Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Pré História - 6º Ano

12,718 views

Published on

Pré História - 6º Ano

  1. 1. PROF. PATRÍCIA GRIGÓRIO
  2. 2. DIVISÃO TEMPORAL DA HISTÓRIA 1453 d. C. 1789 d. C. Arq. 500.000 aC Atualidade
  3. 3. TEORIA CRIACIONISTATEORIA CRIACIONISTA DIFERENTES ORIGENSDIFERENTES ORIGENS TEORIA EVOLUCIONISTATEORIA EVOLUCIONISTA A teoria criacionista defende a idéia de que O mundo e a humanidade são criações Divinas (criações de Deus), da mesma forma como está relatado em Gêneses, um dos livros da Bíblia que descreve a criação do mundo. Esta hipótese está fundamentada no pensamento judaico e cristão, que se baseiam na interpretação literal dos textos sagrados. A teoria evolucionista ou Darwinista foi desenvolvida por Charles Darwin e vai contra concepção criacionista. A teoria evolucionist afirma que o homem e os demais seres vivos surgiram e se desenvolveram ao longo do tempo, partindo de organismos mais simples que foram se transformando ao longo dos tempos. Atualmente, associado as pesquisas genética o evolucionismo tornou-se um dos marcos do pensamento contemporâneo.
  4. 4. Charles Darwin, pai da teoria A teoria evolucionista que desenvolvi não é simples, mas é lógica e embasada em uma série de estudos e observações que pude realizar ao longo de minha vida. Muitas pessoas interpretam erroneamente o meu pensamento. Eu nunca disse que o homem evoluiu do macaco, mas sim que, ambos, seres humanos e macacos pertencem ao grupo dos primatas e pertencem também a espécies distintas. A evolução é um processo que se aplica a
  5. 5. • Considera-se Pré-História o período que compreende a atividade humana desde suas origens até o surgimento da escrita. • Usa-se esta denominação desde o século XIX, pois naquela época acreditava-se que a história de qualquer sociedade só poderia ser documentada através da escrita.
  6. 6. • Porém, hoje em dia afirmar que a história da humanidade começou com os mais antigos antepassados, embora os vestígios desse tempo sejam muito raros. • Assim, o termo Pré-história não é o mais adequado para definir os acontecimentos que marcaram a humanidade antes da escrita. Em vez do termo Pré-história, os historiadores têm utilizado história dos povos sem escrita, cujo estudo depende das escavações arqueológicas e da paleontologia, ciência dedicada à investigação dos fósseis. • Afinal, até hoje há povos que vivem sem o uso da escrita. Nem por isso deixam de viver em sociedade, de produzir cultura, de fazer História.
  7. 7. Embora existam várias teorias sobre a origem da humanidade e ainda hoje haja discussões sobre o surgimento dos primeiros seres humanos, prevalece a teoria de que os primeiros seres humanos surgiram na África e de lá se espalharam pelo mundo.
  8. 8. Paleolítico • Também conhecido por “IDADE DA PEDRA LASCADA”, decorreu entre 4 milhões de anos até cerca de 10 000 anos atrás. • Foi nesse período que ocorreu o processo de Hominização, que é o processo que explica a evolução do grupo dos hominídios até o homem atual.
  9. 9. A EVOLUÇÃO DA ESPÉCIE HUMANA: NOME PERÍODO CRÂNIO LOCAL CARACTERÍSTICA Australopithecus 4,2 – 1,4 milhões 700 cm3 África Postura semi-ereta, uso de ferramentas. Homo habilis 2 – 1,5 milhões 750 cm3 África Fabricação de artefatos rudimentares. Homo erectus 1,5 milhões – 300 mil 900 cm3 África, Ásia, Europa Coluna ereta, controle do fogo, caçador habilidoso. Homo sapiens neandertalensis 200 – 40 mil 1300 – 1600 cm3 África, Ásia, Europa Fala, religiosidade, cerimoniais fúnebres. Homo sapiens sapiens 100 mil - hoje 1300 – 1600 cm3 Todos. Todas as atuais.
  10. 10. Há cerca de 20 milhões de anos, ocorreram alterações climáticas muito importantes em África: o clima tornou-se muito mais seco e quente e as grandes Florestas deram origem às Savanas. Por isso as árvores escasseavam.
  11. 11. • Como já não era possível viver nas árvores, os primatas tiveram que se adaptar a viver na Savana, um espaço mais aberto e menos arborizado. • Este nosso antepassado chamava-se Australopiteco (um macaco do sul) e viveu há 4 milhões de anos. •Não era totalmente bípede. •Não sabia fazer instrumentos, mas usava seixos quebrados.
  12. 12. E teve de aprender a defender-se dos perigos e de predadores para sobreviver. Era sobretudo vegetariano, mas na sua alimentação já havia uma componente de proteínas animais, de presas encontradas e abandonadas.
  13. 13. • O Australopiteco ao longo de muito tempo foi- se adaptando à nova vida. Ocorreram, então, modificações muito importantes no seu corpo, particularmente na coluna, no crânio e nas mãos. • Foi ficando com uma postura mais vertical. • As mãos começavam a conseguir mexer o polegar. • A capacidade craniana ia aumentando.
  14. 14. A importância da Bipedia
  15. 15. Em 1978, os arqueólogos encontraram, na Etiópia, o esqueleto da nossa “Avó Ancestral” – denominada então de Lucy, porque aqueles estavam a ouvir a música “Lucy in the Sky with Diamonds”, dos Beatles. Uma análise do seu esqueleto permitiu concluir que se tratava de um indivíduo do sexo feminino, com cerca de 20 anos e 1,20m de altura.
  16. 16. Há cerca de três milhões e trezentos mil anos, devido à evolução que resultou da adaptação ao meio, surgiu o HOMO HABILIS. Era bípede e mais vertical. A sua capacidade craniana aumentou e por isso era mais inteligente (700 cm3). O polegar era oponível Sabia fazer instrumentos de pedra e de madeira.
  17. 17. Sua capacidade craniana aumentou Ainda comia carne crua Mas era muito habilidoso
  18. 18. Bifaces: Instrumentos de pedra polida, que serviam para caçar, raspar e cortar a carne
  19. 19. Há cerca de 1.600 000 anos devido à luta pela sobrevivência, os hominídeos evoluíram e surgiu então o HOMO ERECTUS • Era bípede e vertical • Possuía uma linguagem rudimentar • Fabricava bifaces • E descobriu....
  20. 20. A descoberta do fogo mudou sua vida
  21. 21. A importância da descoberta do fogo
  22. 22. • Com a descoberta do fogo, era possível comer carne cozinhada. Os dentes já não precisavam de ser tão fortes, e a capacidade craniana aumentou: 900 a 1100 cm3. Desse facto, a não necessidade de ter maxilares tão proeminentes. O Homo Erectus possuia, também, uma verticalidade mais perfeita o que o tornava mais inteligente.
  23. 23. O Homo Erectus, oriundo da África, foi o primeiro a emigrar para a Ásia e a Europa, onde foram descobertos vestígios seus. O clima mais frio destes continentes determinou a importância do domínio do fogo, que contribuiu para o surgimento das primeiras famílias.
  24. 24. Há 120.000 existiu um Hominídeo mais desenvolvido e por isso conhecido por Homo Sapiens. • Era totalmente bípede e vertical. • Mais inteligente (capacidade craniana de 1500cm3) • Fabricava pontas; lascas e bifaces mais perfeitos • Caçava grandes animais em grupo • Enterrava os mortos
  25. 25. • Vivia em grupos, construía tendas ou ocupava temporariamente cavernas e caçava de uma forma organizada. Era a época dos Grandes Caçadores, com técnicas muito aperfeiçoadas.
  26. 26. Havia animais muito perigosos, mas suficientemente grandes para se alimentarem.
  27. 27. Era necessário caçar em grupo e pensar em boas estratégias de caça.
  28. 28. Há 40.000 anos já havia o HOMO SAPIENS SAPIENS que era semelhante ao Homem actual • Era inteligente (1500cm3 de capacidade craniana) • Excelente caçador • Fabricava arcos; flechas; arpões; agulhas; lâminas... • Fazia pinturas nas paredes das cavernas
  29. 29. Pinturas rupestres
  30. 30. Nós somos o resultado do processo de HOMINIZAÇÃO: a evolução lenta e longa, a níveis físico e intelectual, do Hominídeo ao Homem Actual.
  31. 31. Como o homem dependia exclusivamente da Natureza para sobreviver, desenvolveu uma Economia Recolectora. Conforme a alteração das estações do ano, foi obrigado a deslocar-se temporariamente à procura de alimentos, tornando-se num Nômade.

×