Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Física no futebol slide

30,243 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Física no futebol slide

  1. 1. Força é toda a ação capaz de modificar o estado de movimentode um corpo ou de lhe causar deformação. As forças traduzem ainteração entre os corpos e podem ser exercidas por contactoou à distância.FÍSICA NO FUTEBOL
  2. 2. Quando o jogador dá um pontapé na bola, fazendo com queela mude de direção, aplica-lhe uma força de contato, ou seja,há uma interação entre o pé e a bola. Aqui, há a considerarduas forças iguais e opostas que constituem um par ação-reação.FÍSICA NO FUTEBOL
  3. 3. Uma bola em movimento no ar está sujeita a forças aerodinâmicas causadas pela pressão e viscosidade do meio, como a força de arrasto e a força de sustentação. A força de arrasto é a resistência que o ar oferece à passagem da bola, porém, ao contrário do atrito entre duas superfícies sólidas, a força de arrasto não é constante – ela depende da velocidade com que a bola se move em relação ao ar. A “crise do arrasto” é a súbita redução que a resistência do ar sofre quando a velocidade da bola aumenta além de um certo limite. A velocidade máxima que jogadores profissionais conseguem dar à bola é da ordem de 25 a 30 m/s, podendo atingir os 35 m/s. Portanto, a bola de futebol ultrapassa a velocidade de crise muitas vezes durante uma partida.FÍSICA NO FUTEBOL
  4. 4. De um lado da bola, a velocidade do ar fica maior (ponto A) e,conseqüentemente, a pressão fica menor. Do outro lado (ponto B),a velocidade fica menor e, portanto, a pressão fica maior. Emoutras palavras, onde a velocidade do ar é maior temos pressãomenor e vice-versa. Logo, a diferença de pressão em ladosdiametralmente opostos da bola dá origem a uma forçaaerodinâmica descrita pelo alemão Heinrich Gustav Magnus(1802-1870), daí o nome Efeito Magnus.FÍSICA NO FUTEBOL
  5. 5. A esta diferença de velocidades em lados opostos da bolaassociamos uma diferença de pressão que obedece ao Princípio de Bernouilli, de Daniel Bernouilli (1700-1782) que, de forma simples, pode ser assim enunciado:“No escoamento de um fluido, a pressão será grandequando a velocidade for pequena e vice-versa” Fa = força de arrasto, que esta relacionada com a viscosidade do, na realidade é uma força de resistência. Fm = Quem faz a "mágica" de provocar a trajetória curva da bola é a FM que é sempre perpendicular à velocidade da bola e ao seu eixo de rotação.FÍSICA NO FUTEBOL
  6. 6. FÍSICA NO FUTEBOL
  7. 7. Dificuldade que um goleiro tem de defender uma penalidademáxima? AM2 + PM2 = PA2 3,662 + 112 = PA2 13,39 + 121 = PA2 133,39 = PA2 PA = PB = 11,59 m A distância percorrida pela bola na cobrança de um pênalti deve variar entre DSmin = PM = 11,00 m e DSmáx = PA = PB = 11,59 m. O goleiro tem que tomar a decisão antes do chute, escolher entre ficar parado no meio do gol ou escolher um canto e pular. Caso contrário, antes de pensar já levou gol. A Física prova que quem diz que cobrança de penalidade é loteria não está tão erradoFÍSICA NO FUTEBOL
  8. 8. “A Física não permite"! Galvão Bueno. Na figura estamos supondo rotação da bola no sentido horário (seta curva em vermelho) com o eixo de rotação perpendicular ao plano da figura. Supondo ainda que a figura esteja mostrando a bola vista de cima, o componente FM da força do ar (para a esquerda) faria a trajetória da bola curvar-se para a esquerda do jogador. Se o chute provocasse rotação da bola em sentido anti-horário, o vetor FM apontaria para a direita e a trajetória da bola se curvaria para a direita. Quem faz a força que provoca a trajetória curva é o ar e, como não o vemos, parece que a bola faz curva sem componente centrípeta, o que seria fisicamente absurdo! O famoso "chute de três dedos", com a lateral do pé, é que provoca a rotação e, conseqüentemente, possibilita a manifestação do Efeito Magnus.FÍSICA NO FUTEBOL
  9. 9. AGRADECIMENTOS: http://www.cienciahoje.pt ; www.fisicamoderna.blog.uol.com.br http://www.educacional.com.br; http://omnis.if.ufrj.br/~carlos/futebol.htmlFÍSICA NO FUTEBOL

×