Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

A casa de vidro

11,120 views

Published on

Trabalho de APS - 1. semestre - Arquitetura e Urbanismo - Unip - 2011

Published in: Design
  • Be the first to comment

A casa de vidro

  1. 1. Pedro D. Dias de Sousa – RA: B001DG-5 Universidade Paulista UNIP Arquitetura e Urbanismo Pesquisa: APS Campinas Junho - 2011
  2. 2.  Introdução............................................................................................................3 Biografia................................................................................................................4 Da Itália para o Brasil..........................................................................................5 Projeto....................................................................................................................6 Fachada e exterior................................................................................................7 Acesso principal...................................................................................................8 Análise do Interior...............................................................................................9 Outras imagens...................................................................................................10 Planta, corte e programa de necessidades......................................................11 Elevação...............................................................................................................12 Desenhos de minha autoria – Fachada...........................................................13 Desenhos – Plantas dos pavimentos...............................................................14 Desenhos – Corte A-A.......................................................................................15 Desenhos – Telhado...........................................................................................16 Conclusão sobre o Projeto.................................................................................17 Bibliografia..........................................................................................................18 2
  3. 3. Projeto: Residência Lina Bo Bardi (Casa de Vidro), Bairro Morumbi, São Paulo, 1949 Arquiteta: Lina Bo Bardi A residência Lina Bo bardi ficou conhecida como “Casa de Vidro”, assimchamado pelos moradores de redondeza nos tempos da sua construção, quando o localainda era uma reserva de Mata Brasileira cheio de bichos selvagens. A casa foiimplantada na parte mais alta do terreno de 9 mil m² com declive bastante acentuado. Dois corpos distintos a definem: a caixa de vidro que se projeta no espaço apartir de um muro de arrimo e se apóia em delgados pilares metálicos e um segundocorpo assentado diretamente no solo. Estes corpos abrigam respectivamente oscompartimentos destinados aos convívio da família e aos serviços. 3
  4. 4. Achillina Bo, mais conhecida como Lina Bo Bardi, (Roma, 5 de dezembro de 1914 - São Paulo, 20 de março 1992) foi uma arquiteta modernista ítalo-brasileira. Casada com o crítico de arte Pietro Maria Bardi e sua obra mais conhecida é o projeto da sede do MASP, Museu de Arte de São Paulo. Formada em arquitetura na Universidade de Roma em 1946. Vem para o Brasil emseguida, acompanhando o marido, Pietro Maria Bardi, convidado para dirigir o Museu de Arte de SãoPaulo (Masp). Entre 1955 e 1959 desenha móveis e dá aulas na Faculdade de Arquitetura eUrbanismo da Universidade de São Paulo (USP). Nos dez anos seguintes encarrega-se do projeto e da construção da nova sede doMasp, totalmente estruturada em concreto e vidro sobre um vão livre de 70 metros de altura, o maiordo mundo na época. A partir dos anos 70 participa de vários planos de restauração de prédioshistóricos em Salvador, além de desenhar o Museu de Arte Moderna da Bahia. Em 1977 torna-se a pioneira da "arqueologia industrial" no Brasil ao iniciar a restauração deuma antiga fábrica do início do século em São Paulo, transformando-a em centro cultural e esportivo- o Sesc Fábrica da Pompéia. 4
  5. 5. Lina: da Itália para o Brasil "O Brasil é meu país duas vezes!“ A arquiteta naturaliza-se brasileira em 1951, oficializando a paixão pelo país que a acolheraanos antes. A esse respeito, declara: "Quando a gente nasce, não escolhe nada, nasce por acaso.Eu não nasci aqui, escolhi esse lugar para viver. Por isso, o Brasil é meu país duas vezes, é minhaPátria de Escolha, e eu me sinto cidadã de todas as cidades". Também em 1951 foi concluída aconstrução da Casa de Vidro. Até a década de 90, Lina manteve intensa atividade em todas asáreas da cultura, tendo participado de inúmeros projetos em teatro, arquitetura, cinema e artesplásticas no Brasil e no exterior. Lina morre na Casa de Vidro em 20 de março de 1992, realizando o sonho declarado muitasvezes de trabalhar até o fim: deixa em andamento os majestosos projetos para a Nova Sede daPrefeitura de São Paulo e para o Centro de Convivência Vera Cruz. 5
  6. 6. Projeto: A Casa de Vidro A casa Bardi foi a primeira casa que se construiu no Jardim Morumbi. Era uma grande reserva de Mata Brasileira, cheia de bichos selvagens: jaguatiricas, tatus, preás, sariguis, pregui ças, etc... E também uma reserva de pássaros. Concluída em 1951, é um exemplo daquilo que se podia realizar com o antigo Código de Normas Brasileiro (muito elogiado pelo grande engenheiro italiano Pier Luigi Nervi quando esteve no Brasil ) e hoje modificado conforme as normas européias. Hoje a casa representa, com seu resto da antiga mata brasileira, uma lembrança poética daquilo que podia ter sido uma grande “reserva”, o grande Parque da Cidade, com suas plantas valiosas e seus bichos. 6
  7. 7. Análise da fachada e exterior• Construção leve e cristalina, toda a frenteda casa apóia-se sobre pilares metálicosdefinindo-se pelos dois planos horizontaisdas lajes de piso e cobertura marcando afachada principal. Entre esses dois planoso vazio do salão.• Nada impede a vista, um patamarparticipante e mirante sobre oentorno, ”uma plataforma entre o céu e avegetação”.• Outro detalhe é a vegetação que “sobe”até o piso superior com um pátio quadradoe suspenso passando ao centro do salãoprincipal. 7
  8. 8. Análise do acesso principal• A escada de acesso Leve e transparente,não impede a visão do entorno.• Definida em dois lances, o primeiro,mais curto, parte em direção ápaisagem,o visitante é levado a voltar-separa a paisagem antes de iniciar asubida.• Sétimo nível, correspondente aopatamar: primeiro lugar de parada emirante da paisagem.• Ela repousa no jardim. Sua base está emcontato direto com o terreno. 8
  9. 9. Análise do interior• O interior em total harmonia com anatureza e cortinas em toda fachada.• Ambientes separados por mobíliasaumentando o espaço e a visualidadeentre os setores.• Aconchegante e ao mesmo tempoaudacioso, o salão impera um mistérioentre o espaço comunitário para visitase o recolhimento e descanso ficandoresguardados de olhares indesejados.• Enfim, um espaço onde agrega osperigos da natureza e a segurançainterna podendo observar e participarde todo seu entorno místico. 9
  10. 10. Outras imagens 10
  11. 11. • Jardim • Circulação• Garagem • Dormitórios• Acesso • Roupeiros• Biblioteca • Banheiros• Estar • Varanda• Sala de TV. • Pátio• Sala de jantar • Serviços 11
  12. 12. A casa se constitui de duas partes:• Um bloco cristalino, aéreo e apoiadosobre pilots, com claras referências daarquitetura moderna, que abriga osalão, a parte social e íntima da casa.• E o bloco traseiro murado, encravadono terreno que se destina à zona deserviços e dependência deempregados. 12
  13. 13. 1 5 10 13
  14. 14. Térreo Superior 14
  15. 15. 1 5 10 15
  16. 16. 16
  17. 17. É um dos marcos na Arquitetura Moderna BrasileiraA manutenção iniciada em outubro de A primeira residência a2006, contudo, continua ser erguida no Bairro em curso. Hoje é o Morumbi - SPInstituto Lina Bo e P.M. Bardi A Casa de Vidro tombada pelo Lina Bo Bardi também Condephaat desde 1987assinou obras modernas e em processo decomo o MASP e o SESC tombamento pelo Iphan Pompéia Sala envidraçada que gera um forte contraste com a mata fechada do local 17
  18. 18. Imagens e Textos: FERRAZ, Marcelo Carvalho (Org) Lina Bo Bardi. São Paulo: Empresa das Artes, 1993. P.78 e seg. http://pt.wikipedia.org/wiki/Lina_Bo_Bardi www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/vidro/vidro-10.php www.Kelligre.blogspot.com www.flickr.com/photos/vanessamedeiros/4955653092/in/photostream www.flickr.com/photos/vanessamedeiros/sets/72157624873347618/detail http://delas.ig.com.br/casa/arquitetura/arquitetura+integrada+a+natureza+em+al ta/n1237668022884.html www.thektheory.com/2008/10/casa-de-vidro-lina-bo-bardi.html http://casasbrasileiras.wordpress.com/2010/09/23/a-casa-de-vidro-lina-bo-bardi 18

×