Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Apresentação 3T11 Portugues

648 views

Published on

Published in: Economy & Finance
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Apresentação 3T11 Portugues

  1. 1. Resultados 3T11 9 de Novembro de 2011
  2. 2. AGENDA Providência USA DESTAQUES RESULTADOS PERSPECTIVAS
  3. 3. DESTAQUES 3T 2011 O Volume de Vendas somou 22,7 mil toneladas no trimestre, um crescimento de 15,3% em relaçãoao mesmo período do ano anterior e de 3,2% em relação ao 2T11; O EBITDA Ajustado atingiu no 3T11, R$ 32,8 milhões, um aumento de 9,0% em comparação ao3T10, e de 81,4% em relação ao 2T11; Evolução da produção da primeira planta da Companhia nos EUA. De janeiro a setembro de 2011atingimos um volume de vendas de 5.530 toneladas nessa planta. Neste trimestre a planta gerouEBITDA e Lucro positivos; Aprovado em 20 de setembro e realizado em 31 de outubro de 2011 o pagamento antecipadointegral das 15.000 debêntures em circulação da Companhia, totalizando um saldo de principal de R$100,5 milhões; Contratado financiamento na modalidade pré-pagamento a exportação, no montante de USD 52,5milhões, com taxa de juros pré-fixada de 4,85% mais variação cambial e prazo de pagamento de 7anos. Contratado também Swap, fechado na ponta ativa nas mesmas condições desse financiamentoe na ponta passiva a CDI + 1,7%; Início do 3º Programa de Recompra de Ações de própria emissão, que compreenderá até2.260.000 ações para manutenção em tesouraria ou cancelamento, atende o interesse da Providênciatendo em vista o valor de cotação de suas ações na BM&FBOVESPA. 3
  4. 4. AGENDA Providência USA DESTAQUES RESULTADOS PERSPECTIVAS
  5. 5. VOLUME DE VENDAS (em milhares de toneladas) toneladas) No 3T11 a Companhia apresentou um aumento 64,7no Volume Total de Vendas de 15,3% na 15, 60,0 58,4 5,1 3,8comparação com o 3T10 e 3,2% na comparação 50,0com o 2T11; 40,0 Título do Eixo 22,8 30,0 59,6 22,0 54,6 19,7 2,1 1,6 20,0 1,6 19,9 21,2 10,0 18,1 - 3T10 2T11 3T11 AC 10 AC 11 Nossa 1ª linha de produção nos EUA atingiu 5.530 toneladas vendidas, em linha com a rampa , de produção projetada, contribuindo com o aumento de 10,8% nas vendas. 10, 5
  6. 6. RECEITA LÍQUIDA (em milhões de Reais) A Receita Líquida alcançou R$ 142,7 milhões no 3T11, apresentando um acréscimo de 22,4% quando 142, 22, comparado com o 3T10. Comparando com o 2T11, observa-se um acréscimo de 12,5%; 12, 380,0380,00 360,0360,00 340,0340,00 320,0320,00 300,0300,00 280,0280,00 260,0260,00 240,0240,00 220,0220,00 200,0200,00 384,6 180,0180,00 337,4160,00 160,0140,00 140,0120,00 120,0100,00 100,0 80,00 80,0 142,7 60,00 116,6 126,8 60,0 40,00 40,0 20,00 20,0 0,00 - 3T10 2T11 3T11 AC 10 AC 11 Tal crescimento se deve tanto ao repasse de preços quanto à entrada em produção da máquina nos EUA. 6
  7. 7. CPV (Custo dos Produtos Vendidos) R$ 10,00 260,0 (em milhões de Reais) 240,0 R$ 9,00 220,0 R$ 8,00O CPV totalizou um acréscimo de 26,0% em relação ao 3T10 e 1,3% quando comparado com o 2T11; 26, 200,0 R$ 7,00 180,0 R$ 6,00 160,0 R$ 5,00 140,0 R$ 4,29 R$ 4,21 R$ 3,85 120,0 R$ 4,00 100,0 R$ 3,00 80,0 R$ 2,00 60,0 94,5 95,7 R$ 1,00 40,0 76,0 R$ - 20,0 - -R$ 1,00 3T10 2T11 3T11 CPV (R$ mil) CPV unitário (R$) • Ao maior Volume de Vendas no 3T11;O aumento está ligado, principalmente: • Ao aumento significativo nos preços do 7 polipropileno.
  8. 8. EBITDA (em milhões de Reais) e MARGEM EBITDA (%) 60,0 O EBITDA Ajustado neste trimestre atingiu R$32,8 milhões, um aumento de 9,0% quando comparado 32, milhões 70,0%com o 3T10. Em relação ao 2T11 houve acréscimo de 81,4%; 81, 40,0 25,8% 23,0% 14,3% 20,0% 20,0 -30,0% 32,8 30,1 18,1 - -80,0% 3T10 2T11 3T11 Ebitda Margem Ebitda (%) • Aumento no Volume de Vendas; Estes aumentos estão relacionados com: • Recomposição de margens; 8 • Efeito câmbio.
  9. 9. LUCRO LÍQUIDO (em milhões de Reais) E MARGEM LÍQUIDA (%) 27,0 5,4% 6,5% 10,0% O Lucro Líquido totalizou R$ 15,4 milhões no 3T11, 15, 26,0 25,0 0,0%27,0 31,4% superior ao 3T10 e 560,7% superior ao 2T11; 31, 560, 24,0 40,0%26,0 23,025,0 22,0 -10,0%24,0 30,0% 21,023,0 20,022,0 19,0 -20,0%21,0 20,0% 18,020,019,0 10,0% 10,8% 17,018,0 16,0 10,0% -30,0% 1,8%17,0 15,016,0 14,015,0 0,0% -40,0% 13,014,0 12,0 24,813,0 11,0 -50,0%12,0 -10,0%11,0 10,010,0 9,0 18,2 9,0 8,0 -20,0% -60,0% 8,0 7,0 15,4 7,0 6,0 6,0 11,7 -30,0% -70,0% 5,0 5,0 4,0 4,0 3,0 3,0 -40,0% -80,0% 2,0 2,0 1,0 2,3 1,0 - -50,0% - -90,0% 3T10 2T11 5,3% 3T11 AC 10 AC 11 Lucro Líquido Margem Líquida (%) Em comparação com o mesmo período do ano anterior, o Lucro Líquido acumulado apresenta um acréscimo de 36,3%. 36, 9
  10. 10. CAIXA E APLICAÇÕES FINANCEIRAS (em milhões de Reais) A Companhia registrou um aumento do saldo de Caixa de 47,6% em relação ao 2T11 e 38,6% ao 47, 38,comparar com o mesmo período de 2010; 350,0 300,0 250,0 200,0 323,0 150,0 233,0 218,8 100,0 50,0 - 3T10 2T11 3T11 O aumento se deve principalmente a entrada dos recursos do financiamento na modalidade pré-pagamento a exportação de USD 52,5 milhões . 52, 10
  11. 11. DÍVIDA LÍQUIDA (em milhões de Reais) A Dívida Líquida aumentou 32,1% em relação ao 3T10 devido à captação de recursos para expansão com 32,a planta dos Estados Unidos e à linha que entrará em operação no Brasil no próximo ano. Em relação ao2T11 o aumento foi de 17,9%; 17, 350,0 300,0 250,0 200,0 150,0 304,5 258,3 230,5 100,0 50,0 - 3T10 2T11 3T11 47% do endividamento é baseado em moeda local e 53% em moeda estrangeira. 11
  12. 12. ENDIVIDAMENTO/CAIXA (em milhões de Reais) Dívida Líquida Consolidada Var 3T11 /R$ (MM) 30/09/2010 30/09/2011 3T10 Dívida Total Financiamento Curto Prazo 145,3 312,8 115,3% Financiamento Longo Prazo 318,1 314,7 -1,1% Total 463,4 627,5 35,4% Caixa 233,0 323,0 38,6% Dívida Líquida 230,5 304,5 32,1% Patrimônio Líquido 702,5 698,9 -0,5% 12
  13. 13. DIVIDENDOS (em milhões de Reais) Reais) Foi anunciada a distribuição de Dividendos referente a 100% da base de cálculo do lucro líquido ajustado 100%no período findo em 30/06/2011 no montante de R$ 14,1 milhões, que equivale a aproximadamente R$ 14, milhões0,18 por ação. O valor será pago em 25/11/2011, com ex-dividendos em 31/10/2011. ação Em 2009 e 2010 foram distribuídos, respectivamente, R$ 48,4 milhões e R$ 32,9 milhões, e o dividendopor ação correspondeu a- R$ 0,30 e R$ 0,41. Lucro por Ação Providência R$ 0,18 16,0 R$ 0,13 R$ 0,20 R$ 0,13 14,0 R$ 0,10 12,0 R$ - 10,0 R$ (0,10) 8,0 14,1 R$ (0,20) 6,0 11,1 10,5 R$ (0,30) 4,0 2,0 R$ (0,40) 0,0 R$ (0,50) 1º Semestre 1º Semestre 1º Semestre 2009 2010 2011 13 Dividendos pagos (R$ MM) Dividendo/Ação
  14. 14. AGENDA Providência USA DESTAQUES RESULTADOS PERSPECTIVAS
  15. 15. PERSPECTIVAS Distribuição de dividendos referente a 100% do lucro líquido ajustado no período findo em 30 de 100% junho de 2011 no montante de R$ 14,1 milhões, que equivale a aproximadamente R$ 0,18 por ação. O 14, milhões ação valor será pago em 25 de novembro de 2011, com ex-dividendos em 31 de outubro; No 4T11, Volume de Vendas em linha com o 3T11, de 21 mil toneladas de nãotecidos; As duas linhas de produção que entrarão em operação em 2012 – uma em Pouso Alegre/MG, no 1º semestre, e outra em Statesville, NC no 2º semestre, principais projetos de investimento da NC, , Companhia totalizando US$ 123 milhões estão dentro do cronograma previsto e adicionarão 40 mil US$ milhões, toneladas à nossa atual capacidade instalada, ou seja, 40% de aumento. 40% KAMI 12 – Pouso Alegre/MG 15KAMI 13 – Statesville/NC
  16. 16. CEO: Hermínio V. S. de Freitas CFO: Eduardo Feldmann Costa RI : Gabriela Las Casas Beatriz Tokarski Tel: +55 (41) 3381-8673 Fax: +55 (41) 3283-5909 São José dos Pinhais – PR www.providencia.com.br/ri www.twitter.com/providencia_riAs palavras “acredita”, “antecipa”, “espera”, “estima”, “irá”, “planeja”, “pode”, “poderá”, “pretende”, “prevê”, “projeta”, entre outras palavras com significado semelhante,têm por objetivo identificar estimativas e projeções. Estimativas e projeções futuras envolvem incertezas, riscos e premissas, pois incluem informações relativas aos nossosresultados operacionais futuros possíveis ou presumidos, estratégia de negócios, planos de financiamento, posição competitiva no mercado, ambiente setorial,oportunidades de crescimento potenciais, efeitos de regulamentação futura e efeitos da competição. Devido aos riscos e incertezas descritos acima, os eventos estimados efuturos discutidos nesta apresentação podem não ocorrer e não são garantia de acontecimento futuro. A Providência não se obriga a atualizar essa apresentação mediantenovas informações e/ou acontecimentos futuros. 16

×