SlideShare a Scribd company logo

Bibliotecas itinerantes. Funcionalidades e indentidades

Ponencia inaugural de la Conferência "10 Anos a Tercer Redes (+) Sociais, celebrada en Proença-a-Nova (Portugal), el 25 de junio de 2016

1 of 36
Download to read offline
BIBLIOTECAS
ITINERANTES:
FUNCIONALIDADES E
IDENTIDADES
Roberto Soto
BIBLIOTECA PÚBLICA
BIBLIOTECA PÚBLICA
tolerância
BIBLIOTECA PÚBLICA
tolerância
respeito
BIBLIOTECA PÚBLICA
tolerância
respeito
diversidade
BIBLIOTECA PÚBLICA
tolerância
respeito
diversidadecoêxistencia

More Related Content

More from Roberto Soto Arranz

Fuerza y potencia de la biblioteca rural
Fuerza y potencia de la biblioteca ruralFuerza y potencia de la biblioteca rural
Fuerza y potencia de la biblioteca ruralRoberto Soto Arranz
 
Spanish bookmobiles againts depopulation
Spanish bookmobiles againts depopulationSpanish bookmobiles againts depopulation
Spanish bookmobiles againts depopulationRoberto Soto Arranz
 
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran Canaria
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran CanariaBiblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran Canaria
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran CanariaRoberto Soto Arranz
 
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimento
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimentoA biblioteca, a grande porta para o desenvolvimento
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimentoRoberto Soto Arranz
 
Lectura, democracia, paz y transformación social
Lectura, democracia, paz y transformación socialLectura, democracia, paz y transformación social
Lectura, democracia, paz y transformación socialRoberto Soto Arranz
 
Aproximación a los servicios bibliotecarios móviles
Aproximación a los servicios bibliotecarios móvilesAproximación a los servicios bibliotecarios móviles
Aproximación a los servicios bibliotecarios móvilesRoberto Soto Arranz
 
Bibliobuses de León 2014 (España)
Bibliobuses de León 2014 (España)Bibliobuses de León 2014 (España)
Bibliobuses de León 2014 (España)Roberto Soto Arranz
 
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...Roberto Soto Arranz
 
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QR
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QRAmpliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QR
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QRRoberto Soto Arranz
 
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamización
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamizaciónLa Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamización
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamizaciónRoberto Soto Arranz
 
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.Roberto Soto Arranz
 
As redes sociais e as bibliotecas na Espanha
As redes sociais e as bibliotecas na EspanhaAs redes sociais e as bibliotecas na Espanha
As redes sociais e as bibliotecas na EspanhaRoberto Soto Arranz
 
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcione
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcioneConsejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcione
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcioneRoberto Soto Arranz
 
Evaluación en bibliobuses. Jusitificación
Evaluación en bibliobuses. JusitificaciónEvaluación en bibliobuses. Jusitificación
Evaluación en bibliobuses. JusitificaciónRoberto Soto Arranz
 
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimiento
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimientoEvaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimiento
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimientoRoberto Soto Arranz
 

More from Roberto Soto Arranz (20)

Fuerza y potencia de la biblioteca rural
Fuerza y potencia de la biblioteca ruralFuerza y potencia de la biblioteca rural
Fuerza y potencia de la biblioteca rural
 
Spanish bookmobiles againts depopulation
Spanish bookmobiles againts depopulationSpanish bookmobiles againts depopulation
Spanish bookmobiles againts depopulation
 
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran Canaria
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran CanariaBiblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran Canaria
Biblioguagua estudio viabilidad para la isla de Gran Canaria
 
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimento
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimentoA biblioteca, a grande porta para o desenvolvimento
A biblioteca, a grande porta para o desenvolvimento
 
Lectura, democracia, paz y transformación social
Lectura, democracia, paz y transformación socialLectura, democracia, paz y transformación social
Lectura, democracia, paz y transformación social
 
App "bibliobuses de león"
App "bibliobuses de león"App "bibliobuses de león"
App "bibliobuses de león"
 
Aproximación a los servicios bibliotecarios móviles
Aproximación a los servicios bibliotecarios móvilesAproximación a los servicios bibliotecarios móviles
Aproximación a los servicios bibliotecarios móviles
 
Bibliobuses de León 2014 (España)
Bibliobuses de León 2014 (España)Bibliobuses de León 2014 (España)
Bibliobuses de León 2014 (España)
 
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...
El fomento de la lectura escolar. La colaboración de las Bibliotecas Móviles ...
 
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QR
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QRAmpliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QR
Ampliación de contenidos en los Bilbiobuses de León mediante códigos QR
 
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamización
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamizaciónLa Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamización
La Biblioteca Móvil: prestaciones y funciones. La dinamización
 
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.
ACLEBIM, hacia la comunidad profesional en las bibliotecas móviles españolas.
 
Blog de aclebim
Blog de aclebimBlog de aclebim
Blog de aclebim
 
Blog ACLEBIM
Blog ACLEBIMBlog ACLEBIM
Blog ACLEBIM
 
La biblioteca replicante
La biblioteca replicanteLa biblioteca replicante
La biblioteca replicante
 
Biblioteca 2.0 en España, 2010
Biblioteca 2.0 en España, 2010Biblioteca 2.0 en España, 2010
Biblioteca 2.0 en España, 2010
 
As redes sociais e as bibliotecas na Espanha
As redes sociais e as bibliotecas na EspanhaAs redes sociais e as bibliotecas na Espanha
As redes sociais e as bibliotecas na Espanha
 
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcione
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcioneConsejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcione
Consejos prácticos para que un servicio de bibliobús funcione
 
Evaluación en bibliobuses. Jusitificación
Evaluación en bibliobuses. JusitificaciónEvaluación en bibliobuses. Jusitificación
Evaluación en bibliobuses. Jusitificación
 
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimiento
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimientoEvaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimiento
Evaluación en bibliobuses. Indicadores de rendimiento
 

Recently uploaded

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024assedlsam
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...manoelaarmani
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxssuser86fd77
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...excellenceeducaciona
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOxogilo3990
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...manoelaarmani
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...azulassessoriaacadem3
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 

Recently uploaded (20)

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
MAPA - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA - 51/2024
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
 
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
Sobre os princípios da teoria burocrática de Max Weber e com base em suas exp...
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 

Bibliotecas itinerantes. Funcionalidades e indentidades