Palestra (2009) - Introdução ao Desenvolvimento de Jogos

915 views

Published on

Published in: Entertainment & Humor
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
915
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
25
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Palestra (2009) - Introdução ao Desenvolvimento de Jogos

  1. 1. Introdução ao Desenvolvimento de Jogos Kleber de Oliveira Andrade pdjkleber@gmail.com Universidade de São Paulo – USP Escola de Engenharia de São Carlos – EESC Departamento de Dinâmica de Sistemas e Controles Outubro/2009
  2. 2. Palestrante • Bacharel em Ciência da Computação – Escola de Engenharia de Piracicaba – Título: Um algoritmo evolutivo para adaptação dos NPCs em um jogo de ação. • Mestrando em Engenharia Mecânica – Escola de Engenharia de São Carlos (USP/EESC) – Título: Planejadores neurais para manobra de baliza de um automóvel de passeio utilizando sensor laser, ultrassônicos e visão artificial. 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  3. 3. Inteligência Artificial e Jogos (Hobby) Inteligência Artificial Algoritmos Evolutivos 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  4. 4. Sistema Embarcado de Navegação Autônoma http://www.eesc.usp.br/sena 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  5. 5. Tópicos • Introdução: O que são jogos ? • Evolução Histórica • Mercado Nacional Hum, a teoria de Eu seiemprego posso Como o quequepara Tem será é, meu Darwin é realaentão ! Boa palestra todos. Isso é importante jogo foi feito? eu também?? responder Tive uma evolução. • Etapas de Desenvolvimento de Jogos • Dicas 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  6. 6. O que são jogos ? O filósofo HUIZINGA (1938), definiu jogo como: “Uma atividade voluntária exercida dentro de certos e determinados limites de tempo e espaço, segundo regras livremente consentidas, mas absolutamente obrigatórias, dotado de um fim em si mesmo, acompanhado de um sentimento de tensão e alegria e de uma consciência de ser diferente de vida cotidiana. “ HUIZINGA, Johan H. (1938). Homo Ludens - A Study of the Play-Element in Culture. Routledge. Controle Objetivo Regras Ambiente de Simulação Imersão Jogos Eletrônicos 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Motivação
  7. 7. A aula nos jogos... • Multidisciplinar: – Programação • Estrutura de dados • Inteligência Artificial (IA) – – – – – – – – Engenharia de Software Computação Gráfica Música Matemática Física Interação Humano-Computador Educação e Psicologia Outros... 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  8. 8. Evolução Histórica: O Início • As primeira tentativas de se criar um jogo foram em 1958 no Brookhaven National Laboratories em Nova Iorque, pelo Físico Willy Higinbotham. • O Tennis for Two, era exibido em um osciloscópio e processado por um computador analógico. Tennis for two (tela do jogo) Computador Analógico Controles Fonte: Documentário “A era do videogame” – Discovery Channel - 2005 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  9. 9. Anos 60: A Década Perdida • Em 1961 Steve Russel desenvolve Spacewar! (2Kbytes) • O computador utilizado foi um PDP-1 (memória de 4Kbytes e processador de 18 bits) que custou U$ 120.000,00 Estudantes do MIT testando o jogo 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Spacewar!
  10. 10. Anos 70: A Odisseía Comercial 1972: Nolan Bushnell funda Atari 1978: Breakout 1972: Ralf Bear cria o primeiro console Odyssey 1978: Space Invaders 2009 © Kleber de Oliveira Andrade 1973: Pong 1979: Asteroids
  11. 11. Anos 80 Battlezone (1980) Primeiro jogo 3D (Fractal) Pacman (1980) Público feminino 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Berzerk (1980) Primeiro jogo que falava (30 palavras)
  12. 12. Anos 80: A revolução dos jogos Donkey Kong (1984) Where in the World is Carmen San Diego ? (1985) Flight Simulator (1984) The Legend of Zelda (1987) 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Mario Brothers (1985) Prince of Persia (1989)
  13. 13. Anos 90: Os jogos em FPS nascem Wolf 3D (1992) Doom (1992) Quake (1996) 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  14. 14. Anos 90: A nova geração de consoles Super NES (1991) Playstation (1995) 3DO (1993) Virtual Boy (1995) 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Saturno (1995) Nintedo 64 (1996)
  15. 15. Atualidades Playstation 3 Xbox 360 Nintendo Wii 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Zeebo
  16. 16. Tendências do Futuro Projeto Natal Playstation Eye Lionhead Milo Project The adventures for Neuro Boy Nintendo Wii 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  17. 17. Mercado Nacional • Segundo pesquisa realizada ABRAGAMES em Julho de 2008. – 560 profissionais são empregados de 42 empresas que produzem jogos. – O produto nacional bruto do setor é de R$ 87,5 milhões (software e hardware) – O salário médio bruto é de R$ 2.272,71. – Brasil representa 0,16% da indústria mundial. – O perfil brasileiro é de artistas gráficos e programadores. Fonte: http://www.abragames.org/docs/Abragames-Pesquisa2008.pdf 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  18. 18. Faturamento 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  19. 19. Taxa de crescimento 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  20. 20. Participação de Segmentos 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  21. 21. Alguns jogos Brasileiros Incidente em Varginha – Perceptum–1998 Erinia – Ignis – 2004 Outlive – Continnum – 2001 Taikodom – Hoplon – 2008 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Hades 2– Espaço Informática – 2001 Capoeira Legends – Donsoft – 2009
  22. 22. Equipe de desenvolvimento de jogos Gerente de projeto (Project Manager) Arquiteto chefe (Lead Architect) Projetistas de jogos (Game Design) Planejador de software (Software Planner) Projetistas de níveis/fases Artistas gráficos Programadores Músicos e sonoplastas Testadores 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  23. 23. Etapas de elaboração de um jogo • • • • • • • • Idéia Rascunho do jogo Detalhamento do jogo Game Design Document (GDD) Produção de áudio e imagens 2D Modelagem 3D Desenv. de artefatos computacionais (engines) Integração (arte e computação) 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  24. 24. Idéia • Muitas idéias vem dos sonhos. • Surgem de pequenos conceitos expandidos em Brainstorm. • Grandes idéias poder parecer ridículas no começo. 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  25. 25. Rascunho do jogo • Personagens, fases, itens com pequenas descrições. • Fluxo das telas do jogo e menus. • Facilita o projeto de um jogo Esboço Tela final 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  26. 26. Detalhamento do jogo • Algumas perguntas fundamentais: – – – – – O que o jogador fará no jogo ? Quantos inimigos o herói vai enfrentar ? Como eles são ? Quais as armas disponíveis que o jogador poderá usar ? Como será o sistema de vida do jogador ? Qual o objetivo do jogo ? Quantas fases terá ? Como elas serão (cenário, inimigos, dificuldade, etc) ? – Quantos jogadores poderão jogar o jogo ? – Qual o tipo de visualização gráfica ? – Qual o tipo de trilha sonora ? 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  27. 27. Game Design Document (GDD) • Conceito: – Nome do jogo, público alvo, história, regras... • Especificações técnicas: – Hardware, sistema operacional... • Especificações do jogo: – Número de fases, personagens, itens, cenários... • Dispositivo de entrada: – Mouse, teclado... • Design gráfico e arte: – Abertura, layout de menus e telas, final do jogo... • Sonorização: – Músicas nos menus, músicas nas fases... • Desenvolvimento: – Tempo de desenvolvimento, alocação de pessoas... 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  28. 28. Produção de som e imagens 2D • Som – Sound Forge: produção de trilhas e efeitos sonoros. – Cubase: mixagem de canais MIDI – Audacity: permitir criar áudio, inclusive combinar diferentes canais de som. • Imagens 2D – – – – Tiles Bricks Layers Sprites 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  29. 29. Tiles • Imagens de um cenário, são divididas em pedaços de tamanhos iguais. Abaixo tiles de um jogo. Tiles desenhado por Marcio Kassouf Crocomo 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  30. 30. Bricks (Tilemap) • Estruturas que descrevem a disposição dos tiles que compõe a layer. Resultado Final Tilemap Tiles 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  31. 31. Layers - Profundidade • Utilizando mais de um layer é possível criar efeito de profundidade no jogo. Fundo Frente 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  32. 32. Sprites • Estruturas com imagens que: – Permite o livre posicionamento na tela – Permite criar animações 2009 © Kleber de Oliveira Andrade 0 2 1
  33. 33. Técnicas utilizadas para fazer Sprites Pixelart ou Desenho Fotografias Objetos 3D renderizados 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  34. 34. Modelagem 3D Modelagem 3D Modelagem de Elementos Dinâmicos Modelagem Estrutural Terrenos Elementos Estáticos Personagens 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Elementos Dinâmicos
  35. 35. Criação de Personagens • Concept do personagem (Sketch) Concept do Fausto de Martini, o Legionary 2009 © Kleber de Oliveira Andrade Modelo pronto
  36. 36. Dificuldades durante a modelagem 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  37. 37. Modelagem Blueprint do modelo Modelagem do Pernalonga http://danielvmacedo.blogspot.com/2009/02/meu-primeiro-modelo-completo-em-blender.html 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  38. 38. Mapeamento • Planificação da malha. 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  39. 39. Texturizando • Existem diversas técnicas, duas delas são a NormalMap e o mapa de Specular. NormalMap Specular 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  40. 40. Rigando (Skinning) - Bones • O que seria de um personagem de um jogo, se ele não pudesse se mover ? • É para isso que existe as animações, que são quadros, que gravam, cada posição e rotação dos bones (ossos) do personagem. Bones de uma mão Esqueleto do personagem Tutoriais: http://escultopintura.com.br 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  41. 41. Integração (arte e computação) • Linguagens e engines 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  42. 42. O que é uma Engine ? • O coração do jogo (Motor) • Conjunto de ferramentas • Agiliza o processo de desenvolvimento Física Entrada de Eventos Sistema de Partículas Renderização do Vídeo Imagens Renderização do Áudio Sons Núcleo Colisões Inteligência Artificial Estrutura de um motor de game (Game Engine) 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  43. 43. Unreal Engine 2 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  44. 44. Últimas etapas • Testes • Embalagem • Manual de instruções • Finalização • Novos testes • Trailler e Abertura • Promoções 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  45. 45. Dicas – O que fazer ? • Estudar muito ! • Conhecer as novidades no mundo dos jogos • Jogar bastante e diferentes tipos de jogos • Buscar fazer contatos • Participar de eventos relacionados • Começar por jogos fáceis: – Pong, Arkanoid, Space Invaders, Tetris, Pacman... 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  46. 46. Dicas – Livros Nacional 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  47. 47. Dicas – Livros Internacionais 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  48. 48. Dicas - Sites • Abragames – http://www.abragames.org/ • BRGames – http://www.brgames2009.com.br/ • PDJ – http://www.programadoresdejogos.com/ • UNIDEV – http://www.unidev.com.br/ • GameDevBr – http://www.gamedevbr.com/ • Gamasutra – http://www.gamasutra.com • SharpGames – http://www.sharpgames.net/ • Ponto V – http://vinigodoy.wordpress.com/ 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  49. 49. Dicas - Eventos • SBGames – (Simpósio Brasileiro de Jogos e Entretenimento Digital) • SCGames – (Simpósio Santa Catarina Games) • IGN - (Independent Game Festival) – http://www.igf.com/ • Campus Party – http://campus-party.com.br/ 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  50. 50. Dicas - Competições • XNA Game Challenge – http://www.xnachallenge.com.br/ • Dream Build Play – http://www.dreambuildplay.com • Imagine cup – http://imaginecup.com/ • Maratona de Programação – http://maratona.ime.usp.br/ • Duelos e Concursos de fóruns 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  51. 51. Dicas – Links interessantes • Gráficos: – http://www.tilemap.co.uk/ – http://reinerstileset.4players.de/ – http://www.hippydrome.com/ • Músicas e Efeitos sonoros: – http://www.flashkit.com/soundfx/ – http://www.findsounds.com/ • Fonts: – http://www.1001freefonts.com/ • The game loop: – http://dewitters.koonsolo.com/gameloop.html • Game Engines: – http://www.devmaster.net/engines/ 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  52. 52. Perguntas 2009 © Kleber de Oliveira Andrade
  53. 53. Obrigado ! Kleber de Oliveira Andrade pdjkleber@gmail.com http://www.kleberandrade. com

×