Desdobramento Espiritual e Transporte

21,932 views

Published on

Desdobramento Espiritual e Transporte

  1. 1. DESDOBRAMENTO ESPIRITUAL É o nome que se dá o fenômeno deexteriorização do corpo espiritual ouperispírito; O perispírito ainda ligado aocorpo, distancia-se do mesmo, fazendoagora parte do mundo espiritual, ainda queesteja ligado ao corpo por fios fluídicos; Fenômenos estes, naturais que repousamsobre as propriedades do perispírito;
  2. 2.  Os laços que unem o perispírito ao corpotemporal, afrouxam-se por assimdizer, facultando ao espírito manter-se emrelativa distancia, porém, não desligado deseu corpo; E esta ligação, permite ao espírito tomarconhecimento do que se passa com o seucorpo e retornar instantaneamente se algoacontecer; O corpo físico fica com suas funçõesreduzidas, pois dele foram distanciados osfluidos perispirituais, permanecendosomente o necessário para suamanutenção;
  3. 3.  Este estado em que fica o corpo nomomento do desdobramento, tambémdepende do grau de desdobramento queaconteça. Os desdobramentos podem ser: Conscientes; Inconscientes; Voluntários; Provocados.
  4. 4. CONSCIENTE Caracteriza-se pela lembrança exata doocorrido, quando ao retornar ao corpo oser recorda-se dos fatos e atividades porele desempenhadas no ato dodesdobramento; O sujeito é capaz de ver o seu“Duplo”, bem próximo, ou seja, de ver aele mesmo no momento exato em que seinicia o desdobramento;
  5. 5.  Alguns flutuam e vêem o corpo carnalabaixo deitado, outros vêem-se ao ladodos corpos, todavia esta recordação ébastante profunda e a consciência ealtamente límpida neste instante; Existe uma ligação ainda profunda dosfluidos perispirituais entre o corpo e operispírito, facilitando assim, asrecordações pós-desdobramento.
  6. 6. INCONSCIENTE Ao retornar o ser de nada recorda-se; Na maioria das vezes a atividade quedesempenha o ser no momentodesdobrado, fica como experiências parao próprio ser como espírito, sendolembrado em alguns momentos para odespertar de algumas dificuldades e vêemcomo intuições, idéias;
  7. 7.  Os fluidos perispirituais são neste casobem mais tênues e a dificuldade derecordação imediata fica um pouco maisárdua, todavia as informações e asexperiências ficam armazenadas namemória perispiritual, vindo a tonafuturamente.
  8. 8. VOLUNTÁRIO Se a própria pessoa promove estedistanciamento; Nem todos os desdobramentosvoluntários há consciência, pois nomomento em que o espírito, através deseu perispírito, aproxima-se novamentede seu corpo, pela densidade ainda dosórgãos cerebrais, é possível haverbloqueio dessas experiências;
  9. 9.  O ser encarnado na terra, ainda seencontra distante de controlar todos osseus potenciais, e por isso também háeste esquecimento; Algumas pessoas até provocarem odesdobramento e no momento deconsciência terem medo e retornarem aocorpo apressadamente, dificultando aindamais a recordação;
  10. 10.  Os desdobramentos podem tambémocorrer nos momentos de reflexões, ondenos encontramos analisandoprofundamente nossos atos e cujaatividade nos propicia encontrar comseres que nos querem orientar para obem, parte de nosso perispírito expande-se e vai captar as experiências eorientações devidas.
  11. 11. PROVOCADOS Através de processos hipnóticos emagnéticos, agentes desencarnados ouaté mesmo encarnados podem propiciar odesdobramento do ser encarnado; Os bons Espíritos podem provocar odesdobramento ou auxiliá-los sempre comfinalidades superiores; Espíritos obsessores também podemprovocá-los para produzir efeitosmalefícios;
  12. 12.  Afinizando-se com as deficiências moraisdos desencarnados, propiciamosassim, uma maior facilidade para que osespíritos mal-feitores possam provocar odesligamento do corpo físico atraindo oser encarnado para suas experiênciasfora do corpo; A lei que exerce esta dependência é a deafinidade.
  13. 13. TRANSPORTE
  14. 14. TRANSPORTE É o fenômeno mediúnico que consiste emtrazer para o local onde está o médiumobjetos que se encontram em outro lugar; De modo geral, os objetos trazidos sãoflores, frutos, jóias, enfeites e outrosobjetos de pequeno porte; Médiuns de transporte podem servir deauxiliares aos Espíritos para o transportede objetos materiais;
  15. 15.  Trata-se de manifestação mediúnica deefeitos físicos, que, para suarealização, exige a presença de médiunsdotados de faculdades de expansão epenetrabilidade, de modo a permitir adoação de fluido animalizado; É necessária certa afinidade entre oespírito e o médium de quem vai seservir, possibilitando que a parteexpansível do fluido perispiríticoencarnado se una com odesencarnado, tornando-se uma forçaúnica;
  16. 16.  Assim por meio de certas propriedades queainda desconhecemos, é possível isolar oobjeto a ser transportado, tornando-oinvisível e o movendo para outro local.
  17. 17. BIBLIOGRAFIA Blog: paikachambi.blogspot.com.br http://www.cvdee.org.br

×