Successfully reported this slideshow.

IST1

4,022 views

Published on

  • Be the first to comment

IST1

  1. 2. As IST’s, ou infecções sexualmente transmissíveis (Também conhecidas por DST’s – Doenças Sexualmente Transmissíveis), são doenças contagiosas cuja forma mais frequente de transmissão é através das relações sexuais (vaginais, orais ou anais). A prática de sexo mais seguro é a melhor maneira de prevenir a infecção.
  2. 3. A palavra SIDA significa Síndroma da Imunodeficiência Adquirida , que é uma doença resultante da infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH ou HIV - na língua inglesa). Este vírus ataca e destrói as defesas do corpo, levando a pessoa à morte. Actualmente, com as diversas terapias de combinação potentes, as pessoas infectadas vêem a sua vida prolongada em vários anos.
  3. 4. <ul><li>Algumas manifestações da doença: </li></ul><ul><li>Febre </li></ul><ul><li>Mal-estar </li></ul><ul><li>Linfadenopatia (gânglios linfáticos inchados) </li></ul><ul><li>Eritemas (vermelhidão cutânea) </li></ul><ul><li>Meningite viral </li></ul><ul><li> Estes sintomas são largamente ignorados, ou tratados enquanto gripe, e acabam por desaparecer, sem tratamento, após algumas semanas. </li></ul>
  4. 5. O VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA (VIH) <ul><li>O Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH) pertence a um grupo de vírus conhecidos como retrovírus. Estes vírus armazenam o seu material genético como ARN (ácido ribonucleico), uma cadeia única de código genético. A maior parte dos organismos tem ADN (Ácido desoxirribonucleico), uma cadeia dupla de código genético. Quando o VIH infecta uma célula humana, converte o seu ARN em ADN, para poder utilizar a maquinaria da célula humana na criação de novos vírus. </li></ul>
  5. 6. <ul><li>Alguns tipos de contágio: </li></ul><ul><li>Relações sexuais </li></ul><ul><li>Sangue </li></ul><ul><li>Sémen </li></ul><ul><li>Fluidos vaginais </li></ul><ul><li>Leite materno </li></ul><ul><li>Fluidos pré-ejaculatórios dos seropositivos </li></ul>O VIH não se transmite pelo ar nem penetra no organismo através da pele, precisando de uma ferida ou de um corte para penetrar no organismo. Pode encontrar-se nas lágrimas, no suor e na saliva de uma pessoa infectada, contudo, a quantidade de vírus é demasiado pequena para conseguir transmitir a infecção.
  6. 7. Actualmente, a SIDA não tem cura mas existem medicamentos anti-retrovirais que conseguem reduzir a propagação do vírus e preservar a função imunológica do organismo, retardando a evolução da doença e proporcionando uma maior esperança e melhor qualidade de vida aos seropositivos.
  7. 8. <ul><li>Usar sempre preservativo nas relações sexuais </li></ul><ul><li>Não partilhar agulhas, seringas, material usado na preparação de drogas injectáveis e objectos cortantes (agulhas de acupunctura, instrumentos para fazer tatuagens e piercings, de cabeleireiro, manicura). </li></ul><ul><li>Ter atenção à utilização de objectos, uma vez que, se estiverem em contacto com sémen, fluidos vaginais e sangue infectados, podem transmitir o vírus. </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Usar sempre preservativo nas relações sexuais </li></ul><ul><li>Não partilhar agulhas, seringas, material usado na preparação de drogas injectáveis e objectos cortantes (agulhas de acupunctura, instrumentos para fazer tatuagens e piercings, de cabeleireiro, manicura). </li></ul><ul><li>Ter atenção à utilização de objectos, uma vez que, se estiverem em contacto com sémen, fluidos vaginais e sangue infectados, podem transmitir o vírus. </li></ul>
  9. 10. http://www.insexo.net/o-que-sao-as-ist%E2%80%99ss-dst%E2%80%99s/ http://www.roche.pt/sida/o_que_e_a_sida/index.cfm http://pt.wikipedia.org/wiki/Sida http://abraco.org.pt/?page_id=2 http://www.roche.pt/sida/tratamento/

×