Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Rede De Blogs

6,710 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Rede De Blogs

  1. 1. USO DA FERRAMENTA BLOG COMO REDE DE INTERAÇÃO PARA SOCIALIZAÇÃO E CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO.Rosita Félix<br />
  2. 2. A Comunicação depende do contexto de cada indivíduo<br />SANTOS,Roberto Elisio dos, As Teorias da Comunicação: da fala à internet/ Roberto Elisio dos Santos – São Paulo: Paulinas, 2003<br />
  3. 3. PROBLEMA<br /> Comunicação entre a CTE , NTE e escolas sem possibilidades de interação<br /> <br />OBJETIVO GERAL<br /> <br /> Buscar estabelecer uma tessitura de redes por meio de uma teia de comunicação interativa para socialização de trabalho entre a Coordenadoria de Tecnologia na Educação – CTE os Núcleos de Tecnologia na Educação - NTE e possibilitar a construção do conhecimento através do ambiente multimidiático blog.<br />
  4. 4. USO DA FERRAMENTA BLOG COMO REDE DE INTERAÇÃO PARA SOCIALIZAÇÃO E CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO. Redes sociais na internet <br />O tipo de rede proposta nesse trabalho tem em suas discussões<br />a classificação:<br />Interação Mútua<br /> “ (...)interação mútua é aquela caracterizada por relações interdependentes e processos de negociação, em que cada interagente participa da construção inventiva e cooperada da relação, afetando-se mutuamente; já a interação reativa é limitada por relações determinísticas de estímulo e resposta” (RECUERO2008, p.54).<br />Categorias:<br /> capital social cognitivo – formado pela soma do conhecimento e das informações colocadas em comum por um determinado grupo. e;<br /> capital social institucional – no qual inclui instituição formal e informal, que constituem na sua estrutura do grupo, onde é possível conhecer regras de interação e onde o nível de cooperação é alto. (RECUERO2008, p.47)<br />
  5. 5.
  6. 6. FFerramentas mínimas do BLOG da rede<br />
  7. 7. Nesta proposta a opção de rede escolhida é a distribuída, pois nessa estrutura as relações se dão de forma igualitária, onde há mais opções de conexões com outros do grupo de forma social<br />Capturada em 31/07/2009 em http://nandai.files.wordpress.com/2008/07/baran_resumo.gif<br />
  8. 8. Bibliografia e webgrafia<br />Bibliografia<br />CASTELLS, Manuel, Sociedade em Rede, Vol I,Editora Paz e Terra, 2008.<br />PINTO, M. J. Blogs! Seja um editor na era digital. São Paulo: Érica, 2002.<br />RECUERO, R. Weblogs, webrings e comunidades virtuais, 2003. <br />RECUERO,R. Redes Sociais na Internet, Editora Meridional LTDA. 2008<br />LEMOS, André, Cibercultura, Tecnologia na vida social na cultura contemporânea<br />Editora Sulina. 2002<br />LÉVY, P. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 1999.<br />LÉVY, P.Inteligência Coletiva. São Paulo: Editora 34, 1999.<br />LÈVY, Pierre. As Tecnologias da Inteligência: o futuro do pensamento na era da informática. Tradução de Carlos Irineu da Costa. Rio deJaneiro: Editora 34, 1993.<br />HEWERITT, Hugh, Blog, Entenda a Revolução, Tradução,Alexandre Martins Morais: Editora Thomas Nelson Brasil.2007<br />SANTOS,Roberto Elisio dos, As Teorias da Comunicação: da fala à internet/ Roberto Elisio dos Santos – São Paulo: Paulinas, 2003.<br />WILTON, M. de Souza, Recepção Mediática e Espaço Público<br />LANCHO, Miguel Santamaría. et al. Principios Teóricos y Prácticos de E-Learning. Universidad Nacional de Educación a Distancia – UNED. 2006.<br />TEDESCO, Juan Carlos. Educação e novas Tecnologias, São Paulo, Cortez, 2004.<br />Webgrafia<br />http://pt.wikipedia.org/wiki/E-learning , capturado em 21/07/2009.<br />www.gmail.com<br />www.blogger.com/start<br /> http://bocc.ubi.pt/pag/gameiro-paulo-as-organizacoes-em-rede.pdf<br />Disponível em http://www.groksoup.com/<br />Disponível em http://www.technorati.com.<br />www.bocc.ubi.pt<br />

×