47.janeiro 2013 revista

200 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
200
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

47.janeiro 2013 revista

  1. 1. REVISTA 47ª edição, janeiro de 2013Réveillon na Esplanada dos Ministérios-Festa foi muito bem representada porgrandes artistas da cidade!Concurso público: confira as dicaspara passar em provas de aptidãofísica.Diversão para todos os gostos:praias, cachoeiras e agenda deshows, você encontra aqui!
  2. 2. 2
  3. 3. .......06 .......... ............ ............ ............ ...................... ..........0 8 ............ .......... ............ ........ ............ ............ ............ .. ............É o bic ho ............ ....11 .......... ............ ............ .......... ............ .... ............ o........ ............ mund ...................... .......1 4 Eu no ............ ......... alizad o.... ........ Person .. ......... mento ......... Treina ........ ......... ..........1 6 ......... .......... ............ ...... de... ......... .............. tivida ............ Pós-a .......... ............ ......... .....18 ............ ........ ............ .. .... ......... stilo.. ......... com e ........ ......... ......2 2 Viver ......... ........ ....... ....... . ......... .. ........ ......... ........ porte ........ Passa ....... ... ........ ........ ce.. ........ A conte Espaço reservado ao leitor para envio de sugestões, dúvidas e críticas através do e-mail: revistaposiatividade@yahoo.com.br Adoro a programação de shows que a revista divulga, pois além de sabermos aonde ir, ainda há informações dos mais variados assuntos por toda a revista! Fernanda V. Jornalista Responsável Mel Simões Colunista Página 16 Acácio Tolentino Réveillon na Esplanada Colunista “Eu no mundo“ Rafael Ajuz dos Ministérios Colunista “Você na Moda” Equipe Finíssimo Colunista “Viver com Estilo” Sandra Tumelero Colunista “É o Bicho” Ricardo Antônio Colaboraram nesta edição: Élcio Vieira Fotografia Equipe POSIATIVIDADE Projeto Gráfico e Diagramação Azê Marketing Contato Comercial (61) 9261-2778 revistaposiatividade@yahoo.com.br www.posiatividade.com.br A Revista POSIATIVIDADE não se responsabiliza pelos anúncios veiculados, como também não se responsabiliza pelas matérias publicadas, que são de responsabilidade de seus autores.
  4. 4. O ACOMPANHAMENTO DOPARTO NAS CADELAS Por Ricardo Antônio Silva forte contração para expulsão do mes- mo deve ser apreciada como algo nor- mal, assim como, após a saída de cada filhote, o rompimento do cordão um- bilical e a ingestão da placenta pela própria mãe. No geral, problemas de parto sur- gem quando existe desproporção en- tre o tamanho da mãe e dos filhotes - cadelas demasiadamente pequenas ouA filhotes muito grandes -. Outra ques- cadela entrou em trabalho de tão recorrente é quando as contrações parto e você não sabe o que fa- não ocorrem, aí podemos ter um indi- zer? Mantenha a calma. Tudo cativo de parto anormal e, neste caso, deve ocorrer de forma natural. o Veterinário deverá ser chamado. Via de regra, um histórico de rejeição à Como observador, convém nãoalimentação e uma sede incessante são in- deixar a aflição imperar, uma vez quedícios de que o parto está próximo. Neste entre o início e o término do parto po-momento devemos manter o animal em dem transcorrer algumas horas. A re-local limpo e tranquilo. A hora exata, ge- comendação é que, chegada a hora daralmente, culmina, com o aparecimento inquietação, deixemos o animal à von-de contrações abdominais que podem va- tade para que o parto transcorra de Empresa líder no mercado de mezaninos em Brasíliariar de acordo com a quantidade de filho- maneira normal. E, cientes de que não Fabricação de mezaninos comerciais e residenciaistes e a atividade da mãe. deve existir manipulação desnecessá- Empresa devidamente cadastrada na ABCEM Durante o parto a cadela tende a se ria tanto da mãe quanto dos filhotes,manter deitada no momento em que façamos do olhar contemplativo, Mais de 500 mezaninos instalados no DFocorre a ruptura da ‘’bolsa das águas’’ e o quando possível, o nosso auxilio a esseaparecimento do primeiro filhote. Uma fantástico passo da natureza. Solicite um de nossos consultores e faça um orçamento sem compromisso Ricardo Antonio Silva é Médico Veterinário CRMV/GO Nº 5283, Especialista e Mestrando em Ciência Animal. Atua como Fiscal Estadual Agropecuário da (61) 3401-3000 | 8194-1939 Agência Goiana de Defesa Agropecuária – AGRODEFESA. mezaninomorelli@hotmail.com Quadra 105 - Lote 01 - Sala 07 - Águas Claras - Brasília DF Contato: (61)9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br www.mezaninomorelli.com.br 7
  5. 5. Paraíso. Com excelentes pousadas e boa Como curtir as férias de janeiro em infraestrutura é inadmissível que um morador da capital federal não visite esse paraíso! Em uma Brasília em contato com a natureza! continuação da Chapada temos o município deeu no mundo Cavalcante com outras belíssimas cachoeiras que Por Rafael Ajuz valem o passeio. Outro point é a cidade histórica de Pirenópolis (140 km) com opções de cachoeiras para todos os gostos e hospedagem para todos os bolsos, além dos excelentes bares e restaurantes. Lembrei ainda do Salto do Itiquira (115 km) que é simplesmente a segunda maior queda d`água do Brasil, com 169 m de altura. Impressionante! Bom, com certeza existiriam outros inúmeros passeios e lugares para sugerir aos leitores. Nossa região é realmente riquíssima em opções! Fica o desafio para quem conhecer outros lugares: convidem os amigos, sugiram passeios como estes e principalmente, eduquem as crianças, desde cedo, a valorizarem e respeitarem a natureza! É nelas que Chapada Imperial depositamos nossa esperança! Bom passeio a todos! poços de águas refrescantes. Para quem nunca foi ao Poço-Azul é recomendável à presença de um guia, ou de alguém mais experiente, e devido ao Chapada dos Veadeiros acesso mais difícil e falta de estrutura. Para os A lados de Sãvo Sebastião temos o Salto do Tororó, s férias chegaram, a cidade está mais assim citamos o Parque da Cidade (Asa Sul), o com 18 m de queda, que além da beleza é um vazia, o calor está forte, sendo Parque Olhos d`água (Asa Norte), o Parque atrativo para os praticantes de rapel. Finalmente, a quebrado somente pelas famosas Ecológico Dom Bosco (Lago Sul) e o Parque cachoeira Indaiá (próximo de Formosa) com cerca tempestades de verão. Os que aqui Ecológico Águas Claras. Além destes parques, de 30m de altura! Aproveite para conhecer o ficaram, sabem que não temos praias, mas e daí? ainda temos o Zoológico e o Jardim Botânico Buraco das Araras e o das Andorinhas, que Nosso planalto central é famoso pela riqueza em como excelentes opções de passeios muito compõem parte do complexo de cavernas e grutas cachoeiras! agradáveis para todas as idades. A cereja do bolo da região. Não é uma questão de comparação sobre o fica ainda para o Parque Nacional de Brasília, Já para passeios mais longos e que podem que é melhor, praia ou cachoeira, mas sim de nossa famosa Água Mineral, com sua irresistível exigir mais de um dia, o leque é enorme. A mais valorizarmos as inúmeras opções que temos por piscina de água mineral e trilhas em meio ao famosa é a Chapada dos Veadeiros (230 km), que aqui. Vou tentar listar algumas dicas interessantes cerrado preservado. Essas opções abrangem vai muito além do Parque Nacional, oferecendo que podem ser uma excelente alternativa para excelentes maneiras de recarregarmos nossa pilha. inúmeras opções de cachoeiras, poços, piscinas quem ficou por estas bandas e gosta de natureza. Já para quem quer um passeio que pode durar termais, e paisagens únicas, entre São Jorge e Alto Poço Azul Para passeios mais próximos, as dicas são os um dia inteiro (cerca de 50 km do centro), temos inúmeros parques urbanos que possuímos. outras sugestões muito legais! A Chapada Imperial Existem inúmeros Parques pelo DF, 72 no papel, (próximo a Brazlândia) é uma reserva particular Rafael Ajuz é biólogo, mestre em Biologia Animal pela UnB. Atua no Licenciamen- mas na realidade nem todos estão implementados que possui cachoeiras incríveis com toda a to Ambiental de empreendimentos de infraestrutura de energia, com a análise do com a infraestrutura necessária para o devido estrutura e conforto. Perto dali, outro local que componente biótico. conforto e segurança dos usuários, mas mesmo pode ser visitado, é o Poço-Azul, com cachoeiras e Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br 8 9
  6. 6. Dicas para passar em provas de aptidão física em concursos Por Acácio Tolentino É frustrante investir tempo e dinheiro na preparação teórica, passar no concurso e ver sua vaga ir embora na fase do TAF - Teste de Aptidão Física. Isso acontece com uma frequência enorme, pois boa parte dos candidatos se preocupaem demasia com as provas teóricas, deixando de lado a física, e quando aprovados, não possuem tempo hábil para a preparação adequada. Confira algumas dicas para que isso não aconteça com você: Prepara-se com pelo mesmo três meses de Deixe pelo menos um dia de intervalo para antecedência. O corpo leva certo tempo para se recuperar o desgaste do dia do treino. A ideia é adaptar ao treinamento físico e caso pule progredir gradativamente, logo após a etapas, e passe dos limites, a probabilidade de adaptação da carga de treino. Como a maioria ocorrerem lesões aumentará. Dependendo da dos TAFs exige mais de três testes, intercale um gravidade, o candidato fica impossibilitado de dia para trabalhar força muscular (exercícios se submeter aos testes e fatalmente será abdominais, barra e flexão), e no outro a parte reprovado; aeróbia relacionada à corrida; -Procure um profissional de Educação Física -Adicione aos treinos da academia especialista no assunto, pois somente ele dará (musculação e corrida na esteira) testes no local agilidade nos ganhos de condicionamento para onde será a prova física. Faça a cada 10 dias o teste com o risco mínimo de lesões; uma simulação para saber como está a evolução -Faça uma avaliação física antes de iniciar o de seu condicionamento para o dia da prova; treinamento para identificar como está seu -Escolha alguns dias para treinar em condicionamento físico de força e aeróbio. horários mais quentes pois o teste pode atrasar Além disso, a avaliação física auxiliará o e o calor aumentará ainda mais seu esforço; profissional de Educação Física no planejamento -No dia da prova leve alimentos leves e do programa; água, pois atrasos ocorrem e não há horário COM -A frequência dos treinamentos de ser de certo para sua avaliação. Vá com a roupa e o 5x/6x por semana para candidatos que já tênis que mais se sentiu confortável durante a BAIXA MANUTENÇÃO praticam atividade física a pelo menos três preparação. Nunca use roupas e tênis novos. LIVRE DE MANUTENÇÃO meses, e de 3x/4x por semana para iniciantes. Pense positivo que na hora “H” tudo dará certo! O Personal Trainer Acácio Tolentino é especialista em programas de exercícios físicos para idosos. Pós graduado em reabilitação cardíaca e grupos especiais (obesidade, hipertensão, osteoporose e diabetes). Membro da Sociedade Brasileira de Atividade Física e Saúde. Palestrante sobre qualidade de vida, emagrecimento e exercícios físi- TAGUATINGA SUL (EM FRENTE A UNIV. CATÓLICA) cos para idosos. Coach Profissional pela Academia Brasileira de Coaching. ENTREGA E INSTALAÇÃO GRATUITA Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br10 www.bateral.com.br 11
  7. 7. 12 13
  8. 8. público brasiliense foram cantadas pelos fãs e por aqueles que tiveram recentemente a oportunidade de Espetáculo de luzes e sons apreciar o trabalho da artista nascida em Ceilândia. na festa da virada A cantora Paula Fernandes, considerada a musa da música sertaneja, também empolgou a Reveillon na Esplanada dos Ministérios - Brasília/DF Por Cinara Lima, da Agência Brasília multidão. A mineira de Sete Lagoas, intérprete desde os oito anos de idade, divertiu o público com o seu Forró de Na noite de réveillon, Brasília provou ser a capital de todos os ritmos e apresentou, na desfilou seu repertório de sucessos e Vitrola e prestou homenagem ao Esplanada dos Ministérios, programação artística repleta de estilos musicais. À meia-noite, o emocionou o público, que cantou junto centenário de Luiz Gonzaga tocando público de aproximadamente 60 mil pessoas se extasiou com a multicolorida queima de a ela várias de suas canções. clássicos do eterno Rei do Baião. fogos, que durou cerca de 30 minutos. Outro destaque foi o show da banda As quatro cantoras do grupo Nas formada na capital federal Plebe Rude, Curvas do Samba - Dhi Ribeiro, Ana um dos ícones do rock brasiliense que Cristina, Renata Jambeiro e Tereza Lopes, conquistou todo o Brasil nos anos 1980. todas artistas de Brasília - deram um toque Composta atualmente pelos músicos especial à festa de réveillon. Elas abriram Philippe Seabra (voz e guitarra), 2013 interpretando sambas de sucesso e Clemente Nascimento (voz e guitarra), animando o público para o show seguinte. André X (baixo e vocais) e Marcelo Os também sertanejos Fernando e Capucci (bateria), a banda relembrou Sorocaba fecharam a programação. A antigos sucessos e trouxe novas dupla, que estourou em 2008 em todo país composições. e já lançou cinco álbuns, animou a multidão Homenagem Nos intervalos dos que acompanhou o encerramento da festa shows, o Dj brasiliense Cacai Nunes de virada de ano. Espetáculo de luzes e sons na Esplanada dos Ministérios A o som de uma bateria formada Foto: Ph Nagô por ritmistas de escolas de samba do Distrito Federal, a queima de 10 toneladas de fogos coloriu o céu da capital federal por cerca de meia- hora. O espetáculo de cores e formatos múltiplos emocionou as quase 60 mil pessoas que assistiram aos shows do réveillon promovido pelo GDF na Esplanada Foto: Wallace Martins dos Ministérios. A apresentação da cantora brasiliense Ellen Oléria, uma das atrações mais aguardadas da comemoração, foi outro ponto alto da festa. Por quase uma hora, a grande vencedora do The Voice Brasil mostrou o talento que a tornou famosa em Nas curvas do Samba com Dhi Ribeiro, Ana Cristina, Renata Jambeiro e Tereza Lopes todo o país. Canções já conhecidas do Cacai Nunes e o seu Forró de Vitrola14 15
  9. 9. O QUE É CONCEITO EM DESIGN DE INTERIORES por Sandra Tumelero Exemplo de Projeto Conceitual pois vai, ao final, fazer com que o ambiente uso destas figuras. Uma decoração com passe a impressão que se deseja, a emoção conceitos africanos difere radicalmente dos que se quer provocar. Ele é praticamente o conceitos tropicais brasileiros, pois a fauna e tema escolhido. a flora diferem em inúmeros aspectos. Estes Em ambientes comerciais isto é mais erros, por incrível que possam parecer, são facilmente compreendido. Por exemplo, bastante comuns. se estivermos desenvolvendo o projeto Outro aspecto de cautela seria a de um hotel no litoral brasileiro. Podemos definição de uma proporção adequada no trabalhar o conceito de um local tropical, emprego cenográfico em relação ao uso alegre, despojado e de repouso. Neste caso, do ambiente. Ambientes comerciais podem a “tropicalidadebrasileira” é o conceito, receber uma dose mais forte de cenografia, deseja-se que o hóspede sinta o que é estar enquanto em ambientes residenciais este em um ambiente tropical brasileiro, este deve aspecto deve ser mais comedido. Exemplo de Projeto Conceitual ser o efeito final. Todo o apelo decorativo O trabalho do designer de interiores O volta-se para aspectos tropicais, e aí a acaba, por fim, sendo semelhante ao do pesquisa precisa ser exata para evitar erros cenógrafo, vai além de traços e desenhos, o processo do design de interiores, o estético também define o rumo a ser ou exageros. O extremo, ou “erro” de projeto produto final é a concretização do resultado seja qual for o tipo e a escala do seguido. Em caso de ambientes comerciais, seria evitar a sua “caricaturização”, tendo como processo criativo. O conceito é o norte projeto, passa por várias etapas este estudo é ainda mais profundo e cuidado com os exageros nas especificações para combinar formas, linhas, cores, texturas que englobam desde a definição específico. e no emprego dos elementos simbológicos. e luzes para satisfazer as necessidades das necessidades do cliente (usuário do O conceito pode ser definido como Aí no caso, não temos na floresta amazônica objetivas e subjetivas do usuário do espaço, espaço) até a sua concepção, baseado em uma unidade semântica, uma relação de leões e elefantes, então cuidado no a função e a coerência harmônica na estética. um conceito de trabalho definido. simbologia e seus significados, de certa Dependendo do porte e objeto do forma ele brinca com a fantasia. É importante trabalho, este processo passa por vários o vasto conhecimento de materiais de estágios que na maioria dos casos acabamento por parte do profissional e Sandra Tumelero é designer de interiores e engenheira eletricista gradu- envolve pesquisa por parte do profissional das técnicas de iluminação para produzir o ada pela Napier University, em Edinburgh UK, tendo realizado mostras responsável pelo projeto. Esta pesquisa efeito cênico desejado. como Morar Mais e Casa Cor, atua no mercado de design de interiores e preparação são específicas para cada O conceito adotado para o projeto é a em Brasília. projeto. Não apenas o funcional, mas chave para o seu desenvolvimento e criação, Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br16 17
  10. 10. lha que sai do morro do Atalaia. A vista é encan- orte tadora, descortinando a Ilha do Farol. Fica a passap quatro quilômetros do Centro. A praia Brava, preferida dos surfistas, possui ondas fortes e não é indicada para banhos. O Região dos Lagos ( Cabo Frio , Arraial do Cabo, acesso é feito a pé, pelo morro do Atalaia. Fica Armação de Búzios) - Costa do Sol! a quatro quilômetros do Centro. Em Cabo Frio o destaque é a Ilha do Japo- nês, um dos locais mais procurados por aqueles Por Elcio Vieira que desejam um recanto de tranquilidade na cidade. Apesar de a ilha ser apenas um charmo- so pedaço de floresta dentro do canal do Itaju- ru, todo seu entorno em direção à praia Brava é chamado de Ilha do Japonês. E neste pequeno balneário é onde temos o sossego para esco- lher uma mesa num dos diversos quiosques de sapê existentes. Ali servem-se bebidas e aperiti- vos para serem degustados na beira das águas do canal.As águas, rasas e sem ondas, facilitam A praia de Geribá é uma das mais famo- a visita de famílias com crianças. A beleza natu- sas praias do balneário de Búzios, seu nome ral da região, com trilhas próximas, atraem os vem da palmeira Jerivá, nativa da Mata Atlân- praticantes de caminhadas ecológicas. O pôr do tica. Com dois quilômetros de extensão, Ge- sol é um espetáculo à parte.Quando a maré ribá é a praia mais frequentada de Búzios. Em sua orla destacam-se belas residências de N está baixa, é possível caminhar pelas águas do canal até a ilha. Na maré alta pode-se ir nadan- veraneio, pousadas e bares. Cercada por ro- o início da década de 40, o Canal massa. Na década de 80, a descoberta e a ex- chas e lindas casas encravadas entre as pe- ploração de petróleo na chamada Bacia de do ou, em dias de maior movimento, pegar um do Itajurú já havia sido dragado e dras, com areia fina e branca e mar agitado, é Campos abriu nova frente de desenvolvimen- barquinho que fica no local e cobra um preço retificado para facilitar a navega- excelente para a prática do surf (com esquer- acessível pela travessia. ção. A margem próxima à barra to regional. Os poços extremamente produti- das e direitas quebrando em toda a sua ex- Localizada a 5 km do Centro encontra-se a estava ocupada por instalações portuárias, vos, que se localizam em frente ao litoral ca- tensão), bodyboard, futebol de areia, praia do Siqueira, onde se concentram a pesca entrepostos pesqueiros, armazéns de sal, fá- bofriense, são responsáveis pelo pagamento windsurf,vôlei de praia,wakeboard, vela e ca- e o comércio do camarão.A praia é lacustre e brica de cal e estaleiros. Mas uma nova ativi- de substanciais recursos de “royalties” aos minhada, tornando-se o ponto de encontro imprópria para o banho, devido ao excesso de dade econômica começava na região. Um cofres dos Municípios. salinidade da água e movimentação dos barcos preferido dos jovens. É lugar onde se vêgente clima excepcional, uma natureza extrema- No entanto, o parque salineiro dá sinais de pesca. Em torno dela se encontram a Igreja bonita e famosa.Geribá fica distante cinco mente atrativa e diversas transformações so- de exaustão, ocasionada pela concorrência de São Pedro e a Praça Júlia Fonseca. Situada às minutos de carro do centro de Búzios (em dia cioculturais estimulavam o lazer semanal e o do produto nordestino e pela especulação margens da Lagoa de Araruama, a Praia do Si- de tráfego normal) e divide as atenções dos turismo das “praias de banho” em meados da imobiliária às margens da Lagoa de Ararua- queira possui calçadão iluminado e quiosques turistas com as outras 22 praias da península década de 40. ma. Também a pesca está sobrecarregada com música ao vivo. A praia tem 2 km de exten- que combina a simplicidade de uma antiga No começo, a região foi ponto de atração pelo esforço excessivo de captura e pela di- são e suas águas têm temperatura entre 24° C à vila de pescadores com a sofisticação da ar- de ricos aventureiros da Cidade do Rio de Ja- minuição da qualidade ambiental marinha. 26º C. quitetura de casas, pousadas e restaurantes. neiro, de encontro social de poucos privile- O turismo nesta região é bem divulgado Em Búzios a Praia dos Ossos retratando per- A Praia de Manguinhos é uma grande en- giados e de praticantes de esportes náuticos. principalmente nos mercados argentino, eu- feita harmonia entre passado histórico e o natu- seada de águas quentes e extensa faixa de ropeu e americano, as pousadas e hotéis são ral, esta praia é considerada um dos cenários areia batida, que propiciam ótimas caminha- Mas, com o passar do tempo, passou a se principais da cidade. Enseada de águas tranqui- das. Suas ondas fracas e o vento constante constituir em local de atração turística para elegantes e reservam surpresas a quem se las e transparentesonde há séculos os pescado- favorecem a prática do windsurfe. cariocas, mineiros e paulistas, de instalação hospeda e desfruta do lindo litoral norte do res lançam suas redes. Pequena e bem arboriza- Ao final de Manguinhos, na divisa com a de casas de praia, de clubes náuticos, de di- Rio de Janeiro. da, sua arquitetura tradicional somada à bela praia da Tartaruga, encontramos a “Ponta da versões noturnas, de hotéis e restaurantes e A Praia do Pontal em arraial do Cabo é Igreja de Santana e ao Iate Clube, dão indícios Sapata” com resquícios de uma bela costa de de serviços comerciais e de abastecimento. dividida em duas, separadas por rochas. Para corais e o mais lindo pôr do sol. Ao longo da A inauguração da Ponte Rio-Niterói, em chegar as águas calmas, transparentes e per- de um passado não muito remoto com agradá- vel sensação de nostalgia. beira mar, árvores típicas da região 1973, deu início à fase atual de turismo de feitas para banhos, é preciso descer uma tri-18 19
  11. 11. (casuarinas), dão um toque mágico a esta Eles vão dos mais requintados, com qualida- enseada, que possui este nome devido a de internacional, aos mais simples, que se grande parte de sua vegetação ser especializaram em servir frutos do mar com característica de mangue. os mais variados sabores. A vida noturna A região dos Lagos e chamada e conheci- também não deixa nada a desejar. As várias da como a Costa do Sol é considerada uma boates e danceterias estão sempre lotadas das mais belas regiões do litoral do sudeste de um público bonito e jovem, num clima de brasileiro. Uma de suas principais caracterís- muita azaração. ticas é conseguir conviver harmonicamente Vá conhecer a região dos lagos e depois com os contrastes vindos do luxo e da simpli- tire suas próprias conclusões desta “Costa” cidade, do moderno e do colonial, tudo com maravilhosa.situada no norte do estado do a naturalidade de um povo acostumado a Rio de Janeiro e vivencie uma ótima viagem! receber e a tratar com simpatia todos os tu- ristas que visitam suas belezas naturais. No total, a Região dos Lagos é formada por 13 cidades que compreendem mais de 100 quilômetros de litoral: Araruama, Arma- dicas ção dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Carapebus, Casimiro de Abreu, Iguaba Gran- • Você não pode deixar de beber de, Macaé, Maricá, Quissamã, Rio das Ostras, um açaí na frente da barraca Fishbone, São Pedro da Aldeia e Saquarema. Todas elas, na praia de Geribá; com inúmeras lagoas e praias belíssimas para • Curtir a noite na rua das pedras é todos os gostos, desde as de mar aberto, algo inesquecível, gente bonita e propícias à prática do surfe, como aquelas de enseada com águas calmas, favoráveis para o agitação a noite toda; mergulho. • A balada atual são as boates A atividade mais tradicional encontrada Pacha e Privilege, em Búzios; na região continua sendo a extração de sal • Se quiser comer bem e barato na marinho, presente em abundância por toda a rua das pedras, o restaurante do Davi costa fluminense. Geralmente junto às salinas é a opção certa; encontram-se os moinhos de ventos, consi- • O famoso Chezmichou continua derados também um dos símbolos da região, juntamente com o sol que brilha 300 dias no abalando em Búzios na rua das pedras; ano sob um céu azul e limpo. • Em cabo Frio você não pode Ao visitar as várias cidades que compõem deixar de ir no bairro da Gamboa o cenário dessa região litorânea, não é difícil comprar roupas de banho na famosa encontrar colônias de pescadores espalhadas rua dos biquínis; pelas praias mais calmas. Apesar de todo o • Comer bem e barato em cabo desenvolvimento, ainda existem muitas famí- lias que vivem em função da pesca, o que Frio é no Galeto do Zé; intensifica ainda mais a tonalidade rústica de • Em Arraial do Cabo, sol é na algumas de suas paisagens. prainha e não se esqueça de fazer um Quem gosta de boa comida irá se surpre- passeio de escuna á praia dos Anjos. ender com os restaurantes da Costa do Sol. Elcio Vieira é formado em Pedagogia e Turismo, Pós Graduado em Psicopedagogia Clínica e Institucional, atua no mercado de turismo em Brasília há 26 anos, tendo visitado mais de 15 paises. Morou 3 anos na itália e na França e atualmente traba- lha na Sanchat Tour operadora. Contato: 61 9261-2778 ou revistaposiatividade@yahoo.com.br20 21
  12. 12. acontece BENDITO JORGE Pré-Carnaval 2013 - Timbalada Em janeiro, a partir do dia 13, está de volta o Vem aí Pré-Carnaval 2013 com Timbalada! Uma evento Bendito Jorge, que acontece aos grande festa em seu 4º ano trazendo também os domingos no Bendito Suco Orla. Sua estréia no grupos Mitiiê do Brasil e Clima de Montanha! Dia 26 de Janeiro de 2013 na AABB. ano passado, já foi um sucesso e, agora em sua terceira temporada, o formato continua o mesmo: início no fim de tarde, na beira do lago, pré-carnaval 2013 - timbalada com direito a vista para a Ponte JK e ao som de Data: 26 de janeiro de 2013, sábado Jorge Ben. Hora: 22h. BENDITO JORGE Local: AABB - Setor de Clubes Sul. Data: Todos os domingos. Pontos de Venda: Zimbrus: 305 Sul, Pier 21, Águas Claras e Taguatinga; Mormaii: Conjunto Nacional, Hora: 16h Brasilia Shopping, Terraço Shopping, Pátio Brasil e Pontão Local: Bendito Suco Orla (Próx. a Ponte JK, em do Lago Sul. Vendas Online (em até 12x nos cartões): frente ao Mangai) Pontos de Venda: No local. www.bilheteriadigital.com.br informações: (61) 7819-4866 / 8125.1650 | INFORMAÇÕES: (61) 3342-2232 | 8438-0000 | 8148.7262 3347-6763. Parada musical com Os Paralamas do Sucesso Show imperdível com Os Paralamas do Sucesso e Plebe Rude em Brasília, dia 25 de janeiro, às 19h, na área externa do Ginásio Nilson Nelson. Com entrada franca, os shows fazem parte do festival Parada Musical, que acontece em 5 capitais do país, simultaneamente, e marca o início das comemorações dos 350 anos dos Correios. PARADA MUSIAL COM OS PARALAMAS DO SUCESSO Data: 25 de janeiro, Sexta-feira. Hora: 19h Local: Estacionamento do Ginásio Nilson Nelson. Pontos de Venda: Entrada franca A POSIATIVIDADE limita-se apenas à divulgação das informações fornecidas pelas empresas promotoras de eventos aos meios de comunicação.22 23
  13. 13. 24

×