Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

A atualidade da alegria eterna. parte 02

201 views

Published on

A vida eterna deve ser o foco de todo cristõ

Published in: Spiritual
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

A atualidade da alegria eterna. parte 02

  1. 1. “A atualidade da alegria eterna” Parte 02 Texto bíblico na Nova Tradução na Linguagem de Hoje Paulo Francisco dos Santos1 Então nós, os que estivermos vivos, seremos levados nas nuvens junto com eles, para nos encontramos com o Senhor no ar. E assim ficaremos para sempre com o Senhor. Portanto, animem uns aos outros com essas palavras. 1 Tessalonicenses 4.18 Ser levado com os ressurretos deve ser a expectativa de todo o cristão! Quantas vezes você já ouviu algum cristão se expressar que tem essa esperança? Se a resposta for várias vezes, você está em meio a uma sólida cultura cristã, mas se houver uma triste negativa a tal pergunta é necessário haver um retorno urgente aos princípios bíblicos. Tempos finais são uma das definições para os dias em que vivemos e esperar o arrebatamento configura para a cristandade um forte indício de saúde espiritual, pois o encontro com o Senhor concede motivação e uma favorável dedicação. “TER” não é o foco cristão, mas “SER”, e os integrantes do seleto grupo (deve ser toda pessoa que foi chamada a fé) que crê na iminente volta do Mestre para buscar seus seguidores não irá se preparar, pois já está preparado e ansioso deseja ouvir o comando que o fará deixar este mundo transitório, que o recepcionou por um período de tempo. Tal crença deve ser atualíssima e sua existência impulsiona uma alegria que se inicia aqui, mas que se estende pela eternidade. Alegria é uma palavra que não somente define um estado de espírito humano, mas que transmite o que será o repaginar da vida terrena quando comparada com a vida eterna vaticinada por Cristo2 . O céu, lugar não apenas da habitação de Deus, mas codinome do estado permanente dos salvos, tem como escopo maior revelar as pessoas que a alegria não possuirá altos e baixos, mas será uma realidade inequívoca que jamais passará. Falar de um futuro maravilhoso como este, estando neste mundo que tem suas diversas fraquezas parece uma ação utópica, porém não para o cristão, pois ele não anda por vista, mas por fé. Essa fé concede base para que a atualidade da alegria eterna não seja apenas um sonho, mas uma realidade que a cada dia é fortalecida pelo Senhor Espírito Santo que guia cada cristão neste mundo e prepara-o para o dia inusitado do encontro com o Senhor Jesus. Não é possível para o salvo estar preso neste 1 Pastor, escritor, poeta, Teólogo e advogado. 2 João 3.16 1
  2. 2. “A atualidade da alegria eterna” Parte 02 mundo e amando tudo que nele há acima do amor a Deus e sua verdade. Tal fato, enseja um repensar para cada cristão, pois o dia do encontro com o Senhor (salvação) está mais próximo do que quando recebemos a fé3 , e isso, implica dizer que somente é possível desfrutar da alegria que se inicia aqui com a aceitação do chamado para ser filho de Deus e também lá (céu), se não houver abandono da crença na promessa que esta as portas de se cumprir. Por isso, quem está desanimado deve ser animado pela promessa e cada cristão é responsável em contribuir para que esse ânimo possa invadir o âmago e gerar a expectativa que sempre permeou a vida cristã nestes dois mil anos de história. Após analisar os versículos em tela é possível chegar a uma premissa que cada cristão não pode abandonar, mas aplicar diariamente: “Continuemos então envolvidos na grande comissão e jamais deixemos de animar uns aos outros!” SP, janeiro de 2016. 3 Romanos 13.11 2
  3. 3. “A atualidade da alegria eterna” Parte 02 3

×