Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

PHP Aula 06 - Include, Require e Querystring

758 views

Published on

Aula sobre o uso das funções Include e Require, importantes na importação e ligação de scripts em arquivos distintos, além do uso da Query_string para acesso a dados em PHP.

Published in: Technology
  • Be the first to comment

PHP Aula 06 - Include, Require e Querystring

  1. 1. Programação Dinâmica para Web Include, Require e Query Strings www.DanielBrandao.com.br
  2. 2. A importação de arquivos
  3. 3. A importação O PHP disponibiliza 4 funções para importação e cada uma desempenha uma tarefa especifica, logo, devemos conhecer todas as maneiras disponíveis de importação. Podemos importar um arquivo PHP através da função include() ou então, require(). Cada uma dessas 2 funções, possui uma função auxiliar que evita a importação de um arquivo que já tenha sido importado anteriormente.
  4. 4. A importação • O problema em importar um arquivo que já está importado, é que as variáveis contidas no escopo desse arquivo serão resetadas, logo, todos os valores que tivermos em variáveis que estão definidas em outro arquivo serão perdidos. Isso é somente um dos problemas, podemos encontrar outros também. • Então, uma boa prática é a utilização das funções "_once()", pois dessa maneira evitamos a importação de algo que já está carregado.
  5. 5. A função include()
  6. 6. A função include() • Podemos inserir o conteúdo de um arquivo PHP em outro arquivo PHP antes que o servidor os execute; • Através desta função, podemos criar arquivos PHP que podem ser reusados por outros arquivos, evitando repetição de codificação; • Desta forma, podemos criar arquivos PHP que contém funções ou trechos de código que se repetem com frequência;
  7. 7. A função include() • A função include() obtém todo o conteúdo de um arquivo específico e o inclui no arquivo que invocou a função; • Se um erro ocorrer (ex.: o arquivo indicado na função não existir), tal função irá gerar uma mensagem de advertência, mas o script continuará sua execução;
  8. 8. A função include() • Ex. - Script PHP que calcula a soma de dois números (funcoes.php): <?php function soma($num1, $num2) { $resultado = $num1 + $num2; return $resultado; } ?>
  9. 9. A função include() • Ex. - Arquivo PHP que invoca o arquivo funcoes.php e calcula a soma de dois números (calcula.php): <?php include(“funcoes.php”); soma(4,7); ?>
  10. 10. A função include() • Já na função “include_once()” temos o funcionamento igual ao da função include(), porém, o arquivo só será importado caso o mesmo ainda não tenha sido, evitando redundâncias de variáveis e funções, por exemplo.
  11. 11. A função require()
  12. 12. A função require() • A função require importa arquivos, porém, caso o mesmo não seja encontrado, será levantado uma exceção e a execução é finalizada. Essa é uma maneira de interrompermos a execução dos scripts caso alguma anomalia ocorra.
  13. 13. A função require() • Na função require_once o funcionamento é igual ao da função require, porém, um arquivo só será importado caso o mesmo ainda não tenha sido.
  14. 14. Query_String
  15. 15. Query_String • Para criarmos páginas em PHP de maneira que possamos aproveitar o mesmo layout HTML e seguindo a mesma estrutura em todas as páginas, podemos criar acesso a elas através de variáveis passadas pelo método _GET.
  16. 16. A função require() • Por exemplo, você não precisa criar vários arquivos de um site, todos contendo o topo e o menu. Afinal, e se você quiser alterar uma opção no menu ou no topo/rodapé, terá que entrar em todos os sites para fazê-lo?
  17. 17. A função require() • Por isso, podemos criar um script que receba um parâmetro que identifique para onde deve ir caso clique em um determinado link.
  18. 18. Exemplo 1: • Vamos criar um mini-projeto chamado MeuSite.com. • Crie uma pasta chamada MeuSite dentro da pasta htdocs do Xampp. • Depois, crie 5 arquivos: – index.php – quemsomos.php – clientes.php – faleconosco.php – principal.php
  19. 19. Exercício: • Vamos criar a index.php para receber a estrutura de cada página dentro de si. Ela terá o menu, topo e rodapé do site. • As demais páginas terão apenas o seu conteúdo. • Em fale conosco, vamos criar um formulário que envie por e- mail a mensagem do visitante. • Adicional: a página Index.php pode conter apenas Includes, ou seja, crie arquivos como topo.php, menu.php, rodape.php e apenas inclua através do include_once() dentro do arquivo index.

×