Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Estrutura e formação das palavras 1 bimestre

16,087 views

Published on

  • Be the first to comment

Estrutura e formação das palavras 1 bimestre

  1. 1. ESTRUTURA EFORMAÇÃO DASPALAVRAS. Revisão
  2. 2. ESTRUTURA DAS PALAVRASEstudar a estrutura é conhecer oselementos formadores das palavras. Assim,compreendemos melhor o significado de cada uma delas.Observe os exemplos abaixo: art-ista brinc-a-mos cha-l-eira cachorr-inh-a-s
  3. 3. A análise destes exemplos mostra-nos que aspalavras podem ser divididas em unidades menores,a que damos o nome de elementosmórficos ou morfemas.Vamos analisar a palavra "cachorrinhas":Nessa palavra observamos facilmente a existência dequatro elementos. São eles:cachorr - este é o elemento base da palavra, ouseja, aquele que contém o significado.inh - indica que a palavra é um diminutivoa - indica que a palavra é femininas - indica que a palavra se encontra no pluralMorfemas: unidades mínimas de carátersignificativo
  4. 4. São elementos mórficos:1) Raiz, radical, tema: elementos básicos esignificativos2) Afixos (prefixos, sufixos), desinência,vogal temática: elementos modificadores dasignificação da palavra primitiva.3) Vogal de ligação, consoante deligação: elementos de ligação .
  5. 5. Você reparou que há um Radical elemento comum nesse grupo? Você reparou que olivr- o elemento livr serve de base paralivr- inho o significado? Esse elemento é chamado de radical.livr- eiro Radical: elemento básico elivr- eco significativo das palavras. Por Exemplo: cert-o cert-eza in-cert-eza
  6. 6. Afixos Afixos são elementos secundários (geralmente sem vida autônoma) que se juntam a um radical para formar palavras derivadas. Sabemos que o acréscimo do morfema "-mente", por exemplo, cria uma nova palavra a partir de "certo": certamente, advérbio de modo. Quando são colocados antes do radical, os afixos recebem o nome de prefixos. Quando, surgem depois do radical, os afixos são chamados de sufixos ou desinências.
  7. 7. ExemplosPrefixo Radical Sufixo in at ivo em pobr ecer inter nacion al
  8. 8. Desinências Desinências são os elementos terminais indicativos das flexões das palavras. Existem dois tipos: Desinências Nominais: indicam as flexões de gênero (masculino e feminino) e de número (singular e plural) dos nomes. Exemplos: alun-o aluno-s alun-a aluna-sDesinências Verbais: indicam as flexões de número e pessoa ede modo e tempo dos verbos.Exemplos: compra-compr-o compra-s compra-is compra-m mos compra-compra-va va-s
  9. 9. Formação das PalavrasExistem dois processos básicos pelos quais se formam as palavras: a derivação e a composição. A diferença entre ambos consiste basicamente em que, no processo de derivação, partimos sempre de um único radical, enquanto no processo de composição sempre haverá mais de um radical.
  10. 10. Derivação Derivação é o processo pelo qual se obtém uma palavra nova, chamada derivada, a partir de outra já existente, chamada primitiva. Ex: Leal – Lealdade.
  11. 11. Derivação Prefixal ou Prefixação Resulta do acréscimo de prefixo à palavra primitiva, que tem o seu significado alterado. crer- descrer ler- reler capaz- incapaz
  12. 12. Derivação Sufixal ou Sufixação Resulta de acréscimo de sufixo à palavra primitiva, que pode sofrer alteração de significado ou mudança de classe gramatical. Ex: alfabetização.
  13. 13. Derivação Parassintética ou Parassíntese Ocorre quando a palavra derivada resulta do acréscimo simultâneo de prefixo e sufixo à palavra primitiva. Ex: Emudecer Desalmado.
  14. 14. Composição Composição é o processo que forma palavras compostas, a partir da junção de dois ou mais radicais. Existem dois tipos: Justaposição Aglutinação
  15. 15. Justaposição Ao juntarmos duas ou mais palavras ou radicais, não ocorre alteração fonética ( não perde e nem ganha nenhuma letra). Ex: Passatempo, quinta-feira, girassol.
  16. 16. Composição por Aglutinação Ao unirmos dois ou mais vocábulos ou radicais, ocorre perda de um ou mais de seus elementos fonéticos. Ex: embora (em boa hora) fidalgo (filho de algo - referindo-se à família nobre) hidrelétrico (hidro + elétrico) planalto (plano alto)
  17. 17. Atividade Extra Classe 01. Assinale a opção em que nem todas as palavras possuem o mesmo radical: a) noite, anoitecer, noitada; b) luz, luzeiro, alumiar; c) incrível, crente, crer; d) festa, festeiro, festejar; e) riqueza, ricaço, enriquecer.
  18. 18. 02. A série em que os vocábulos enumerados serelacionam porque provêm da mesma raiz é:a) florescer, flandres, florear;b) pousada, aposentado, cômodo;c) reger; regulamento; regra;d) corte; percurso; correr;e) angústia; ângulo; anjo.03. Assinale a opção em quehá erro na identificação doelemento mórfico grifado:a) compostas: desinência defeminino;b) quadrar: radical;c) adotei vogal temática;d) pareceram: vogal temática;e) influência: desinência de
  19. 19. 04. Vocábulo onde existedesinência de gênero:a) segredo;b) curiosidade;c) força;d) verbo;e) alheia.05. Assinale a opção em que oprocesso de formação depalavras está indevidamentecaracterizado:a) vaga-lume: composição;b) cruzeiro: sufixação;c) palmeira: sufixação;d) irritação: sufixação;e) baunilha: sufixação.
  20. 20. 06. Grupo de três palavrasformadas por DERIVAÇÃO:a) pesaroso, apelo (subst.),refazer;b) pontapé, introduzir, cipoal;c) decímetro, casamento, namoro(subst.);d) cine, guarda-roupa, infiel;e) infelizmente,amolecer,varapau.
  21. 21. Para EntregarJustificar as respostas corretas de cada questão.BOA SORTE!

×