Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Termo de Parceria celebrado entre a Fundação TV Minas Cultural e Educativa e 
a Associação de Desenvolvimento da Radiodifu...
2 
Sumário: 
1 – INTRODUÇÃO .................................................................................................
3 
1 – INTRODUÇÃO 
Este relatório de atividades é o mecanismo de acompanhamento e avaliação do 
Termo de Parceria firmado ...
comprometida com a ética e cidadania, voltada para a produção e veiculação de 
conteúdos criativos, inovadores e de qualid...
5 
2 – COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E RESULTADOS 
QUADRO 1 – INDICADORES ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E ...
6 
Área Temática Indicador 
Valores de Referência (V0)1 Peso 
(%) 
35º PA 
METAS 
ACUMULADAS2 
RESULTADOS 
01/07/14 a 30/0...
7 
QUADRO 2– PRODUTOS ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E RESULTADOS – 35º PERÍODO AVALIATÓRIO 
Área Temática Ação Pr...
8 
2 
Produção do 
Departamento de 
Projetos Especiais 
2.1 
Produção de vídeos 
institucionais e programas 
sob demanda c...
9 
2.1 – Detalhamento dos resultados alcançados: 
Área Temática: 1‐ Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidad...
10 
Área Temática: 1‐ Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor 
técnico e da infra‐estrutura técni...
11 
Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do indicador: 2.1 ‐ Tempo médio de progr...
12 
Área Temática: 2 – Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do Indicador: 2.2 – Tempo médio de progr...
13 
Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do indicador: 2.3 – Índice de programaçã...
14 
Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do indicador: 2.4 – Tempo médio de progr...
15 
Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do indicador: 2.5 – Tempo médio de progr...
16 
Área Temática: 2 – Qualidade e diversidade da grade de programação 
Nº e Nome do indicador: 2.6 – Tempo médio de inter...
17 
Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e de qualidade 
Nº e Nome do indicador: 3.1 – Tempo médio de programação jorn...
18 
Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e de qualidade 
Nº e Nome do indicador: 3.2– Eventos com cobertura especial e...
Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre) e Relatório dos Coordenadores 
Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e...
20 
Área Temática: 4 – Evolução da situação financeira 
Nº e Nome do indicador: 4.1 – Montante de recursos arrecadados do ...
21 
Área Temática: 4 – Evolução da situação financeira 
Nº e Nome do indicador: 4.2 – Montante de recursos arrecadados do ...
22 
Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira 
Nº e Nome do indicador: 4.3 – Índice de liquidez corrente 
Resulta...
23 
Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira 
Nº e Nome do indicador: 4.4 – Índice de atualização tecnológica 
R...
24 
Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira 
Nº e Nome do indicador: 4.5 – Índice de auto sustentabilidade 
Res...
25 
Área Temática: 5 – Gestão Interna 
Nº e Nome do indicador: 5.1 – Porcentagem de cumprimento do regulamento de 
compras...
26 
PRODUTOS: 
Área Temática: 1 – Gestão de documentos e bens permanentes do OEP, durante o período de transição 
Nº e Nom...
Área Temática: 1 – Gestão de documentos e bens permanentes do OEP, durante o período de transição 
Nº e Nome do produto: 1...
28 
2.2 – Evolução histórica dos resultados alcançados: 
Área Temática: 1– Elevação da qualidade, confiabilidade e disponi...
29 
Obs.: de 2006 a 2008 a forma de cálculo do indicador era outra (% de redução de defeitos técnicos) 
Área Temática: 2 –...
30 
Indicador 2.3 – Índice de programação própria transmitida 
ÍNDICE DE PROGRAMAÇÃO PRÓPRIA TRANSMITIDA - maior melhor 
0...
31 
Indicador 2.5 – Tempo médio de programação com conteúdo sobre o interior mineiro 
(horas/mês): 
TEMPO MÉDIO DE PROGRAM...
32 
Área Temática: 3 – Jornalismo Abrangente e de qualidade 
Indicador 3.1 – Tempo médio de programação jornalística (hora...
33 
Indicador 3.3 – Produção de Material Jornalístico de Ações do Governo (reportagens/ trimestre) 
PRODUÇÃO DE MATERIAL J...
34 
Indicador 4.2 – Montante de recursos arrecadados do setor privado (R$ / trimestre) 
MONTANTE DE RECURSOS ARRECADADOS D...
35 
Indicador 4.3 – Índice de liquidez corrente: 
ÍNDICE DE LIQUIDEZ CORRENTE 
0,49 
0,75 
0,36 
1,04 
1,19 1,18 
2,70 
0,...
36 
Indicador 4.5 – Índice de auto sustentabilidade: 
ÍNDICE DE AUTO SUSTENTABILIDADE 
0,22 
0,20 
0,12 
0,48 0,49 
0,20 
...
37 
3 ‐ DEMONSTRATIVO DE RECEITAS E DESPESAS DO PERÍODO 
QUADRO 3 – COMPARATIVO DE RECEITAS E DESPESAS NO PERÍODO – Compet...
38 
4 – ANÁLISE DAS DESPESAS E RECEITAS DO PERÍODO 
1 ‐ ENTRADAS: 
1.1.2‐ Receita arrecadada em Função da Existência do TP...
6.227.116,00 orçados. A tendência é chegarmos, ao final do ano (36º PA), bem próximos do orçado, no grupo de 
despesas “Ga...
3777 17/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.982,28 
3802 18/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.982,82 
3835 21/...
41 
2 ‐ PROCESSOS EM CURSO ‐ RECLAMAÇÃO TRABALHISTA 
AUTOR OBJETO FASE ATUAL 
VR. 
DEPÓSITO 
JUDICIAL 
VR. 
CUSTAS E 
TAXA...
42 
Auro Queiroz 
Pereira 
Pedido acúmulo de 05 
funções e equiparação 
salarial com o 
paradigma Alexandre 
Perdigão e se...
43 
Cintia 
D'Angelo 
Castro 
A Reclamante não 
compareceu à 
audiencia inaugural. 
Processo arquivado. 
Cintia 
D'Angelo ...
44 
Eliane Cecília 
Machado 
Pinho 
Acúmulo de função, 
horas extras, intervalo 
intrajornada, 
equiparação salarial 
Real...
45 
Fábio Luiz dos 
Santos 
Cobrança de horas 
extras, horas 
intrajorandas, horas de 
sobreaviso,adicional de 
insalubrid...
46 
Izabel Regina 
Zolio da Silva 
Unicidade contratual 
de períodos 
descontínuos de 
trabalho na ADTV e 
horas extras 
E...
47 
Leonardo 
Eustáquio 
Alves Soares 
Alteração de função a 
partir de dezembro de 
2009, retificação da 
CTPS, diferença...
48 
Marcelo 
Mattos Abreu 
adicional por acúmulo 
de função, anulação do 
acordo para 
prorrogação de 
jornada de trabalho...
49 
Mariana 
Damasceno 
Soares Ribeiro 
Em 22/07/2013, a 
Reclamante desistiu 
da ação. 
Maurício 
Reginaldo 
Costa 
Contr...
50 
Paulo César 
Villela Jardim 
horas extras, nulidade 
do acordo de 
prorrogação de 
jornada de trabalho, 
horas extras ...
51 
Rodrigo 
Dinelli 
rodrigues 
Em 20/01/2014, 
audiencia uma 
realizada. O 
Reclamante desistiu 
da ação. 
Rogério da 
C...
52 
Thais 
Figueiredo 
Azze 
Adicional por acúmulo 
de função, nulidade do 
acordo de prorrogação 
de jornada, horas 
extr...
53 
Waltencir de 
Morais 
Nulidade de 
prorrogação de 
jornada e horas extras 
Em 16/10/2014, 
protocolada 
impugnação aos...
54 
4490 21/08/14 0,13 
JUROS/MULTA SOBRE ATRASO PAGTO 
INSS SOBRE COLETA E TRANSP DE 
RESÍDUOS SÓLIDOS ESPECIAIS ‐ 
RESSA...
55 
*FAPEMIG 
TERMO DE OUTORGA PROCESSO Nº. SHA‐19/11 
NOTA EXPLICATIVA I 
Outorgada e Gestora 
Associação de Desenvolvime...
56 
4 - MOVIMENTAÇÃO ENTRE CONTAS NO 3º TRIMESTRE/14 
SAÍDA ENTRADA 
Justificativa da Transferência 
Nº Lança‐mento 
Data ...
57 
5 – CONSIDERAÇÕES FINAIS 
O orçamento da ADTV para 2014, foi feito baseado na transição para o novo modelo de 
contrat...
58 
6 ‐ COMPROVANTES DE REGULARIDADE
59
60
61
62
35 relatorio gerencial_resultados
35 relatorio gerencial_resultados
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

35 relatorio gerencial_resultados

796 views

Published on

35º Relatório Gerencial

Published in: Government & Nonprofit
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

35 relatorio gerencial_resultados

  1. 1. Termo de Parceria celebrado entre a Fundação TV Minas Cultural e Educativa e a Associação de Desenvolvimento da Radiodifusão de Minas Gerais ‐ ADTV 1 35º Relatório Gerencial (Resultados) Período Avaliatório 01 de julho a 30 de setembro de 2014 Data de entrega do relatório: Data da Reunião da CA:
  2. 2. 2 Sumário: 1 – INTRODUÇÃO .............................................................................................................. 3 QUADRO 1 – INDICADORES - COMPARATIVO ENTRE AS METAS E RESULTADOS NO PERÍODO ...................................................................................... 5 QUADRO 1 – INDICADORES ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS E RESULTADOS NO PERÍODO ........................................................................................................................... 5 QUADRO 2 – PRODUTOS ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS E RESULTADOS NO PERÍODO ........................................................................................................................... 7 2.1 – Detalhamento dos resultados alcançados: ............................................................. 9 2.2 – Evolução histórica dos resultados alcançados: ..................................................... 28 3 ‐ DEMONSTRATIVO DE RECEITAS E DESPESAS DO PERÍODO ...................................... 37 QUADRO 3 – COMPARATIVO DE RECEITAS E DESPESAS NO PERÍODO .......................... 37 4 – ANÁLISE DAS DESPESAS E RECEITAS DO PERÍODO ................................................... 38 5 – CONSIDERAÇÕES FINAIS ........................................................................................... 57 6 – COMPROVANTES DE REGULARIDADE TRABALHISTA, PREVIDENCIÁRIA E FISCAL .... 58 7 – DECLARAÇÃO DO DIRIGENTE DA OSCIP ................................................................... 63 8 - DECLARAÇÃO DO SUPERVISOR DO TERMO DE PARCERIA ........................................ 64
  3. 3. 3 1 – INTRODUÇÃO Este relatório de atividades é o mecanismo de acompanhamento e avaliação do Termo de Parceria firmado entre a Fundação TV Minas Cultural e Educativa e a Associação de Desenvolvimento da Radiodifusão de Minas Gerais ‐ ADTV em 01/12/2005. Visa demonstrar o desempenho da entidade no desenvolvimento das atividades previstas no Termo de Parceria, no período de 01 de julho a 30 de setembro de 2014, a fim de permitir verificar se os resultados previstos nesta parceria estão sendo alcançados. O Termo de Parceria tem como objeto o fomento, execução e promoção de atividades culturais, educativas e informativas, por meio da produção e veiculação de radiodifusão. Trata‐se de um projeto de grande relevância, pois a Rede Minas, ao longo de seus 30 anos de história, vem garantindo a preservação do patrimônio material e imaterial, contribuindo para o desenvolvimento intelectual, social, cultural e econômico do Estado de Minas Gerais. TV de caráter cultural e educativo promove o intercâmbio com agentes de educação e cultura, por meio da produção e veiculação de programas de televisão de interesse público. Constitui a programação com base na diversidade cultural, cidadania, meio ambiente, educação, saúde, integração, informação, formação de cultura televisiva e prestação de serviços. Associada à ABEPEC – Associação Brasileira das Emissoras Públicas, Educativas e Culturais e à Rede Pública de Televisão, conta com uma rede de 44 emissoras afiliadas e está presente na maioria dos municípios do Estado de Minas Gerais. Espera‐se com a execução desta parceria, fortalecer a marca “Rede Minas” e atingir a nossa visão de futuro: “Ser referência nacional de televisão pública,
  4. 4. comprometida com a ética e cidadania, voltada para a produção e veiculação de conteúdos criativos, inovadores e de qualidade”. Em obediência ao parágrafo primeiro da Cláusula Oitava do Termo de Parceria e considerando a relevância da demonstração dos resultados obtidos, será apresentado neste relatório o comparativo entre as metas pactuadas e os resultados obtidos na condução das atividades propostas, sendo fornecidas informações complementares acerca dessas atividades, considerando o Quadro de Indicadores e Metas previstos no Programa de Trabalho. As fontes de comprovação dos indicadores aqui apresentados estão organizadas e arquivadas junto à Associação de Desenvolvimento da Radiodifusão de Minas Gerais ‐ ADTV e podem ser consultadas a qualquer momento pela Comissão de Avaliação, por representantes da Fundação TV Minas Cultural e Educativa ou representantes de órgãos de controle e auditoria. Ainda em consonância com a legislação pertinente, será apresentado o demonstrativo consolidado das receitas e despesas realizadas na execução do Termo de Parceria e suas notas explicativas. De maneira complementar, serão anexados a este relatório, os comprovantes de regularidade trabalhista, previdenciária e fiscal da entidade. 4 Ao final deste Relatório, são atestadas as informações aqui descritas, pelo Diretor Executivo da Associação de Desenvolvimento da Radiodifusão de Minas Gerais – ADTV.
  5. 5. 5 2 – COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E RESULTADOS QUADRO 1 – INDICADORES ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E RESULTADOS – 35º PERÍODO AVALIATÓRIO Área Temática Indicador Valores de Referência (V0)1 Peso (%) 35º PA METAS ACUMULADAS2 RESULTADOS ACUMULADOS 01/07/14 a 30/09/14 29° PA 30° PA 31° PA 32° PA METAS RESULTADOS 1 Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor técnico e da infra‐estrutura técnica erros operacionais 18 18 18 18 5 Não tem meta p/ 1.1 Número de ocorrências de o período Não tem meta p/ o período 12 falhas/trimestre no acumulado do ano 4 falhas/trim. no acum. do ano por defeitos técnicos 35 31 31 31 5 Não tem meta p/ 1.2 Tempo fora do ar ocasionado o período Não tem meta p/ o período 20,5 minutos/trim. no acumulado do ano 0 (zero) minuto/ trimestre no acum. do ano 2 Qualidade e diversidade da grade de programação 2.1 Tempo médio de programação própria transmitida 230 196,62 165,16 169,09 2 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período 215 horas/mês no acumulado do ano 225,6 h/mês no acum. do ano 2.2 Tempo médio de programação própria inédita transmitida 99 100 84 86 8 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período 97 horas/mês no acumulado do ano 90,6 h/mês no acum. do ano própria transmitida 0,756 1,035 1,035 1,035 3 Não tem meta p/ 2.3 Índice de programação o período Não tem meta p/ o período 0,822 no acumulado do ano (índice) 0,671 no acum. do ano (índice) programação interativa 48 35 30 30 6 Não tem meta p/ 2.4 Tempo médio de o período Não tem meta p/ o período 39,5 horas/mês no acumulado do ano 36,0 h/mês no acum. do ano 2.5 Tempo médio de programação com conteúdo do interior mineiro 31 20 20 15 7 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período 26 horas/mês no acumulado do ano 13,0 h/mês no acum. do ano Interprogramação 96 96 96 96 2 Não tem meta p/ 2.6 Tempo médio de o período Não tem meta p/ o período 96 horas/mês no acumulado do ano 100,0 h/mês no acum. do ano
  6. 6. 6 Área Temática Indicador Valores de Referência (V0)1 Peso (%) 35º PA METAS ACUMULADAS2 RESULTADOS 01/07/14 a 30/09/14 ACUMULADOS 29° PA 30° PA 31° PA 32° PA METAS RESULTADOS 3 Jornalismo abrangente e de qualidade jornalística 75 59 51 51 9 Não tem meta p/ 3.1 Tempo médio de programação o período Não tem meta p/ o período 41,5 horas/mês no acum. do ano 44,3 h/mês no acum. do ano transmissão ao vivo ‐ ‐ ‐ 4 8 Não tem meta p/ 3.2 Eventos c/ cobertura especial e o período Não tem meta p/ o período 2 eventos no acum. do ano 2 (dois) eventos no acum. do ano 3.3 Produção de material jornalístico de atos, fatos, programas e ações do Governo do Estado (acumulado) 230 460 690 920 6 1018 reportagens no acum. do ano 1268 reportagens no acum. do ano 1018 reportagens no acum. do ano 1268 reportagens no acum. do ano 4 Evolução da situação financeira 4.1 Montante de recursos diretamente arrecadados do Setor Público (acumulado) 1.591.992,66 3.183.985,31 4.775.977,97 6.367.970,62 7 * * R$ 2.021.159,25 no acum.do ano R$ 2.475.516,54 no acum. do ano 4.2 Montante de recursos diretamente arrecadados do Setor Privado (acumulado) 180.250,00 360.500,00 540.750,00 721.000,00 7 * * R$ 228.840,75 no acum. do ano R$ 188.527,68 no acum. do ano 4.3 Índice de liquidez corrente 1,00 1,00 1,00 1,00 5 1,00 (índice) ao final do trimestre 0,75 (índice) ao final do trimestre 1,00 no acum. do ano 0,75 no acum. do ano tecnológica ‐ ‐ ‐ 3 4 * * 0,0112 4.4 Índice de atualização no ano 0,0017 no acum. do ano 4.5 Índice de auto‐sustentabilidade 0,24 0,35 0,35 0,35 5 * * 0,10 no ano 0,12 no acum. do ano 5 Gestão Interna 5.1 Porcentagem de cumprimento do Regulamento de Compras e Contratações 100% 100% 100% 100% 5 100 % no trimestre “Em aguardo” (será entregue na RCA e incluído no cálculo da nota) 100% no acum. do ano “Em aguardo” * Indicadores com avaliação anual (ver o acompanhamento do acumulado no ano nas colunas de metas e resultados acumulados). 1 Valores de referência do indicador, constantes do quadro de indicadores e metas, pág. 15, 16 e 17 do XIV aditivo. 2 As metas e os resultados acumulados referem‐se à vigência do Termo de Parceria / Termo Aditivo, devendo ser preenchidos ao longo da execução do instrumento, de modo a tornar mais clara a divulgação dos resultados.
  7. 7. 7 QUADRO 2– PRODUTOS ‐ COMPARATIVO ENTRE AS METAS PREVISTAS E RESULTADOS – 35º PERÍODO AVALIATÓRIO Área Temática Ação Produto Peso (%) Início Término Período Avaliatório Resultado 1 Gestão de documentos e bens permanentes do o OEP, durante o período de transição 1.1 Apuração dos bens cedidos e adquiridos pela ADTV para incorporação ao Acervo Patrimonial do Órgão Estatal Parceiro Relatório conclusivo elaborado pela ADTV e aprovado pela FTVM 40% Jan/2014 Abr/2014 34º Conclusão sobre este produto, que consta do 34º RCA: O inventário geral de bens cedidos e adquiridos foi entregue, mas os demais itens demandados não foram entregues, quais sejam: parecer técnico de bens inservíveis ou obsoletos e realização de sindicâncias de bens desaparecidos. Esses itens não foram cumpridos por conta da mudança do planejamento, no qual a OSCIP e o OEP acordaram em receber e realizar os levantamentos dos bens por lote e gradualmente. Sendo assim, em função do acordo e novo planejamento realizado entre OEP e OSCIP, a Comissão deliberou favoravelmente quanto à desconsideração deste produto, bem como recomendou sua repactuação em novo termo aditivo, com nova descrição que esteja alinhada com o novo planejamento. 1.2 Apuração do acervo documental técnico em posse da ADTV para incorporação do OEP. Relatório conclusivo elaborado pela ADTV e aprovado pela FTVM 30% Jan/2014 Abr/2014 34º Conclusão sobre este produto, que consta do 34º RCA: Quanto a esse produto, também houve mudança no planejamento da OSCIP e OEP. Tendo em vista a migração das equipes de produção e jornalismo para a FTVM, a atividade programada não pôde ser realizada pela ADTV. Dessa forma, ficou acordado que a FTVM faria o levantamento e a ADTV complementaria com algumas informações, principalmente relacionadas ao CEDOC e às informações jurídicas quanto ao registro de marcas, patentes, e materiais de áudio e vídeo. Sendo assim, diante deste acordo realizado entre OEP e OSCIP, a Comissão deliberou favoravelmente quando a desconsideração deste produto, bem como recomendou a sua repactuação em novo termo aditivo, com nova descrição que esteja alinhada com o novo planejamento acordado.
  8. 8. 8 2 Produção do Departamento de Projetos Especiais 2.1 Produção de vídeos institucionais e programas sob demanda com a meta de 3 contratos em aberto, para execução no decorrer do ano, com as Secretarias de Educação, de Saúde e de Governo Relatório elaborado pelo Departamento de Projetos Especiais 30% Jan/2014 Dez/2014 36º Avaliação anual (ao final de dez/14)
  9. 9. 9 2.1 – Detalhamento dos resultados alcançados: Área Temática: 1‐ Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor técnico e da infra‐estrutura técnica Nº e Nome do indicador: 1.1 – Número de ocorrências de erros operacionais Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Relatório Consolidado de Ocorrências
  10. 10. 10 Área Temática: 1‐ Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor técnico e da infra‐estrutura técnica Nº e Nome do indicador: 1.2 – Tempo fora do ar ocasionado por defeitos técnicos Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Relatório de Ocorrências do Controle Mestre
  11. 11. 11 Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do indicador: 2.1 ‐ Tempo médio de programação própria transmitida Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre) e Sistema de Gerenciamento de Programação (TV+)
  12. 12. 12 Área Temática: 2 – Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do Indicador: 2.2 – Tempo médio de programação própria inédita transmitida Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre) e Sistema de Gerenciamento de Programação (TV+)
  13. 13. 13 Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do indicador: 2.3 – Índice de programação própria transmitida (Hs inéditas/Hs reapresentadas) Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre)
  14. 14. 14 Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do indicador: 2.4 – Tempo médio de programação interativa Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre)
  15. 15. 15 Área Temática: 2 ‐ Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do indicador: 2.5 – Tempo médio de programação com conteúdo do interior mineiro Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre); Sistema de Gerenciamento de Programação (TV+); Sinopse dos Programas e Relatório dos Coordenadores
  16. 16. 16 Área Temática: 2 – Qualidade e diversidade da grade de programação Nº e Nome do indicador: 2.6 – Tempo médio de interprogramação Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre); Relatório do Controle Mestre baseado no Sistema de Gerenciamento de Programação (TV+)
  17. 17. 17 Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e de qualidade Nº e Nome do indicador: 3.1 – Tempo médio de programação jornalística Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre)
  18. 18. 18 Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e de qualidade Nº e Nome do indicador: 3.2– Eventos com cobertura especial e transmissão ao vivo Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não tem meta p/ o período Não tem meta p/ o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Com a transição das atividades finalísticas da ADTV para a FTVM, em razão da realização de concurso público para o provimento de cargos na estrutura da Fundação TV Minas e redução da estrutura de pessoal da ADTV, não foi estipulada meta para este indicador, no 3º trimestre. Novas metas finalísticas serão estipuladas para a ADTV a partir da definição de um novo escopo para o 15° Termo Aditivo. Fonte de comprovação do indicador
  19. 19. Roteiro de Programação On‐line (Controle Mestre) e Relatório dos Coordenadores Área Temática: 3 ‐ Jornalismo abrangente e de qualidade Nº e Nome do indicador: 3.3– Produção de material jornalístico de atos, fatos, programas e ações do Governo 19 de Minas Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 1018 reportagens no acumulado do ano 1268 reportagens no acumulado do ano Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Ficamos 24,55 % acima da meta. (Polaridade: maior >> melhor). Indicador criado no 4º trimestre de 2012. Mostra o número de reportagens produzidas pelo Núcleo de Multimídia da ADTV, sobre atos, fatos, programas e ações do Governo de Minas. O Núcleo Multimídia foi desativado a partir de julho/14 e não fará mais parte do Termo de Parceria. As metas relacionadas às suas atividades serão extintos no 15° Termo de Parceria. Fonte de comprovação do indicador Relatório do Projetos Especiais
  20. 20. 20 Área Temática: 4 – Evolução da situação financeira Nº e Nome do indicador: 4.1 – Montante de recursos arrecadados do setor público Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 R$ 2.694.879,00 no ano * * Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório * Indicador de avaliação anual. ‐ A título de acompanhamento, listamos, abaixo, os recursos arrecadados do setor público, no trimestre e o total arrecadado no acumulado do ano: Data Objeto Depositante Valor 09/07/14 Projeto BDMG BDMG 16.854,62 11/07/14 Campanha Dengue Secretaria de Saúde - SES 55.523,32 21/07/14 Projeto BDMG BDMG 33.709,25 21/07/14 Projeto BDMG BDMG 49.101,67 29/07/14 Campanha Expansão da Rede GASMIG 7.565,04 31/07/14 Vídeo Aula Dengue Secretaria de Saúde - SES 64.958,97 04/08/14 Campanha Expansão da Rede GASMIG 4.322,88 20/08/14 Campanha Nossa Cemig CEMIG 38.576,08 21/08/14 Campanha Nossa Cemig CEMIG 11.383,28 27/08/14 Campanha Água para Todos Ministério da Integr. Social 42.172,80 05/09/14 Campanha Água da Gente COPASA 69.369,00 15/09/14 Campanha Balanço 2014 SEGOV 407.591,04 22/07/14 Finalização do Projeto FAPEMIG (devolução) ADTV p/ SEF (DAE) (79.212,11) 23/07/14 Finalização do Projeto Benjamim - O Contador de Histórias (devolução ADTV p/ SEF (GRU) (63.737,79) 24/07/14 Finalização do Projeto FAPEMIG (devolução) ADTV p/ SEF (DAE) (22,27) TOTAL SETOR PÚBLICO NO TRIMESTRE 658.155,78 TOTAL SETOR PÚBLICO NO ACUMULADO DO ANO 2.475.516,54 Obs.: 1) Conforme consulta realizada à SEPLAG, os valores devolvidos nas finalizações de projetos entram como receita negativa. 2) Considerando a meta para os três primeiros trimestres (proporcional à anual) como sendo R$ 2.021.159,00, estamos acima da meta em 22,5% (R$ 2.475.516,54). Fonte de comprovação do indicador Controladoria da ADTV
  21. 21. 21 Área Temática: 4 – Evolução da situação financeira Nº e Nome do indicador: 4.2 – Montante de recursos arrecadados do setor privado Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 R$ 305.121,00 no ano* * Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório * Indicador de avaliação anual. ‐ A título de acompanhamento, listamos, abaixo, os recursos arrecadados do setor privado, no trimestre e o total arrecadado no acumulado do ano: Data Objeto Depositante Valor 11/07/14 Gravação em estúdio do programa Cine Magazine Trade Produção e Comunicação Ltda. 450,00 07/08/14 Gravação em estúdio do programa Cine Magazine Trade Produção e Comunicação Ltda. 2.700,00 21/08/14 Gravação e edição do DVD Minas ao Luar Serviço Social do Comércio - SESC 27.320,54 11/09/14 Gravação em estúdio do programa Cine Magazine Trade Produção e Comunicação Ltda. 2.250,00 16/07/14 Devolução de depósito indevido feito em 30/05/14 pela Magnesita ADTV p/ Magnesita (13,50) TOTAL SETOR PRIVADO NO TRIMESTRE 32.707,04 TOTAL SETOR PRIVADO NO ACUMULADO DO ANO 188.527,68 ‐ Considerando a meta para os três primeiros trimestres (proporcional à anual) como sendo R$ 228.841,00, estamos abaixo da meta em 17,6%. Fonte: Controladoria da ADTV
  22. 22. 22 Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira Nº e Nome do indicador: 4.3 – Índice de liquidez corrente Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 1,00 0,75 Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório ATIVO CIRCULANTE(Menos Recursos de Convênios) 4.748..281,52 PASSIVO CIRCULANTE (Menos Convênios) 6.353.129,71 ILC - Índice de Liquidez Corrente* 0,75 Ficamos em 75 % da meta e a tendência é aproximarmos mais ainda, ao final do ano (36º PA). Fonte de comprovação do indicador Controladoria (Relatório de Evolução das Contas de Resultado e Balancete)
  23. 23. 23 Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira Nº e Nome do indicador: 4.4 – Índice de atualização tecnológica Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 0,0112 no ano (índice) * Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Descrição 3º trimestre 2014 (acum. no ano) Recursos em atualização tecnológica 44.167,33 Recurso total 24.929.906,29 IAT - Índice de Atualização Tecnológica 0,0017 *Indicador de avaliação anual. Para efeito de acompanhamento, no acumulado do ano, o índice está em 0,0017, basicamente devido aos gastos previstos com o Projeto TV Digital, que se encerrarão no último período avaliatório, quando o índice deverá chegar próximo à meta. Fonte de comprovação do indicador Controladoria (Relatório de Evolução das Contas de Resultado e Balancete)
  24. 24. 24 Área Temática: 4 ‐ Evolução da situação financeira Nº e Nome do indicador: 4.5 – Índice de auto sustentabilidade Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 0,10 no ano (índice) * Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Descrição 3º Trimestre 2014 (acum. no ano) Receita Arrecadada (receita própria) + Rec. Financeira 2.945.143,32 Recurso total 24.929.906,29 IA - Índice de Auto Sustentabilidade 0,12 * Indicador de avaliação anual. Para efeito de acompanhamento, no acumulado do ano o índice está em 0,12 (acima da meta em 20,0%). Fonte de comprovação do indicador Controladoria (Relatório de Evolução das Contas de Resultado e Balancete)
  25. 25. 25 Área Temática: 5 – Gestão Interna Nº e Nome do indicador: 5.1 – Porcentagem de cumprimento do regulamento de compras e contratações Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 100 % Em aguardo* Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório *O valor deste trimestre, para o indicador, ficará “em aguardo” e será informado na Reunião de Avaliação. O resultado entrará no cálculo da nota. Fonte de comprovação do indicador Processos de Compras – Relatório ou e‐mail do Supervisor do Termo de Parceria
  26. 26. 26 PRODUTOS: Área Temática: 1 – Gestão de documentos e bens permanentes do OEP, durante o período de transição Nº e Nome do indicador: 1.1 – Apuração dos bens cedidos e adquiridos pela ADTV, para incorporação ao Acervo Patrimonial da FTVM Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não há meta para o período Não há produto para o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Não há produto para o período. Fonte de comprovação do indicador Relatório da ADTV
  27. 27. Área Temática: 1 – Gestão de documentos e bens permanentes do OEP, durante o período de transição Nº e Nome do produto: 1.2 – Apuração do acervo documental técnico em posse da ADTV para incorporação da FTVM 27 Resultados alcançados no período avaliatório Período avaliatório Meta do período avaliatório Resultado do período avaliatório 01/07/14 a 30/09/14 Não há meta para o período Não há produto para o período Informações relevantes acerca da execução do indicador no período avaliatório Não há produto para o período. Fonte de comprovação do indicador Relatório da ADTV/ Relatório do CEDOC (Centro de Documentação)
  28. 28. 28 2.2 – Evolução histórica dos resultados alcançados: Área Temática: 1– Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor técnico e da infra‐estrutura técnica Indicador 1.1 – Número de erros operacionais (erros/trimestre): NÚMERO DE ERROS OPERACIONAIS (menor melhor) 20 15 14 15 29 4 18 12 15 19 20 Meta; no máximo, 45 50 45 40 35 30 25 20 15 10 5 0 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ÊRROS OPERACIONAIS/trimestre REALIZADO META Obs.: de 2006 a 2008 a forma de cálculo do indicador era outra (% de redução de erros operacionais) Área Temática: 1– Elevação da qualidade, confiabilidade e disponibilidade do setor técnico e da infra‐estrutura técnica Indicador 1.2 – Tempo fora do ar ocasionado por defeitos técnicos (minutos/trimestre): TEMPO FORA DO AR POR PROBLEMA TÉCNICO (menor melhor) 14,7 31,1 21,5 13,4 0 39,0 50,75 32 20,5 60 Meta; 41,25 41,25 70 60 50 40 30 20 10 0 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim MINUTOS REALIZADO META
  29. 29. 29 Obs.: de 2006 a 2008 a forma de cálculo do indicador era outra (% de redução de defeitos técnicos) Área Temática: 2 – Qualidade e diversidade da grade de programação Indicador 2.1 – Tempo médio de programação própria transmitida (horas/mês): TEMPO MÉDIO DE PROGRAMAÇÃO PRÓPRIA TRANSMITIDA - maior melhor 332 346 348 304 263 272 227 241,4 225,6 285 318 250 250 250 250 Meta; 234 199,7 215 400 350 300 250 200 150 100 50 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS HORAS/ MÊS REALIZADO META Obs.: As metas e os realizados dos anos de 2006 a 2008 foram convertidos de hora cheia p/ hora efetiva, para igualar a unidade de medição com a de 2009 a 2014. Indicador 2.2 – Tempo médio de programação própria inédita transmitida (horas/mês): TEMPO MÉDIO DE PROGRAMAÇÃO PRÓPRIA INÉDITA TRANSMITIDA - maior melhor 118 117 120 121 119 116 118 105,7 102 97 90,6 121 118 120 120 Meta; 157 165 97 180 160 140 120 100 80 60 40 20 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS HORAS / MÊS REALIZADO META Obs.: As metas e os realizados dos anos de 2006 a 2008 foram convertidos de hora cheia p/ hora efetiva, para igualar a unidade de medição com a de 2009 a 2014.
  30. 30. 30 Indicador 2.3 – Índice de programação própria transmitida ÍNDICE DE PROGRAMAÇÃO PRÓPRIA TRANSMITIDA - maior melhor 0,671 1,123 0,779 0,822 Meta; 1,035 0,965 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS ÍNDICES REALIZADO META Obs2.: O indicador índice de programação própria transmitida foi criado no 4º trimestre/12. Indicador 2.4 – Tempo médio de programação interativa (horas/mês): TEMPO MÉDIO DE PROGRAMAÇÃO INTERATIVA - maior melhor 36 47,3 39 37 34 54 50 54 53 39,5 39 Meta; 28 40 40 40 39 49 40 60 50 40 30 20 10 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS HORAS / MÊS REALIZADO META Obs.: As metas e os realizados dos anos de 2006 a 2008 foram convertidos de hora cheia p/ hora efetiva, para igualar a unidade de medição com a de 2009 a 2014.
  31. 31. 31 Indicador 2.5 – Tempo médio de programação com conteúdo sobre o interior mineiro (horas/mês): TEMPO MÉDIO DE PROGRAMAÇÃO COM CONTEÚDO SOBRE O INTERIOR MINEIRO - maior melhor 30 32 30 31 13 26,4 36 33 30 26 22,8 Meta; 12 35 35 35 35 34 25 40 35 30 25 20 15 10 5 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim HORAS / MÊS REALIZADO META Obs.: As metas e os realizados dos anos de 2006 a 2008 foram convertidos de hora cheia p/ hora efetiva, para igualar a unidade de medição com a de 2009 a 2014. Indicador 2.6 – Tempo médio de Interprogramação (horas/mês) HORAS DE INTERPROGRAMAÇÃO - maior melhor 100 109 107,7 96 Meta; 96 96 110 105 100 95 90 85 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS HORAS/ MÊS REALIZADO META Obs.: Indicador criado a partir do último trimestre de 2012. Anteriormente as horas de interprogramação compunham o indicador 2.1 Tempo Médio de Programação Própria Transmitida.
  32. 32. 32 Área Temática: 3 – Jornalismo Abrangente e de qualidade Indicador 3.1 – Tempo médio de programação jornalística (horas/mês): TEMPO MÉDIO DE PROGRAMAÇÃO JORNALÍSTICA - maior melhor 44,3 55,4 77 43 41 47 60 80 83 41,5 58,3 Meta; 38 38 41 55 54 54 50 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim HORAS / MÊS REALIZADO META Obs.: As metas e os realizados dos anos de 2006 a 2008 foram convertidos de hora cheia p/ hora efetiva, para igualar a unidade de medição com a de 2009 a 2014. Indicador 3.2 – Eventos com cobertura especial e transmissão ao vivo ‐ eventos/ano (aferição anual): EVENTOS COM COBERTURA ESPECIAL E TRANSMISSÃO AO VIVO - maior melhor 12 2 4 8 12 14 13 14 4 2 4 Meta; 6 8 12 12 12 12 4 16 14 12 10 8 6 4 2 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-3º trim ANOS EVENTOS / ANO REALIZADO META
  33. 33. 33 Indicador 3.3 – Produção de Material Jornalístico de Ações do Governo (reportagens/ trimestre) PRODUÇÃO DE MATERIAL JORNALÍSTICO DE AÇÕES DO GOVERNO - MATÉRIAS/TRIMESTRE (maior melhor) 322 394 422,7 407 132 386 450 400 350 300 250 200 150 100 50 0 2012 2013 2014-3º trim ANOS MATÉRIAS/ TRIMESTRE REALIZADO META Área Temática: 4 – Evolução da situação financeira Indicador 4.1 – Montante de recursos arrecadados do setor público (R$ / trimestre) MONTANTE DE RECURSOS ARRECADADOS DO SETOR PÚBLICO - R$/ TRIMESTRE (maior melhor) 1.337.958 2.475.503 2.021.159 1.460.741 Meta; 1.762.857 1.371.598 3000000 2500000 2000000 1500000 1000000 500000 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-até 3º trim ANOS R$/ TRIMESTRE REALIZADO META
  34. 34. 34 Indicador 4.2 – Montante de recursos arrecadados do setor privado (R$ / trimestre) MONTANTE DE RECURSOS ARRECADADOS DO SETOR PRIVADO - R$ / TRIMESTRE (maior melhor) 401.000 347.736 Meta; 228.841 225.000 188.528 457.449 500000 450000 400000 350000 300000 250000 200000 150000 100000 50000 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-até 3º trim ANOS R$/ TRIMESTRE REALIZADO META FATURAMENTO COM PROJETOS ESPECIAIS - R$/ANO 712.768 1.664.799 1.956.333 4.777.320 1.670.751 1.408.473 Meta; 650.000 750.000 1.600.000 1.600.000 1.600.000 1.600.000 6.000.000 5.000.000 4.000.000 3.000.000 2.000.000 1.000.000 0 2006 2007 2008 2009 2010 2011 ANOS R$ / ANO REALIZADO META Obs.: Até 2011 o indicador referia‐se ao faturamento apenas do Setor de Projetos Especiais e não separava faturamento c/setor público e faturamento c/ setor privado. A partir de 2012 o indicador foi desdobrado em dois: faturamento c/ setor público e faturamento c/ setor privado, já apresentados acima, e que referem‐se ao faturamento total da Gerência de Marketing. Para efeito deste acompanhamento, apresentamos acima o gráfico para o antigo indicador (período 2006 a 2011).
  35. 35. 35 Indicador 4.3 – Índice de liquidez corrente: ÍNDICE DE LIQUIDEZ CORRENTE 0,49 0,75 0,36 1,04 1,19 1,18 2,70 0,39 0,89 META; 1,12 1,18 1,12 1,09 1,09 1,03 1,00 1,00 1,00 3,00 2,50 2,00 1,50 1,00 0,50 0,00 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-até 3º trim ANOS ÍNDICES REALIZADO META Indicador 4.4 – Índice de atualização tecnológica (aferição anual): ÍNDICE DE ATUALIZAÇÃO TECNOLÓGICA 6,55 0,0017 4,23 1,00 6,00 6,00 4,01 6,77 1,21 3,00 0,0112 Meta; 10,00 10,00 10,00 7,00 3,00 3,00 3,00 12,00 10,00 8,00 6,00 4,00 2,00 0,00 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-até 3º trim ANOS ÍNDICES REALIZADO META
  36. 36. 36 Indicador 4.5 – Índice de auto sustentabilidade: ÍNDICE DE AUTO SUSTENTABILIDADE 0,22 0,20 0,12 0,48 0,49 0,20 0,16 0,32 0,10 Meta; 0,45 0,45 0,45 0,35 0,30 0,60 0,50 0,40 0,30 0,20 0,10 0,00 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014-até 3º trim ÍNDICES REALIZADO META Obs.: Indicador criado a partir de 2008 Área Temática: 5 – Gestão interna Indicador 5.1 – Porcentagem de cumprimento do regulamento de compras: PERCENTUAL DE CONFORMIDADE DOS PROCESSOS - maior melhor 100% 100% 100% 86% Meta; 100% 100% 90% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 2012 2013 2014-até 3º trim ANOS PORCENTAGEM REALIZADO META
  37. 37. 37 3 ‐ DEMONSTRATIVO DE RECEITAS E DESPESAS DO PERÍODO QUADRO 3 – COMPARATIVO DE RECEITAS E DESPESAS NO PERÍODO – Competência Tabela 2 - Comparativo entre Receitas e Gastos Previstos e Realizados no Período em Regime de Competência ORÇADO REALIZADO Realizado (/) Previsto Previsto 1 Entrada de (-) Realizado Recursos Acumulado Mês 7 Mês 8 Mês 9 TOTAL Acumulado Mês 7 Mês 8 Mês 9 01/07/14 TOTAL a 31/07/14 01/08/14 a 31/08/14 01/09/14 a 30/09/14 01/07/14 a 31/07/14 01/08/14 a 31/08/14 01/09/14 a 30/09/14 1.1 Receitas 1.1.1 Repasses do Termo de Parceria - 2.301.626,53 - - 2.301.626,53 - - - 2.301.626,53 2.301.626,53 100,00% (0,00) 1.1.2 Receita Arrecadada em Função do TP - 250.000,00 250.000,00 250.000,00 750.000,00 - 85.177,20 126.475,58 479.210,04 690.862,82 92,12% 59.137,18 1.1.3 Rendimentos de Aplicações Fin. - 12.109,00 12.109,00 12.109,00 36.327,00 - 48.053,89 31.655,41 33.865,24 113.574,54 312,64% (77.247,54) 1.1.4 Outras Receitas - - - - - - - - - - - - (E) Total de Entradas: - 2.563.735,53 262.109,00 262.109,00 3.087.953,53 - 133.231,09 158.130,99 2.814.701,81 3.106.063,89 100,59% (18.110,36) 2 Saída de Recursos Acumulado Mês 7 Mês 8 Mês 9 TOTAL Acumulado Mês 7 Mês 8 Mês 9 TOTAL Realizado (/) Previsto Previsto (-) Realizado 2.1 Despesas de Pessoal 2.1.1 Salários - 305.855,17 305.855,17 305.855,17 917.565,51 - 412.555,69 156.767,47 159.313,62 728.636,78 79,41% 188.928,73 2.1.2 Estagiários - 3.685,00 3.685,00 3.685,00 11.055,00 - - - - - 0,00% 11.055,00 2.1.3 Encargos - 216.135,01 216.135,01 216.135,01 648.405,02 - 1.937.550,21 571.139,54 619.533,69 3.128.223,44 482,45% (2.479.818,42) 2.1.4 Benefícios - 12.253,00 12.253,00 12.253,00 36.759,00 - 21.144,66 8.286,51 16.328,97 45.760,14 124,49% (9.001,14) Subtotal (Pessoal): - 537.928,18 537.928,18 537.928,18 1.613.784,53 - 2.371.250,56 736.193,52 795.176,28 3.902.620,36 241,83% (2.288.835,83) 2.2 Gastos Gerais - 485.723,00 485.723,00 485.723,00 1.457.169,00 - 608.261,41 429.418,83 2.243.276,10 3.280.956,34 225,16% (1.823.787,34) 2.3 Aquisição de Bens Permanentes - 5.600,00 17.000,00 - 22.600,00 - 727,90 129,00 807,12 1.664,02 7,36% 20.935,98 (S) Total de Saídas: - 1.029.251,18 1.040.651,18 1.023.651,18 3.093.553,53 - 2.980.239,87 1.165.741,35 3.039.259,50 7.185.240,72 232,26% (4.091.687,19)
  38. 38. 38 4 – ANÁLISE DAS DESPESAS E RECEITAS DO PERÍODO 1 ‐ ENTRADAS: 1.1.2‐ Receita arrecadada em Função da Existência do TP: No trimestre, tanto no setor público como no setor privado tivemos recebimentos um pouco abaixo do orçado (690.862,82 realizados, para 750.000,00 orçados). No entanto, no acumulado do ano, conforme os indicadores 4.1 e 4.2, estamos acima do orçado em 18,40% (2.664.044,22 realizados, para 2.250.000,00 orçados). A tendência é alcançarmos a meta ao final de 2014 (36º período avaliatório). 2 – SAÍDAS: 2.1‐ Despesas com Pessoal: No trimestre, as despesas com pessoal (3.902.620,36) ficaram acima do valor orçado (1.613.784,53), em função de: 1) adiamento, de abril para maio, das demissões dos cargos de áreas finalísticas; 2) antecipação para julho do encerramento do Núcleo Multimídia e 3) algumas demissões não orçadas, na área administrativa e de Projetos Especiais. Este déficit é compensado por superávit no período avaliatório anterior, tanto que, no acumulado do ano, gastamos menos que o orçado 5,38% (orçados 17.093.710,62 – 16.173.870,97 realizados = 919.839,71). É certo que chegaremos ao final de 2014 (36º PA) com superávit no grupo de despesas “Pessoal”, ou seja, gastaremos menos que o orçado. 2.2 ‐ Gastos Gerais: No trimestre, os gastos gerais (3.280.956,34) ficaram acima do orçado (1.457.169,00), devido ao pagamento de aluguéis que estavam sendo negociados com o locador do prédio Sede (1.761.913,24), envolvendo 05 parcelas de 2013 previstas na memória de cálculo de 2014 e suas correções, bem como diferenças referentes aos aluguéis de janeiro a julho de 2014, que foram pagos no valor antigo. No trimestre, fora os aluguéis negociados, em gastos gerais, realizamos R$ 1.519.043.10, ficando, praticamente, dentro do valor orçado de 1.457.169,00. O déficit devido a aluguéis compensa superávit do 1º trimestre, quando estava previsto o pagamento das parcelas pendentes de 2013, que vinham sendo adiadas devido à negociação das correções, que estavam sendo cobradas pela locadora. No acumulado do ano, os gastos gerais estão em 6.332.107,53, muito pouco acima dos
  39. 39. 6.227.116,00 orçados. A tendência é chegarmos, ao final do ano (36º PA), bem próximos do orçado, no grupo de despesas “Gastos Gerais”. Na 34ª RCA, foi pedido que a ADTV negociasse as tarifas bancárias, já que o volume de dinheiro movimentado durante o ano pela ADTV justificaria isenções. A tesouraria da ADTV informou que já foi conversado com o Itaú, sem sucesso. Segundo a Diretora Administrativo‐Financeira da ADTV, já está sendo verificada a possibilidade de transferência das contas para o Banco do Brasil, onde poderão ser negociadas as isenções. Também na 34ª RCA, foi pedido que o fundo fixo fosse desmembrado, com o lançamento de todas as notas do mesmo. Foi criada, no Relatório Gerencial Financeiro, a aba “Fundo Fixo”, nos mesmos moldes do “Diário”. Nela, cada fundo fixo é desmembrado, com o detalhamento de cada gasto. 39 2.3 ‐ Aquisições de Bens Permanentes: No trimestre a aquisição de bens permanentes (1.664,02) ficou bem abaixo do orçado (22.600,00), devido ao restante de bens previstos no Projeto TV Digital, que ainda não se foram adquiridos. A previsão é que se realizem no próximo período avaliatório (36º PA). A tendência é o realizado bem próximo do orçado, ao final do ano, já que nosso orçamento para bens permanentes foi, praticamente, o saldo dos projetos FAPEMIG e TV Digital. Conforme solicitado pela Comissão de Avaliação e pelo ofício 001A/14 do Supervisor do Termo, seguem, abaixo, os demonstrativos 1) “Movimentação da Conta de Reserva de Recursos”, 2) “Processos Trabalhistas em Curso”, 3) “Juros e Multas/Ressarcimentos” e 4) “Movimentação entre Contas”: 1 - MOVIMENTAÇÃO DA CONTA DE RESERVAS DE RECURSOS - 09078-2 – ADTV ENTRADAS JUSTIFICATIVA/ OBJETO SAÍDAS Nº do Nº do SALDO lança-mento Data Valor lança-mento Data Valor 3349 01/07/14 126.179,35 TRANSFERÊNCIA DE VALOR APURADO NO RENDIMENTO DA APLICAÇÃO FINANCEIRA NA C/C 22409‐2 (DE 01/01 A 30/06/14) 126.179,35 TARIFA MAX CONTA JULHO/14 3347 41821 325,00 125.854,35 TARIFA MAX CONTA JULHO/14 3348 41821 325,00 125.529,35 SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL 3350 01/07/14 97.491,10 28.038,25 TRANSFERÊNCIA DE VALOR APURADO REFERENTE A JUROS PAGOS NA C/C 22409‐2, POR FALTA DE RECURSO FINANCEIRO (LANÇAMENTO 3449) 3405 02/07/14 25.754,95 2.283,30 3406 02/07/14 20,20 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 2.303,50 TARIFA MAX CONTA JULHO/14 3601 09/07/14 325,00 1.978,50 3602 09/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.979,04 3618 10/07/14 0,53 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.979,57 3676 14/07/14 1,09 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.980,66 3743 16/07/14 1,08 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.981,74
  40. 40. 3777 17/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.982,28 3802 18/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.982,82 3835 21/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.983,36 3944 23/07/14 1,08 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.984,44 3955 24/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.984,98 3976 25/07/14 0,55 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.985,53 3991 28/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.986,07 4009 29/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.986,61 4018 30/07/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.987,15 4048 31/07/14 0,55 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.987,70 4063 01/08/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.988,24 4091 04/08/14 0,54 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.988,78 TARIFA MAX CONTA JULHO/14 4104 05/08/14 325,00 1.663,78 4105 05/08/14 0,47 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.664,25 4149 06/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.664,73 4158 07/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.665,21 4180 08/08/14 0,60 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.665,81 40 BLOQUEIO JUDICIAL 00015540720135030001 ‐ AÇAO GUILHERME SANDER 4196 11/08/14 120,37 1.545,44 4197 11/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.545,92 4220 12/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.546,40 DESBLOQUEIO JUDICIAL 00015540720135030001 ‐ AÇAO GUILHERME SANDER 4239 13/08/14 ‐120,37 1.666,77 4240 13/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.667,25 4253 14/08/14 0,97 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.668,22 4272 18/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.668,70 4339 19/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.669,18 4423 20/08/14 0,49 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.669,67 4487 21/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.670,15 4518 22/08/14 0,49 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.670,64 4534 25/08/14 0,48 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.671,12 4685 27/08/14 0,97 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.672,09 4692 28/08/14 0,49 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.672,58 4706 29/08/14 0,49 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.673,07 4725 01/09/14 0,37 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.673,44 TARIFA MAX CONTA AGOSTO/14 4744 02/09/14 325,00 1.348,44 4745 02/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.348,82 4770 03/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.349,20 4786 04/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.349,58 4811 05/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.349,96 4865 08/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.350,34 4899 09/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.350,72 4921 10/09/14 0,39 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.351,11 4935 11/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.351,49 4946 12/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.351,87 4962 15/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.352,25 4992 16/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.352,63 5000 17/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.353,01 5022 19/09/14 0,77 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.353,78 5063 22/09/14 0,37 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.354,15 5082 23/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.354,53 5090 24/09/14 0,39 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.354,92 5100 25/09/14 0,01 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.354,93 5101 25/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.355,31 5116 26/09/14 0,39 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.355,70 5126 29/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.356,08 5139 30/09/14 0,38 RENDIMENTO APLICAÇÃO DIÁRIA 1.356,46
  41. 41. 41 2 ‐ PROCESSOS EM CURSO ‐ RECLAMAÇÃO TRABALHISTA AUTOR OBJETO FASE ATUAL VR. DEPÓSITO JUDICIAL VR. CUSTAS E TAXAS VR. ATUAL VR. ESTIMADO HONORÁRIOS DE SUCUMBÊNCIA POSSIBILI‐ DADE DE PERDA Adeilton de Oliveira Ribeiro Multa art. 477 da CLT, diferença de acúmulo de função, salário subsituição com reflexos e pagamento de honorários advocatícios ao sindicato Designada nova data da audiencia de instrução para 03/02/2015 às 11:30 hs. 0,00 0,00 50.000,00 15% sobre o valor da causa Possível Ademilson do Nascimento Ferreira adicional por acúmulo de função, anulação do acordo para prorrogação de jornada de trabalho, pagamento da 6a. E 7a. Hora trabalhada, horas extras além da 7a. Hora diária, intervalo intrajornada, multa de 100% sobre as horas extras, honorários advocatícios. Em 15/10/2014 recebemos notificação com designação de audiencia inaugural para dia 07/11/2014, às 13:50 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Alexandre Augusto Perdigão Nascimento Em 12/02/2014, audiencia inaugural realizada. O Reclamante desistiu da ação. Alexandre Augusto Perdigão Nascimento Acúmulo de funções, retificação da CTPS, horas extras, horas intrajornada com reflexos, multa da CCT, indenização por descontos indevidos efetuados na folha de pagamento, pagamento do dobro do valor das férias, por não ter sido concedida dentro do período legal, multa do art 467 Em 31/03/2014 protocolamos defesa com documentos 0,00 0,00 100.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Alison Alves de Souza horas extras, nulidade de aviso previo ‐ pagamento de novo aviso prévio, diferença salarial, horas intrajornada, Audiencia inaugural designada para 06/11/2014 às 14:30 hs. 0,00 0,00 38.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível
  42. 42. 42 Auro Queiroz Pereira Pedido acúmulo de 05 funções e equiparação salarial com o paradigma Alexandre Perdigão e seus reflexos Em 07/07/2014 protocolamos contra‐razões de Recurso de Revista e contra‐minuta de Agravo de Instrumento 0,00 0,00 400.000,00 15% sobre o valor da causa Remota Breno Boaviagem de Araújo Equiparação salarial com Mariana Damasceno Ribeiro e em decorrência, o recebimento das diferenças com reflexos e honorários advocatícios Em 15/10/2014 foi determinada a apresentação de cálculos de liquidação pelas partes, em 10 dias sucessivos, iniciando pela ADTV. 5.000,00 100,00 5.000,00 Não há (Justiça gratuita) Provável Breno Conde Fernandes Adicional por acúmulo de função, horas extras, intervalo intrajoranda e interjornada, adicional noturno, pagamento em dobro pelos feriados laborados, RSR, equiparação salarial, multa convencional, honorários advocatícios Em 10.10.2014 foi determinada a apresentação, pela ADTV, de documentos, em 10 dias. 0,00 0,00 30.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Brisa Ramos Marques Adicional por acúmulo de função, horas extras além da 5a. Diária, intervalo intrajornada, horas extras ‐ intervalo que precede a jornada suplementar, multa convencional, nulidade do aviso prévio. Audiencia inaugural designada para 22/01/2015, às 08:35 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Cláudio Gomes Brandão dos Santos Adicional por acúmulo de função, horas extras além da 5a. Diária, nulidade do acordo de prorrogação de jornada, horas extras além da 7a. Diária, Repouso Semanal Remunerado em dobro, intervalo intrajornada, multa convenconal, adicional noturno, nulidade do aviso prévio, honorários advocatícios. Audiencia inaugural designada para 24/02/2015 às 09:00 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível
  43. 43. 43 Cintia D'Angelo Castro A Reclamante não compareceu à audiencia inaugural. Processo arquivado. Cintia D'Angelo Castro Adicional por acúmulo de função, nulidade do acordo de prorrogação de jornada, horas extras, intervalo intrajornada, nulidade do aviso prévio Em 11/07/2014 foi realizada audiencia inaugural e designada audiencia de instrução e julgamento em 03/06/2015, às 11:00 hs. 0,00 0,00 200.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Cristiano Abud Barbosa Acúmulo de funções, equiparação salarial, horas extras e todos os reflexos Em 04/2/14 protocolamos contraminuta ao Agravo de Instrumento e contra‐razões ao recurso de revista 0,00 0,00 30.000,00 Não há (Justiça gratuita) Remota Diego Alves Lopes Em 28/02/2014, processo arquivado. Daniel Melo Coutinho Adicional por acúmulo de função, nulidade do acordo de prorrogação de jornada, horas extras além da 7a. diária, 6a. e 7a. hora como extra, intervalo intrajornada, repouso em dobro, multa de 100% sobre as horas extras, honorários advocatícios. Em 15/10/2014 recebemos notificação, designando audiencia inaugural para 19/03/2015 às 09:50 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Denize de Fátima Alves diferença do adicional por acúmulo de função, horas extras, nulidade do acordo de prorrogação da jornada de trabalho, intervalo intrajornada, intervalo que precede a jornada suplemantar, multa de 100% sobre horas extras, honorários advocatícios Em 08/10/2014, realizada audiencia inaugural. Audiencia de instrução designada para 20/05/2015, às 11:30 hs. Prazo de 10 dias, a contar de 13/10/2014, para juntar rol de testemunhas 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Edson de Souza Foureaux Contratado pela ADTV como repórter cinematográfico requereu unicidade contratual e horas extras Em 07/10/2014, o TST indeferiu o agravo apresentado pela FTVMinas. 0,00 259,32 0,00 Não há Julgada procedente parcialmente, condenação já paga
  44. 44. 44 Eliane Cecília Machado Pinho Acúmulo de função, horas extras, intervalo intrajornada, equiparação salarial Realizada audência inaugural em 18/03/2014. Designada audiência de instrução e julgamento para 02/05/2015 às 10:45. Juntamos rol de testemunhas em 14/05/2014 0,00 0,00 30.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Emmerson Silva Lopes Desvio de função, retificação da CTPS, pagamento da diferença salarial, horas extras, horas intrajornada, horas interjornada com reflexos, pagamento dos domingos e feriados trabalhados, adicional noturno, multas convencionais Em 21/08/2014 foi publicado ‐ Nossa testemunha André Cristino, justificou sua ausencia à audiencia e está ciente da nova data. À testemunha do Reclamante, Helio Farnese, foi aplicada multa de R$1.500,00 por faltar e não justificar. 0,00 0,00 160.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Evandro Antonio de Oliveira Equiparação salarial com Igoberto dos Santos Oliveira,diferença do adicional por acúmulo de função, horas extras, RSR sobre as horas extras, nulidade do aviso prévio, multa do art. 467 da CLT, indenização por danos morais, honorários advocatícios, multa convencional. Em 19/09/2014 foi determinado que se especificasse as provas que desejem produzir. Em 26/09/2014, protocolo online da da especificação de provas. Em 09/10/2014, designada Audiencia de instrução para 05/06/2015, às 10:30 hs. Apresentar rol de testemunhas em 10 dias. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Fabiana Bontempo Adaid Adicional por acúmulo de funções, horas extras, intervalo intrajornada, ressarcimento de desconto indevido, nulidade de aviso prévio, honorários advocatícios Audiencia inaugural designada para 03/11/2014 às 14:00 hs. 0,00 0,00 60.000,00 não há(Justiça gratuita) Provável
  45. 45. 45 Fábio Luiz dos Santos Cobrança de horas extras, horas intrajorandas, horas de sobreaviso,adicional de insalubridade por participar de reportagens em hospitais Audiência inaugural realizada em 21/11/13. Designada audiência de instrução para o dia 06/11/14. Em 05/12/13 arrolamos testemunhas 0,00 0,00 72.966,51 Não há (Justiça gratuita) Provável Fernanda Brescia Abreu horas extras, nulidade do acordo de prrogação de jornada, intervalo intra e interjornada, adicional noturno, RSR, diferenças salariais por acúmulo de função e desvio de função, salário substituição, equiparação salarial, honorários advocatícios Em 01/10/2014, protocolamos rol de testemunhas. 0,00 0,00 30,000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Frances Elisa Cardoso Pinto Unicidade contratual entre FTVM e ADTV, acúmulo de funções e horas extras Em 29/09/2014, vista as partes sobre os recursos ordinários. Em 15/10/2014, fizemos protocolo online das contra‐razões ao Recurso Ordinário. 7.485,83 400,00 20.000,00 Não há (Justiça gratuita) Provável Frederico Gonçalves Costa Em 29/07/2014, o Reclamante desistiu da ação. Gladyston Caetano da Conceição diferença do adicional por acúmulo de função, horas extras, nulidade do aviso prévio, honorários advocatícios Em 28/08/2014, realizada audiencia inaugural. Desistencia em relação ao Estado de Minas Gerais. AIJ designada para 12/08/2015 às 11:15 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Guilherme Sander Dummond Cobrança de horas extras, acúmulo de funções e danos morais Em 02/10/2014, prazo para o Reclamante contraminutar o agravo de petição apresentado pela ADTV 9.000,00 180,00 20.464,79 Não há (Justiça gratuita) Provável Gilmar de Deus Paraguai O Reclamante pretende receber multa pela homologação da rescisão de seu contrato de trabalho fora do prazo e honorárioa advocatícios Em 30/09/2014, contraminutar agravo de instrumento e contra‐arrazoar recurso de revista. Em 08/10/2014, apresentamos contra‐razões e contra‐minuta. 0,00 0,00 não há não há(Justiça gratuita) Remota
  46. 46. 46 Izabel Regina Zolio da Silva Unicidade contratual de períodos descontínuos de trabalho na ADTV e horas extras Em 08/10/2014, a Reclamante para receber alvará. 27.772,52 0,00 250.000,00 Não há (Justiça gratuita) Certa em alguns pedidos. Em fase de execução João Elias Neto Cobrança de indenização por danos morais, pelas sitrações a que foi exposto e foi dispensado a dois anos e meio de se aposentar, sem cumprimento de aviso prévio. Requer também acúmulo de função, horas extras, horas trabalhadas em feriados e domingos e equiparação salarial 24/07/2014 ‐ audiencia adiada para 03/11/2014 às 12:20 hs., uma vez que a testemunha Jomar não apareceu. 0,00 0,00 200.000,00 Não há (Justiça gratuita) Provável José Antônio de Souza Adicional por acúmulo de função, equiparação salarial, horas extras, suspensão abusiva (indenização por danos morais, multa do art 467 da CLT) Apresentamos embargos de declaração. Em 16/09/2014, embargos julgados improcedentes. Em 19/09/2014, protocolamos Recurso Ordinário. Em 30/09/2014, vista dos recursos ordinários, prazo legal e sucessivo, ordem de castro, com interstício de 48 hs. Entre os prazos. 7.485,83 1.800,00 90,000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível José Martins Acúmulo de função e equiparação salarial Em 23/09/2014, informamos endereço correto da testemunha Luciana Duarte Barbosa. 0,00 0,00 54.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Leandro Silva Lopes Em 23/06/2014 realizada audiencia inaugural. O Reclamante desistiu da ação. Leandro Silva Lopes horas extras,intervalo intra e interjornada, adicional noturno RSR, pagamento de feriados em dobro, diferença salarial por acúmulo de função, salário substituição, equiparação salarial, honorários advocatícios Em 30/09/2014, audiencia inaugural realizada. Audiencia de instrução designada para 26/03/2015 às 10:30 hs. Prazo para arrolar testemunhas de 10 dias, a partir de 03/10/2014. Em 13/10/2014, protocolo online do rol de testemunhas. 0,00 0,00 30.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível
  47. 47. 47 Leonardo Eustáquio Alves Soares Alteração de função a partir de dezembro de 2009, retificação da CTPS, diferenças salariais, horas extras, horas intrajornadas e reflexos Em 23/09/2014, vista ao Reclamante para contraminutar agravo de instrumento e contra‐arrazoar recurso de revista. 23.000,00 0,00 20.000,00 Não há (Justiça gratuita) Provável em alguns pedidos Luciana Santos Martins Adicional por acúmulo de função, nulidade do acordo de prorrogação de jornada, horas extras, horas extras plantões, intervalo intrajornada, horas extras pela não concessão de intervalo que precede a hornada suplementar da mulher, multa convencional Audiência inaugural designada para 07/08/2014 às 08:55. Reclamante não compareceu. Reclamação Trabalhista arquivada. 0,00 0,00 0,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Luiz Carlos Gomes Santiago Inexistência de justa causa na rescisão, indenização por danos morais, diferença do acúmulo de função, duplo contrato de trabalho, horas extras, horas intrajornada, verbas rescisórias, restituição dos descontos indevidos na TRCT, multas Em 02/10/2014, tomar ciencia de que será realizada audiencia para oitiva de testemunha em Tangará da Serra/MT, no dia 14/10/2014 às 09:30 hs. 0,00 0,00 170.981,88 Não há (Justiça gratuita) Remota Luis Eduardo Novak Maiorana diferença do adicional por acúmulo de função, horas extras,intervalo intrajornada,multa 100% sobre horas extras, honorários advocatícios Em 06/10/2014, abriram vista para o Reclamante sobre nossa defesa. 0,00 0,00 50.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Marcelo Lopes de Oliveira Falta de anotação das promoções em sua CTPS, além de não constar o valor correto dos salários. Pagamento de horas extras e horas trabalhadas nos domingos em dobro. Pretende receber o abono convencional Em 30/09/2014, realizada audiencia de instrução. Julgamento em 10/10/2014. Em 10/10/2014, julgada procedente em parte a reclamação. 0,00 0,00 1.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível
  48. 48. 48 Marcelo Mattos Abreu adicional por acúmulo de função, anulação do acordo para prorrogação de jornada de trabalho, pagamento da 6a. E 7a. Hora trabalhada, horas extras além da 7a. Hora diária, intervalo intrajornada, multa de 100% sobre as horas extras, honorários advocatícios Em 15/10/2014 recebemos notificação designando audiencia inaugural para 10/12/2014, às 08:20 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) possível Marcelo Cerqueira de Assis O Reclamante pretende receber diferença salarial em virtude de equiparação salarial, horas extras, intervalo intrajornada, desvio de função, indenização por danos morais. Em 26/09/2014, protocolo online de contra‐razões ao recurso ordinário. 0,00 0,00 0,00 não há(Justiça gratuita) Remota Márcio Rogério Vieira Machado Reclamante editor de VT requereu equiparação salarial com o paradigma Jorge Eduardo de Castro, tb editor de VT e acúmulo de funções c/ operador de VT à base de 40% Em 21/02/14 foi julgada parcialmente procedente a ação, condenando apenas a FTVM 0,00 0,00 0,00 15% sobre o valor da causa Remota Maria Elizabeth Alves Em 03/09/2014, Reclamante não compareceu à audiencia ‐ processo arquivado. Maria Elizabeth Alves Indenização substitutiva, horas extras, diferença de vales‐transportes, indenização por dano moral. Em 02/10/2014, a Reclamante desistiu da ação 0,00 0,00 0,00 não há(Justiça gratuita) Remota(a responsabilidade é da JR. A ADTV tem apenas responsabilidade subsidiária) Mariana Bontempo Adaid Acúmulo de funções, horas extras, nulidade de acordo de pré‐contratação de horas extras, intervalo que precede a hora suplementar da mulher, multa convencional Em 06/10/2014, o TRTMG reverteu a decisão em favor da Reclamante. Em 13/10/2014, protocolo online de embargos declaratórios. 0,00 0,00 150.000,00 Não há (Justiça gratuita) Remota Mariana da Cunha Frota Maioline Em 06/10/2014, realizada audiencia inaugural. Reclamante desistiu da ação.
  49. 49. 49 Mariana Damasceno Soares Ribeiro Em 22/07/2013, a Reclamante desistiu da ação. Maurício Reginaldo Costa Contratado pela ADTV como radialista, requereu direitos atinentes à profissão de jornalista referentes a horas extraordinárias Não houve conciliação em audiencia. Designado Perito para cálculos em 27/06/2014. 10.714,51 0,00 18.240,78 Não há Praticamente certo Mayra de Oliveira Santos Horas extras, intervalo intrajornada, horas extras pela não concessão de intervalo anterior ao horário suplementar da mulher, equiparação salarial (diferenças salariais e refelexos), multas convencionais Realizada audência inaugural em 27/03/2014. Designada audiência de instrução e julgamento em 10/02/2015 às 15:45 0,00 0,00 80.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Nazia Aparecida Pereira Nulidade da pré‐contratação de horas extras, pagamento da 6ª e 7ª horas diárias como extras, horas além da 7ª diária, horas de sobreaviso, horas intrajornada, com reflexos; intervalo que precede a jornada suplementar da mulher, multa convencional sobre horas extras, acúmulo de função, indenização por danos morais Em 03/09/2014 foi dada vista à Reclamante sobre nosso Recurso Ordinário. 7.485,83 800,00 100.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Nelyzeth Lisboa Assis diferença salarial decorrente da equiparação salarial e isonomia por desvio de função, adicional por acúmulo de função, anulação do acordo de prorrogação de jornada de trabalho, 6a. e 7a. horas trabalhadas, horas extras além da 7a. Hora diária, intervalo intrajornada, intervalo que precede a jornada suplementar, multa de 100% sobre as horas extras, honorários advocatícios. Em 15/10/2014 recebemos notificação, designando audiencia inaugural para 10/11/2014 às 13:50 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) possível
  50. 50. 50 Paulo César Villela Jardim horas extras, nulidade do acordo de prorrogação de jornada de trabalho, horas extras além da 5a. Diária, horas extras além da 7a. Diária, horas extras plantões, intervalo intrajornada, multa convencional Em 30/09/2014, tomar ciencia da designação de perícia contábil. Apresentar quesitos e assistente em 5 dias. Em 02/10/2014, apresentar quesitos e assistente em 5 dias. Em 07/10/2014, apresentamos quesitos e assistente. 0,00 0,00 55.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Rachel dos Reis Nogueira Desvio de fução, indenização por danos morais, abono, abono proporcional, participação nos resultados, participação nos resultados proporcional, multa do art 467 da CLT Em 14/10/2014, audiencia de instrução realizada. Julgamento em 24/10/2014. 0,00 0,00 62.568,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Renato Gomes Miranda equiparação salarial e isonomia de tratamento, adicional por acúmulo de função, horas extras, RSR sobre horas extras, multa convencional, nulidade do aviso prévio, multa art. 467 da CLT, honorários advocatícios Em 30/09/2014, audiencia inaugural realizada. Audiencia de instrução designada para 25/11/2014, às 10:40 hs. Testemunhas no prazo de 15 dias a partir de 30/09/2014. Em 10/10/2014, apresentamos rol de testemunhas 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Rodrigo Ribeiro Chaves Nulidade do pedido de demisssão, reversão em dispensa sem justa causa, diferença das verbas rescisórias, horas extras, intervalo intra e interjornada, pagamento em dobro de feriados laborados, adicional noturno, repouso semanal remunerado, acúmulo de função, indenização por danos morais, multa dos artigos 467 e 477 da CLT, honorários advocatícios Em 02/10/2014, realizada audiencia inaugural. Audiencia de instrução designaa para 14/09/2015, às 11:15 hs. 0,00 0,00 60.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível
  51. 51. 51 Rodrigo Dinelli rodrigues Em 20/01/2014, audiencia uma realizada. O Reclamante desistiu da ação. Rogério da Conceição Pinto Coelho horas extras, intervalo intrajornada, equiparação salarial com Carlos Alberto de Paula,aviso prévio, multa 477 da CLT, abono convencional, multas convencionais Recebida notificação em 03/09/2014. Audiencia inaugural designada para 23/02/2015 às 09:10 hs. 0,00 0,00 45.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível Sergio Pedrosa de Deus Liberação do FGTS, adicional por acúmulo de função, horas extras, minutos anteriores e posteriores, intervalo intrajornada, despesas com viagens, multa convencional, multa art. 477 da CLT, multa art. 467 da CLT, diferenças salariais. Em 23/09/2014, audiencia de conciliação realizada. Audiencia de instrução designada para 31/08/2015 às 15:15 hs. 0,00 0,00 183.210,60 não há(Justiça gratuita) Possível Sérgio Ricardo de Souza adicional por acúmulo de função,horas extras acima da 6a. Hora diária, horas extras pela supressão do intervalo, RSR sobre horas extras, multa de 100% sobre horas extras, nulidade do aviso prévio trabalhado, multa do art. 467 da CLT, honorários advocatícios. Em 15/10/2014 recebemos notificação designando audiencia inaugural para 03/11/2014 às 13:15 hs. 0,00 0,00 100.000,00 não há(Justiça gratuita) possível Tecia Garcias Fonseca Em 09/09/2014, a Reclamante desistiu da ação. Tecia Garcias Fonseca Horas extras, intervalo intrajornada, RSR, intervalo não concedido antes da jornada suplementar, acúmulo de função, assédio moral(indenização por danos morais), aviso prévio, multa por atraso no pagamento das verbas rescisórias, multas convencionais Em 02/10/2014, audiencia inaugural realizada. Audiencia de instrução designada para 17/09/2015 às 10: 45 hs. 10 dias para arrolar testemunha, iniciando no dia 06/10/2014. Em 15/10/2014, apresentamos rol de testemunhas. 0,00 0,00 60.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível
  52. 52. 52 Thais Figueiredo Azze Adicional por acúmulo de função, nulidade do acordo de prorrogação de jornada, horas extras, horas extras plantões, intervalo intrajornada, horas extras pela não concessão de intervalo que precede a hornada suplemntar da mulher, multa convencionl, salário substituição e nulidade do aviso prévio trabalhado, férias 20/12/2013 em dobro, multa do art 477 da CLT Em 10/10/2014, apresentamos rol de testemunhas. 0,00 0,00 200.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Valdimar Almeida Loiola Pagamento de horas extras, horas intrajornada, horas interjornada com reflexos, pagamento dos domingos e feriados trabalhados em dobro, dano moral, danos materiais, multas convencionais e retificação da CTPS Em 06/10/2014, a reclamação foi julgada improcedente. 0,00 0,00 100.000,00 Não há (Justiça gratuita) Possível Vanderley Eustáquio de Oliveira e Paulo Roberto de Araújo Prestes Pedido de diferenças salariais e seus reflexos Em 23/09/2014, apresentamos memorial. 0,00 0,00 173.732,74 Não há (Justiça gratuita) Possível Wagner Alves Marzagao horas extras, intervalo intrajornada, intervalo interjornada, domingos e feriados laborados, adicional noturno, diferenças salariais devido a desvio de função, abono salarial, multas convencionais, retificação da CTPS, Recebida notificação em 26/08/2014. Audiencia inaugural designada para 29/05/2015 às 09:10 hs. 0,00 0,00 700.000,00 não há(Justiça gratuita) Possível
  53. 53. 53 Waltencir de Morais Nulidade de prorrogação de jornada e horas extras Em 16/10/2014, protocolada impugnação aos cálculos oficiais. Em 16/10/2014, a Reclamada foi citada para pagamento do débito em 48 hs., sob pena de penhora e avaliação. 18.196,42 0,00 543.707,47 Não há (Justiça gratuita) Certa em alguns pedidos. Em fase de execução TOTAIS 116.140,94 3.539,32 5.623.872,77 3 - JUROS E MULTAS - RESSARCIMENTOS - 3º TRIMESTRE/14 - ADTV PAGAMENTOS (JUROS E MULTAS) JUSTIFICATIVA/ OBJETO RESSARCIMENTOS POSIÇÃO Nº do lança-mento Data Valor Nº do lança-mento Data Responsável 3961 24/07/14 32,30 MULTA / JUROS SOBRE ATRASO NO PAGTO DA FATURA QUE VENCEU EM 25/06 ‐ A FATURA FOI ENTREGUE NA ADTV PELO CORREIO EM 24/06 ÀS 14:26 HS Em apuração de responsabilidade Em apuração de responsabilidade 3962 24/07/14 49,51 MULTA / JUROS SOBRE ATRASO NO PAGTO DA FATURA QUE VENCEU EM 25/06 ‐ A FATURA FOI ENTREGUE NA ADTV PELO CORREIO EM 24/06 ÀS 14:26 HS Em apuração de responsabilidade Em apuração de responsabilidade 3985 25/07/14 758,69 PAGTO DAE REFERENTE A JUROS/MULTA COBRADOS INDEVIDAMENTE NA CONTA 64734‐9 BB ‐ EM 30/04 (571,77) E 02/05/13 (186,92) ‐ PROJETO FAPEMIG . PROCESSO QUE SOLICITA RESSARCIMEMTO TRAMITA NA JUSTIÇA , NOTA JURÍDICA 010/14. (SOMADO AO LANÇAMENTO 3987, O TOTAL DO DAE É DE 796,89). O Banco. A ADTV entrou com processo na Justiça pedindo ressarcimento. Ver nota explicativa abaixo Ver nota explicativa abaixo * 4095 04/08/14 102,15 MULTA TRANSITO VEÍCULO OLQ5556 EM 20/04/14 CONDUZIDO POR SANDRO DA CUNHA MARQUES (O VALOR FOI DESCONTADO NA FOLHA DE JULHO/14) Sandro da Cunha Marques Descontado do responsável, na folha de pagamento de julho/14 4096 04/08/14 68,10 MULTA TRANSITO VEÍCULO KDG9134 EM 08/05/14 CONDUZIDO POR JORGE ALEIXO AMARO (O VALOR É DESCONTADO EM FOLHA) Jorge Aleixo Amaro A multa foi recebida após a homologação da rescisão do colaborador. RH enviou carta solicitando o ressarcimento 4121 05/08/14 18,53 MULTA S/ FGTS RESCISÃO CONTRATO DE TRABALHO ‐ SANDRO DA CUNHA MARQUES ‐ RESSARCIDA PELO COLABORADOR PALLEMBERG DIAS EM 18/08 (lançamento 4285) 4285 18/08/14 Pallemberg Dias (RH) Ressarcido
  54. 54. 54 4490 21/08/14 0,13 JUROS/MULTA SOBRE ATRASO PAGTO INSS SOBRE COLETA E TRANSP DE RESÍDUOS SÓLIDOS ESPECIAIS ‐ RESSARCIDO PELA COLABORADORA ERILMA BORGES, NESTA DATA (lançamento 4491) 4491 21/08/14 Erilma Borges (Controladoria) Ressarcido 4836 05/09/14 26,37 ISSQN ALL CARD (PGTO. INDEVIDO E RESSARCIDO POR Odeir Onorato em 18/09 ‐ LANÇAMENTO 5015) 5015 18/09/14 Odeir Onorato (Controladoria) Ressarcido 4859 05/09/14 0,29 JUROS SOBRE ISSQN SOBRE NF 166193 ‐ CONS ÓTIMO DE BILHETAGEM (REEMBOLSADO PELO RH em 09/09/14‐ lançamento 4919) 4919 09/09/14 Pallemberg Dias (RH) Ressarcido 4906 09/09/14 0,44 JUROS/MULTA SOBRE ATRASO PAGTO ISSQN ‐ UNIMED ‐ RESSARCIDO NESTA DATA PELO RH (lançamento 4908) 4908 09/09/14 Pallemberg Dias (RH) Ressarcido 4907 09/09/14 0,44 JUROS/MULTA SOBRE ATRASO PAGTO ISSQN ‐ UNIMED ‐ RESSARCIDO NESTA DATA PELO RH (lançamento 4909) 4909 09/09/14 Pallemberg Dias (RH) Ressarcido 4937 11/09/14 102,15 MULTA TRANSITO VEÍCULO OLQ5556 EM 30/05/2014 CONDUZIDO POR JOSE AUGUSTO LIBERATO José Augusto Liberato A multa foi recebida após a homologação da rescisão do colaborador. RH enviou carta solicitando o ressarcimento 4948 12/09/14 0,16 MULTA SOBRE ATRASO PAGTO ISSQN NF 2013 ‐ MAIS INFORMÁTICA ‐ SERÁ RESSARCIDO EM 15/09/04 (lançamento 4974) 4974 15/09/14 Controladoria Ressarcido 4976 15/09/14 1,66 CONFECÇÃO DE CRACHÁS E CORDÕES ‐ VR CORRETO 766,30 ‐ DIFERENÇA DE 1,66 SERÁ RESSARCIDA Controladoria Será ressarcido 4971 15/09/14 3,03 MULTA/JUROS POR ATRASO PAGTO FGTS ‐ SANDRO MARQUES ‐ SERÁ RESSARCIDO RH Será ressarcido 4972 15/09/14 1,12 MULTA/JUROS POR ATRASO PAGTO FGTS ‐ ANDRÉ VINICIUS DE MORAES ‐ SERÁ RESSARCIDO RH Será ressarcido 4973 15/09/14 127,62 MULTA/JUROS POR ATRASO PAGTO FGTS ‐ SHEYLA ANDRADE MARAVILHA ‐ SERÁ RESSARCIDO RH Será ressarcido 5004 17/09/14 6,16 JUROS SOBRE ATRASO PAGTO FATURA 18421 ‐ COLORTEL ‐ RESSARCIDO EM 18/09/14 (LANÇAMENTO 5016) 5016 18/09/14 Controladoria Ressarcido OBSERVAÇÃO: O orçamento 2014 não prevê estes gastos com processos e recursos trabalhistas.
  55. 55. 55 *FAPEMIG TERMO DE OUTORGA PROCESSO Nº. SHA‐19/11 NOTA EXPLICATIVA I Outorgada e Gestora Associação de Desenvolvimento da Radiodifusão de MG Em 19/04/2013, estava programado um pagamento R$48.065,00 à VS Data Comercial de Informática Ltda. O setor responsável pelo pagamento foi à agência bancária para efetuar o depósito ao credor, mas antes disso consultou o gerente da conta para certificar‐se que não haveria cobrança de tarifa sobre aquele cheque, uma vez que o saldo da conta estava todo aplicado. O gerente informou que não seria cobrado qualquer tipo de tarifa, que o resgate da aplicação seria automática, vistando o cheque e assim autorizando o seu pagamento. Pois bem, em 24/04/2013, foi constatada a cobrança de R$38,20, referente a adiantamento ao depositante; R$571,77 em 30/04/2013, referente a juros sobre saldo devedor e R$186,92 em 02/05/2013, referente à IOF sobre saldo devedor. Foi feito contato com a Instituição Financeira com finalidade de conseguir o estorno dos valores cobrados indevidamente, porém os valores cobrados não foram devolvidos. Não restou outra possibilidade senão apresentar a referida situação ao Judiciário para buscar a reparação dos descontos indevidos, o que foi feito em 27/09/2013, processo nº 90783447.73.2013.813.0024. Como até a finalização do projeto ainda não havia ocorrido a audiência para a solução do problema, a Outorgada efetuou via DAE (em anexo) o pagamento no valor de R$796,89 referente as taxas cobradas indevidamente pelo banco. Em anexo a documentação para análise.
  56. 56. 56 4 - MOVIMENTAÇÃO ENTRE CONTAS NO 3º TRIMESTRE/14 SAÍDA ENTRADA Justificativa da Transferência Nº Lança‐mento Data Conta Valor Nº Lança‐mento Data Conta Valor 3369 01/07/14 22409 126.179,35 3349 01/07/14 9078 126.179,35 Transferência de rendimentos de aplicação financeira, da conta 22409, no período de 01/01 a 30/06/14, para a conta de reserva de recursos 3405 02/07/14 9078 25.754,95 3449 03/07/14 22409 25.754,95 Transferência da conta de reserva de recursos, referente a ressarcimento de juros e multas pagos pela conta 22409, conforme ofício nº OF/SUPERV/FTVM/001A/14, do Supervisor do TP 3773 16/07/14 64734 5.800,00 3765 16/07/14 22414 5.800,00 VALOR REF A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE EVENTUAL INSTRUTOR PEDAGÓGICO PAGO ERRONEAMENTE COM RECURSO DA FAPEMIG. EM 20/03/14, POR ISSO, ESTÁ SENDO DEVOLVIDO PARA A CONTA 64734‐9 ‐ BB (LANÇAMENTO 3773) 4019 30/07/14 14820 1.760,38 4030 30/04/14 22409 1.760,38 DEVOLUÇÃO PARA A CONTA 22409‐2 DA DESPESA DE INSS SOBRE FOLHA DE PESSOAL ‐ NÚCLEO INFANTIL ‐ PAGO EM 18/07/14 4250 13/08/14 65050 20.464,79 4249 13/08/14 65050 20.464,79 BLOQUEIO JUDICIAL 00015540720135030001 ‐ AÇAO GUILHERME SANDER ‐ TRANSFERÊNCIA DE CONTA DE APLICAÇÃO PARA CONTA CORRENTE 5014 18/09/14 14820 2.461,89 5019 18/09/14 22409 2.461,89 RESSARCIMENTO À C/C 22409‐2 FOLHA DE PAGTO PESSOAL ‐ JULHO/14 PAGA EM 11/08/14 (LEANDRO RINCO DA SILVA) 5027 19/09/14 22409 200.000,00 5028 19/09/14 22409 200.000,00 RESSARCIMENTO DE ENGARGOS FEITO PELA CONSTRUTORA CONCRETO POR TER SIDO PAGO ERRONEAMENTE PELA CONTA 22409 ‐ OS ENCARGOS (200.000,00) FORAM PAGOS NESTA MESMA DATA PELA CONTA 22414
  57. 57. 57 5 – CONSIDERAÇÕES FINAIS O orçamento da ADTV para 2014, foi feito baseado na transição para o novo modelo de contratação de pessoal pela Fundação TV Minas, imposto pelo Ministério Público Estadual, já implementado. A arrecadação própria está dentro da orçada e assim se manterá até o final de 2014. As despesas da ADTV foram reduzidas às mínimas necessárias, tanto com “pessoal”, como com “gastos gerais” e “aquisição de bens permanentes”. No trimestre, nos “gastos com pessoal” operamos acima do orçado, devido ao adiamento de rescisões de abril para maio, que postergou parte das despesas com rescisões para julho e também devido às rescisões do pessoal do Núcleo Multimídia antecipadas para julho, bem como demissões não orçadas no Administrativo e nos Projetos Especiais. Este déficit compensa o superávit do trimestre anterior. Conforme quadro apresentado à página 42 “Processos em Curso – Reclamação Trabalhista”, temos esta previsão de gastos que não foram contemplados no orçamento 2014. Em “gastos gerais” ficamos acima do orçado, basicamente, devido ao pagamento de 05 aluguéis de 2013 que vinham sendo negociados com o locador. Aqui também o déficit compensa superávit do 1º trimestre, para quando estava previsto o pagamento daqueles aluguéis. Fora os aluguéis negociados (1.761.913,24), em gastos gerais, realizamos R$ 1.519.043.10, ficando dentro do valor orçado de 1.457.169,00. No acumulado do ano, incluindo aluguéis, estamos dentro do orçado Em “aquisição de bens permanentes”, também ficamos abaixo do orçado, devido à contenção de despesas que nos levou a adquirir apenas o restante dos bens previstos no Projeto TV Digital, o que deverá ocorrer no próximo trimestre.
  58. 58. 58 6 ‐ COMPROVANTES DE REGULARIDADE
  59. 59. 59
  60. 60. 60
  61. 61. 61
  62. 62. 62

×