas para arranjo físico mais flexível
  19. 19. Células de Manufatura Matriz de Incidência 19 ... Definir quais processos serão alocados em quais Células de Trabalho P1 P2 P3 P4 P5 P6 P7 P8 P9 P10 P11 P12 P13 P14 P15 P16 P17 P18 M1 O O O O M2 O O O O M3 O O O M4 O O O M5 O O M6 O O O O M7 O O O O M8 O O O O O M9 O O O M10 O O M11 O O O O M12 O O O M13 O O O M14 O O M15 O O O M16 O O O O M17 O O M18 O O O M19 O O O Produtos P10 P3 P12 P1 P16 P8 P15 P4 P7 P11 P9 P17 P5 P13 P6 P14 P18 P2 M3 O O O M5 O O M1 O O O O M9 O O O M7 O O O O M2 O O O O M10 O O M11 O O O O M4 O O O M6 O O O O M14 O O M8 O O O O O M15 O O O M19 O O O M12 O O O M13 O O O M16 O O O O M17 O O M18 O O O Equipamentos
  20. 20. Célula de manufatura 20
  21. 21. Célula de manufatura 21
  22. 22. Operário Polivalente Flexibilidade da mão-de-obra 22 Ajuste de demanda Célula 1 Célula 2 Demanda 1 Demanda 2
  23. 23. Avaliação de Competências 23 Competência  Conhecimento  HabilidadeAtitude Furadeira manual Lixadeira manual Torno automático Rosqueadeira Passaporte
  24. 24. Milk Run 24 Fornecedor Roteiro otimizado
  25. 25. Heijunka Produção Nivelada 25 Produção em Lotes
  26. 26. Heijunka Produção Nivelada 26 Produção em lotes Lote 1 Lote 2 Lote 3 Produção Heijunka
  27. 27. Heijunka Box 27
  28. 28. Heijunka Box em Serviços 28
  29. 29. One Piece Flow Promover o fluxo de uma peça entre duas máquinas 29 Célula de Manufatura “Lote de tamanho um”
  30. 30. Dispositivo para One Piece Flow 30
  31. 31. Poka Yoke Conceito • Conceito: – Método que usa sensores ou outro dispositivo para identificar erros que possam passar despercebidos por operadores ou montadores – Assume as tarefas repetitivas ou ações que dependem da memória – Libera o tempo e mente do operador para se dedicar a ações mais criativas ou que agregam valor – Não depende de operadores para a captura do erro – Possuir uma forma de inspeção na fonte de baixo custo – Fornecer feed back imediato 100% do tempo • Base: Os seres humanos são animais distraídos e tendem a cometer erros • Poka Yoke é uma técnica para evitar simples erros humanos no trabalho • Poka (desatenção) Yokeru (evitar) 31
  32. 32. Enfoque proativo (Inspeção na fonte ou no ponto de origem) 32
  33. 33. Enfoque reativo Previne que defeitos serem passados para próximo processo 33
  34. 34. Poka Yoke Tipos 34 Visuais Sonoros Acesso $ Travamento automático $
  35. 35. Poka Yoke 35 http://www.campbell.berry.edu/pokayoke : link para “John Grout's Poka-Yoke Page” http://www.mistakeproofing.com/ que apresenta diversos exemplos ilustrativos de aplicação de Poka Yoke além de outros recursos relacionados disponíveis da Internet
  36. 36. Arranjos Produtivos Locais 36 Recpeção Expedição Cia. Fornecedor CD Processo MAM Cliente Montagem Final Montagem Final Fornecimento de componentes Fornecimento de sub-montagens Sistemistas
  37. 37. Arranjos Produtivos Locais 37 Distrito Industrial de Indaiatuba Condomínio Industrial GM - Gravataí
  38. 38. Arranjos Produtivos Locais 38 Condomínio Modular Ford - Camaçari CQ Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Fornecedor Consórcio Modular MAN Caminhões - Rezende
  39. 39. JIT Tradicional 39 Linha de Montagem Estoque
  40. 40. JIT com Kits 40 Linha de Montagem Estoque Kits Montagem dos Kits
  41. 41. JIT com Kits Produção de Kits conforme Takt time 41
  42. 42. Kit para posto de trabalho 42
  43. 43. Kanban para itens “C” e Kits para itens “A” 43
  44. 44. JIT Sequenciado 44 Pintura Cliente Fornecedor Ponto de Aplicação Linha de Montagem 150’ Ponto de personalização
  45. 45. Paulino G Francischini pgfranci@usp.br

×