Pdv. Operador Logístico

1,780 views

Published on

Essa palestra é muito útil para conscientização da importância de dar atenção aos detalhes no ponto de venda. Cada produto tem seu lugar correto para atrair o comprador. Para onde se olha primeiro quando se entra em uma loja? Que ambiente mais faz comprar? Excelente palestra para vendedores de ponto de venda, seus gerentes e inclusive, os representantes de industrias para que possam auxiliar os donos de pequenos estabelecimentos a vender mais os produtos que representam. Boa palestra!

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,780
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
15
Actions
Shares
0
Downloads
39
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pdv. Operador Logístico

  1. 1. PDVOPERADOR LOGÍSTICO Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  2. 2. ELO DE LIGAÇÃOINDUSTRIA PDV CONSUMIDOR FINAL QUALIDADE DA RELAÇÃO BOAS RELAÇÕES BOM ATENDIMENTO Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  3. 3. BOAS RELAÇÕESINDUSTRIA MAIS VENDASREPRESENTANTES TELEMARKETING PDV MAIS APOIO WEBSITE MAIS CLIENTESMateriais de com. MAIS FORÇA periódicos A Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  4. 4. Empresas RepresentantesVendedores Próprios Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  5. 5. “FAÇA-SE” NECESSÁRIO...– Os grandes empresários freqüentam congressos, realizam e , estruturam um grande conselho consultivo.– Os médios empresários contratam consultores especializados em mercado,– Mas, e os pequenos varejistas? Com seus Fornecedores! Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  6. 6. UMA SOCIEDADE EM MUDANÇA DINÂMICA, INSTÁVEL, EVOLUTIVA Não esperar: agir! Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  7. 7. IMPORTÂNCIA DA AGILIDADE SHELL X IPIRANGA VOLKSWAGEN X FIAT GRANDES X PEQUENASTRANSATLÂNTICO X JETSKI Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  8. 8. AGIR, ADAPTAR, BUSCAR INFORMAÇÕES! É SER SEJA ANTES DE TUDO UM PARCEIRO DE SEU CLIENTE! SER PARCEIRO NÃO É SER AMIGO... ÚTIL!!DE ONDE ???? •Seja a fonte de informações e de consultas para os PDVs. •Conquiste credibilidade e autoridade nos temas do setor calçadista e esportivo. Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  9. 9. Dicas para aumentar a venda no PDV Melhorar competênciacomo Vendedor Aumentar a venda de seu Patricia produto Gestão de Sá Freire, Msc do Conhecimento
  10. 10. DICAS PARA AUMENTAR VENDAS DO VAREJO : VITRINE Vitrines = principal chamariz da loja. Freqüência média de compras é quinzenal, oriente mudar a vitrine a cada 15 dias, trocando linhas, modelos e cores da MARCA BUMMER. Iluminação: Estude a variação conforme as horas do dia, para que o exposto seja sempre apreciado da forma ideal. Criatividade, Limpeza, organização e clareza. Direito do Consumidor obriga apresentação dos preços e condições de pagamento.Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  11. 11. ASTRAL DA LOJA PERCEBIDO DE FORAPrecisa-se criar uma atmosfera festiva para descontrair e promover a “gastança”: Ambiente feito para brilhar: O chão reflete as luzes e as colunas recebem espelhos; Os corredores planejados para levar o consumidor a passear pela loja; O CHEIRO da loja é agradável e com essência própria; O sistema de Som tocam música sem intervalos, em volume confortável porém animado. Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  12. 12. ENTRADA DA LOJA  As mercadorias expostas nos primeiros metros da entrada da loja, normalmente não são percebidas facilmente;  A distribuição de brindes devem ser colocados na entrada, mas devem atrair o cliente para dentro da loja e não FECHAR SUA ENTRADA; Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  13. 13. ATRAÇÃO FATAL  Colocar um ponto de atração no final do corredor principal de frente para a porta de entrada como um display grande;  Expositores no meio do caminho podem ser uma fórmula para chamar a atenção;  Detalhes em cores que fujam da decoração da loja bem posicionadas em cantos. Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  14. 14. PEQUENOS DETALHES  Os vendedores deverão ser manequins ambulantes;  Criar promoções de curto prazo para pressionar a compra imediata, criando clima de urgência e oportunidade;  Promoções de preço devem estar perto ou depois de lançamentos e produtos de maior margem;  Quanto mais cenários forem montados mais Patricia de Sá Freire, Msc Gestão vendas por emoção serão do Conhecimento realizadas.
  15. 15. INFORMANDO...  O folhetos institucionais sobre linhas de produtos devem ser expostos no Balcão do Caixa, pois é ali esperando na fila, que a vontade de comprar por impulso cresce;  Os FOLHETOS INSTITUCIONAIS e de PRODUTO, são importantíssimos para consulta do vendedor para esclarecer e atender ao cliente... Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  16. 16. FOCO DO OLHAR! Exponha a LINHA líder da MARCA bem à altura dos olhos do freguês. A linha de lançamento ou de promoção da MARCA deverá ficar à direita da linha LÍDER. Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  17. 17. Atenção às CRIANÇAS... As marcas infantis representam 50% das vendas totais dos produtos no Brasil. As crianças fazem parte de um grupo de consumidores que todo lojista adora > destroem os produtos rapidamente! Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  18. 18. CRIANÇAS: VENDA CERTA. Um adulto acompanhado de criança em uma loja é uma venda certa se a criança não “perturbar” e encontrar o que fazer na loja; Disponibilizar as linhas infantis em alturas que elas possam alcançar, manusear e experimentar. Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  19. 19. ESTIMULAÇÃO SENSORIAL Compra por impulso ver, tocar, experimentar e sentir Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  20. 20. ATENDIMENTO “Um fator que diferenciava um produto de outro era a qualidade e o custo. Nos dias de hoje, os produtos são cada vez mais parecidos, e cada vez mais fáceis de copiar, por isso o diferencial está no atendimento do PDV” Clóvis Rolim Júnior, diretor comercial da Rede de 32 lojas da Casa Pio (Fortaleza/CE), “Não há meio termo. A loja pode ser boa, ter bons produtos, grandes marcas e preço correto. Mas o cliente quer é ser bem atendido durante e depois da compra efetuada” Luiz Gustavo Bugano Kherlakian, diretor de compras da Pontal Calçados(30 loja). Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  21. 21. BOM ATENDIMENTO = BOM ENTENDIMENTO “O nível de atendimento no varejo brasileiro vem X melhorando muito, mas o lojista ainda precisa aprender a lidar com o consumidor insatisfeito”. Maurício Morgado autor do "Varejo - Administração de Empresas Comerciais" COMO LIDAR COM OBJEÇÃO! Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  22. 22. Pequenos detalhes GRANDES SOLUÇÕES. Simpatia, Disponibilidade e Calma >> acompanhar o ritmo do cliente; Utilização de Crachás para identificação de nome e cargo. Estoque organizado agiliza atendimento>> Se o vendedor quer demorar mais no estoque para trazer mais opções ao cliente, deve preparar o cliente; Conferir qualidade do produto na caixa antes de apresentá-la ou cliente; Cada cliente é especial e deve ser atendido e acompanhado desde o momento que é abordado até o momento que sai da loja, independentemente do valor da compra, Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento
  23. 23. PENSE OS DETALHES PARAQUE SEUS CLIENTES SINTAMO CLIMA E COMPREM! Patricia de Sá Freire, Msc Gestão do Conhecimento

×