Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Quem foi ou é batizado na trindade é                  católico!                   Querendo ou não!"A Igreja Católica Apost...
claramente o ato debatizar em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo...Obatismo por imersão ou por infusão com a fórm...
Segundo eles, ao ser batizado em nome do Pai,Filho e Espírito Santo, automaticamente passa a sercatólica, não importa quem...
(http://www.veritatis.com.br/agnusdei/stabat9.htm)O BATISMOPor: São Tomás de AquinoFonte: "Summa Theologica" (parte III/Pe...
nascidos de mulher, não surgiu outro maior queJoão, o Batista; mas aquele que é o menor no reinodos céus é maior do que el...
Batismo não seria válido, porque João dava seupróprio Batismo; Depois da morte de Cristo, e porisso mesmo, o sacramento é ...
em nome da trindade não tem valor para a Igrejacatólica, então os batismos relatados em Atos nãotêm valor para ela!?] Por ...
razão o Batismo pode ser reiterado.Replica à Objeção 5: Ambos os sacramentos,tanto Batismo como Eucaristia são umarepresen...
pela água e pelo Espírito Santo, ela não poderáentrar no reino do Deus”; e, uma pessoa poderenascer apenas uma vez. [Não s...
fizeram participantes do Espírito Santo, e provarama boa palavra de Deus, e os poderes do mundovindouro, e depois caíram, ...
juízo sobre todos os homens para condenação,assim também por um só ato de justiça veio a graçasobre todos os homens para j...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Quem foi batizado na trindade é catolico

3,108 views

Published on

Quem foi batizado na trindade é catolico

  1. 1. Quem foi ou é batizado na trindade é católico! Querendo ou não!"A Igreja Católica Apostólica Romana no catecismo reconhececomo um católico aquele ou aquela que foi batizado em nome datrindade!"(O Catecismo Católico, pág. 353-354, § 1271, 1278)"O rito essencial do Batismo consiste em mergulhar na água ocandidato ou em derramar água sobre sua cabeça, pronunciando ainvocação da SantíssimaTrindade, isto é, do Pai, do Filho e do Espírito Santo."(O Catecismo Católico, pág. 354, § 1278)"O batismo é conferido com a água, e a fórmula que indica
  2. 2. claramente o ato debatizar em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo...Obatismo por imersão ou por infusão com a fórmula trinitária é, emsi valido."(Diretório para a Aplicação dos Princípios e Normas sobre oEcumenismo, pág. 92)"O movimento ecumênico visa a superar estes obstáculos. Noentanto, justificados no Batismo pela fé, são incorporados a Cristo(17), e, por isso, com direito se honram com o nome de cristãos ejustamente são reconhecidos pelos filhos da Igreja católicacomo irmãos no Senhor (18)."(Decreto Unitatis Redintegratio Sobre o Ecumenismo, parágrafo3)Batismo Católico?(O texto abaixo é de autoria de M.A. e foi publicadono site adventistas.com)Procurei informações sobre isto na paróquia local eme foi informado que se alguém foi batizado emnome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, é católico,mesmo se não souber que é. É católico de fato enão há rebatismo caso deseje professar a fécatólica, devendo fazer diretamente a crisma(ensinamento dos dogmas religiosos da fé católica)e passar a reverenciar a "Mãe de Deus". Se foibatizado em nome do Pai, do Filho e do EspíritoSanto, não será rebatizado em hipótese alguma,pois já é católico.
  3. 3. Segundo eles, ao ser batizado em nome do Pai,Filho e Espírito Santo, automaticamente passa a sercatólica, não importa quem a tenha batizado. Oprocedimento então é dar seqüência aossacramentos, como crisma, primeiracomunhão, comer do sangue da carne do cristo,rezar o terço, etc... Não haverá rebatismo nemmesmo se a pessoa pedir por ele, pois para a igrejacatólica há um só batismo válido, uma só vez érealizado o ato, e sempre em nome da “SantíssimaTrindade”.Se não foi feito em nome da Trindade não é batismoe o batismo católico deve ser aplicado. Sendo emnome da trindade, todos que assim foram batizadossão católicos, mesmo que desconheçam esse fato.Eles até usam o termo “irmãos afastados” ao sereferirem aos que são batizados em nome daTrindade. Todos os evangélicos que são batizadosem nome da Trindade, são católicos sem saber queo são. Foi isto o que me informaram.Procurei na internet algo escrito que pudesseconfirmar isso e, no site Agnus Dei, encontrei otexto que remeto abaixo. Leia-o e verifique por simesmo. Meus comentários estão em vermelho eentre [colchetes]. A parte principal está assinaladaem amarelo.Agnus Dei:
  4. 4. (http://www.veritatis.com.br/agnusdei/stabat9.htm)O BATISMOPor: São Tomás de AquinoFonte: "Summa Theologica" (parte III/Perg. 66/Art.9)Tradução: Dercio A . PaganiniPode o Batismo ser reiterado [isto é, repetido]?Objeção 1: Parece que o Batismo pode serreiterado. O Batismo foi instituído para lavar ospecados, mas os pecados são reiterados, assimsendo, muito mais precisa o Batismo ser reiterado,pois a benevolência de Cristo supera a ganânciahumana.Réplica à Objeção 1: O Batismo obtém suaeficácia da Paixão de Cristo como ficou estabelecidoantes (arts. 2 e 1). Todavia, os pecadossubseqüentes não invalidam a Paixão de Cristo,então também não cancelam o Batismo para queseja feita sua repetição. Por outro lado, o pecadoque impedisse o efeito do Batismo poderia sereliminado pela Penitência. [Não há necessidade derebatismo, pois a penitência elimina o pecado queimpede o efeito do batismo.]Objeção 2: Efetivamente João Batista recebeu umarecomendação especial de Cristo, O Qual disse a eleem Mt 11,11: “Em verdade vos digo que, entre os
  5. 5. nascidos de mulher, não surgiu outro maior queJoão, o Batista; mas aquele que é o menor no reinodos céus é maior do que ele”. Mas aqueles queforam batizados por João, foram batizadosnovamente, conforme Atos, 19,1-7: “E sucedeu que,enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo tendoatravessado as regiões mais altas, chegou a Éfesoe, achando ali alguns discípulos, perguntou-lhes:„Recebestes vós o Espírito Santo quando crestes?‟Responderam-lhe eles: „Não, nem sequer ouvimosque haja Espírito Santo‟. Tornou-lhes ele: „Em quefostes batizados então?‟ E eles disseram: „Nobatismo de João‟. Mas Paulo respondeu: „Joãoadministrou o batismo do arrependimento, dizendoao povo que cresse naquele que após ele havia devir, isto é, em Jesus‟. Quando ouviram isso, forambatizados em nome do Senhor Jesus. Havendo-lhesPaulo imposto as mãos, veio sobre eles o EspíritoSanto, e falavam em línguas e profetizavam. E eramao todo uns doze homens." Muitos mais, comoesses foram rebatizados pois haviam sido batizadospor hereges ou pecadores.Replica à Objeção 2: Como diz Agostinho baseadoem João 1,33: “‟Eu não o conhecia; mas o que meenviou a batizar em água, esse me disse: Aquelesobre quem vires descer o Espírito, e sobre elepermanecer, esse é o que batiza no Espírito Santo‟ -Estejam certos de que, quando João administrava oseu Batismo, esse Batismo era válido, mas se umcriminoso administrasse o Batismo de João, esse
  6. 6. Batismo não seria válido, porque João dava seupróprio Batismo; Depois da morte de Cristo, e porisso mesmo, o sacramento é tão sacro que nemmesmo a administração por um assassino podecontaminá-lo.” [Se um assassino batizar alguém,mesmo sendo assassino, o batismo tem valor!?]Objeção 3: No Concílio de Nicéia (Cânon XIX) foidito que se “Qualquer dos Paulianistas ou Catafígiosfor convertido à Igreja Católica, eles precisarão serbatizados”, e a mesma coisa se pode dizer emrelação a outros hereges. Assim sendo, aqueles aquem os hereges batizaram, precisarão serbatizados novamente.Réplica à Objeção 3: Os Paulianistas e osCatafrígios não usam batizar em nome da Trindade.[só em nome de Jesus] Todavia, Gregório escreveuao Bispo Quírico dizendo: “Aqueles hereges que nãosão batizados em nome da Trindade, como osBonosianos e Catafrígios" (que são do mesmopensamento dos Paulianistas), "então o autor nãoacredita que Cristo é Deus” (afirmando que Ele éum mero homem) “além de que os últimos(Catafrígios), são tão perversos que, como dizMontano, confundem um mero homem com oEspírito Santo; portanto, todos eles deverão serbatizados caso venham para a Santa Igreja, pois obatismo que receberam naquele estado de erros nãofoi um Batismo verdadeiro, pois não foi conferidoem nome da Trindade.” [Se o batismo não foi feito
  7. 7. em nome da trindade não tem valor para a Igrejacatólica, então os batismos relatados em Atos nãotêm valor para ela!?] Por outro lado, como ficoudeterminado em De Eclesiam, Dogma XXII:“Aqueles hereges que foram batizadosconfessadamente em nome da Trindade, poderãoser recebidos na Fé Católica como realmentebatizados.” [Se alguém tiver sido batizado em nomeda Trindade deve ser aceito na fé católica semnecessidade de batismo.]Objeção 4: O Batismo é necessário para asalvação, mas algumas vezes existe dúvida arespeito do batismo de algumas pessoas; então,parece necessário batizá-las novamente.Replica à Objeção 4: De acordo com o Decreto deAlexandre III: “Aqueles cujo Batismo seja duvidoso,deverão ser batizados com estas palavrasprefixadas à fórmula: „Se você é batizado, eu não orebatizo, porém, caso você não seja batizado, entãoeu te batizo em nome do Pai etc.‟ e assim jamaisficará repetido o Batismo.” [Não se repete o batismoem nome do Pai etc! É aceito o batismo de qualquerigreja que batiza em nome da Trindade por parte daigreja católica. Não há necessidade de ser batizadonovamente.]Objeção 5: A Eucaristia é um sacramento maisperfeito que o Batismo, como estabelecido acima(perg. 65, art. 3), e mesmo assim, a Eucaristia émuitas vezes repetida; então, com muito maior
  8. 8. razão o Batismo pode ser reiterado.Replica à Objeção 5: Ambos os sacramentos,tanto Batismo como Eucaristia são umarepresentação da Paixão e Morte de nosso Senhor,mas não da mesma forma. Enquanto o Batismo éuma comemoração da morte de Cristo na qual umhomem morre com Cristo, e pode nascer novamenteem uma vida nova, a Eucaristia é umacomemoração da morte de Cristo, a qual sofrida porEle Mesmo é oferecida a nós como o banquetePascal, de acordo com 1Cor 5,7-8: “Expurgai ofermento velho, para que sejais massa nova, assimcomo sois sem fermento. Porque Cristo, nossapáscoa, já foi sacrificado. Pelo que celebremos afesta, não com o fermento velho, nem com ofermento da malícia e da corrupção, mas com osázimos da sinceridade e da verdade.” E enquanto ohomem nasce novamente quando ele come muitasvezes, assim o batismo lhe é dado uma vez, mas aEucaristia lhe é dada freqüentemente.Pelo contrário, está escrito (Ef 4:5): “uma fé, umBatismo”.Eu respondo que o Batismo não pode serreiterado [repetido]:Primeiro: porque o Batismo é uma regeneraçãoespiritual, pela qual a pessoa morre para umaantiga vida e começa a viver uma nova. Tambémestá escrito em João 3,5: “Se a pessoa não renascer
  9. 9. pela água e pelo Espírito Santo, ela não poderáentrar no reino do Deus”; e, uma pessoa poderenascer apenas uma vez. [Não se pode rebatizar, ea Igreja católica só reconhece como batismo o que éfeito em nome da Trindade!] Assim sendo, oBatismo não pode ser reiterado, da mesma formaque a geração carnal. Todavia, Agostinho, baseadoem João 3,4: “como pode uma pessoa entrar noventre de sua mãe e nascer novamente”, diz:“precisa ser entendido o nascimento do Espírito,como Nicodemos entendeu o nascimento da carne...então, como na carne não haverá o retorno aoventre da mãe, da mesma forma, não pode haverum segundo Batismo.”Segundo: porque “nós somos batizados na mortede Cristo”, pela qual, morremos para o pecado evivemos novamente em “novidade de vida” (Rm6,3-4: “Ou, porventura, ignorais que todos quantosfomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados nasua morte? Fomos, pois, sepultados com ele pelobatismo na morte, para que, como Cristo foiressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai,assim andemos nós também em novidade devida.”). Então, “Cristo morreu”, mas “apenas umavez” (Rm 6,10: “Pois quanto a ter morrido, de umavez por todas morreu para o pecado, mas quanto aviver, vive para Deus.”). Assim sendo, o Batismonão pode ser reiterado. Por esta razão, (Hb 6,4-6:“Porque é impossível que os que uma vez foramiluminados, e provaram o dom celestial, e se
  10. 10. fizeram participantes do Espírito Santo, e provarama boa palavra de Deus, e os poderes do mundovindouro, e depois caíram, sejam outra vezrenovados para arrependimento; visto que, quantoa eles, estão crucificando de novo o Filho de Deus, eo expondo ao vitupério.”) é dito que os que desejambatizar-se novamente estarão “crucificandonovamente o Filho de Deus” [Para os católicos,quem rebatiza em nome da Trindade estácrucificando novamente a Jesus.], e portanto, “umamorte de Cristo significa um só Batismo”.Terceiro: porque o Batismo imprime um caráterindelével, e é conferido com uma certa consagração.Portanto, como outras consagrações, não sãoreiteradas na Igreja, assim também não o é obatismo. Esta é a visão expressa por Agostinho quediz (Contra Epist. Parmen. II) que “o posto militarnão é renovado”, e que “o sacramento de Cristo nãoé menos duradouro que esta condecoração corporal,então podemos ver que nem mesmo os apóstatasserão desprovidos do Batismo, e portanto, se elesse arrependerem e voltarem à Igreja, não serãobatizados novamente”. (Grifo acrescentado)Quarto: porque o Batismo é conferidoprincipalmente como um remédio contra o pecadooriginal, e portanto, como o pecado original nãopode ser renovado, então o Batismo também nãopode, e também está escrito em Rm 5,18:“Portanto, assim como por uma só ofensa veio o
  11. 11. juízo sobre todos os homens para condenação,assim também por um só ato de justiça veio a graçasobre todos os homens para justificação e vida”.[Quando a igreja católica fala em batismo válido,até mesmo se feito por hereges ou assassinos, falade sua fórmula de batismo em nome de suaSantíssima Trindade.]Fonte:http://www.arquivoxiasd.com/batcatol.htmAcrescentado pelo Ministério Bereano a primeiraparte do artigo

×