Successfully reported this slideshow.
Your SlideShare is downloading. ×

Ligando escalas

Ad

Ecologia de
     Populações




Ligando Escalas na
     Ecologia
Prof. Dr. Harold Gordon Fowler
popecologia@hotmail.com

Ad

Ligando Escalas na
       Ecologia

Novos Paradigmas
Novos Computadores    Modelos populacionais
Novos Softwares       Esp...

Ad

Tópicos
Fundamentos de Modelagem
Análise de Sensitividade
Uso no Manejo da Fauna

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Upcoming SlideShare
Manejo & sanidade de peixes
Manejo & sanidade de peixes
Loading in …3
×

Check these out next

1 of 17 Ad
1 of 17 Ad
Advertisement

More Related Content

Advertisement

Ligando escalas

  1. 1. Ecologia de Populações Ligando Escalas na Ecologia Prof. Dr. Harold Gordon Fowler popecologia@hotmail.com
  2. 2. Ligando Escalas na Ecologia Novos Paradigmas Novos Computadores Modelos populacionais Novos Softwares Espaciais Explícitos GPS (Dunning et al. 1995) Telemetria Linguagem comum Interface entre a Biologia de Conservação, Ecologia de Populações, e Manejo de Recursos Naturais
  3. 3. Tópicos Fundamentos de Modelagem Análise de Sensitividade Uso no Manejo da Fauna
  4. 4. Modelos populacionais Espaciais Explícitos Meta: Modelar a dinâmica populacional de forma real de modo que os efeitos das várias opções de manejo ou cenários de mudança global sobre populações podem ser avaliados Dados intensivos: Demografia específica ao Habitat, dispersão, seleção de habitat
  5. 5. Duas maneiras Cada célula contem um indivíduo (tamanho da célula = território ou área vital) – Equações descrevem decisões diárias de forrageio, escape de predadores, e outros eventos que eventualmente se transformam em crescimento individual – Equações descrevem decisões anuais de quando reproduzir ou dispersar e liga essas decisões a sobrevivência e produção reprodutiva Cada célula contem uma população (tamanho da célula é uma deme) – Equações para modelar nascimentos, mortes, imigração e emigração
  6. 6. Determinando as Necessidades de Habitat de um Espécie em Risco de Extinção (Letcher et al. 1998) Modelo da sociabilidade altamente complexa de pica-paus vermelhos
  7. 7. O Arranjo Espacial de Habitat é Provavelmente Importante O crescimento populacional depende do número de territórios (quantidade de habitat) e seu arranjo (agregação de habitat)
  8. 8. Análise de Sensitividade Produção de filhotes Mortalidade de fêmeas reprodutoras Mortalidade de fêmeas dispersoras Todos tem efeitos fortes sobre o crescimento populacional
  9. 9. Dias até a predação de todos os ovos (quanto mas oscuro o cor menor a predação) Dias até a predação = 8.04 – 8.16
  10. 10. Locais usados para testar modelo (2000 e 2001) Teste dos modelos de observados e previstos: 1. Porcentagem de ovos: r= 0.22, p=0.19 2. Dias até a predação: r=0.29, p=0.07
  11. 11. Aplicação de modelagem: locais de estudo de pássaros (predação baixa – verde e alta - azul) •Baixa = 8 •Alta n = 9
  12. 12. Espécies Estudadas Sub-Copa • Empidonax difficilis •Turdus migratorius Arbusto Catharus ustulatus
  13. 13. Espécies Estudadas Chão •Wilsonia pusilla •Melospiza melodia • •Junco hyemalis • •Troglodytes troglodytes
  14. 14. Levantamentos – Contagem de predadores por ponto (Luginbuhl et al. 2001) – Contagens de pássaros por ponto – Mapear a localização de todos os avistamentos a cada duas semanas – Mapas localizados de pontos do comportamento reprodutivo (Índice de Vickery do Sucesso: cumulativo no ano; ordem 1 – 7) – Encontrar e monitorar ninhos (taxas de mortalidade Mayfield)
  15. 15. MEAN OBSERVATIONS 10 12 14 16 18 0 2 4 6 8 American Crow Low Common Raven High Douglas Squirrel Gray Jay Steller's Jay PREDATOR SPECIES Towsends's Chipmunk All Predators p = 0.07 áreas de predação alta (n = 8) Predadores mais abundantes em
  16. 16. Sucesso de Nidificação difere para Turdus migratorius e aves da sub-copa High Low 80 % DEPREDATED NESTS p = 0.003 p = 0.01 11 58 31 10 60 16 4 17 33 40 12 4 20 6 4 0 flycatcher Swainson's Canopy American Dark-eyed sparrow Pacific- Song Low slope junco robin thrush SPECIES
  17. 17. Referencias Rushton, SP, Lurz, PWW, Fuller, R., e PJ Garson. 1997. Modelling the distribution of the red and grey squirrel at the landscape scale: a combined GIS and population dynamics approach. J. Animal Ecology 34:1137-1154. Liu, J., JB Dunning, Jr., e HR Pulliam. 1995. Potential effects of a forest management plan on Bachman’s Sparrows (Aimophila aestivalis): Linking a spatially explicit model with GIS. Conservation Biology 9:62- 75. Pulliam, HR, JB Dunning, Jr., e J. Liu. 1992. Population dynamics in complex landscapes: a case study. Ecological Applications 2:165-177. Dunning, JB, Jr., DJ Stewart, BJ Danielson, BR Noon, TL Root, RH Lamberson, e EE Stevens. 1995. Spatially explicit population models: current forms and future uses. Ecological Applications 5:3-11. McKenney, DW, Rempel, TRS, Venier, LA, Wang, Y, e AR Bisset. 1998. Development and application of a spatially explicit moose population model. Canadian Journal of Zoology 76:1922-1931. Martinez-Meyer, E., Peterson, A. T., Servin, J. I., e L. F. Kiff. 2006. Ecological niche modelling and prioritizing areas for species reintroductions. Oryx 40:411-418.

×