Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Eletivas

203 views

Published on

Empreendedorismo governamental

Published in: Food
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Eletivas

  1. 1. O QUE É EMPREENDEDORISMO É inovação e criatividade, destruir o que é velho e criar algo novo ( destruição criativa) que impulsiona a economia do país. Empreendedor é aquele que faz as coisas acontecerem se antecipa aos fatos e tem uma visão futura da organização. • Brasil: Políticas voltadas para o desenvolvimento de micro e pequenas empresas, com predomínio do empreendedorismo de necessidade em detrimento ao de oportunidade. DORNELAS (2005) APRESENTA AS FASES DO PROCESSO EMPREENDEDOR, QUE CONSISTIRIA EM:  Identificar e avaliar oportunidades: Pode ser considerada a etapa mais complicada e difícil do processo. Nesta etapa o empreendedor precisa ter muita percepção para os negócios. Mas muitos dizem que isso ocorre por sorte. Outros dizem que sorte é o encontro da competência com a oportunidade. Exemplo: Inicialmente, você precisa avaliar se a oportunidade segue tendências de mercado, se haverá cliente “hoje” e no futuro, além de analisar o cenário econômico. Caso essa análise seja favorável, haverá possibilidade de sucesso.  Desenvolver o plano de negócios: Pode ser a parte mais trabalhosa do ciclo. Ela dá forma a um documento que sintetiza toda a essência do negocio, a estratégia da empresa, seu mercado e competidores, como vão gerar receitas (Plano financeiro). Exemplo: Deve-se haver aqui uma boa análise estratégica para o empreendedor que deseje uma visão mais concreta e condizente com os aspectos sociais, políticos, econômicos e mercadológicos em que se encontra obtendo com ideias inovadoras para o empreendedorismo governamental.  Determinar e captar os recursos necessários: Hoje já é mais comum encontrar a figura do capitalista de risco que prefere arriscar em novos negócios a deixar todo seu dinheiro aplicado nos bancos.
  2. 2. Exemplo: A captação de recursos pode ser feita de diversas formas: Pessoais, de amigos, parentes, bancos, governo etc... Em seu falando de empreendedorismo Governamental os recursos do mesmo provém dos vários impostos pagos pela população.  Gerenciar a empresa criada: O estilo de gestão do empreendedor na prática deve reconhecer suas limitações e saber recrutar uma excelente equipe de profissionais para ajudá-lo a gerir a empresa. Exemplo: Ter uma boa gestão de pessoas, entrar em novos mercados, implementar um sistema de controle, saber identificar os problemas atuais. Os gestores governamentais devem ser pessoas capacitadas para atuar de forma mais eficiente possível. PROCESSO EMPREENDEDOR PROPOSTO POR TIMMONS  Oportunidades: Avaliação para que se tome a decisão de continuar ou não com o projeto.  Equipe empreendedora: Os profissionais da equipe têm perfis complementares  Recursos: Saber como e onde captá-los. A análise dos recursos necessários deve ser a ultima a ser feita, para evitar que o empreendedor e sua equipe restrinjam a análise da oportunidade, que é a primeira tarefa a ser realizada.
  3. 3. • De acordo com Dolabela (1999), há muitas definições do tema empreendedor, principalmente porque são propostas por pesquisadores de diferentes campos, que utilizam os princípios de suas áreas de interesse para formular conceitos. Numa visão multidisciplinar e interdisciplinar, Filion (2000) denota a abrangência e relevância do termo empreendedor frente às diversas visões: – ECONOMISTAS: São inovadores e tidos como as forças direcionadoras do desenvolvimento; – COMPORTAMENTALISTAS: Criativos, persistentes e líderes; – ENGENHEIROS: Bons distribuidores e coordenadores de recursos; – ESPECIALISTAS EM FINANÇAS: Capazes de calcular e medir riscos; – ESPECIALISTAS EM GERENCIAMENTO: São organizadores competentes de suas atividades e recursos, desembaraçados e visionários; – ESPECIALISTAS EM MARKETING: Pessoas que identificam oportunidades se diferenciam dos outros e possuem o pensamento voltado para o consumidor.

×