Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Epístolas gerais aula 2

4,561 views

Published on

IBBC

Published in: Spiritual
  • teologia do culto
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • DOWNLOAD THIS BOOKS INTO AVAILABLE FORMAT (Unlimited) ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download Full EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... ACCESS WEBSITE for All Ebooks ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download doc Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks ......................................................................................................................... Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult,
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • DOWNLOAD THIS BOOKS INTO AVAILABLE FORMAT (Unlimited) ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download Full EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... ACCESS WEBSITE for All Ebooks ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download EPUB Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... Download doc Ebook here { https://tinyurl.com/y6a5rkg5 } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks ......................................................................................................................... Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult,
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Epístolas gerais aula 2

  1. 1. Aula 2 1 e 2 Pedro, Judas
  2. 2. 1ª EPÍSTOLA DE PEDRO Por Moisés Sampaio de Paula 2Pr. Moisés Sampaio de Paula
  3. 3. 1ª Epístola de pedro  O Apóstolo Pedro escreve a um grupo específico de cristãos por uma ampla área (1:1). Eles estavam sofrendo perseguição (1:6,7) e muito mais haveriam de sofrer (4:12).  O autor escreveu para encorajá‐los em meio aos sofrimentos. Para tal lembra‐lhes que foram gerados para uma “viva esperança” (1:3,21; 3:5) e que vivessem de tal modo a tornar esta esperança atraente aos pagãos (3:15). 3Pr. Moisés Sampaio de Paula
  4. 4. 1ª Epístola de pedro  Tudo estava sob o controle de Deus (4:19), que dirige a história para o bem daqueles a quem elegeu (1:2) e chamou (1:15) e dos quais cuida nos sofrimentos (5:6,7) e aperfeiçoa através dos sofrimentos (5:10).  Portanto, sofrer como cristão é uma honra (4:17‐18), ao passo que sofrer pelos erros que cometeu é vergonha.  Também há na carta exortações e conselhos práticos que orientam os relacionamentos do diaa‐ dia (2:13‐3:17). 4Pr. Moisés Sampaio de Paula
  5. 5. AUTORIA  O autor se identifica na saudação (1:1) como Pedro, apóstolo de Jesus Cristo  Afirma ter isto testemunha dos sofrimentos de Jesus (5:1).  Similaridades na fraseologia entre esta carta e os sermões de Pedro registrados em Atos (cf. I Pe 1:20; At 2:23; I Pe 4:5; at 10:42)  A presença marcante do ensino de Jesus na carta (cf. I Pe 2:12,13‐17; 2:21;3:14; 4:13; Mt 5:10‐12,16;10:38; 17:24‐27) 5Pr. Moisés Sampaio de Paula
  6. 6. ORIGEM  Se “Babilônia”, em 5:13, é símbolo oculto para Roma, a presença de Pedro em Roma no período próximo a sua morte encaixa‐se com as informações da igreja primitiva.  Além de ficar fácil explicar a presença de Marcos (cf. II Tm 4:11) e Silvano com ele. 6Pr. Moisés Sampaio de Paula
  7. 7. DATA  As datas prováveis são:  63‐64 dC, antes da perseguição por Nero e do segundo aprisionamento de Paulo,  ou 65‐68, depois da morte de Paulo e antes da morte de Pedro. 7Pr. Moisés Sampaio de Paula
  8. 8. DESTINATÁRIOS  Cristãos dispersos na Ásia Menor (judeus e gentios) – 1:1; 2:10. 8Pr. Moisés Sampaio de Paula
  9. 9. Esboço  I. A vocação do crente: a. sua salvação (1:3‐12) b. sua santificação (1:13‐2:12)  II. A submissão do crente (2:13‐3:12)  III. O sofrimento do crente (3:13‐5:14) Pr. Moisés Sampaio de Paula 9
  10. 10. PROPÓSITO • Firmar, orientar, confortar.  Para os irmãos atribulados, Pedro oferece uma palavra de esperança, menciona os fundamentos da fé cristã e o que Deus tem para nós no futuro.  Quando as tribulações se multiplicam, é bastante oportuno que essas verdades sejam mencionadas para renovação da fé e do ânimo. A obra de Cristo no passado (1:3) e a herança cristã no futuro (1:4-5) são mencionados como estímulo para se enfrentarem as dificuldades presentes (1:6). 10Pr. Moisés Sampaio de Paula
  11. 11. PROPÓSITO • Em tais circunstâncias, é necessário que nos lembremos de quem somos.  Nossa identidade pode estar sendo questionada pelos homens, pelo diabo (Mateus 4:2) ou até mesmo por nós mesmos.  Pedro então enfatiza essa realidade espiritual que, muitas vezes, é desafiada por uma realidade aparente adversa. Ele utiliza enfaticamente o verbo ser: "Não éreis povo..."; "Agora sois... povo de Deus, geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo adquirido..." (2:9-10). "Sois guardados, mediante a fé, para a salvação." (1:5). "Sois edificados como casa espiritual." (2:5). 11Pr. Moisés Sampaio de Paula
  12. 12. 2ª EPÍSTOLA DE PEDRO Por Moisés Sampaio de Paula 12Pr. Moisés Sampaio de Paula
  13. 13. AUTORIA  No primeiro versículo, o autor já se apresenta como "Simão Pedro, servo e apóstolo de Jesus Cristo."  Pouco adiante, Pedro menciona que presenciou o episódio da transfiguração (I Pedro 1:16-18; Mateus 17:5).  No capítulo 3, versículo 1, o autor se refere à primeira epístola. 13Pr. Moisés Sampaio de Paula
  14. 14. ORIGEM  O mesmo lugar da primeira carta,Roma. 14Pr. Moisés Sampaio de Paula
  15. 15. DATA 1. Conforme II Pe 3:1 esta carta foi escrita aos mesmos leitores de I Pedro (1:1). Sendo. Portanto, uma carta circular e necessariamente composta entre a primeira carta e o martírio do Apóstolo (provavelmente em 68 dC). 2. Se I Pedro foi escrita por volta de 64‐65 dC, II Pedro teria sido entre 65 e 68 dC. 15Pr. Moisés Sampaio de Paula
  16. 16. DESTINATÁRIOS  Baseado em 3:1 entendemos que os destinatários são os mesmos da sua primeira carta: cristãos dispersos na Ásia Menor.  O primeiro versículo do livro parece sugerir que o autor pretendia que seu escrito tivesse um alcance maior: ele se dirige "aos que conosco alcançaram fé igualmente preciosa..." 16Pr. Moisés Sampaio de Paula
  17. 17. Temas e Objetivos  Animar os irmãos (capítulo 1);  Denunciar os falsos mestres (capítulo 2);  Falar sobre a segunda vinda de Cristo. Pr. Moisés Sampaio de Paula 17
  18. 18. PROPÓSITO • O propósito desta carta era advertir os leitores contra a heresia introduzida pelos falsos mestres.  Contra a moralidade frouxa e  A negação da realidade da vinda de nosso Senhor. 18Pr. Moisés Sampaio de Paula
  19. 19. Esboço  Caminho 1 – A vida cristã - uma palavra de estímulo – 1:1-21  2 - Caminho 2 – Os falsos mestres – denúncia – 2:1-22  3 - A segunda vinda de Cristo e o juízo – 3:1-18. Pr. Moisés Sampaio de Paula 19
  20. 20. EPÍSTOLA DE JUDAS Por Moisés Sampaio de Paula 20Pr. Moisés Sampaio de Paula
  21. 21. SEMELHANÇAS  Muito de Judas (3‐18) é incrivelmente semelhante a II Pedro (2:1‐3:3), incluindo o uso das mesmas palavras e idéias, como demonstra a tabela abaixo: Pr. Moisés Sampaio de Paula 21
  22. 22. AUTORIA  O autor identifica‐se com “Judas, servo de Jesus Cristo, e irmão de Tiago” (1).  Dos seis homens chamados Judas no Novo Testamento:  Judas Iscariotes (Mc 3:19), Judas da Galiléia (At 5:37) e Judas de Damasco (At 9:14) não podem ser, por razões óbvias.  Judas Barsabás é improvável (At 15:22), ele teria usado seu nome completo e não consta que teria um irmão chamado Tiago.  Judas, filho de Tiago, um dos apóstolos (Lc 6:16; Jo 14:22; At 1:13) idem, pois o autor da carta exclui‐se do grupo dos doze (17,18).  Judas, meio‐irmão de Jesus, conforme Mt 6:3, que, por razões semelhantes a de seu irmão Tiago (Tg 1:1), não usou sua relação natural com o Senhor como fonte de autoridade. Pr. Moisés Sampaio de Paula 22
  23. 23. DESTINATÁRIO  Pouco se pode afirmar acerca dos leitores originais de Judas.  Do versículo três deduz‐se ter havido estreito relacionamento entre o autor e eles, o que nega a afirmação de que esta carta tinha por fim uma circulação geral, originalmente. Pr. Moisés Sampaio de Paula 23
  24. 24. DATA  A data desta carta depende de como ela se relacionava com II Pedro. Se Pedro se utilizou dela, ela foi escrita antes de 68 dC, ano provável da morte de Pedro.  Se, todavia, Judas fez uso de II Pedro, ela se localiza entre a data desta e a morte de Judas (64‐80 dC). Pr. Moisés Sampaio de Paula 24
  25. 25. O USO DOS APÓCRIFOS  Judas é o único livro do Novo Testamento que cita livros apócrifos.  Há uma citação direta (14,15) de I Enoque (1:9) e uma possível citação da Assunção de Moisés (9). Pr. Moisés Sampaio de Paula 25
  26. 26. O USO DOS APÓCRIFOS  Duas verdades podem ser salientadas quanto a isso:  (1) Judas, ao citar esses livros, não lhes atribui qualquer autoridade de “Escritura”. Ele apenas faz uso de literatura conhecida de seus leitores para ilustrar sua advertência. Assim também como Paulo se refere a escritores pagãos (At 17:28; I Co 15:33; Tt 1:12), faz uso da tradição rabínica (II Tm 3:8) e cita um “midrash” judaico (I Co 10:4).  (2) A inspiração divina capacita os escritores a selecionarem verdades dentre a tradição (Lc 1:1‐4). Pr. Moisés Sampaio de Paula 26
  27. 27. ESBOÇO  I. Introdução (1‐4)  II. Denúncia da impiedade e anúncio do julgamento dos falsos mestres (5‐16)  III. Exortação e bênção final (17‐25) Pr. Moisés Sampaio de Paula 27
  28. 28. BENÇÃO  “Ora, àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçar e apresentar‐vos irrepreensíveis, com alegria, perante a sua glória. Ao único Deus sábio, Salvador nosso, seja glória e majestade , domínio e poder, agora, e para todo o sempre. Amém” (Jd 24,25). Pr. Moisés Sampaio de Paula 28

×