Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Recursos minerais

6,475 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Recursos minerais

  1. 1.  Minerais metálicos Minerais não metálicos Minerais energéticos Rochas industriais Rochas ornamentais Águas minerais naturais Águas de nascente
  2. 2.  Recursos minerais são concentrações minerais na crosta terrestre cujas características fazem com que a sua extração seja, ou possa chegar a ser, técnica e economicamente viável.
  3. 3.  São aqueles que em cuja constituição se encontram substâncias metálicas. < ferro < cobre <estanho < volfrâmio
  4. 4.  Em Portugal os minerais metálicos com maior importância são os de cobre, estanho, e tungsténio, e são explorados predominantemente nas regiões do Centro e do Alentejo. O cobre é o recurso mineral com maior produção, e é particularmente utilizado nas indústrias elétricas, uma vez que as suas propriedades fazem dele um bom condutor de corrente.
  5. 5.  As maiores reservas de minério de cobre na Europa situam-se no nosso país, numa larga faixa que atravessa a peneplanície alentejana, sensivelmente na direção NW- SE, desde Grândola até às proximidades de Sevilha.
  6. 6.  São aqueles que são formados por materiais não metálicos. < sal-gema < quartzo < caulino
  7. 7.  Em Portugal exploram-se atualmente alguns minerais não metálicos, sobretudo nas regiões centro e sul do país, mais concretamente nos distritos de Lisboa, Leiria e Faro. Dos vários minérios explorados neste subsector destacam-se o sal-gema e o feldspato, embora haja outros a ser objeto de exploração, como é o caso do quartzo, do caulino, do pegmatito com lítio do talco e da barita.
  8. 8.  O quartzo e o feldspato são provenientes de diversas minas localizadas sobretudo nas regiões Norte e Centro, e servem principalmente de matéria-prima às industrias cerâmicas e do vidro. O sal-gema é explorado em apenas três minas situadas nas regiões de Leiria, Lisboa e Faro e é utilizado essencialmente nas industrias química, agroalimentar e de rações.
  9. 9.  São os que podem ser utilizados como fonte de energia. < petróleo < carvão < urânio < gás natural
  10. 10.  A exploração de minerais energéticos no nosso país encontra-se reduzida à extração de quantidades mínimas de urânio em algumas minas da região Centro , o que em termos de valor total da produção por grupos de atividade mineira, corresponde a menos de 1% do total de Portugal. Este subsector quase que desapareceu após o encerramento das minas de carvão, no Pejão e em São Pedro da Cova.
  11. 11.  Mais do que em minérios, Portugal é sobretudo rico em rochas, pelo que o subsector das rochas industriais e ornamentais continua a ocupar um lugar cimeiro no contexto da industria extrativa, e a desempenhar um papel socioeconómico de grande importância em termos regionais, sobretudo ao nível do emprego.
  12. 12.  São aquelas que se destinam, à sua transformação na industria e à construção civil. < calcário < granito < margas
  13. 13.  As rochas industriais mais exploradas no território continental são: o calcário sedimentar comum, as argilas comuns e as areias. O calcário é proveniente sobretudo do Maciço Calcário Estremenho e do Algarve, enquanto as argilas estão dispersas pelos distritos de Aveiro, Coimbra, Leiria, Santarém, Lisboa e Faro As areias exploram-se ao longo de praticamente todo o litoral e são essencialmente usadas como matéria- prima na construção civil e nas industrias cerâmica e do vidro.
  14. 14.  São todas que que são utilizadas na ornamentação de edifícios e ruas, bem como na construção de mobiliário e de peças decorativas. < mármore
  15. 15.  As rochas ornamentais exploradas no nosso país podem dividir-se em três grupos: · Rochas Carbonatadas, tais como mármore e rochas afins. · Rocas Siliciosas, como o granito e rochas similares. · Ardósias e Xistos Ornamentais.
  16. 16.  São as que provêm de fonte natural e cujas propriedades físico-químicas lhes conferem ação terapêutica. < água mineral natural
  17. 17.  São todas as que provêm de fonte natural e que são consideradas próprias para beber. < águas de nascente

×