Identidade Regional - AI

5,964 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
5,964
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
148
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Identidade Regional - AI

  1. 1. ÁREA DE INTEGRAÇÃOIDENTIDADEREGIONAL
  2. 2.  A identidade regional é apresentada comoessencialista, natural, e desterritorializada depoder, corpos, mentes e paisagens fixas.O entendimento do espaço geográfico é influenciado , porexemplo, pelos seguintes factores : Psicológico; Grau de instrução; Nível etário; Formação pessoalO QUE É ?2
  3. 3.  Elementos Naturais :Jardins , árvores , Rio Douro Elementos Humanos :Edifícios , estradas , linha férreaELEMENTOS NATURAIS E HUMANOSENVOLVENTES DA ESCOLA3
  4. 4.  O território nacional é constituído por vários conjuntospaisagísticos de origem e características diferentes. Oterritório continental foi-se formando gradualmente pelaseguinte ordem : Maciço Antigo , onde existem conjuntos montanhosos comoPeneda-Gerês , onde predomina o xisto em abundância ; Orlas sedimentares ,Ocidental e meridional , abrange grandeparte do litoral , predomina a argila , o calcário, e o arenito ; Bacias sedimentares do Tejo e Sado, predomina areias eargilas.ROCHAS EXISTENTES NO TERRITÓRIONACIONAL4
  5. 5.  MINHO – Nasce Serra de Meira*, e desagua naGuarda. Tem cerca de 300 km ; LIMA –Nasce monte Talarino* ,e desagua em Viana doCastelo . Tem cerca de 135 km ; DOURO – Nasce Serra de Urbion*,e desagua no Porto,tem cerca de 930 km; TEJO – Nasce na Serra de Albarracim*,e desagua emLisboa, tem cerca de 1120 km; GUADIANA – Nasce nas Lagoas de Ruidera* ,edesagua em Vila Real de Santo António, tem cerca de829 km;*EspanhaRIOS INTERNACIONAIS ENTRAR EMPORTUGAL5
  6. 6.  Minho Douro Tâmega Ave Cávado Lima VougaMondegoZêzereTejoSadoRIOS MAIS IMPORTANTES EM PORTUGALNorteCentroGuadianaMiraSul6
  7. 7.  É uma barreira artificial, feita em cursos de água para retergrandes quantidades de água.São importantíssimas, pois servem: Para abastecer de água , zonas residenciais ,agrícolas , eindustriais; Produção de energia eléctrica; Regularização de um caudal ;BARRAGENS7
  8. 8.  Fauna é o nome que se dá ao conjunto de animais de umaregião ou de um país e engloba tanto os animais selvagenscomo os animais domésticos.A fauna selvagem, é muito diversificada devido à existência debastantes matas, bosques, pinhais …Alguns dos animais da fauna portuguesa são:Raposa Lince ibéricoJavali LoboCoelho bravo Lebre IbéricaMorcego PardalÁguia-real MelroFAUNA PORTUGUESA8
  9. 9.  A flora é o nome que se dá ao conjunto de plantascaracterísticas de uma região ou país. A Vegetação dePortugal, é composta por uma diversidade de espéciesatlânticas, europeias, mediterrânicas e africanas.Algumas das plantas da flora portuguesa são:Azevinho CedroAlecrim GiestaCarvalho MalmequerPinheiro SobreiroOliveiraFLORA PORTUGUESA9
  10. 10.  O clima do nosso país é o clima mediterrânico.Possui temperaturas elevadas no Verão , e Invernos frescos ,sendo que o Verão é seco , e o Inverno mais húmido;O local considerado mais frio de Portugal é a Serra da Estrela. .As temperaturas mais quentes de Portugal , são no Alentejo.CLIMA10
  11. 11.  O Instituto de Gestão do Património Arquitectónico eArqueológico, ( IGESPAR ) , é um Instituto Públicoportuguês , tem por missão, a gestão, a salvaguarda, aconservação e a valorização dos bens que, pelo seuinteresse histórico, artístico, paisagístico, científico, sociale técnico, integram o património cultural ; O Instituto Português do Património Arquitectónico foi oanterior instituto público que durante 15 anos , regulou aclassificação do património histórico português , bem comoa homologação do nível de protecção; Em 27 de Outubro de 2006 foi publicado um decreto de Leique funde o Instituto Português do PatrimónioArquitectónico e o Instituto Português de Arqueologia,dando origem ao IGESPAR .IGESPAR E IPPAR O QUE É ?11
  12. 12.  Património cultural é o conjunto de todos os bens, materiaisou imateriais, que, pelo seu valor próprio, devem serconsiderados de interesse relevante para a permanência ea identidade da cultura de um povo. O património é a nossaherança do passado, com que vivemos hoje, e que passamosàs gerações que ainda virão depois de nós.Exemplos :PATRIMÓNIO CULTURALConimbriga Torre de Belém Fado ( imaterial)( material ) 12
  13. 13.  Nas ultimas décadas, tem-se assistido á litoralização , ebipolarização crescente da população , em resultado daprogressiva concentração do desenvolvimento na faixa litorale em especial nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto.Também os anos 60 foram marcados por uma grandeemigração . Isto contribui para o maior despovoamento dointerior do país , a natalidade foi diminuindo , e a esperançamédia de vida prolongou-se. Como consequência , apopulação portuguesa está envelhecida.DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DAPOPULAÇÃO13
  14. 14.  A população ativa da cultura , diminui bastante desde os anos50,devido á emigração e mecanização .As culturas tradicionais estão distribuídas da seguinte forma : Noroeste : milho , vinha , e os hortícolas; Nordeste trasmontano : o centeio, oliveira , batata, castanha; Centro : fruticultura, hortícolas , e vinha; Alentejo: trigo , oliveira, sobreiro , e mais recentemente aexpansão da vinha ; Algarve : citrinos, amendoeira , e os hortícolas ;ATIVIDADES ECONÓMICASAGRICULTURA14
  15. 15.  O sector tem sofrido grandes transformações , em virtude danossa presença na União Europeia , e também peladiminuição do número de pescadores e a modernização.Também, as zonas de pesca fora da nossa ZEE ( ZonaEconómica Exclusiva ) , sofreram reduções.Os principais portos de pesca nacionais são : Peniche , Viana doCastelo , Faro , Setúbal.A nossa ZEE , mesmo sendo a maior da Europa , não é rica empeixe. O país não é auto-suficiente em pescado e tem derecorrer á importação.PESCA15
  16. 16.  Dedica-se á extracção de recursos naturais .Alguns dosrecursos explorados são a floresta , os minerais metálicos , enão metálicos , os energéticos e as águas subterrâneas. Opaís , tem alguns recursos em abundancia , mas tem derecorrer á importação de muitos outros pela sua carência (sobretudo energéticos ( carvão , petróleo ).Alguns minerais abundantes , como os granitos , calcários,mármores . Outro recurso abundante , é a água mineral e demesa .Dentre os recursos importantes , destacam-se aprodução de cortiça , aglomerados , e produção de pasta depapel , a partir de eucalipto .INDUSTRIA EXTRACTIVA16
  17. 17.  Indústrias transformadoras utilizam bens produzidospelas indústrias de base e fabricam outras mercadorias, quepodem ser: Duráveis: transporte, mecânica e construção civil Intermediárias: papel e papelão, madeira e plástico Não-duráveis: vestuário, perfumaria e sabão, alimentaINDUSTRIA TRANSFORMADORA17
  18. 18.  O sector terciário que inclui os serviços como a saúde ,educação , os transportes e comércio , está relacionado como aumento do nível de vida e desenvolvimentos dos últimosanos .Em consequência do predomínio dos serviços e da industrianas zonas urbanas e suburbanas , aquelas regiões sãomotores de economia . O desenvolvimento dos transportes evias de comunicação , facilita as trocas comerciais e debens e de serviços .Existem 2 tipos de serviços :SERVIÇOSPrivadoPúblico 18
  19. 19.  Trabalho realizado por :Ruben Marinho nº 19 10ºApFIM19

×