Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Tabela D3 Formação

320 views

Published on

recolha de eidencias

Published in: Education, Technology, Travel
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Tabela D3 Formação

  1. 1. D. Gestão da BE D.3 Gestão da Colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar no sugeridos Relatório de Auto-avaliação D.3.1 ►A política documental encontra- ► Documentação que define o ► A BE reuniu com o sabe e construiu um manual de Planeamento/ gestão da se definida para a desenvolvimento da colecção: Política de procedimentos. colecção de acordo com a escola/agrupamento. Desenvolvimento da inventariação das ►A política documental Colecção. ► A BE aplicou a politica de desenvolvimento da necessidades curriculares materializa-se num processo colecção conforme o manual de procedimentos e dos utilizadores da integrado e contínuo de avaliação ► Registos de concelhio. escola/agrupamento. da colecção ou colecções da Relatórios/planificações. escola, na inventariação de ► A BE teve em conta as orientações da RBE, tendo em necessidades e na sua ► Análise da colecção (CK2). conta as percentagens para cada área temática, número actualização sistemática. de aquisições por aluno, ►A política de desenvolvimento da colecção está formalizada e foi submetida ao parecer do ► No Plano Anual de Actividades da BE, foi prevista a conselho pedagógico, definindo actualização e dinamização do fundo documental, um conjunto de normas para a constando também o orçamento para o seu selecção, desbaste, aquisição, desenvolvimento. organização e circulação dos recursos de informação. ► A BE reuniu e pôs para aprovação pelo Conselho ►A escola/agrupamento participa Pedagógico documentos relativos ao Planeamento e na definição dessa política que é gestão da colecção. aprovada pelos órgãos de direcção, administração e gestão ► A BE reuniu e registou as necessidades das diferentes (conselho geral, director, conselho áreas curriculares. pedagógico, conselho administrativo), garantindo ►A BE reuniu com os coordenadores dos diferentes consistência ao trabalho da projectos existentes no agrupamento, avaliando as equipa e assegurando mais necessidades da colecção. facilmente as exigências de financiamento anuais. ► As práticas de avaliação, de ► Informações retiradas da análise do documento CK2:: desbaste, de selecção e aquisição diversificação temática, variedade e adequação de de documentação são realizadas recursos para os diferentes níveis do agrupamento. de acordo com as orientações definidas. ► As necessidades de informação, decorrentes do projecto educativo, de projectos em desenvolvimento e dos perfis
  2. 2. curriculares dos diferentes anos/ matérias são inventariadas. ► A documentação existente em cada BE/escola e as necessidades ao nível do agrupamento são avaliadas e existe uma gestão integrada que promove a circulação da documentação. ►A rede partilhada de documentação pode envolver outras bibliotecas a nível local e a BM. ► As normas que regem a partilha de documentação e a gestão cooperativa da colecção estão formalizadas e integram a política de desenvolvimento da colecção. ► Os órgãos de administração e gestão atribuem anualmente uma verba para actualização da documentação.
  3. 3. D. Gestão da BE D.3 Gestão da Colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar no sugeridos Relatório de Auto-avaliação D.3.2 ► Os livros e outros recursos de ► Resultados da avaliação da colecção. ► A BE teve em conta orientações tais como: % de Adequação dos livros e de informação são adequados à faixa material livro e não livro, percentagens para cada área outros recursos de etária, à curiosidade intelectual e ► Estatísticas de empréstimo. temática, número de aquisições por aluno, informação (no local e aos interesses dos utilizadores. online) às necessidades ► Os livros e outros recursos de ► Registos de requisições pelos ► A BE preocupou-se em diversificar os recursos, tendo curriculares e aos informação respondem às departamentos/ docentes. interesses dos utilizadores necessidades do currículo ► Percentagem do Nº de requisições domiciliárias por na escola/agrupamento. nacional, do projecto educativo e ► Questionário a docentes (QD3). ciclo e por área temática. dos projectos curriculares das turmas. ► Questionário a alunos (QA4). ► Percentagem do nº de requisições domiciliárias por ► A selecção dos fundos alunos, pessoal docente e não docente. documentais tem em conta ► Caixa de sugestões necessidades identificadas junto ► Número de requisições de docentes por área dos departamentos curriculares e curricular. utilizadores, de acordo os critérios definidos no documento Política ► Resultados do questionário para alunos QA4 …. % de de desenvolvimento da colecção. alunos que achou os documentos com qualidade e ► Os recursos documentais são actuais | % de alunos que considera haver variedade de anualmente actualizados, documentos e de suportes | analise da avaliação dos respondendo em termos de recursos documentais. qualidade, diversidade e relevância às necessidades dos ► Resultados do questionário para docentes QD3: …% utilizadores. dos níveis obtidos quanto a adequação da colecção às necessidades | % de fundos documentais considerados actuais | % de professores que consideram a colecção diversificada | % de professores que acham que a BE dispõe de informação relacionada com o currículo ► A BE procedeu ao registo mensal das sugestões deixadas na caixa e satisfez ….% dos pedidos.
  4. 4. D. Gestão da BE D.3 Gestão da Colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar no sugeridos Relatório de Auto-avaliação D.3.3 ► A BE assegura a circulação de ► Estatísticas de empréstimos. ► A BE registou a percentagem de fundos e o tipo de Uso da colecção pelos fundos documentais em todo o documentos requisitados por cada uma das escolas do utilizadores da agrupamento. ► Trabalhos realizados na biblioteca ou agrupamento. escola/agrupamento. ► A BE implementa o empréstimo em colaboração com a BE no contexto do domiciliário e os fundos uso da informação. ► A BE registou as percentagens referentes ao documentais são suficientes para empréstimo domiciliário. as necessidades dos utilizadores. ► Questionário a docentes (QD3). ► A BE realiza um trabalho de ► A BE registou as percentagens referentes à valorização e motivação para o ► Questionário a alunos (QA4). quantidade e diversidade de materiais requisitados por valor e uso da documentação nas docentes para a sala de aula. práticas de ensino e ► Análise da colecção (CK2). aprendizagem. ► A BE promoveu actividades/formações direccionadas ► A BE forma para o uso e aos alunos, para divulgação da colecção e promoção do integração da informação nas seu valor. actividades diárias e de aprendizagem. ► A BE executou guiões de pesquisa e de elaboração de ► Os alunos procuram os documentos, ajustados aos três níveis de ensino do recursos documentais para se agrupamento. recrearem ou para o trabalho escolar. ► Resultados do questionário QD3 quanto à % de ► Os docentes recorrem à professores que acha adequada e diversificada a documentação para a sua colecção ao seu trabalho com os alunos | …% de alunos actividade lectiva e incentivam a que costumam aceder ao catálogo online | … % de sua utilização, apresentando alunos que procuraram e encontraram apoio e/ou propostas de trabalho recursos na BE | …% de alunos que pensa estar bem conducentes ao seu uso. informado quanto aos documentos disponíveis e ► A BE produz instrumentos de actividades desenvolvidas. apoio ao uso da colecção e desenvolve competências de ► Resultados do questionário QA4 quanto à % de alunos pesquisa nos utilizadores. que encontra facilmente os documentos e os livros que procura | % que acha adequada e diversificada a colecção ao seu trabalho com os alunos | …% de fundos documentais actualizados | …% de professores que acham que a BE disponibiliza a informação.
  5. 5. D. Gestão da BE D.3 Gestão da Colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar no sugeridos Relatório de Auto-avaliação D.3.4 ►A informação está organizada ► Registos/relatórios do programa de ► A BE reuniu com regularidade com o grupo de Organização da segundo linguagens normalizadas gestão bibliográfica. trabalho concelhio, para organizar e catalogar a sua informação. (na catalogação, classificação e colecção. Informatização da indexação) que garantam uma ► Nível de tratamento e de organização colecção. eficaz recuperação da da informação. ► A BE registou contactos com coordenadores de outras informação. bibliotecas com o propósito de uniformizar normas e ► Está implementado um sistema ► Existência de catálogos informatizados critérios. de gestão bibliográfico online. automatizado que permite a ► A BE usou o manual de procedimentos concelhio para simplificação de um conjunto de ► Análise da colecção (CK2). organizar e catalogar da sua colecção. processos inerentes ao circuito do documento e à difusão e pesquisa ► A BE registou informaticamente toda a sua colecção, da informação. disponibilizando-a no catálogo online. ► Os utilizadores recuperam a informação manualmente ou ► A BE dispõe de um registo em suporte de papel através da consulta automatizada paralelo ao catálogo online. do catálogo. ► O catálogo é pesquisável ► A BE colocou no seu blogue, um link para o catálogo, online e associa recursos digitais. permitindo que este seja consultado online em todo o agrupamento.
  6. 6. D. Gestão da BE D.3 Gestão da Colecção/da informação Indicadores Factores Críticos de Sucesso Instrumentos de Recolha de Evidências Evidências extraídas dos Instrumentos, a integrar no sugeridos Relatório de Auto-avaliação D.3.5 ► A BE realiza actividades de ► Documentos/ instrumentos produzidos ► A BE expôs as novas aquisições, divulgando-as de Difusão da informação. apresentação/exposição de livros em diferentes formatos. diferentes formas. e outros recursos de informação. ►A BE organiza e difunde ► Análise da colecção (CK 2). ► A BE aproveitou efemérides e actividades do plano listagens de recursos de anual de actividades para divulgação da colecção, informação (documentos bibliografias e listagens bibliográficas dos autores. impressos, recursos digitais e online) adequados a temáticas ► A BE utilizou o seu blogue para divulgar as diversas, de âmbito curricular ou actividades, os materiais produzidos para as mesmas e associadas a determinado os resultados delas obtidos. projecto. ► A BE produz guias e tutoriais ► A BE dispõe de uma zona no seu blogue onde sobre assuntos, autores, ou disponibiliza documentos e recursos criados. outros. ► A BE cria instrumentos de ► A BE disponibilizou o catálogo online. promoção da colecção e de divulgação de recursos de ► A BE promoveu actividades interactivas com o intuito informação: boletim informativo, de formar utilizadores e leitores. newsletter, folhetos, guiões de leitura, biografias ou listas bibliográficas de autores, outros. ► A BE recorre a estratégias formativas e de interacção com os utilizadores, através de webquest testes, jogos ou outras ferramentas que desafiem a sua curiosidade acerca de um livro ou assunto. ► A BE usa a página web e a denominada segunda geração de serviços disponibilizados – blogs, wikis, o RSS, o YouTube – para difusão da informação. Susana Ferreira Nov. | 09

×