Luciana Maldonado     INU/UERJINAD/SMSDC-PCRJ
Representantes municipais
   31/março – Dia Mundial da Alimentação e    Nutrição   2003 – MRJ - Semana de Alimentação Escolar -    3ª. semana de m...
www.reanerj.blogspot.com.br
   Mais tradicional: dimensão nutricional   Direito humano                                               Nutricional   ...
   Garantia de acesso à alimentação e à água   Ambientes facilitam o acesso     Escola, trabalho   Opções de comércio ...
   “comer com os olhos”   Formas de apresentação   Ambientes           Alimentação é uma arte!
   Diferentes    significados dos    alimentos   Identidade cultural   Culinária e receitasA valorização de um ou outro...
   Alimentação é um direito humano garantido    em Constituição   Alimentação adequada e saudável   Condições dignas de...
   Recomendações técnicas   Olhar coletivo   Cuidado individualizado   Flexibilidade e    criatividade O respeito à au...
   Festas regionais   Ritos religiosos   Encontros familiares/amigos   Reuniões de trabalho           A alimentação é ...
   Mito: tudo que é gostoso faz mal   Gosto é subjetivo   desafio: hiperpalatabilidadeAo pensar em receitas e cardápios...
   Construído   Influência das histórias    de vida   Dinâmico   Práticas alimentares    São diferentes estratégias ut...
   Frescos ou básicos     Limpos, envasados, empacotados     Arroz, feijão, carnes...   Minimamente processados     I...
   Substituir refeições por lanches   “pular refeições”   Comportamento “beliscador” Valorizar as refeições e a prática...
   Vantagens nutricionais e afetivas   Rede de apoio   Estratégia de sucesso     promoção + apoio + proteção    Depois...
   Feiras, sacolões, ambulantes   Mercados   Hipermercados   Bolsa de gêneros alimentícios   “circuito curto”Toda com...
   Foco no nutriente   “medicalização da alimentação”   Função do alimento   Apropriação da indústria   Alimento x pr...
   Momento certo   Apresentar, introduzir, modificar alimentos    ou consistências ou formas de preparo   Gestação à te...
   Fonte de prazer   Comensalidade   Comunhão   Conecta corpo e alma     Alimentação saudável também ter que ser praze...
   Alimentação como fator de risco ou de    prevenção a doenças   Construção de habilidades pessoais para a    promoção ...
   Diferentes biomas   Diferentes raças e etnias   Mistura da culinária    brasileira    Tacacá, cuscuz, pamonha, vatap...
   Respeito a diversidade:     cultural     ambiental     econômica     socialTodos podem contribuir para a sustentab...
   Modernidade = falta de tempo   Resgate da culinária   Aproveitar o tempo da    alimentaçãoAlgumas pessoas estão desc...
   Fogão à lenha ao microondas   Colher de pau à espátula de silicone   Espremedor ao multiprocessador   Modernidade o...
   Garante vários    nutrientes   Evita a monotonia    alimentar   Favorece a    biodiversidade    Isso é alimentação s...
   Como incorporar no dia a dia?   Cuidar da saúde   Valorizar as diferenças   Metas possíveis    Aprender mais sobre ...
   Forma de cuidar   Ambiente   Ambiência   “tempero do amor”     Preparar um alimento é um ato de doação, partilha e ...
Contatos:nucane@gmail.comTel. (21) 2334-0063 r. 211reanerj.blogspot.com.br
Apresentação tema SEA 2013
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Apresentação tema SEA 2013

1,028 views

Published on

  • Be the first to comment

Apresentação tema SEA 2013

  1. 1. Luciana Maldonado INU/UERJINAD/SMSDC-PCRJ
  2. 2. Representantes municipais
  3. 3.  31/março – Dia Mundial da Alimentação e Nutrição 2003 – MRJ - Semana de Alimentação Escolar - 3ª. semana de maio – (Dec. mun. 22.854, 2003) 2006 – ERJ – Semana de Educação Alimentar - 3ª. semana de maio (Lei estadual 4.856, 2006) 2012 – PSE - Semana de Saúde na Escola – 3ª. Semana de março oportunidades para a promoção da alimentação saudável na escola
  4. 4. www.reanerj.blogspot.com.br
  5. 5.  Mais tradicional: dimensão nutricional Direito humano Nutricional Cultural Ecológica Ecológica Econômica Econômico Alimentação Direito Cultural humano
  6. 6.  Garantia de acesso à alimentação e à água Ambientes facilitam o acesso  Escola, trabalho Opções de comércio  sacolões, feiras Acesso econômico Alimentação saudável tem que ser antes de tudo acessível, incluindo o acesso à água de qualidade.
  7. 7.  “comer com os olhos” Formas de apresentação Ambientes Alimentação é uma arte!
  8. 8.  Diferentes significados dos alimentos Identidade cultural Culinária e receitasA valorização de um ou outro alimento e a forma de preparare de comer estes alimentos traduzem aspectos da identidade cultural de pessoas ou grupos. As pessoas não comem nutrientes e sim comida.
  9. 9.  Alimentação é um direito humano garantido em Constituição Alimentação adequada e saudável Condições dignas de alimentação Alimentação saudável é uma alimentação justa!
  10. 10.  Recomendações técnicas Olhar coletivo Cuidado individualizado Flexibilidade e criatividade O respeito à autonomia e à participação das pessoas nesteprocesso são fundamentais para alcançar o equilíbrio entre o ideal e o real.
  11. 11.  Festas regionais Ritos religiosos Encontros familiares/amigos Reuniões de trabalho A alimentação é celebração da vida!
  12. 12.  Mito: tudo que é gostoso faz mal Gosto é subjetivo desafio: hiperpalatabilidadeAo pensar em receitas e cardápios que promovam a saúde, nãose pode perder de vista que é preciso atrair o olhar a agradar o paladar.
  13. 13.  Construído Influência das histórias de vida Dinâmico Práticas alimentares São diferentes estratégias utilizadas para cuidar da própria alimentação ou da alimentação da família.
  14. 14.  Frescos ou básicos  Limpos, envasados, empacotados  Arroz, feijão, carnes... Minimamente processados  Ingredientes culinários  Óleos, farinhas, massas... Ultraprocessados  Prontos para consumo  Instântaneos, biscoitos, refrigerantes, sucos, sorvetes...“Não coma nada que sua avó não reconheceria como comida”(Pollan,M.)
  15. 15.  Substituir refeições por lanches “pular refeições” Comportamento “beliscador” Valorizar as refeições e a prática de produzir o próprio alimentoajuda a tornar a alimentação mais saudável!
  16. 16.  Vantagens nutricionais e afetivas Rede de apoio Estratégia de sucesso  promoção + apoio + proteção Depois do nascimento, a alimentação saudável começa com leite materno!
  17. 17.  Feiras, sacolões, ambulantes Mercados Hipermercados Bolsa de gêneros alimentícios “circuito curto”Toda compra, por menor que seja, é um ato político!
  18. 18.  Foco no nutriente “medicalização da alimentação” Função do alimento Apropriação da indústria Alimento x produto alimentício Alimentação nutritiva é a alimentação tradicional do brasileiro: arroz, feijão, algum tipo de carne, legumes, verduras e fruta!
  19. 19.  Momento certo Apresentar, introduzir, modificar alimentos ou consistências ou formas de preparo Gestação à terceira idade A alimentação é oportuna quando consegue atender a estas mudanças de maneira favorável e promover saúde!
  20. 20.  Fonte de prazer Comensalidade Comunhão Conecta corpo e alma Alimentação saudável também ter que ser prazerosa!
  21. 21.  Alimentação como fator de risco ou de prevenção a doenças Construção de habilidades pessoais para a promoção da saúde  Senso crítico  Autonomia  Auto estima  Aprovação social Alimentação saudável, além de prevenir doenças, deve promover saúde e qualidade de vida!
  22. 22.  Diferentes biomas Diferentes raças e etnias Mistura da culinária brasileira Tacacá, cuscuz, pamonha, vatapá, moqueca, paçoca, angu, feijoada, frango ao molho pardo, churrasco, barreado – misturas que expressam um passeio pelo paladar e pela culinária regional brasileira!
  23. 23.  Respeito a diversidade:  cultural  ambiental  econômica  socialTodos podem contribuir para a sustentabilidade daalimentação saudável: indivíduos, organizações sociais,empresas e governo.
  24. 24.  Modernidade = falta de tempo Resgate da culinária Aproveitar o tempo da alimentaçãoAlgumas pessoas estão descobrindo que o tempo gasto com aalimentação pode ser otimizado para o cuidado com a família,para relaxar e para planejar a vida pessoal e profissional.
  25. 25.  Fogão à lenha ao microondas Colher de pau à espátula de silicone Espremedor ao multiprocessador Modernidade ou tradição? Nem tudo que a indústria produz é realmente necessário para cozinhar e nem tudo promove saúde!
  26. 26.  Garante vários nutrientes Evita a monotonia alimentar Favorece a biodiversidade Isso é alimentação saudável para as pessoas e para o planeta!
  27. 27.  Como incorporar no dia a dia? Cuidar da saúde Valorizar as diferenças Metas possíveis Aprender mais sobre combinação de alimentos, plantar em casa temperos naturais e usar a criatividade para inventar novas receitas pode despertar para o maior cuidado com a alimentação!
  28. 28.  Forma de cuidar Ambiente Ambiência “tempero do amor” Preparar um alimento é um ato de doação, partilha e solidariedade entre as pessoas!
  29. 29. Contatos:nucane@gmail.comTel. (21) 2334-0063 r. 211reanerj.blogspot.com.br

×