Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Doenças causadas por fungos

Doenças causadas por fungos. Além, dos benefícios e malefícios.

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to comment

Doenças causadas por fungos

  1. 1. DIVERSIDADE DOS FUNGOS Benefícios e Malefícios
  2. 2. INTRODUÇÃO <ul><li>Este reino é formado por organismos, denominados fungos, que pertencem ao domínio Eukariota. Fazem parte do Reino Fungi aproximadamente 70 mil espécies, desde grandes como os cogumelos até microscópicas como os bolores e leveduras. </li></ul>
  3. 3. VARIEDADES
  4. 4. VARIEDADES
  5. 5. DOENÇAS <ul><li>Muitos tipos de fungos ao se instalarem no corpo humano podem provocar doenças. Grande parte destes fungos buscam locais quentes e úmidos no corpo para se desenvolverem. Estes fungos costumam se instalar na pele, couro cabeludo e unhas. </li></ul>
  6. 6. DOENÇAS CAUSADAS POR FUNGOS <ul><li>Tinea do corpo : micose superficial da pele, caracterizada por machas arredondadas com presença de coceira. </li></ul><ul><li>Tinea da cabeça : micose superficial que se desenvolve no couro cabeludo, formando falhas no cabelo. Contagiosa, é muito comum em crianças. </li></ul><ul><li>Tinea da virilha : micose superficial que causa bastante coceira. Atinge pernas e virilhas. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Candidíase : doença causada por fungos que pode afetar tanto a pele quanto as membranas mucosas. Dependendo da região afetada ela poderá ser classificada como candidíase oral, intertrigo, vaginal, onicomicose ou paroníquia. </li></ul><ul><li>Histoplasmose : infecção fúngica. </li></ul><ul><li>Onimicose (micose das unhas): infecção causada por fungos e que atinge as unhas </li></ul><ul><li>Pitiríase versicolor : micose superficial que atinge principalmente áreas com grande oleosidade. Formam manchas brancas com presença de descamação. </li></ul>
  8. 8. PREVENÇÃO <ul><li>Enxugar bem todas as partes do corpo ao sair do banho; </li></ul><ul><li>Usar roupas frescas e bem limpas, principalmente na época de altas temperaturas; </li></ul><ul><li>Não andar descalço em locais úmidos e de grande circulação de pessoas (vestiários, saunas, etc.); </li></ul>
  9. 9. PREVENÇÃO <ul><li>Evitar contato físico com pessoas que estão com doenças de pele (muitas micoses são contagiosas); </li></ul><ul><li>Não compartilhar instrumentos de manicure; </li></ul><ul><li>Evitar usar meias de tecidos sintéticos. As de algodão são as mais recomendadas; </li></ul><ul><li>Em caso de suspeita, procurar rapidamente um dermatologista ou médico clínico geral. Identificar e tratar com rapidez doenças deste tipo é fundamental para que ela não aumente e possa se espalhar pelo corpo </li></ul>
  10. 10. PREVENÇÃO EM PLANTAS <ul><li>A prática de controle recomendada para a doença é o uso de variedades resistentes </li></ul><ul><li>A doença também pode ser controlada pela prevenção, ou seja, uso de mudas sadias visando a redução do inóculo inicial </li></ul><ul><li>tratamento térmico de toletes ou gemas por 2 horas a 50o C. </li></ul>
  11. 11. BENEFÍCIOS <ul><li>Os fungos exercem excelente papel na reciclagem de substâncias orgânicas do ambiente </li></ul><ul><li>Leveduras, fungos unicelulares, podem ser úteis na fabricação de bebidas alcoólicas, como cervejas e vinhos (gênero Saccharomyces), e também nos processos de panificação, provocando o aumento da massa de pães. </li></ul><ul><li>Diversas plantas vasculares exercem relação de simbiose com fungos, em suas raízes. </li></ul>
  12. 12. BENEFÍCIOS <ul><li>Já espécies pertencentes ao gênero Aspergillius podem auxiliar na fabricação de progesterona e de ácido cítrico; e na confecção de determinados tipos de queijo, como os Roquefort e Camembert. Graças a este grupo, o saquê, missô e tofu puderam fazer parte do cardápio de diversas pessoas no mundo. Champignons, bastante apreciados na culinária, inclusive na cozinha vegetariana, pertencem ao gênero Agaricus e são bastante ricos em proteínas. </li></ul>
  13. 13. BIBLIOGRAFIA CONSULTADA <ul><li>http://www.biologico.sp.gov.br/rifib/IX_RIFIB/santos1.PDF </li></ul><ul><li>http/sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br </li></ul><ul><li>http://www.brasilescola.com/biologia/fungos.htm </li></ul>

×