Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

História da Igreja #4

66 views

Published on

Igreja Bíblica Luz do Mundo
Passo Fundo - RS

www.iblmpf.blogspot.com.br

Published in: Spiritual
  • Be the first to comment

História da Igreja #4

  1. 1. O Avanço do Cristianismo no Império até 100 d.C. Também aos Gentios
  2. 2. Aparentemente, a Igreja judaico-cristã primitiva demorou a compreender o sentido universal do cristianismo, embora Pedro tivesse sido o instrumento na comunicação do evangelho aos primeiros gentios convertidos. Foi Paulo que dedicou a sua vida à pregação do evangelho no mundo gentio. Como nenhum outro, Paulo entendeu o caráter universal do cristianismo e dedicou-se à pregação até os confins do Império Romano (Rm 11.13; 15.16).
  3. 3. Paulo educado aos pés de Gamaliel (Fp 3.4-6); Cidadão de Tarso (At 21.39); Cidadão romano livre (At 22.28; 16.37- 38;25.11).
  4. 4. O ambiente político não parecia muito favorável à proclamação do evangelho. César Augusto (27a.C. – 14d.C.); Tibério (14-37d.C.); Calígula (37-41d.C.); Cláudio (41-54d.C.); Nero (54-68d.C.).
  5. 5. A situação social e moral era ainda menos favorável que o política. Classe alta rica; Outros sistemas de religião; Os sistemas filosóficos;
  6. 6. Sua vida ilustra o cumprimento da grande comissão; Estrategista; Não negligenciava o povo judeu; Organizava as igrejas com fundamentos sólidos; Responsável pelo seu próprio sustento; Dependente da orientação do Espírito Santo.
  7. 7. Paulo se mantinha em contato com a situação local em cada igreja; Quando a situação local parecia exigir, ele escrevia cartas para tratar os problemas; É incrível o fato de que os princípios que Paulo propôs para resolver os problemas das igrejas do primeiro século ainda são relevantes para a Igreja nos tempos modernos.
  8. 8. Felicidade e utilidade nesta vida e na futura dependem da obtenção da graça de Deus; O favor de Deus só pode ser conferido a quem faz a vontade de Deus; As obras da lei somente resultavam no conhecimento do pecado e deixavam o homem sem esperança; Vida espiritual não é a lei mas a Cruz de Cristo;
  9. 9. Somente Cristo, como homem perfeito e Deus, podia oferecer-se na Cruz em lugar do homem pecador; O ser humano precisa apenas aceitar pela fé a obra que Cristo já fez por ele; A ética cristã se desenvolve a partir dessa união pessoal do crente com Cristo pela fé; A conduta cristã é guiada pelo amor cristão;
  10. 10. Essa vida de amor envolve afastamento da corrupção pessoal que vem da adoração aos ídolos, da impureza sexual ou da embriaguez – os grandes pecados do paganismo. Seu resultado prático é o serviço amoroso para com os outros e a firmeza quanto à integridade pessoal.
  11. 11. Pela voz e pela pena, Paulo lutou pela pureza da doutrina cristã de seu tempo; O problema do significado e dos meios da salvação foi a primeira dificuldade; Paulo enfrentou também o problema do racionalismo grego quando lutou contra um gnosticismo incipiente na igreja.
  12. 12. Paulo, com sua fé e coragem, conseguiu levar a mensagem da salvação às nações gentílicas do Império Romano e deu início à cultura cristã na sua triunfante caminhada pela Europa, rumo ao Ocidente. Como ninguém, Paulo compreendeu o significado cósmico de Cristo no tempo e na eternidade. Foi ele que, como “Apóstolos dos Gentios” interpretou Cristo para o mundo gentílico.

×