Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Bonequinha preta

10,718 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Bonequinha preta

  1. 1. Vamos ler a história da A Bonequinha Preta. Sabe por quê? Ela nos conscientizam Ajuda a nos prevenir o bulying racial nos diversos espaços da escola e contribui para que tornemos cidadãos críticos e autônomos que participam do processo social, conscientes de seus direitos e deveres na sociedade com base no respeito mútuo. A Bonequinha Preta Era uma vez uma bonequinha preta, que morava em uma linda ............... com Mariazinha. As duas brincavam o tempo todo, e até dormiam juntas quando estavam cansadas. Todos os outros brinquedos dormiam em outros lugares, mas Mariazinha queria sempre a sua .................. junto. Mas, o que ela não sabia, era que as bonequinhas não dormem como as meninas, aquele tempo todo, sem ver o mundo aqui fora. Eram diferentes das meninas e meninos de verdade em muitas coisas. Mesmo assim, ensinava à sua bonequinha preferida tudo o que aprendia com a mamãe: tomar banho, escovar os dentes, trocar roupas limpas, e tudo mais. Naquele dia, quando foi dormir um pouquinho depois do almoço, explicou direitinho à bonequinha preta que ela não deveria subir sozinha na janela: - A janela é muito perigosa! A criança pode cair lá fora e nunca mais voltar para casa. Papai disse que precisa ter gente grande perto sempre que a gente quiser ir à janela. Mariazinha viu que a .............. entendeu tudo muito bem, como sempre. Então dormiu sossegada... A bonequinha preta também começou a dormir mas, ... uma voz diferente, forte e interessante entrava pela janela trazendo uma novidade que ela não conhecia: - Verdureiro, verdureiro! O que será isso, pensou. A Mariazinha, que sempre sabia tudo, estava dormindo e não podia contar nada sobre verdureiros, que deviam ser seres novos e sensacionais! Ela precisava ver! Talvez seja isto: ................... um cara todo verde! Ou quem sabe isto: ................. alguém saindo assim do verde. Também podia ser um destes: .......................... nunca tinha visto um. - Verdureiro, verdureiro! Ir ou não ir só um pouquinho na janela? A dúvida passou rapidinho e logo ela já estava lá, tentando olhar tudo. Ela não queria cair, mas estava difícil ver. Subiu só mais um tantinho e tibum! caiu lá embaixo! Por sorte, o verdureiro estava passando bem na hora, e a ................ caiu em cima das verduras fofinhas de seu grande cesto. Ela era tão levinha que ele nem percebeu e continuou andando pelas calçadas com seu canto: - Verdureiro, verdureiro! Passou por várias ruas onde a bonequinha preta nunca tinha ido, cada vez mais longe... Saber mais: ortografia Anápolis, ______________________________________________ Ano: _____ Aluno(a):________________________________________________________
  2. 2. Então o verdureiro decidiu voltar para casa, pois já era tarde. Entrou pela garagem escura, sem ver a .............. assustada que estava ali. E subiu as escadas para chegar em casa, largando o cesto no chão. A bonequinha preta começou a chorar, de tanto medo que estava daquele lugar estranho e escuro. Cair da janela assim tinha sido uma grande besteira, e ................. não ia gostar nada de ter sido desobedecida. Então chorou e chorou mais ainda, sem nenhum consolo... Nenhum? Um gatinho que ia passando por ali ouviu aquele choro tão doído e ficou com muita pena dela . Tentou fazer gracinhas para ela sorrir, mas não deu certo. - Então, o que posso fazer por você? - Não sei, eu fui olhar só um pouquinho na janela, sem .................. saber. Ela disse para eu não ir sozinha, e agora perdi minha linda ! - Talvez eu possa ajudar. Os gatos passeiam pela noite, e se você me contar como é sua casa, talvez eu a encontre. - É uma linda .............. branca, com janelas azuis, e uma .................. dentro, que deve estar muito triste agora. E assim, o ................... saiu pelas ruas à noite, procurando a casa certa. Procurou, procurou e... Encontrou aquela linda ...................... branca, com janelas azuis, e uma linda ........................... que chorava muito. -Vamos lá buscar sua bonequinha preta que caiu no cesto do verdureiro! E lá foram os dois. Quando chegaram, foi aquele abraço! Toda a choradeira passou e as duas se prometeram nunca mais se separar. Voltaram juntas para casa mas, na hora de se despedir do ............., ficaram com tanta pena, que o convidaram a morar com elas na linda ........................ Ele gostou muito da ideia. Assim, a história acaba com todos felizes, merecendo no fim um ponto de ...................... alegria bem grande. Professor, ao transcrever o texto para essa aula, os desenhos do site não apareceram, porém, lá há imagens. b- Em seguida, pedirá que, em seus computadores, quando acessarem o site, escrevam palavras em substituição aos desenhos que aparecem no texto. Dirá que não é preciso repeti-las quando o mesmo desenho voltar a aparecer. c- O professor deverá solicitar que os alunos respondam os exercícios de compreensão do texto abaixo. Para tanto, deverá entregar uma cópia das perguntas aos alunos. Pedirá que eles usem o laptop para responder às questões no Kword. 1- Identifiquem e caracterizem os personagens principais da história. 2- O que Mariazinha não sabia? 3- Que conselho ela deu à boneca? 4- Porém, o que atraiu a atenção da bonequinha preta? 5- O que aconteceu em seguida? Copie a alternativa correta. a- Um gato levou a bonequinha para longe de casa. b- Um verdureiro encontrou a boneca em sua cesta. c- A bonequinha ficou morando na casa do verdureiro. d- Houve um final feliz para o gato, a Bonequinha e Mariazinha.
  3. 3. 6- Observem, retirei algumas palavras do texto:  brinquedos, tempo, sempre, embaixo, branca, dentro, ponto, grande a- Separem-nas em dois grupos: b- Qual o critério que vocês usaram para separar as palavras nos grupos? Atividade 3  Professor faça cópias deste quadro que construí e peça aos alunos que o colem no caderno e resolvam o exercício. 1- Encontrem no quadro 10 palavras nas quais o m aparece antes de b ou p. m a c b a c a m p o a e i o p a a g o h r o m b o r h z m e i z e c b i t y b t m t m e b m d q a d b w b f w b a b l c o q r m q o m b r o n z o n k m n q g j d v t a m p a l b z o b a g p r y t u l O macaco professor Há muitos e muitos anos, no tempo em que os bichos ainda falavam, professor Macaco ensinava aos seus alunos: __Não se esqueçam, crianças! Nas palavras, antes de P e B, usamos o M! Todos aprenderam, menos o Pato. Também pudera! Só pensava em jogar Bola! Então o professor Macaco teve uma bela ideia: pulou, pulou, pulou... até o seu rabo formar um M. O Pato morreu de rir. E nunca mais esqueceu que, nas palavras, antes do P do Pato e do B de Bola, usamos o M de Macaco. b) A professora estimulará seus alunos a dramatizarem a história do Macaco Professor. Os cartões dos três personagens serão usados para ilustrar a apresentação. Vários grupos poderão se apresentar, considerando que esta atividade é muito agradável para as crianças. Elas terão a oportunidade de praticar a linguagem oral e, certamente, a história e as figuras dos personagens ficarão gravadas em suas memórias. c) A professora poderá distribuir para as crianças a história escrita.
  4. 4. 2. Na frase: “Eu acho que eles estão tramando alguma coisa...” a palavra em destaque se refere: ( ) a mãe ( ) ao pai ( ) aos filhos ( ) aos pais Na frase: “ E o que vamos fazer para descobrir?” O pronome pessoal do caso reto é: ( ) que ( ) para ( ) vamos ( ) nós Os pronomes pessoais do caso reto encontrados no texto são: ( ) Júnior e Leiloca ( ) eu, ele, nós ( ) eles, Júnior ( ) nós, Leiloca Quais são os pronomes do caso reto? E do caso oblíquo? 3.Leia as frases, sublinhe os verbos e indique o tempo e modo: a) Espero que você participe da festa:_____________________________________________ b) Por favor, volte cedo para casa. _______________________________________________ c) O surfista correu para o mar. _________________________________________________ d) Era meio-dia quando ele chegou. ______________________________________________ e) Chovia muito ontem à tarde. __________________________________________________ f) Quero que você conheça meus amigos. _________________________________________ g) A previsão do tempo é que choverá amanhã._____________________________________ h) Chovera muito. ____________________________________________________________ i) Daria certo, se você tivesse feito a tarefa. _______________________________________ j) Estava tarde, quando eles chegaram. ___________________________________________ 4. Preencha as lacunas com o tempo e modo adequados dos verbos entre parênteses.
  5. 5. a) Ela ___________________ cedo todos os dias. (acordar – presente do indicativo) b) Nós ___________________ o texto ontem. (analisar – pretérito perfeito do indicativo) c) As crianças _________________ passear no parque, quando ele __________________. (querer – pretérito imperfeito do indicativo; chegar: pretérito perfeito do indicativo) d) Os alunos ___________________ a matéria depois que ______________________. (entender – futuro do presente do indicativo; estudar – futuro do subjuntivo) e) Você ______________________ essa carta se ____________________________. (escrever - futuro do pretérito do indicativo; poder - pretérito imperfeito do subjuntivo) f) Eu _________________ o lanche com eles. (dividir – futuro do presente do indicativo) g) Nós __________________ com esse calor. (sofrer – presente do indicativo) 5. Complete as lacunas com os verbos indicados no pretérito imperfeito do indicativo. a) Eu ___________________ música quando meus colegas chegaram. (escutar) b) Nós ___________________ no sofá quando minha irmã chegou. (descansar) c) Criança _________________ no berço enquanto a mãe lia um livro. (dormir) 6. Passe os verbos das frases abaixo para o pretérito perfeito do indicativo. a) Ele analisa o texto.______________________________________________ b) Marcelo desiste do jogo. __________________________________________ c) Eu abro as janelas. ______________________________________________ d) Ela compra a bicicleta. ____________________________________________ 7. Complete as frases com os verbos, conjugando-os no futuro do presente do indicativo: a) Eles ________________ de ouvir essa notícia. (gostar) b) Eu __________________ sua sugestão. (aceitar) c) O professor _______________ esse texto. (corrigir) d) Os alunos _______ essa exposição de arte. (visitar) e) Ele ____________ guitarra na festa. (tocar) 8. O que é e quais são os pronomes demonstrativos: ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________
  6. 6. 9.Complete as lacunas com pronomes demonstrativos: a) Está vendo ________________ rapaz lá embaixo? Quem é ele? b) Mas que cara é _____________? Por que você está tão triste? c) Eu tenho dois sanduíches. Tome, pegue ___________ aqui para você. d) Todas as meninas vão participar do teste. _____________ que fizer mais pontos ganhará um prêmio especial. e) Por que você disse _________________ para ele? f) Na porta do cinema havia uma placa que dizia: “___________________ cinema está fechado para reforma.” 10.Escreva uma frase empregando “meu” e “aquele” (use verbos no pretérito imperfeito do indicativo): ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 11. Leia e retire todos os pronomes que foram utilizados na tirinha e classifique-os: - No futebol, você não pode tocar na bola com a mão nem com os braços. - Viu, você pode usar qualquer outra parte do seu corpo... - ...Até a cabeça! - Tudo bem, mas o rosto?? Isso não dói? - RRRRGHH! Não era isso que eu queria fazer! (Calvin & Haroldo, Bill Watterson) ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 12.Leia: Terra e água Mais de dois terços da superfície da Terra são cobertos pelos oceanos. Nos locais onde a terra se eleva acima do nível do mar, formam-se os continentes e as ilhas. Estas são pedaços de terra menores do que um continente. Enciclopédia dos fatos. São Paulo: Globo, 1996. a) No texto, a que substantivo se refere o pronome demonstrativo “estas”? ________________________________________________________________________ b) Por que a palavra “terra” aparece escrita de duas formas diferentes no texto? ___________________________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________________________
  7. 7. 1. Complete: a) Todos os corpos possuem ________ tipos de carga elétrica: __________ e ____________. b) Um corpo que apresenta a mesma quantidade de cargas positivas e negativas é chamado de___________. c) Os corpos com cargas elétricas de sinais opostos se ___________ e os corpos com cargas de mesmo sinal se ___________. d) Um corpo que possui número diferentes de cargas positivas e negativas é chamado de corpo ____________ eletricamente. 2. Explique. a) O que são materiais bons condutores de energia elétrica? Cite dois exemplos. ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ b) O que são materiais maus condutores de energia elétrica? Cite dois exemplos. ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ 3. Explique com suas palavras como são formados os relâmpagos. Faça um desenho para complementar sua explicação.
  8. 8. ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ 4. Assinale os materiais que não conduzem bem a eletricidade. ( ) pneu ( ) bola de plástico ( ) vaso de cerâmica ( ) vidro ( ) barra de ferro ( ) maçanete de metal ( ) água 5. Por que é tão perigoso soltar pipas em regiões próximas a fiações elétricas? ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ ___________________________________________________________________________ _ 6. Observe as figuras: A B C a) Em quais condições há repulsão magnética? Por quê? ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________
  9. 9. b) Em quais condições há atração magnética? Por quê? ________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________ 7. Qual a diferença entre ímãs naturais e artificiais? ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 8. A Lua, entre outras diferenças com a Terra, não apresenta campo magnético. O uso de bússola seria indicado para astronautas se localizarem neste satélite natural? Por quê? ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 10. Fernanda comprou uma bússola e chegando em casa achou que o instrumento estava quebrado, pois aponta para locais diferentes quando ela está na sala ou no quarto. Supondo que a bússola não esteja realmente quebrada, qual pode ser o problema? ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 11. Qual parte do circuito elétrico é o botão liga/desliga do liquidificador? Explique como este dispositivo funciona. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 12. Por que todos os instrumentos utilizados por eletricistas possuem borracha ou plástico na parte em que há contato com as mãos? ___________________________________________________________________________ 13. Complete. a) A corrente ___________ gera campo ___________. b) O ____________ é um ímã que utiliza a eletricidade. c) Um ímã tem duas zonas: polo _________ e polo ________.
  10. 10. d) A bússola é um exemplo da utilização de um __________ e a campainha é um exemplo da utilização de um ______________. 14. Responda: a) Quando dois imãs se atraem?________________________________________________ b) Quando dois imãs se repelem?_______________________________________________ . 15. Daniel ganhou de presente dois carrinhos. Ele prendeu um imã no teto de cada um, de forma que os dois polos norte ficassem na parte da frente. Depois, Daniel empurrou os carrinhos na direção um do outro. O que você acha que aconteceu? Por que ? ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 16. Pinte de verde as afirmativas corretas e de vermelho as afirmativas erradas. a) A energia elétrica chega às nossas casas por meio de fios elétricos. b) A parte de dentro dos fios elétricos é feito de plástico. c) Os elétrons se movimentam dentro dos fios formando a corrente elétrica. d) Os metais são bons condutores de corrente elétrica. e) A borracha conduz a corrente elétrica com facilidade. 17. Marque a alternativa que completa cada frase sobre a eletricidade: a) Pequenas partículas chamadas elétrons se movimentam dentro dos fios, formando: ( ) materiais isolantes ( ) corrente elétrica ( ) circuito elétrico b) Pode-se obter energia elétrica utilizando a energia do movimento da água nas: ( ) usinas hidrelétricas ( ) usinas termelétricas ( ) usinas nucleares c) Materiais como borracha e plástico dificultam a passagem da corrente elétrica, são chamados: ( ) reatores ( ) bons condutores ( ) materiais isolantes 18. Reúna sobre uma mesa os seguintes objetos: alfinete, grampo de cabelo, rolha, moeda, tampinha de plástico, folha de papel, pedaço de madeira e pedaço de pano. Consiga um imã e aproxime-o de cada objeto, um por vez. Verifique quais são os que ele atrai e marque na tabela. OBJETO TESTADO FOI ATRAÍDO NÃO FOI ATRAÍDO Alfinete Grampo de cabelo Madeira Moeda Pano Papel
  11. 11. Plástico Folha 19. Faça um X nas frases que indicam o uso da energia elétrica. a) ( ) Aquecer alimentos no microondas. b) ( ) Velejar. c) ( ) Ver televisão. d) ( ) Tomar banho. e) ( ) Nadar. 20.Complete as frases. a) Dentro de uma pilha existem materiais que, quando colocados juntos, se modificam, isto é, ocorre uma _____________________ reação química entre eles. b) As baterias também geram ______________________eletricidade. 21.Escreva C para os cuidados que se deve ter com a combustão e P para os prejuízos que ela causa. ( ) Queima do lixo. ( ) Não mexer com fogo. ( ) A combustão que ocorre nos motores dos carros soltam gases venenosos. ( ) Verificar se o palito de fósforo está realmente apagado antes de jogá-lo fora. 22. CIRCUITO ELÉTRICO - Escreva alguns cuidados que devemos ter com a eletricidade. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ Da África para o Brasil: Uma longa viagem 1.Diversos artistas representam o Brasil colonial através de diversas obras. Assim sendo, faça a releitura das obras que se encontram nas págs. 76 e 77. (caderno) . 1.1.Analisar as imagens para descrever de maneira detalhada.( escrever 1º o nome da imagem)
  12. 12. 2.Quais aspectos da história do Brasil você conseguiu identificar nesta imagem? 3.Ler pág. 78 e escrever justificando porque chamam a África de “berço da humanidade”. 4. Para conhecer a história dos povos africanos, arqueólogos e historiadores pesquisam em diferentes fontes. Quais as principais, diferentes e importantes fontes de pesquisa deles ? 5.Desenhe explique a construção das grandes pirâmides no Reino de Kush do Egito. 6. Por que as pessoas mais velhas dos grupos eram conselheiras dos chefes africanos? 7.Quem eram os griots e o que eles faziam? 8. Da África para o Brasil os colonizadores portugueses trouxeram o que? Como foi i? Explique. 9.Quem eram os bantos? Explique. 10. Como eram conhecidos e o que faziam os iorubás? Explique. 11.O que aconteceu com os iorubás a partir dos anos de 1700? Explique. Da África para a AMÉRICA: 1.Ler pág. 80 para explicar o que, quem e como era o comércio durante as grandes navegações. 2.Ler pág. 81. Quem eram os negreiros ou tumbeiros? Quais condições eles enfrentavam ao serem transportados? Explique. 3.Ler a pág. 82 para explicar como e porque au mentou o tráfico de escravos a partir de 1550. 4. Por que entre os séculos 16 e 17 a região nordeste se tornou a mais importante região produtora de cana-de-açúcar? 5. Os escravizados que sobreviviam à longa viagem de navio eram desembarcados em portos... quais cuidados eles recebiam? 6. Transcrever e realizar organizadamente no caderno a atividade da pág. 83, a de nº 4 da pág. 85 e estudar todas as questões desta folha para prova de 6ª-feira, 22/08/14.
  13. 13. 1-O que acontece com um país quando vive uma ditadura? Marque as alternativas corretas. a) ( ) Seus cidadãos perdem a liberdade de se locomover e de expressar suas opiniões. b)( ) A imprensa e os artistas são livres para fazer suas publicações. c)( ) A sociedade vive, na ditadura, em plena liberdade e democracia. c)( ) As pessoas podem ser presas ilegalmente, ficando sujeitas a todo tipo de violência. 2- Todas as afirmativas sobre o período de expansão industrial, iniciado em 1945 estão corretas, EXCETO. a)( ) Foi marcado por fases de crescimento econômico, principalmente durante a presidência de Juscelino Kubitscheck. b)( ) Várias empresas estrangeiras se instalaram no país, com destaque para as montadoras de automóveis. c)( ) A capital foi transferida para Brasília, construída no centro do país. d)( ) Os preços das mercadorias eram controlados de acordo com o salário dos trabalhadores. 3-Numere as frases de acordo com a ordem em que os fatos aconteceram durante “O golpe militar de 1964”. ( ) As reformas de João Goulart desagradaram fazendeiros, industriais, banqueiros, alguns membros da Igreja Católica, militares e grande parte da classe média. ( ) João Goulart lançou um plano de reformas que procurava acalmar a população e melhorar a distribuição de renda. ( ) No início de 1960, uma grande agitação começou a tomar conta do país. ( ) Com o apoio dos setores que estavam insatisfeitos, no dia 31 de março de 1964 os militares derrubaram o governo e implantaram uma ditadura no Brasil. 4- No caderno, escrever o que existe de diferente entre o ensino durante o regime militar e o de hoje. 5.O que é censura? 6)Você acha que existe censura hoje em dia? Explique. 7. Realizar no caderno a atividade nº4 da pág. 87 conforme instruções. [continua] Complete as frases com os verbos nos tempos pedidos:
  14. 14. a)Se nós ______________ com você, mamãe sorriria. (brincar – pretérito imperfeito do subjuntivo) b)Quando eles _______________ a porta, nós cantaremos parabéns. (abrir – futuro do subjuntivo) c)Nós desejamos que vocês ___________ conosco para o almoço. (ficar – presente do subjuntivo d)Elas não __________________ as balas. (dividir – pretérito perfeito do indicativo) e) Os meninos _____________ no quadro. (desenhar – presente) f) Nós __________________ para outra cidade. (partir – futuro do presente do indicativo) g) Eles __________________ se quisessem. (comer – futuro do pretérito) h)Nós já _______________ todas as palavras. (escrever – pretérito mais-que-perfeito) i) A mulher ______________ a casa. (arrumar – pretérito imperfeito do indicativo) 2. Passe as frases do pretérito perfeito para o futuro do presente, como no modelo: Eles venderam todas as frutas. / Eles venderão todas as frutas. a) Vocês compraram o jornal? _____________________________________ b) Elas não dividiram as balas. ____________________________________ c) Os meninos pularam o muro de seu Reinaldo. ______________________ 3. Passe as frases do futuro do presente para o futuro do pretérito: a) Você correrá para a praia. ________________________ b) Nós partiremos para outra cidade. ____________________ c) Eles procurarão um novo emprego. ___________________ 4.. Siga o modelo, fazendo os três pretéritos do indicativo: Ele apontou os erros dela. / Eu apontava os erros dela. / Eles apontaram os erros dela. a) Ele preparou o bolo para mamãe. Ele apontou os erros dela. / Eu apontava os erros dela. / Eles apontaram os erros dela. a) Ele preparou o bolo para mamãe. Eu _____________________________ / Eles ____________________ b) Ele perdeu a carteira na rua. Eu _____________________________ / Eles ____________________ c) Ele mentiu para seu melhor amigo. Eu _____________________________ / Eles ____________________ 5. Passe as frases para o pretérito imperfeito: O pai chegou pouco depois da oito. O homem deixou o livro de lado. Cecília e Marcos colocaram o cotovelo na mesa e soltaram lágrimas de tanto rir.
  15. 15. Eu gostei das histórias que mamãe me contou. 6. Passe as frases para o pretérito perfeito: Ana passava a mão na cabeça do menino. Fábio corria pelo corredor. Mamãe e papai não falavam nem sim nem não. Eu precisava decidir rapidamente. 7. Os fatos abaixo foram narrados no tempo passado. Reescreva-os no tempo presente: Um mosquito pousou no chifre de um touro e lá ficou por muito tempo. Depois voou e perguntou ao touro: - O meu peso não o incomodou? 8. Complete as frases empregando o verbo no futuro do pretérito: A - Se não tivesse chovido, os agricultores __ (Ter) perdido toda a plantação. B - Com certeza eu ___ (ajudar) a você, se conhecesse o assunto. C - Por favor, você ___ (ler) este texto por mim? D - Todos _____ (continuar) jogando, se houvesse mais tempo. 9. Dê o tempo em que se encontram os verbos destacados, marcando: (1) presente (2) pretérito perfeito (3)pretérito imperfeito (4) futuro do presente a) O homem sentou-se ( ) do outro lado da mesa. b) Eu farei ( ) o café e você varrerá ( ) a cozinha. c) A menina vivia ( ) preocupada. d) O menino dorme ( ) no sofá da sala. e) Você pensou ( ) numa solução? f) Nós estudaremos ( ) para a prova. g) Ela bebia ( ) um refrigerante. 10. Passe o verbo para o tempo presente: Eu entrei em casa. Fechou os olhos com força. Eu ficarei aqui sozinho. 11. Escreva os verbos nos tempos pretérito perfeito e pretérito imperfeito: Ele sente fome. Ouvem a algazarra dos pardais? Este cachorro late muito forte. Eu garanto isso. 12. Passe os verbos para o futuro do presente: Amanhã viajo cedo. Os raios do Sol aquecem a Terra. Eles acenderam as luzes durante o dia. 13. Em que tempo está o verbo destacado? A noite soprou um vento forte. Ficarei aqui sozinha com eles. Chegaremos amanhã bem cedo. Cara-de-pau acreditava na noite. Eles se acomodaram num canto.
  16. 16. 14. Complete o texto com os verbos do quadro: Passou voava está doer estava disse hesitar viu Uma vez ____ um gafanhoto sentado numa pedra cor-de-rosa, quando _____ uma borboleta azul. Dum azul tão lindo que até faz _______ os olhos. A borboleta que ______ baixo _____ o gafanhoto sentado e triste. E _____-lhe depois de _____ um momento, um momento pequenino: - Por que você ______ triste? 15. Faça a correspondência. Veja o exemplo: (a) Eu e meu irmão ( ) encontrei um velho amigo. (b) Ah! Vocês ( ) já pagaste o pão? ( c ) Carlos ( ) volta hoje para casa. (d) Eu ( ) correrá na maratona. (e) Meu tio ( ) olhariam as estrelas e se apaixonariam. (f) Tu ( ) guiava lentamente pela avenida. (g) O atleta ( ) terminas esse trabalho para mim? (h) Maíra e Alex ( ) confirmarão a viagem só amanhã. (a) conversávamos sobre cinema. Flávia Carias - Professores Solidários Peças de quebra-cabeça: partes de um todo As frações são representações das partes de um todo. Tanto na matemática, quanto na vida, quando falamos de equivalência, estamos falando de igualdade entre dois objetos, dois elementos. As frações equivalentes são frações escritas de maneiras diferentes, entretanto representando a mesma parte de um todo, ou seja, são frações iguais, porém representadas de maneiras distintas. Veja a seguinte situação. “ Pedrinho comprou uma barra de chocolate, então seu amigo Lucas pediu para que ele a di vi di sse ao meio e cada um comeria ½ da barra de chocolate. Pedrinho respondeu que iria dividir o chocolate em quatro partes e cada um comeria 2 pedaços. Então Lucas concordou, dizendo que eles comeriam a mesma quanti dade de chocol ate .” Lucas estava certo ao afirmar que eles comeriam o mesmo tanto de chocolate? Pois a proposta inicial de Lucas era dividir o chocolate meio a meio. Só existe uma maneira de explicar isso, usando frações equivalentes. Façamos a representação da divisão proposta por Lucas. Veja que a quantidade de chocolate é a mesma, mudou apenas a forma de repartir o chocolate. Mas fazer representações iguais a essa sempre que fosse preciso encontrar frações equivalentes se tornaria algo cansativo e desnecessário, pois existe um modo menos trabalhoso de encontrar frações equivalentes, utilizando apenas a operação da multiplicação.
  17. 17. Para encontrarmos frações equivalentes, basta multiplicarmos o numerador e o denominador pelo mesmo número. Veja que o método para encontrar a fração equivalente não determina que número seja este, fica à sua escolha qual número usar. A única restrição é: o número pelo qual o numerador for multiplicado, deverá também ser multiplicado pelo denominador. Vejamos no caso do Pedrinho. A fração original era 1/2. Encontramos a fração 2/4 equivalente a ela. Note que o numerador e o denominador foram multiplicados por dois. Vamos multiplicar o numerador e o denominador por três: Veja que você pode obter diversas frações equivalentes à fração 1/2, basta i r testando a multiplicação com números diferentes. Fração Equivalente Frações diferentes que expressam quantidades iguais Dizemos que uma fração é uma parte de um inteiro que pode ser representada geometricamente ou numericamente. Podemos dividir o inteiro em diversas partes, as quais representarão quantidades diferentes e outras que representarão uma mesma quantidade. No caso de frações diferentes que representam a mesma quantidade, damos o nome de frações equivalentes. A única condição para que existam frações equivalentes é que elas pertençam ao mesmo inteiro. Observe o retângulo a seguir, ele representa o inteiro: Ao dividirmos ao meio, isto é, em duas partes, e destacarmos 1 parte, teremos a seguinte fração: . Dividindo o mesmo inteiro em 4 partes e destacando 2, teremos a seguinte fração: Caso o inteiro seja dividido em 16 partes iguais e destacamos 8, a fração representa numericamente a seguinte parte geométrica: As frações apresentadas são equivalentes, todas possuem representação numérica diferente, mas
  18. 18. expressam quantidades iguais. Nesse caso, elas estão representando sempre a metade do inteiro. Observe as frações na forma geométrica e numérica: Para indicarmos quando duas ou mais frações são equivalentes, utilizamos o símbolo ~ ou o símbolo da igualdade +. Para identificarmos se duas ou mais frações são equivalentes, basta aplicarmos os princípios de simplificação conhecidos, isto é, dividir o numerador e o denominador pelo mesmo número, reduzindo a fração à forma irredutível. Se as formas irredutíveis forem idênticas, dizemos que as frações são equivalentes. Veja exemplos: Verifique que as frações ao serem reduzidas à forma irredutível se tornaram idênticas, portanto, elas são equivalentes. Para Saber Mais... Frações Equivalentes 1. Para responder às questões considere as frações abaixo * Quais frações são equivalentes a ? _______________________________ * Qual fração é equivalente a 3? ____________________ * Qual fração é equivalente a ? ?__________________ 2. Sou uma fração equivalente a 2/5. Meu denominador é 20. Que fração sou eu? 3.Observe que, na figura abaixo, o círculo representa a unidade: a) Qual é a fração que a parte colorida da figura representa?____ b) Qual é o numerador da fração? ______
  19. 19. c) Qual é o denominador da fração?______ d) Compare o numerador da fração com o denominador. Qual é o menor?______ 4) Classifique as seguintes frações como (P) próprias, (I) impróprias ou (A) aparentes: ( ) ( ) ( ) ( ) ( ) ( ) ( ) 11 9 , 3 19 , 4 2 , 8 8 , 7 14 , 4 10 , 7 120 , 1 5) Organizar as frações ao lado na tabela. 10 6) Passe para a forma mista as seguintes frações impróprias: a) 26 b) 5 125 c) 8 47 d) 6 147 e) 13 59 f) 2 1313 25 7) Transforme as frações mistas em frações impróprias. a) 1 2 b) 3 2 1 c) 7 2 4 d) 7 1 1 e) 3 3 2 f) 5 5 3 11 8) Simplifique pelo método do mdc: a) 84 b) 72 54 c) 90 98 d) 28 147 e) 189 63 105 9) Coloque um dos sinais <, > ou = entre as frações. a) 1 ____ 7 2 14 c) 3 ____ 2 4 3 e) 2 ____ 5 3 7 g) 10 4 ____ 15 6 Própria Imprópria Aparente
  20. 20. b) 3 2 ____ 6 5 2 d) 8 11____ 4 4 f) 3 7 ____ 4 8 h) 5 1 3 ____ 4 1 2 4 10) Usando a equivalência de frações, descubra o número que deve ser colocado no lugar da letra x para que se tenha: a) 7 14  b) x 9 7 x  c) 12 2 9 x 3 11  d) 1 x 6 18  e) 4 x  f) 28 7 x 2 15 30  11) Reduza as frações ao mesmo denominador comum: a) 1 b) 1 , 4 8 1 , 2 1 c) 1 , 3 9 1 , 6 5 d) 9 , 2 5 3 , 4 2 , 6 5 5 , 4 , 15 7 10 12) Calcule as operações com frações: 7 2 b)   a)   13 13 9 10 c)   11 11 13 29 d)   10 10 2 4 5 4 8 2 f)   e)   15 15 10 7 g)   3 3 31 17 h) 6 6 5 1    6 6 11 6 13) Calcule as operações com frações: 1 2 b)   a)   5 3 3 2 c)    3 2 3 7 2 e) 2 d)   4 7 6 3 2 2 1 2   = 3 11 2 5 1 5 3 f)    2 6 4 1 g)   2 h) 4 5 18 7 12 4 2 7 1 1 j)    = i)    10 3 5 3 2 5 1 3 5 2 5 1 k)    3 4 6 3 5 1 1 l)     4 6 3 2 7 4 5 m)    15 5 3 5 2 9 n)    12 3 4 o) 5 1    6 3 1 2
  21. 21. 1 p)   3 2 r)    4 q)   7 3 2 1 9 1 s)   10 2 2 9 4 t)   5 10 1 4 3 2 4 1 5 v)   u)    8 2 5 11 5 x)   8 12 4 1 y)   2 5 5 2 6 2 7 3 14) Efetue as multiplicações: 1 . 4 3 e)  a)  2 8 . 4 5 1 . 3 2 i)  6 b)  9 . 3 2 25 . 5 9 3 . 7 4 14 j)  49 . 7 f)  6 2 . 5 16 5 . c)  8 7 . 14 15 8 g)  7 . 5 8 45 . 3 16 1 . 8 15 18 2 22 . . d)  k)  9 28 12 17 h)  4 . 7 17 14 . 9 3 4 . 7 3 l) 4 .  21 9 . 49 147 18 15) Efetue as divisões: 4 b) 2 : 2 : 5 a)  3 4 c)  5 13 39 : d)  14 49 81 27 : e)  25 5 14 : 9 3 7 10 5 : g)  f)  9 3 64 128 : h)  81 27 14 1 i)  3 : 2 3 3 j)  3 : 4 8 4 5 2 : 6 2 : l)  k)  3 15 1 4 2 m)  7 : 3 4 24 12 : n)  15 5 100 25 : o)  17 34 7 : 3 42 5 16) Calcule o valor das expressões numéricas: 3    i)    2 5 2 a)             3 4 5 2    8 .           7 8 7 4 3 3 4 7    j)  7 8 5 b)             9 9 6 8 7 . 2 3 3 2 . 3 5 1 3 . 2 5 1   =    1    5 7 1 c)       1 . 4 1 11 1 k)           4 4 5 2 7 =           5 2 13 2 1    l)   1 1 1 d)              6 2 2 4 3 1  =  1 . 5       1 . 2   1 . 2 5 1 6 1 1 . 2 3 1 5 Para Saber Mais... Máximo Divisor Comum (m.d.c) Noções conceituais - MDC Dizemos que um número é divisor de outro quando o resto da divisão é igual a zero. Ex.: 5 é divisor de 30, pois 30: 5 = 6 e o resto é 0.
  22. 22. Todo número natural é produto de dois números naturais. Ex.: 10 = 2 X 5 Os fatores de um número natural são seus divisores..Ex.: 2 e 5 são divisores de 10. O conjunto dos divisores de um número é finito. Ex.: D10 = (1, 2, 5 e 10) O 1 é divisor de todos os números naturais. Ex.: 10 : 1 = 10; 18 : 1 = 18. O maior divisor de um número é ele mesmo. Ex.: D6 = (1, 2, 3 e 6). Há números que possuem vários divisores, e outros, só dois. Esses números que só são divisíveis por 1 e por ele mesmo chamam-se números primos. Ex.: D 7 = (1 e 7) primo: D19 = (1 e 19) primo. O número 2 é o único número par que é primo. Ex.: D2 = (1 e 2). Dois números naturais sempre têm divisores comuns. Ex: os divisores comuns de 12 e 18 são: 1, 2, 3 e 6. Dentre eles, 6 é o maior. Então chamamos o 6 de máximo divisor comum de 12 e 18 e indicamos m.d.c. (12, 18) = 6. O maior divisor comum de dois ou mais números é chamado de máximo divisor comum desses números. Usamos a abreviação m.d.c. Podemos calcular o m.d.c de várias maneiras. Uma delas é por meio da decomposição desses números em fatores primos. Veja o cálculo do m.d.c. entre 36 e 90: 36 = 2 x 2 x 3 x 3; 90 = 2 x 3 x 3 x 5. O m.d.c. é o produto dos fatores primos comuns: m.d.c. (36, 90) = 2 x 3 x 3. Portanto m.d.c. (36, 90) = 18. A fatoração do número na forma de potência é a seguinte: 36 = 22 x 32 ; 90 = 2 x 32 x 5. O m.d.c. de dois ou mais números, quando fatorados, é o produto dos fatores comuns a eles, cada um elevado ao menor expoente. Portanto m.d.c. (36, 90) = 2 x 32 = 18. Outra maneira de calcular o m.d.c. é pelo processo das divisões sucessivas. Para isso, efetuamos várias divisões até chegar a uma divisão exata. Veja o cálculo do m.d.c. (48, 30): 1º) dividimos o número maior pelo nº menor; 48 / 30 = 1 (com resto 18) 2º) dividimos o divisor 30, que é divisor da divisão anterior, por 18, que é o resto da divisão anterior, e assim sucessivamente; 30 / 18 = 1 (com resto 12) 18 / 12 = 1 (com resto 6) 12 / 6 = 2 (com resto zero - divisão exata) 3º) O divisor da divisão exata é 6. O divisor dessa divisão é o m.d.c. Então m.d.c. (48, 30) = 6. Veja agora, mais uma maneira de calcular o m.d.c. através dos números primos: Dois ou mais números são primos entre si quando o máximo divisor comum desses números é 1. Ex.:Os números 35 e 24 são números primos entre si, pois mdc (35,24) = 1. Os números 35 e 21 não são números primos entre si, pois mdc (35,21)= 7. Dados dois ou mais números, se um deles é divisor de todos os outros, então ele é o m.d.c. dos números dados. Ex.: Dentre os números 6, 18 e 30, o número 6 é divisor dos outros dois. Nesse caso, 6 é o m.d.c.(6, 18, 30): 6 = 2 x 3 18 = 2 x 32 30 = 2 x 3 x 5. Portanto m.d.c. (6, 18, 30) = 6. * Para continuar sabendo mais, realizar os exercícios com interesse e atenção. 1. Encontre os divisores dos números: D2 = ( .........................) D3 = (...........................)
  23. 23. D4 = (...........................) D5 = (...........................) D6 = (...........................) D7 = (...........................) D8 = (...........................) D9 = (...........................) D10 = (..........................) 2. Dentre os números decompostos quais admitem: a) apenas dois divisores?....................... b) mais de dois divisores?........................ 3.Qual é o único número par que tem só dois divisores? Como ele é chamado? ........................................................................................................................................... 4. Você sabia que o grego Eratóstenes, que viveu antes de Cristo, organizou uma tábua só de números primos, que ficou conhecida como Crivo de Eratóstenes? Vamos construir uma tábua igual à dele? a) Para achar os números primos até 100 vamos observar nossa tabela. b) Elimine o 1 com um corte ( / ) c) Elimine agora os múltiplos de 2, menos ele, ou todos os números pares. d) Elimine todos os múltiplos de 3, menos ele. e) Elimine todo os múltiplos de 5, menos ele. f) Por último, elimine todos os múltiplos de 7. Você encontrou todos os nºs primos até 100, que são os que não foram cortados. g) Escreva todos os números primos até 100: ............................................................................................................................................. ............................................................................................................................. ............... 5. Conclua então a definição: Número primo é aquele que só tem : ................................................................................................................................... 6. Encontre todos os divisores dos números: D12 = (.............................................); D18 = (.............................................). Divisores comuns = (..................................)
  24. 24. O maior divisor comum – m.d.c. entre os D12 e D18 = (.......) 7. Podemos conhecer todos os divisores de um número? Por quê? ..................................................................................................................................... Qual é o maior divisor de um número?............................................................ 8. Descubra se 28 é divisível por 2? Sim ( ) Não ( ) Por quê? .................................................................................................................................... O que o número 28 é do número 2?...................................................... O que o número 2 é do número 28?...................................................... Dê todos os divisores de 28. D28 = (........................................................) 9. Determine o m.d.c. a) m.d.c (9,12) b) m.d.c.(8,20) c) m.d.c.(10,15) d) m.d.c.(9,12) e) m.d.c.(10,20) f) m.d.c.( 15,20) g) m.d.c.(48,18) h) m.d.c.(30,18) i) m.d.c.(60,36) j) m.d.c.(30,15) l) m.d.c.(80,48) m) m.d.c.(3,15,12) n) m.d.c.(20,6,14) NÚMEROS PRIMOS ENTRE SI - Quando o m.d.c. de dois números é igual, a 1 dizemos que eles são primos entre si. Exemplos: a) 4 e 9 são primos entre si, pois m.d.c.(4,9)= 1 b) 8 e 15 são primos entre si pois o m.d.c.(8,15) = 1 Para Saber Mais... MÍNIMO MÚLTIPLO COMUM (M.M.C.) O zero (0) é múltiplo de todos os números. Ex.: 3 X 0 = 0; 5 X 0 = 0 Todos os números naturais são múltiplos de 1. Ex.: 5 X 1 = 5; 12 X 1 = 12
  25. 25. Todo número natural é múltiplo de si mesmo. Ex.: M5 = 5 X 1 = 5; M9 = 9 X 1 = 9 O conjunto de múltiplos de um número é infinito. Ex: M4 = ( 0, 4, 8, 12, 16,20.....) Numa multiplicação, o produto é sempre múltiplo de cada um dos fatores. Ex.: 20 é múltiplo de 5 por 4; 20 por 1 e 2 por 10. Para determinarmos os múltiplos de um número natural devemos multiplicar esse número pela sucessão dos números naturais. Ex.: 8 X 0 = 0; 8 X 1 = 8; 8 X 2 = 16; 8 X 3 = 24; .. O mínimo múltiplo comum é o menor múltiplo de vários números ao mesmo tempo, diferente de zero. Ex.: mmc entre 4, 5 e 10 = 20. M4 = (0, 4, 8, 12, 16, 20, 24, 28,.....) M5 = (0, 5, 10, 15, 20, 25, 30,.....) M10 = (0, 10, 20, 30, 40, 50,....) O menor múltiplo comum de dois ou mais números, diferente de zero, é chamado de mínimo múltiplo comum desses números. Usamos a abreviação m.m.c. Podemos achar o m.m.c. por meio da decomposição simultânea. Nesse processo decompomos todos os números ao mesmo tempo, num dispositivo como mostra a figura ao lado. O produto dos fatores primos que obtemos nessa decomposição é o m.m.c. desses números. Veja o cálculo do m.m.c. (15, 24, 60). Portanto, m.m.c.(15,24,60) = 2 x 2 x 2 x 3 x 5 = 120 Podemos calcular o m.m.c. de dois ou mais números utilizando a fatoração. Acompanhe o cálculo do m.m.c. de 12 e 30. 1º) Decompomos os números em fatores primos 2º) O m.m.c. é o produto dos fatores primos comuns e não-comuns: 12 = 2 x 2 x 3 30 = 2 x 3 x 5 m.m.c (12,30) = 2 x 2 x 3 x 5. Escrevendo a fatoração dos números na forma de potência temos: 12 = 22 x 3 30 = 2 x 3 x 5 m.m.c (12, 30) = 22 x 3 x 5. O m.m.c. de dois ou mais números, quando fatorados, é o produto dos fatores comuns e não-comuns a eles, cada um elevado ao maior expoente. Observe: Entre os números 3, 6 e 30, o número 30 é múltiplo dos outros dois. Neste caso, 30 é o m.m.c.(3, 6, 30). M.M.C. (3, 6, 30) = 2 x 3 x 5 = 30. Dados dois ou mais números, se um deles é múltiplo de todos os outros, então ele é o m.m.c. dos números dados. Considerando os números 4 e 15, que são primos entre si. O m.m.c. (4,15) é igual a 60, que é o produto de 4 por 15. Observe: m.m.c. (4, 15) = 2 x 2 x 3 x 5 = 60 Dados dois números primos entre si, o m.m.c. deles é o produto desses números. Vamos exercitar para sabermos mais? ! 1.Um matemático foi desafiado a descobrir a idade de três irmãos. Vamos ajudá-lo com as dicas? a) A multiplicação das três idades é igual a 36. _______ X _______ X ________ = 36.
  26. 26. b) A soma das idades é igual a 13. ________+ ________ + ________ = 13. c) Os dois mais velhos são gêmeos ________ = _______. As crianças têm: ________, ________ e ________ anos. 2- Num tabuleiro estavam escritos números de 1 à 30. Taís, Célia e Cíntia resolveram brincar. Taís pegou um lápis vermelho, contou de 4 em 4 e fez um círculo em volta dos números. Célia pegou um lápis verde e foi contando de 3 em 3 e fazendo um círculo em volta dos números. Cíntia pegou um lápis azul e contou de 6 em 6, circundando os números. a) Quais os números que Taís circundou?............................................. b) Quais os números de Célia? ................................................................ c) E os de Cíntia? .................................................................................... d) Quais os números coincidentes das três meninas?.............................. e) Qual é o menor número que as três marcaram juntas?........................................................ f) O que significa esse número?. ........................................................................................................ 3- Escreva os seis primeiros múltiplos de 7. M7 = (................................................................................) 4- Escreva o que se pede. a) Os múltiplos de 2 maiores que 8 e menores que 18. (......................................) b) O menor múltiplo de um número. (.......................) c) Podemos achar o maior múltiplo de um número. ( ) certo ( ) errado Por quê? ........................................................................................................... d) Qual é o menor múltiplo de um nº diferente de zero? ............................................................................................................... 6- Assinale as respostas certas. ( ) cinco é múltiplo de 10 ( ) Todo número é múltiplo dele mesmo ( ) O zero é múltiplo de qualquer número ( ) o produto de dois números é múltiplo comum deles. 7- Sabendo que o múltiplo de um número é divisível por ele mesmo, verifique se esses números são múltiplos ou não. 28 é múltiplo de 7................ 102 é múltiplo de 3............... 246 é múltiplo de 4.............. 317 é múltiplo de 5................. 8- Escreva 3 múltiplos. De 9 maiores que 20:.........,............,.............. De 10 menores que 100: .............,...............,............... 9- Num edifício há 50 andares e 4 elevadores que partem do térreo: A, B, C e D. O elevador A para em todos os andares. O elevador B para nos andares pares. O elevador C para nos andares que são múltiplos de 3. O elevador D para nos andares que são múltiplos de 5. Pergunta-se: qual o único andar em que param os quatro elevadores? .................................. 10- Luizinho tem um cofrinho. Todos os dias ele coloca o troco de 50 centavos do lanche no cofrinho e vai marcando no caderno quanto já tem. Ele quer comprar uma caneta nova. Faça as anotações você também para saber qual é o preço da caneta, quanto ele terá que economizar durante esses dias: 1º dia= .................. 2º dia= .................. 3º dia= ................... 4º dia= ................... 5º dia= ................... 6º dia= ................... 11) Determine o m.m.c. pelo processo da decomposição :
  27. 27. a) m.m.c.(15,18) b) m.m.c.(10,12) c) m.m.c.(10,6,15) d) m.m.c( 12,20,3) e) m.m.c(15,3) f) m.m.c.( 10,15) g) m. m. c. ( 18, 30) h) m.m.c. ( 21, 12 ) i) m.m.c. ( 35,10) j) m.m.c. ( 25, 80) l) m.m.c.( 140,10) m) m.m.c ( 8,10,25) n) m.m.c.( 3,12,32) o) m.m.c.(2,3,5,10) p) m.m.c. ( 18, 24, 36) 2) Determine o m.m.c a) m.m.c. ( 50,75) b) m.m.c. ( 60,24) c) m.m.c. ( 21,30) d) m.m.c. ( 28,48) e) m.m.c ( 2,4) f) m.m.c. ( 7,5) g) m.m.c. ( 9,1) h) m.m.c.( 21,7) i) m.m.c. ( 8,9) j) m.m.c. ( 13,26) l) m.m.c ( 2,4,6) m) m.m.c. ( 3,6,9) n) m.m.c. ( 10,12,45) o) m.m.c ( 6,8,12,15) p) m.m.c ( 12,18,36,40) 3) calcule o m.m.c. a) m.m.c (4,6,9,15) b) m.m.c. ( 2,10,15,45) c) m.m.c.(8,36,28,72) d) m.m.c( 45,96,10,180) e) m.m.c( 20,30,48,120) f) m.m.c( 7,2) g) m.m.c( 8,10) h) m.m.c ( 14,21) i) m.m.c ( 50 ,25) j) m.m.c ( 40 , 60 ) l) m.m.c.( 80,56) m) m.m.c ( 2,3,4) n) m.m.c. ( 4,6,8) o) m.m.c. ( 6,8,12) p) m.m.c.(4,8,16) q) m.m.c ( 12, 18, 36) r) m. m.c ( 12, 10, 8) s) m.m.c ( 6,8,10,12) 4) Usando a decomposição em fatores primos, determine: a) m.m.c (10,12) b) m.m.c. ( 6,10,15) c) m.m.c. ( 14,21,30) d) m.m.c. ( 100, 150, 200) e) m.m.c. (70,110) f) m.m.c. (30, 75) g) m.m.c. (18,60) h) m.m.c. (21, 35,84) i) m.m.c. ( 66, 102) j) m.m.c. ( (90, 36, 54) l) m.m.c. ( 48, 20, 40, 36)
  28. 28. Para Saber mais: Conjugação verbal - modo indicativo Anápolis, __________________________________________ Ano: _____ Aluno(a):_____________________________________________________ modo indicativo O modo indicativo é um modo verbal que expressa uma certeza, um fato. Há divisões e subdivisões, no caso do pretérito e do futuro. Tempo verbal: Presente O presente serve para falar de um hábito ou de fatos que ocorrem frequentemente, descrever uma ação que está ocorrendo no momento em que se fala, para fazer afirmações consideradas incontestáveis ou que não dependem de um tempo específico e para falar do futuro. Há também o presente contínuo, geralmente utilizado para indicar uma ação que está ocorrendo no momento da fala e é formado pelo verbo estar no presente, mais o verbo principal no gerúndio. Ex.:João acorda cedo. (hábito) Narrador: Ele toca pela linha lateral. (ação que ocorre no momento em que se fala). O ser humano é um animal racional. (fato considerado incontestável) "A nuvem tem relâmpago, tem trovão e tem raio."( Não depende de um tempo específico) Se você chegar tarde de novo, eu te mato! (Fala do futuro) Ele está indo para casa de seus pais. (presente contínuo) Pretérito imperfeito O pretérito imperfeito é utilizado para falar de um hábito ou acontecimento que ocorria no passado co m frequência, indicar continuidade em relação a outro fato que também ocorria no passado e para falar do que era presente em um momento do passado que se está descrevendo. Ex.:Ela fazia exercícios todos os dias. (Hábito que ocorria com frequência no passado) Quando o homem chegou, ela dormia. (Continuidade de um acontecimento em relação a outro) Faltava um ponto a meu adversário para ganhar. (Demonstra que era presente no momento do passado descrito) Pretérito perfeito O pretérito perfeito é dividido em duas formas: simples e composta. O pretérito perfeito simples exprime ações concluídas no passado. É a forma empregada para descrever o passado frente a um observador. Já o pretérito perfeito composto é a continuação da ação até o momento presente. Para formá-lo, é necessário o presente do indicativo do verbo auxiliar ter, junto com o particípio de outro verbo. Ex.: João acordou cedo (ação concluída) Tenho estudado nos últimos dias. (ação que continua até o momento presente) Pretérito mais que-perfeito O pretérito mais-que-perfeito é utilizado quando denota uma ação anterior a outra já passada e na substituição nos verbos no futuro do pretérito do modo indicativo e no pretérito imperfeito do modo subjuntivo, de caráter estilístico. O pretérito mais -que-perfeito simples é muito utilizado em textos formais. Na linguagem oral, é mais utilizado o pretérito mais -que-perfeito composto, que forma-se com o verbo auxiliar ter no pretérito imperfeito, mais o particípio de outro verbo. Na linguagem formal, o verbo auxiliar é o haver. Futuro do pretérito O futuro do pretérito, também chamado de condicional é usado para falar de um acontecimento futuro em relação a outro já ocorrido, fato que poderá ou não ocorrer, algo incerto fazendo hipóteses ou suposições, surpresa ou indignação sobre um evento ou dar sugestões e fazer pedidos de maneir a mais educada. Ex.:"Perguntaram a Cupido, que ali estava, Qual de aquelas três flores tomaria Por mais suave e pura, e mais formosa." (Camões,1981) Acontecimento futuro em relação a outro já ocorrido. Eu nunca faria isso se eu fosse você. (Fato que poderá ou não acontecer) João anda muito estranho. Estaria preocupado com algo? (Algo incerto, fazendo hipóteses ou suposições) Eles viajarão de avião tendo tanto medo de voar? Jamais imaginaria isso. (Surpresa) O quê? Ela rouba todo o dinheiro da mãe? Ela não faria uma coisa dessas! (Indignação) Tenho notado que você sempre chega atrasado na aula. Acho que você deveria acordar mais cedo. (sugestão) Futuro do presente Exprime ações que vão acontecer no futuro Ex.: (verbo criar)
  29. 29. Anápolis, __________________________________________ Ano: _____ Aluno(a):_____________________________________________________ Saber mais: O VERBO - pessoa, número, tempo, modo e conjugações Anápolis, __________________________________________ Ano: _____ Aluno(a):_____________________________________________________ Os verbos são palavras que indicam uma ação. Variam em: PESSOA 1ª - eu / nós 2ª - tu / vós 3ª - ele (ela) / eles (elas) NÚMERO: Singular - eu, tu, ele, (ela) Plural - nós, vós, eles (elas) TEMPO: Presente - a ação passa-se no momento em que se fala. (falo) Pretérito - a ação passou-se antes do momento em que se fala. (falei) Futuro - a ação passar-se-á depois do momento em que se fala. (falarei) MODO: Indicativo - quando encaramos a ação como uma certeza. (como) Conjuntivo - quando encaramos a ação como uma dúvida, uma incerteza, uma possibilidade. (que eu coma) Imperativo - quando pretendemos dar uma ordem, um conselho. (come) Condicional - quando a ação está dependente de outra ação. (comeria) Infinitivo - quando a ação é apresentada de uma forma geral, indeterminada, abstrata. (comer) CONJUGAÇÕES: Retirando ao infinitivo a terminação r, obtém-se o tema do verbo: lava(r), come(r), dormi(r). À última vogal do tema dá-se o nome de vogal temática: lav(a), com(e), dorm(i). Retirando ao tema a vogal temática, encontramos o radical do verbo: lav(a), com(e), dorm(i) 1ª conjugação - verbos cuja vogal temática é a – lavar 2ª conjugação - verbos cuja vogal temática é e – comer 3º conjugação - verbos cuja vogal temática é i – dormir Verbos regulares - os que mantêm os seu radical em todos os tempos verbais: canto, cantei, cantava ... Verbos irregulares - aqueles em que o radical varia nos diversos tempos verbais: digo, disse, dizia, direi ...
  30. 30. Saber mais: VERBO - pessoa, número, tempo, modo e conjugações Os verbos são palavras que indicam uma ação. Variam em: PESSOA 1ª - eu / nós 2ª - tu / vós 3ª - ele (ela) / eles (elas) NÚMERO: Singular - eu, tu, ele, (ela) Plural - nós, vós, eles (elas) TEMPO: Presente - a ação passa-se no momento em que se fala. (falo) Pretérito - a ação passou-se antes do momento em que se fala. (falei) Futuro - a ação passar-se-á depois do momento em que se fala. (falarei) MODO: Indicativo - quando encaramos a ação como uma certeza. (como) Conjuntivo - quando encaramos a ação como uma dúvida, uma incerteza, uma possibilidade. (que eu coma) Imperativo - quando pretendemos dar uma ordem, um conselho. (come) Condicional - quando a ação está dependente de outra ação. (comeria) Infinitivo - quando a ação é apresentada de uma forma geral, indeterminada, abstrata. (comer) CONJUGAÇÕES: Retirando ao infinitivo a terminação r, obtém-se o tema do verbo: lava(r), come(r), dormi(r). À última vogal do tema dá-se o nome de vogal temática: lav(a), com(e), dorm(i). Retirando ao tema a vogal temática, encontramos o radical do verbo: lav(a), com(e), dorm(i) 1ª conjugação - verbos cuja vogal temática é a – lavar 2ª conjugação - verbos cuja vogal temática é e – comer 3º conjugação - verbos cuja vogal temática é i – dormir Verbos regulares - os que mantêm os seu radical em todos os tempos verbais: canto, cantei, cantava ... Verbos irregulares - aqueles em que o radical varia nos diversos tempos verbais:
  31. 31. 1.Escrever: A se o verbo for AÇÃO E se o verbo for ESTADO F se o verbo for FENÔMENO DA NATUREZA A galinha come milho. A raposa está com fome. Chove muito lá fora. A menina riu daquele filme. Ontem nevou no sul do país. Carmem era muito gorda. Não sou uma pessoa triste. 2 - Leia a frase e complete com verbo que está faltando, Ontem eu ........................... muito de bicicleta. (andar) Aquela professora inglês muito bem. (falar) o filho da secretária hoje cedo. (nascer) Amanhã, nós fazer um passeio. (ir) As meninas comendo agora. (estar) Se eu tivesse estudado, tirado nota. (ter) Nós no parquinho mais tarde. (brincar) Quando eles já era tarde. (perceber) Esperamos que o motorista bem. (dirigir) 3 - Observe a figura e crie uma frase com o verbo e o tempo pedido. LER - PRESENTE DANÇAR - FUTURO JOGAR - PASSADO EXPLICAR - PASSADO TELEFONAR - PRESENTE VIAJAR - FUTURO Leia os verbos e digite dentro dos quadradinhos branco:
  32. 32. 1 - se o verbo for da 1ª CONJUGAÇÃO 2 - se o verbo for da 2ª CONJUGAÇÃO 3 - se o verbo for da 3ª CONJUGAÇÃO DECIDIR JOGAR VENDER OUVIR COMER SEGUIR TRABALHAR SER ANDAR FUGIR ESTUDAR CONHECER

×