Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

BRM 400 km dos Cataventos

506 views

Published on

Detalhes do evento de 400 km, organizado pela Sociedade Audax de Ciclismo;

Published in: Sports
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

BRM 400 km dos Cataventos

  1. 1. Cartão de Rota
  2. 2. Equipamentos Obrigatórios
  3. 3. Ilustrando: COLETE!!! COLETE!!! COLEEEEETEEEEEE!!! Acredite, tem um cara aqui!!
  4. 4. Ainda sobre o colete: COLETE!!! COLETE!!! COLEEEEETEEEEEE!!! Índice de Refletividade requerida para condições de baixa visibilidade: Norma brasileira NBR 15292 (Classe 2) Norma internacional EN 471.
  5. 5. Equipamentos Recomendados: •Telefone celular, funcionando e com bateria carregada. •Óculos com duas lentes (diurna e noturna); •Luvas; •Capa de chuva e ou corta vento •Protetor solar; •Ferramentas compatíveis com seu equipamento; •Câmara reserva e remendos; •Bomba;
  6. 6. Estrutura na estrada 5 carros de apoio da organização, devidamente identificados. Teremos resgates, mas isso pode demorar. No 400, 600 e 1000, conforme já informado, a Organização fornece o “kit desistente”. Pela distância e tempo, aconselhamos todos os ciclistas desistentes a retornarem para Porto Alegre de ônibus ou com veículo próprio. Seguro: Todos os inscritos tem seguro de vida e acidentes pessoais contratado pela organização, válido para o tempo de duração do evento.
  7. 7. Abertura dos Postos de Controle
  8. 8. Fechamento dos Postos de Controle: Importante frisar que nesta tabela não calculamos o tempo estimado para paradas, apenas nos preocupamos em informar o tempo máximo que o PC ficará aberto. Lembramos que para concluir o BRM dentro do tempo, terão de andar um pouco mais rápido.
  9. 9. Posto de Controle 01 – km 84 - Taquara
  10. 10. Posto de Controle 02 – km 155 - Osório
  11. 11. Controle de Passagem 01 – km 201 - Palmares
  12. 12. Ponto de Apoio 01 – km 209 – Capivari do Sul
  13. 13. Posto de Controle 03 – km 250 - Osório
  14. 14. Posto de Controle 04 – km 320 - Taquara
  15. 15. Controle de Passagem 02 – km 360 – NH
  16. 16. Controle de Passagem 03 – km 371 – São Léo
  17. 17. Controle de Passagem 04 – km 401 – Poa
  18. 18. Desvio: Na RS 239 no segundo acesso a esquerda após a Feevale, acesso a Novo Hamburgo, junto a empresa BRASPRESS. Próximo ao km 358 do trajeto. Dobrar a esquerda
  19. 19. Desvio: Seguir sempre pela Rua Germano Friedrich que depois vira Bento Gonçalves. Seguir até a rua do Valão em Novo Hamburgo(Av. Nicolau Becker) km 358
  20. 20. Desvio: Na Av. Nicolau Becker(Rua do Valão) dobrar a direita e seguir duas quadras, até o BIG. Km 360
  21. 21. Desvio: Na rua antes do BIG dobrar a esquerda. Rua Dr. Magalhães Calvet km
  22. 22. Desvio: Passando pelo lado do Big na Rua Dr. Magalhães Calvet dobre a direita na primeira rua(Rua Joaquim Nabuco) KM360,6
  23. 23. Desvio: Na Joaquim Nabuco siga até o Trensurb, são somente duas quadras, ate chegar a Av. Das Nações Unidas passe por baixo dos trilhos e dobre a esquerda seguindo sempre os trilhos do Trensurb. Na esquina tem o Bourbon Shopping NH. Km 360,9
  24. 24. Desvio: Agora siga sempre ao lado dos trilhos do Trensurb, a Av. das Nações Unidas passará para a se chamar avenida Primeiro de Março. Quando chegar num posto Shell a direita na esquina da Primeira de Março com Rua Sete de Setembro, dobre a direita KM 364 .
  25. 25. Desvio: Siga pela Avenida 7 de setembro até chegar no viaduto da BR 116 junto as esquadrias Scheid. Passe por cima do viaduto e acesse a BR 116 e logo em seguida a rua lateral em direção Sul. Km 365,4
  26. 26. Desvio: Audax Randonneé NÃO é competição. A Federação Gaúcha de Ciclismo organiza eventos competitivos em circuitos fechados com muito mais segurança do que a nossa prova. O nosso Brevet assim como todos os outros organizados aqui no estado, no Brasil e no mundo, se caracteriza como Cicloturismo, por isso temos de respeitar TODAS as regras constantes no CTB - Código de Trânsito Brasileiro, ou seja, transitar SEMPRE pelo acostamento e só quando esse não existir a pista de rolamento poderá ser utilizada e sempre em fila indiana pelo bordo direito da pista. A PRE e a PRF alertam que não admitirão o tráfego em cima da pista de rolamento. Se alguém for flagrado nessa situação será advertido e no caso de reincidência será retirado da prova. A segurança de um evento desse porte depende 99% de quem está pedalando!
  27. 27. Agradecemos sua presença e participação!

×