Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Sistema Integrado de Gestão de Destinos Turísticos (SIGESTur)

139 views

Published on

Material apresentado durante o Encontro Nacional de Estudantes de Turismo, realizado na cidade de São Paulo (SP).

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Sistema Integrado de Gestão de Destinos Turísticos (SIGESTur)

  1. 1. Sistema Integrado de Gestão de Destinos Turísticos (SIGESTur): uma proposta viável? Aristides Faria Lopes dos Santos | Elizabeth Kyoko Wada | Carlos Lucio Martins Encontro Nacional de Estudantes de Turismo 01 a 03 de junho de 2017 | São Paulo (SP)
  2. 2. Premissa original • A coesão entre os players de um mercado em um dado território é fator-chave no gerenciamento de crises ou na concorrência contra competidores – novos ou já estabelecidos. • O produto turístico é composto pelo encadeamento de ofertas baseadas tanto nos polos emissores quanto nos destinos, assim, a perspectiva esta muda e a coesão entre estes players ganha importância.
  3. 3. Problema de pesquisa • Quais fatores influenciam a viabilidade da implementação de uma solução de base tecnológica que auxilie destination management organizations (DMOs) no gerenciamento das demandas de seus stakeholders?
  4. 4. Referencial teórico • Hospitalidade – LUGOSI, P. (2008). Hospitality spaces, hospitable moments: consumer encounters and affective experiences in commercial settings. Journal of Foodservice, 19 (2), pp. 139-149. • Serviços – HUANG, C. D.; GOO, J.; NAM, K.; YOO, C. W. (2017). Smart Tourism Technologies in Travel Planning: The Role of Exploration and Exploitation. Information and Management (accepted manuscript).
  5. 5. Referencial teórico • Turismo – EICHHORN, V.; MILLER, G.; MICHOPOULOU, E.; BUHALIS, D. (2008). Enabling access to tourism through information schemes? Annals of Tourism Research, vol. 35, no. 1, pp. 189–210. • Competitividade – SAFTIC, D.; TEZAK, A.; LUK, N. (2011). Stakeholder approach in tourism management: implication in Croatian tourism. In: 30th International Conference on Organizational Science Development. Portorož, Slovenia. • Stakeholders – MUNRO, A., KING, B., POLONSKY, M. J., (2006). Stakeholder Involvement in the Public Planning Process: The Case of the Proposed Twelve Apostles Visitor Centre. Journal of Hospitality and Tourism Management, vol. 13, no. 1, 97-107.
  6. 6. Objeto de pesquisa Observatoriodoturismo.com
  7. 7. Perspectivas sobre a viabilidade do SIGESTur EmpresarialAcadêmica
  8. 8. Finalista no I Camp de Inovação no Turismo (2016)
  9. 9. Considerações finais • O Sistema mostra-se inovador e viável, sobretudo, por sua sólida fundamentação teórica no campo do turismo e no entendimento de que as relações de hospitalidade e hostilidade entre os stakeholders atuantes em um destino impactam sobre o nível de competitividade do mesmo. • O Sistema é, então, proposto a partir da premissa de que as DMOs têm de liderar e serem protagonistas na geração de coesão entre os players do mercado turístico.
  10. 10. SIGESTur Este sistema representa a profissionalização da gestão pública do turismo e transparência ao cidadão, os profissionais e empresários do setor. Muito obrigado!

×