Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
a receção aos alunos na
biblioteca, com a constru-
ção deste bonito painel.
No dia 18 de setembro,
iniciou mais um ano let...
Exposição “Alexandre Herculano”
Professor, saiba como cuidar da sua voz
Também foram expostos na
biblioteca alguns livros ...
Bibliopaper “Uma Aventura na
Biblioteca”
Para os cursos vocacionais, o
desenvolvimento do projeto teve
início com “Uma Ave...
Mês Internacional da
Biblioteca Escolar
Cartazes de divulgação das diferentes atividades
divulgadas no Mês da Biblioteca E...
Concursos promovidos pela BE
“À descoberta de autores e
de livros” é um concurso
disponível no blogue da BE,
destinado
aos...
Encontro “Aprender em Partilha”: “À
descoberta de saberes e de culturas”
O projeto “À descoberta de saberes e de
culturas”...
Entre leituras e pinturas
Um outro Workshop a ser
dinamizado pela professora
bibliotecária é “Entre leituras
e pinturas” q...
Dia Europeu da Alimentação e Cozinha
Saudáveis—8 de novembro
Homenagem a Bernardo Santareno —19 de
novembro
cidadãos da EU...
Experiência 4—Simulação
de um geiser
Experiência 2—A Escrita
Mágica
Experiência 3—Pressão
Hidrostática
Dia Nacional da Cul...
Uma Prenda de Natal para os utilizadores da
Biblioteca
Livros a serem trabalhados em Educação Literária –2º/3º Ciclo
Outro...
Quanto aos alunos da profes-
sora Catarina, construíram
este magnífico presépio.
Na disciplina de Educação
Visual, os alun...
Comemorações
Dia da Internet Segura
Semana da Leitura, centrada
no mote: Elos de Leitura
Dia Mundial da Saúde Oral
Dia Mun...
Boletim informativo1 2015_2016
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Boletim informativo1 2015_2016

443 views

Published on

Boletim Informativo da Biblioteca Escolar

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Boletim informativo1 2015_2016

  1. 1. a receção aos alunos na biblioteca, com a constru- ção deste bonito painel. No dia 18 de setembro, iniciou mais um ano letivo. Para alguns foi o regresso à escola que tinham deixado há algumas semanas atrás, contudo, para os alunos do 5ºano de escolaridade a situação era diferente. De facto, estes alunos ini- ciaram uma nova etapa numa escola diferente, com outros professores e um nível de ensino estruturado de forma diferente do 1ºCiclo. Entre tantas novidades, a escola mobilizou-se para receber os novos alunos e dar-lhes a conhecer o espa- ço onde vão passar muitas horas da sua vida. Assim, visitaram os vários blocos onde funcionam as aulas, o ginásio, a biblioteca e outros espa- ços utilitá- rios e de lazer. Como sem- pre, a pro- fessora Catarina Godinho colaborou na criação do ambiente festivo para E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s Regresso às aulas Integrada no percurso feito para conhecimento da esco- la, esteve uma visita à BE. Aqui, os alunos tomaram conhecimento de algumas regras de utilização deste espaço e receberam um pin da Escola Ale- xandre Her- culano. B o l e t i m I n f o r m a t i v o n º 4 d a B i b l i o t e c a E s c o l a r d a E s c o l a B á s i c a d e A l e x a n d r e H e r c u l a n o Receção aos alunos do 5º ano Nesta edição: Exposição “Alexandre Hercula- no” 2 Dia Mundial do Professor 2 Formação de utiliza- dores 3 “À descoberta de saberes e de cultu- ras” 3 Mês Internacional da Biblioteca Escolar 4 Concursos dinamiza- dos pela BE 5 Encontro “Aprender em Partilha” 6 Workshops Datas comemorati- vas 8 Dia Nacional da Cultura Científica 9 O Natal na BE 10- 11 Atividades para o próximo período 12 Dezembro de 2015 Boletim Informativo 4
  2. 2. Exposição “Alexandre Herculano” Professor, saiba como cuidar da sua voz Também foram expostos na biblioteca alguns livros da autoria de Alexandre Hercu- lano. Para que os novos alunos ficassem a conhecer a perso- nalidade portuguesa que deu nome à escola, os alunos do 9ºano, ao longo do ano letivo 2014-2015, realizaram vários trabalhos de pesquisa sobre Alexandre Herculano, no âmbito das disciplinas de História, de Português e de Educação Visual que integra- ram uma exposição que este- ve patente no átrio da biblio- teca. Dia Mundial do Professor Quanto aos docentes, sentiram- se felizes por verem que não tinha sido esquecidos. No ano de 1954, a UNESCO proclamou o dia 5 de outubro como o Dia Mundial do Profes- sor. Apesar da decisão tomada, esta data comemorativa tem sido um pouco esquecida. A equipa da Biblioteca expôs um painel dedicado a todos os professores do Agrupamento. Ao longo do dia, os alunos procuraram a foto dos seus atuais professores, mas também recordaram os seus professores do 1ºciclo. No âmbito da comemoração do Dia Mundial do Professor, convi- dámos a Terapeuta da Fala Susana Rosário para dinamizar a conferên- cia “Professor, saiba como cuidar da sua voz”. Ao longo da conferência sugeriu alguns cuidados para se manter a saúde vocal. Enquanto os docentes assistiam à Conferência, alguns alunos do V82 prepararam a mesa com um bolo comemorativo do Dia do Professor E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s P á g i n a 2 A tarefa essencial do professor é despertar a alegria de trabalhar e de conhecer Albert Einstein Retratos de Alexandre Herculano pintados pelos alunos do 9º ano em 2014-2015 Painel dedicado aos docentes do Agrupamento
  3. 3. Bibliopaper “Uma Aventura na Biblioteca” Para os cursos vocacionais, o desenvolvimento do projeto teve início com “Uma Aventura na Biblioteca”, em que através de um bibliopaper, os alunos tive- ram de descobrir o livro Missão Impossível, da autoria de Ana Maria Magalhães e Isabel Alça- da. Na posse do livro, regressa- ram à sala onde dialogaram sobre as possíveis temáticas desta obra. Formação de Utilizadores Como vai sendo habitual, a equipa da biblioteca organizou sessões de formação de utiliza- dores da biblioteca para os alu- nos do 5ºano, atividade que teve a adesão de todos os diretores de turma. Com estas sessões preten- demos desenvolver competên- cias de literacias da informação e formação para a utilização autónoma da biblioteca. Assim, houve um primeiro momento em que tomaram conhecimento da sua organiza- ção e das regras de utilização. Projeto “À descoberta de saberes e de culturas” leitura e da escrita, articulada com diversas áreas do saber e tendo como pano de fundo os contributos mútuos entre as culturas orientais e a portuguesa. - Construir um conhecimento globalizante. - Elevar a autoestima e os níveis de motivação. “À descoberta de saberes e de culturas” é um projeto de articu- lação da biblioteca com as tur- mas do 6ºC e E e os cursos voca- cionais V82 e V91. A construção do projeto apoiou-se em quatro pilares: - a leitura da obra Mis- são Impossível”; - articulação da leitura com diversas áreas do saber; -relação entre Portugal e as cul- turas de povos que habitam o continente asiático; - construção de um produto final Daí ter estabelecido três objeti- vos essenciais para o seu desen- volvimento: - Elevar os níveis de literacia dos alunos, através da promoção da P á g i n a 3B o l e t i m I n f o r m a t i v o 4 A Biblioteca Escolar é uma plataforma de saberes, de trabalho e de inovação que se constrói e se reinventa diariamente em cada escola. O seu sucesso resulta dos esforços de todos, e todos estamos convocados para a procura conjunta de um percurso colaborativo que conjuga continuidade e mudança, in http://www.rbe.min- edu.pt/np4/789.html No final do bibliopaper, todos os alunos receberam um marcador com conetores O fracasso deveria ser o nosso pro- fessor, não nosso coveiro. Fracasso é adiamento, não derrota. É um desvio temporário, não um beco sem saída. Fracasso é algo que nós só podemos evitar não dizendo nada, não fazendo nada e não sendo nada. Denis Waitley Num segundo momento, os alunos organizaram-se em equi- pas e participaram num bibliopa- per.
  4. 4. Mês Internacional da Biblioteca Escolar Cartazes de divulgação das diferentes atividades divulgadas no Mês da Biblioteca Escolar papel ativo da biblioteca esco- lar para atrair leitores e inovar permanentemente o caminho que leva à leitura e ao conheci- mento. A International Association of School Librarianship (IASL) considera que o Mês Interna- cional das Bibliotecas Escola- res permite aos responsáveis pelas bibliotecas escolares, em todo o mundo, escolher um dia, em outubro, que melhor se adeque à sua situação, de for- ma a celebrar a importância das BE. Neste contexto, o Gabinete da Rede das Bibliote- cas Escolares decidiu declarar o dia 26 de outubro como o Dia da Biblioteca Escolar e propôs como tema aglutinador: A Biblioteca é Super. Ao lon- go dos meses de setembro e outubro, a Equipa da Biblioteca Esco- lar promoveu dife- rentes atividades que, além dos seus objetivos específi- cos, pretenderam dar visibilidade ao “Que tipo de leitor és?” - pergunta que serviu de base à exposição Localização das obras nas prateleiras da biblioteca. Painel Identificação de algumas obras para cada tipo de leitor. Passeios Culturais em Famí- lia Oficina “Entre Leituras e Pinturas” Concurso de Fotografia “Ler é um prazer” E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s P á g i n a 4 Os professores bibliotecários asseguram na escola (…) as atividades (…) de desenvolvimento das literacias e de formação de leitores, RBE Cartaz de divulgação do Mês Internacional da Biblioteca Escolar Cartaz de divulgação da Oficina de Escrita
  5. 5. Concursos promovidos pela BE “À descoberta de autores e de livros” é um concurso disponível no blogue da BE, destinado aos alunos do 2ºciclo. “Uma história em BD” Para mais informações sobre este concurso, basta consultar as informações publicadas no blogue, clicando aqui. “Top Leitor” Concurso de incentivo à leitura pre- meia o aluno que requisitar mais livros na biblioteca. Participação em Concursos Nacionais em articulação com a BE As obras que devem ser lidas para a prova ao nível de escola, a realizar no dia 18 de janeiro, já estão escolhidas. “Concurso Nacional Litera- cia 3D: o desafio pelo conhe- cimento” é um concurso pro- movido pela Porto Editora. Da EB Alexandre Herculano parti- ciparam 29 alunos do 5ºano na prova de Literacia da Leitura e 15 na prova de Literacia da Matemática. “Concurso Nacional de Leitura—10ª Edição” À semelhança dos anos ante- riores, o PNL lançou a 10ª edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) com o objetivo de estimular o treino da leitura e desenvolver a competência de expressão escrita e oral. SuperTmatik de várias áreas curriculares. Ao longo deste 1ºperíodo decorreram as eliminatórias entre alunos da mesma turma para apuramento do campeão e vice-campeão de cada tur- ma em cada campeonato. A Eudactica é a promotora dos Campeonatos Escolares SuperTmatik e tem por objetivos: fomentar o interes- se pela aprendizagem; contri- buir para a aquisição e ampliação de competências e conhecimentos; reforçar a componente lúdica no pro- cesso de ensino- aprendizagem; promover o convívio entre alunos, pro- fessores e restante comunida- de escolar. São dezasseis campeonatos referentes aos conhecimentos P á g i n a 5B o l e t i m I n f o r m a t i v o 4 É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer. Aristóteles Cartaz de divulgação do Concurso Nacional de Leitura Lista de obras já disponíveis para o Concurso “À descoberta de autores e de livros”. Para aceder ao concurso, basta clicar na imagem.
  6. 6. Encontro “Aprender em Partilha”: “À descoberta de saberes e de culturas” O projeto “À descoberta de saberes e de culturas” visto pelos alunos Quanto às turmas envolvidas são o 6ºC e E, assim como os vocacionais V82 e V91. A representar estas turmas esti- veram seis alunos. No dia 26 de novembro, rea- lizou-se o 1ºEncontro “Aprender em Partilha”, deste ano letivo, no qual foi apresentado o projeto “À descoberta de saberes e de culturas” a ser coorde- nado pela professora bibliotecária. Para a construção deste proje- to atendeu-se à realidade dos cursos vocacionais e aos fato- res favoráveis ao desenvolvi- mento do projeto. Assim, foram definidos os seguintes objetivos: elevar os níveis de literacia dos alunos; construir um conhecimento globalizante; elevar a autoestima e os níveis de motivação. Reflexão sobre o Trabalho Cooperado se sentimentos mais positivos face às matérias escolares; a aprendizagem é mais ativa; os sentimentos de autoestima são mais elevados. Complementando a apresenta- ção do projeto “À descoberta de saberes e de culturas”, o Dr. Válter Silva fez algumas cita- ções de diferentes investigado- res, assim como identificou as principais diferenças entre a classe tradicional e a aprendi- zagem cooperativa. Assim, salientou alguns refle- xos nos alunos, quando nas aulas se utilizam estratégias de aprendizagem cooperativa: há uma promoção da responsabi- lidade face às aprendizagens; a memorização aumenta, geram- evidenciaram o gosto que tive- ram em fazer o folheto informa- tivo sobre o Museu do Oriente a ser utilizado numa posterior visita de estudo. Também se sentiram muito honrados em lhes ter sido pedido que fizessem o cartaz e o convite para um Encontro de Professores e terem sido convidados para ali estarem a apresentar os seus trabalhos. Inês Dias e a Leonor Lopes, alunas do 6ºano, explicaram que liam os capítulos da obra Missão Impossível, da autoria de Ana Maria Magalhães e Isabel Alça- da, respondiam aos desafios dos guiões de leitura, faziam o resu- mo de cada capítulo e semanal- mente tinham a responsabilidade de o ir apresentar ao V82 e V91. Quanto às alunas Ana Marques e Ana Catarina, do V82, salienta- ram que o bibliopaper esteve revestido de mistério tendo sido uma fonte de motivação. Quanto ao trabalho em equipa, feito em torno dos vários capítulos do livro, promoveu a interação, a dinâmica e a interajuda. Em relação aos alunos Rodrigo Pena e João Coimbra, do V91, E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s P á g i n a 6 Convite para o Encontro “Aprender em Partilha: À desco- berta de saberes e de culturas”, da autoria dos alunos do V91 Cartaz de divulgação do Encon- tro “Aprender em Partilha: À descoberta de saberes e de cul- turas”
  7. 7. Entre leituras e pinturas Um outro Workshop a ser dinamizado pela professora bibliotecária é “Entre leituras e pinturas” que consiste na leitura de um livro e na pin- tura de uma caixa com ele- mentos da obra lida. Oficina de Escrita só, a construção de uma narrati- va a partir de uma biografia imaginada para uma imagem foi um desafio muito bem consegui- do pela Diana Barreto. “Uma casa de sonho” é o título da narrativa que poderá ler se clicar no título. Como oferta para ocupação dos tempos livres, está a decorrer, semanal- mente, à terça-feira, uma Oficina de Escrita dinamizada pela pro- fessora bibliotecária. São sessenta minutos de “viagens”, de pesquisas, de desafios, de descoberta, de refle- xão e de transporte para o papel dos seus pensamentos e dos seus sonhos. Os alunos têm sido convidados a viajar por obras literárias em busca de elementos narrativos e a descobrirem sonoridades combinan- do letras e números. Mas não é Outros desafios da Oficina de Escrita Imaginar-se um meio de trans- porte foi outro desafio. Enquanto o Tiago Figueiredo se imaginou um barco à vela, o Rafael Rai- mundo optou por um avião. Leiam os seus poemas clicando nas imagens. Foram desafiados a refletir sobre situações do dia a dia e surgiram poemas com o título “É a Vida” Também se transformaram expe- riências desagradáveis em vivên- cias agradáveis e surgiram traba- lhos excelentes, tanto em prosa como em poesia. Quanto a poemas, tivemos dois: “O centro da cidade” , criado pelo Rafael Raimundo “Hospital” ,criado pelo Tiago Figueiredo. “Uma onde de frescura”, foi o texto criado pela Rita Durão. P á g i n a 7B o l e t i m I n f o r m a t i v o 4 A Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas promove projetos e ações de difusão do livro e promoção da leitura, em parceria com diversas entidades públicas e privadas. Casa da Leitura, é um espaço online onde se encontra bibliografia, orien- tações teóricas, programas de dina- mização da leitura, exemplos de práticas e projetos. É um espaço a visitar. Página inicial do sítio da Direção- Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas. É um espaço que mere- ce a nossa visita.
  8. 8. Dia Europeu da Alimentação e Cozinha Saudáveis—8 de novembro Homenagem a Bernardo Santareno —19 de novembro cidadãos da EU a optarem por um regime alimentar equilibrado e a fazerem mais exercício físico. Para lembrar a data, a equipa da BE levou para a biblioteca alimentos saudáveis. No dia 8 de novembro cele- brou-se nos Estados- Membros da União Europeia (EU), o Dia Europeu da Ali- mentação e da Cozinha Sau- dáveis. A criação deste Dia surgiu no âmbito de uma campanha da Comissão Europeia para combater a obesidade, incentivando os São Martinho—11 de novembro Entre a lenda, as tradições alimentares e os provérbios, o são Martinho foi mais uma data comemorativa representa- da na nossa mesa temática. No dia 19 de novembro come- morámos o nascimento de Bernardo Santareno com uma pequena exposição de homena- gem ao maior dramaturgo português do século XX. E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s P á g i n a 8 O livro é o ser mais paciente do mundo. Espera por um leitor a vida inteira. António Mota “Biblioteca Digital” é um espa- ço online gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian. Para visitar a página, basta cli- car na imagem. No dia 31 de outubro, livros de feiticeiros, feitiçarias e outras magias
  9. 9. Experiência 4—Simulação de um geiser Experiência 2—A Escrita Mágica Experiência 3—Pressão Hidrostática Dia Nacional da Cultura Científica —24 de novembro disponibilizados pelo Depar- tamento das Ciências Experi- mentais. No passado dia 24 de novem- bro comemorou-se o Dia Nacional da Cultura Científi- ca que foi criado em 1996 em Portugal, como homena- gem a Rómulo de Carvalho nascido nesse dia no ano de 1906. Rómulo de Carvalho foi professor de Física e Quí- mica responsável pela pro- moção do ensino da ciência e da cultura científica no nosso país. Além de professor, foi metodólogo, investigador e autor de manuais escolares, de livros de divulgação cien- tífica e de poesia, estes últi- mos sob o pseudónimo de António Gedeão. Lembrando a data, a equipa da BE montou uma pequena exposição com materiais À descoberta das Ciências Experimentais Experiência 1—Expansão do Balão A pedido da professora bibliotecária, alguns docentes do Departamento das Ciên- cias Experimentais disponi- bilizaram-se para dinamiza- rem algumas experiências para os alunos do 1ºciclo. Assim, foi organizada uma visita de três turmas aos laboratórios de Ciências da EB Alexandre Her- culano, onde os alunos do 2ºano dos professo- res Carla Ribeiro, Joa- quim Montez e Sandra Fernandes vivenciaram diferentes experiências. P á g i n a 9B o l e t i m I n f o r m a t i v o 4 Pedra Filosofal (…) Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida, que sempre que um homem sonha o mundo pula e avança como bola colorida entre as mãos de uma criança. António Gedeão Experiência 5—Simulação de um vulcão Para conhecer, mais detalhadamente, as experiências vivenciadas pelos alunos, basta clicar na imagem.
  10. 10. Uma Prenda de Natal para os utilizadores da Biblioteca Livros a serem trabalhados em Educação Literária –2º/3º Ciclo Outros para apoio no ensino do Português a alunos estran- geiros. Todos os anos, a Direção tem autorizado a Biblioteca a adquirir livros e outros mate- riais. Assim, a professora bibliotecária orienta essa compra de acordo com as exigências dos novos progra- mas, pedidos feitos pelos utili- zadores da biblio- teca ou conforme as novidades na ocasião da com- pra. Foi neste âmbito que se compraram cinquenta e oito livros para a Biblioteca Esco- lar da EB Alexandre Hercu- lano. Alguns livros são para pôr os mais pequenos a falar das emoções. Livros a serem trabalhados em Educação Literária —1ºCiclo A BE também adquiriu mais alguns livros dos contempla- dos no Programa de Português. 1ºAno A História do Pedrito Coelho A Ovelhinha Preta Dez dedos, Dez Segredos Mais lengalengas O Coelhinho Branco Aquela Nuvem e outra 2º Ano Contos Populares Portugueses A Menina Gotinha de Água O Rouxinol e a Sua Namorada Fala Bicho O Tepluquê Bichos, Bichinhos e Bicharocos 3ºAno A Arca do Tesouro Mercador de coisa nenhuma Queres ouvir? Eu conto A cor das Vogais As Fadas Verdes Contos de Perrault Galileu a luz e uma estrela Infante D. Henrique Caras e Coroas Esdrúxulas, graves e agudas Histórias curiosas da nossa História De igual modo, a Biblioteca Escolar adquiriu livros dos contemplados no Programa de Português para o 2ºCiclo. 5ºAno Fábulas de Esopo E n t r e l i v r o s e l e i t u r a s P á g i n a 1 0 Para que os nossos leitores conheçam a origem de algu- mas expressões idiomáticas portuguesas, comprámos o livro Puxar a brasa à nossa sardinha, da autoria de Andreia Vale As Aventuras de Pinóquio 4ºAno Contos de Andersen Teatro às Três Pancadas História com Recadinho A Maior Flor do Mundo Mistérios O gato e o escuro Gigante egoísta PNL Pré—Não é uma caixa O Livro das Letras 6ºAno Chocolate à Chuva Contos Gre- gos Ulisses 7ºAno Leandro, Rei da Helíria 8ºAno Breve História da Lua Outros
  11. 11. Quanto aos alunos da profes- sora Catarina, construíram este magnífico presépio. Na disciplina de Educação Visual, os alunos do 9ºA, C e D, orientados pela professora Isabel Lains, realizaram estas excelentes obras. O Natal na Biblioteca O plano de ação da Bibliote- ca Escolar tem sempre como objetivo dar visibilidade à leitura como prazer e torna- rem-na presente em todos os momentos e em qualquer lugar. Daí termos optado por cons- truir a nossa Árvore de Natal com obras existentes na biblioteca. Exposições de Natal no átrio da Biblioteca O Clube do Ambiente construiu esta magnífica Árvore de Natal, Amiga do Ambiente. A decoração natalícia espalhou- se pelo átrio da biblioteca com trabalhos realizados no âmbito de várias disciplinas e projetos. Assim, na disciplina de Geogra- fia, os alunos do 7º ano construí- ram elementos decorativos, como projeções cartográficas e rosas dos ventos, o que resultou nesta lindíssima Árvore de Natal que foi colocada à porta da Biblioteca. P á g i n a 1 1B o l e t i m I n f o r m a t i v o 4 Lerás bem quando leres o que não existe entre uma página e outra da mesma folha. Agostinho da Silva Presépio da Escola Alexandre Her- culano construído por vários docen- tes, alunos e funcionários Nas escadas de acesso à Biblioteca foi colocada uma espetacular Árvore de Natal construída pelos alunos da UEAM sob orientação da professora Catarina Godinho
  12. 12. Comemorações Dia da Internet Segura Semana da Leitura, centrada no mote: Elos de Leitura Dia Mundial da Saúde Oral Dia Mundial da Poesia Dia Mundial da Árvore Dia do Livro Português O Boletim Informativo Entre Livros e Leituras pretende divul- gar as atividades realizadas pela Equipa da Biblioteca Escolar da Escola Básica de Alexandre Herculano. Assim, promovemos a articulação das atividades da BE com os objetivos do PE, incentivámos a leitura, desenvolvemos ativida- des de enriquecimento curricular, assim como promovemos uma gestão eficaz e eficiente da BE. Este Boletim, difundido apenas em suporte digital, é divulgado via e-mail e no blogue da BE, no final de cada período letivo. Atividades relevantes no 2º período Ao longo do 2º período, as atividades mais relevantes a serem desenvolvidas pela Equipa da BE estão divididas em três grandes polos: Projetos Encontro “Aprender em Par- tilha”: “Khan Academy” Oficina de Escrita “À descoberta de saberes e de culturas”, projeto de arti- culação entre a BE, 6ºC, 6ºE, V82 e V91 Concursos Top Leitor À descoberta de autores e de livros Cartaz “Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor” Concurso Nacional de Leitura Faça lá um poema SuperTmatik Um conto que contas Literacia 3D: o desafio pelo conhecimento Pequeno Grande C ESTAMOS NA WEB http://aeahbiblioteca.blogspot.pt/ Quinta do Mergulhão Senhora da Guia 2005-075 Santarém Tel: 243 309 420 Fax: 243 309 426 Correio eletrónico: secretaria@ae-aherculano.pt E n t r e L i v r o s e L e i t u r a s B i b l i o t e c a E s c o l a r d a E s c o l a B á s i c a d e A l e x a n d r e H e r c u l a n o Para conhecer o Referencial Apren- der com a Biblioteca Escolar, basta clicar na imagem

×