8 b grp01_trab1

645 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
645
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

8 b grp01_trab1

  1. 1. 100 anos da Implantação da República em Portugal<br />Área de Projecto<br />E.B. 2/3 José Maria dos Santos<br />Marco Nº 15<br />8ºB<br />Claudio Nº 5<br />
  2. 2. Introdução <br />Fizemos este trabalho no âmbito da disciplina de área de projecto propostos pelo professor Pedro Francisco. <br />Este trabalho, subordinado ao tema a Implantação da República em Portugal, tem os seguintes tópicos:<br />O ultimato inglês <br />E o mapa cor de rosa <br />
  3. 3. Mapa Cor-de-Rosa foi o nome dado ao mapa representativo da pretensão de Portugal a exercer soberania sobre os territórios entre Angola e Moçambiquenuma vasta faixa de território que ligava o Oceano Atlântico ao Índico. <br /> Terá sido desenhado em 1886, e tornado<br /> público um ano depois.<br />O mapa cor de rosa<br />
  4. 4. O objectivo inglês<br />O governo britânico queria criar uma faixa de território que ligasse o Cairo à Cidade do Cabo.<br />
  5. 5. O ultimato Inglês <br />Ultimato Inglês de 1890<br />O Ultimato Inglês de 1890 foi um ultimato do governo britânico - entregue a 11 de Janeiro de 1890 por um "Memorando" - a Portugal, para a retirada das forças militares existentes no território compreendido entre as colónias de Moçambique e Angola, no actual Zimbabwe, a pretexto de um incidente ocorrido entre portugueses e Macololos. <br /> A zona era reclamada por Portugal, que a havia incluído no famoso Mapa cor-de-rosa, reclamando a partir da Conferência de Berlim uma faixa de território que ia de Angola à contra-costa ou seja a Moçambique. <br />
  6. 6. Consequências do ultimato Inglês<br />A impossibilidade de resistência levou à imediata queda do governo português, sendo nomeado a 14 de Janeiro um novo ministério presidido por António de Serpa Pimentel.<br />Iniciou-se um profundo movimento de descontentamento social, implicando directamente a família reinante, vista como demasiado próxima dos interesses ingleses, na decadência nacional patente no ultimato. <br />Os republicanos capitalizam este descontentamento, iniciando um crescimento e alargamento da sua base social de apoio que levará à implantação da república em 5 de Outubro de 1910.<br />
  7. 7. Conclusão<br />Os acontecimentos desencadeados pelo ultimato Inglês de 11 de Janeiro de 1890 marcaram de forma indelével a evolução política portuguesa, desencadeando uma cadeia de acontecimentos que desemboca no fim da monarquia constitucional e no reforço na consciência colectiva portuguesa do apego ao império colonial, que depois teve pesadas consequências ao longo do século XX.<br />

×