Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Caps. 10 e 13 - Espaço rural e urbano

4,400 views

Published on

  • Be the first to like this

Caps. 10 e 13 - Espaço rural e urbano

  1. 1. Espaço rural e urbano Prof.º Acácio Martins
  2. 2. A agricultura• É uma das atividades básicas para os seres humanos, sendo a primeira responsável pela primeira grande transformação no espaço geográfico.• A agropecuária surge a partir da evolução da coleta e da caça há aproximadamente 10 mil anos.• Com o aumento da população, houve um grande desenvolvimento dessas atividades, não só para a sobrevivência da população, mas também como atividades econômicas.
  3. 3. Algumas distinções• Agricultura: é uma atividade econômica empregada, pelos seres humanos, para obter do solo produtos vegetais que satisfaçam suas necessidades alimentares e de fornecimento de matérias-primas para a transformação industrial.• Extrativismo vegetal: caracteriza-se em não ser reprodutivo, ou seja, os seres humanos se limitam a extrair produtos da natureza sem participar do processo de criação ou reprodução.
  4. 4. distinções
  5. 5. Algumas distinções• Pecuária: é a atividade que cria animais com fins exploratórios, isto é, reprodutivo, com a finalidade de fornecer alimentos (leite, carne, ovos) e matérias-primas (lã e peles) para a indústria, além de animais para tração, transporte, pesquisa e aproveitamento na medicina.• Extrativismo animal: consiste na matança de espécies animais, ou seja, não há preocupação na reprodução desses animais para fins comerciais.
  6. 6. Algumas distinções• Pecuária: é a atividade que cria animais com fins exploratórios, isto é, reprodutivo, com a finalidade de fornecer alimentos (leite, carne, ovos) e matérias-primas (lã e peles) para a indústria, além de animais para tração, transporte, pesquisa e aproveitamento na medicina.• Extrativismo animal: consiste na matança de espécies animais, ou seja, não há preocupação na reprodução desses animais para fins comerciais.
  7. 7. Algumas distinções• Pecuária: é a atividade que cria animais com fins exploratórios, isto é, reprodutivo, com a finalidade de fornecer alimentos (leite, carne, ovos) e matérias-primas (lã e peles) para a indústria, além de animais para tração, transporte, pesquisa e aproveitamento na medicina.• Extrativismo animal: consiste na matança de espécies animais, ou seja, não há preocupação na reprodução desses animais para fins comerciais.
  8. 8. Fatores naturais que interferem na agropecuária• Clima: influi de forma quase decisiva na distribuição das várias culturas. Por causa do avanço científico, o Homem conseguiu modificar a capacidade de adaptação dos vegetais.• Relevo: pode facilitar ou dificultar a agropecuária. As áreas montanhosas facilitam a erosão e dificultam a mecanização; já nas áreas planas há uma facilidade de mecanização e escoamento da produção.• Solo: a fertilidade pode variar. Nas áreas férteis, a produtividade será maior e nas áreas de baixa ou média fertilidade, será necessário utilizar corretivos agrícolas, como o adubo.
  9. 9. Tipos de agricultura1) Agricultura de subsistência:- Agricultura primitiva;- Finalidade de sustentar a família;- Policultura cultivo de vários produtos;- Agricultura extensiva  pouco aproveitamento do solo com um grande desgaste.2) Agricultura comercial:- Agricultura moderna;- Finalidade de obter lucro;- Monocultura  cultura de um único produto;- Agricultura intensiva  grande aproveitamento do solo sem desgastá-lo.
  10. 10. Os sistemas agrícolas1) Agricultura itinerante (constante mudança):- Utilização de técnicas arcaicas;- É fruto de desmatamento e queimadas pela falta de capital;- Quando mudam de área, repetem o mesmo ciclo.2) Agricultura de plantation:- Sistema típico dos países pobres e subdesenvolvidos;- Introduzido pelos colonizadores europeus;- Exploração da terra em benefício de interesses comerciais;- Monocultura;- Utilização de latifúndios (grandes propriedades);- Mão de obra barata e desqualificada;- Com o objetivo de exportação.
  11. 11. Os sistemas agrícolas3) Agricultura de jardinagem:- Praticada no sudeste da Ásia;- Escassez de espaço para o plantio (pequenas propriedades);- Utilização de numerosa mão de obra;- Elevada produtividade;- Policultura;- Uso de adubos e irrigação.4) Agricultura moderna:- Típica de países desenvolvidos e em alguns subdesenvolvidos;- Pequena mão de obra; uso de máquinas no cultivo;- Adubação constante do solo, seleção das sementes;- Destinada ao mercado interno e externo.
  12. 12. A produção de alimentos e a fome no mundo• Thomas Malthus anunciava, no final do século XVIII, que a população mundial iria crescer tanto que um dia iria faltar alimentos.• No entanto, a população mundial não ultrapassou a produção de alimentos. Então por que nos dias atuais existem tantas pessoas no mundo sofrendo com a fome?• Por causa do nosso modelo econômico, que obriga as pessoas a terem dinheiro para poderem se alimentar.
  13. 13. Tecnologia e agricultura• Alimentos transgênicos: são produtos que sofreram mudanças através da engenharia genética, deixando-os mais resistentes ao clima, a insetos e pragas e lavouras e, consequentemente, aumentando a produtividade.• Agroindústrias: são as indústrias da agricultura que transformam produtos agropecuários em produtos industrializados no próprio local da produção, deixando-os prontos para o mercado consumidor final.
  14. 14. Impactos ambientais causados pela agricultura• Erosão do solo: causada pela profunda aração do solo e o peso das máquinas.• Exaustão do solo: causada pelo excesso de produtos químicos.• O uso de produtos químicos (fertilizantes, inseticidas, herbicidas), também chamados agrotóxicos: pode contaminar os alimentos, o solo, os rios e os lençóis freáticos.• Desmatamento e queimadas: técnicas arcaicas que diminuem a fertilidade do solo.
  15. 15. Agricultura orgânica• Utiliza técnicas que não agridem o meio ambiente e tampouco causam poluição;• Manejo e conservação do solo com a manutenção da cobertura vegetal e a mínima utilização de máquinas agrícolas pesadas;• Combate às pragas a partir de inseticidas obtidos de extrato de plantas, que impede a proliferação de vírus e bactérias;• Fertilização da terra através da reciclagem de materiais orgânicos, como excrementos animais.
  16. 16. Relação campo-cidade• Campo: onde se produz a matéria-prima para transformação na indústria.• Cidade: onde se dá o desenvolvimento da tecnologia.• Campo  utiliza a cidade como centro de compras (sementes, rações, máquinas, equipamentos), local onde é comercializada a sua produção e onde são feitas as transações bancárias.• Cidade  utiliza o campo como área de produção.
  17. 17. O que é uma cidade?• É um centro relativamente permanente e muito organizado que conta com numerosa população, atividades econômicas não agrícolas, formada por uma concentração de prédios, separados ou ligados entre si por ruas, parques e praças, com serviços de transportes, limpeza pública, luz, água, esgoto, além das atividades de saúde, educação, lazer, etc.• Na cidade, há um predomínio das atividades econômicas do setor terciário (comércio e prestação de serviços), podendo abranger ou não atividades industriais.
  18. 18. O nascimento e a evolução das cidades• Com o surgimento da agricultura, o Homem abandona o nomadismo (hábito de mudar constantemente de lugar) e se tornam sedentários (fixos em um mesmo lugar);• Através da utilização da pedra, os seres humanos passaram a construir moradias resistentes;• Com o aumento da população, esses grupos passaram a se estruturar construindo estradas, desenvolvendo o comércio e se organizando socialmente, através de líderes ou governantes.• As primeiras e principais cidades surgiram na China e no Egito, por volta do ano 3000 a.C.;
  19. 19. O nascimento e a evolução das cidades• As cidades começam a se tornar mais seguras e conservadas com a união de tribos diferentes para fortalecer suas defesas, armazenar alimentos ou comercializar, tornando a cidade um ambiente mais seguro e pronto para desenvolver atividades intelectuais (ciências, religião, artes, tecnologia);• Com as Grandes Navegações, as cidades passam a investir mais no comércio e a misturar as culturas de diversas regiões do planeta;• Com as Indústrias (Revolução Industrial), as cidades se expandem, atraindo a população do campo e se tornando as áreas mais estruturadas de cada país.
  20. 20. Urbanização e crescimento urbano• Urbanização: é um processo no qual a população urbana cresce num ritmo mais acelerado do que a população rural.- Países desenvolvidos: lento e gradual;- Países subdesenvolvidos: rápido e recente.• Crescimento urbano: é o processo de crescimento das cidades, devido ao aumento natural da população e a entrada de novos imigrantes.- Verticalização: predominância de prédios.
  21. 21. Consequências da urbanização e do crescimento urbano• Conurbação: é o processo de fusão entre duas ou mais cidades vizinhas, não sendo possível perceber onde começa uma e termina outra.• Metrópole: é a cidade que exerce maior influência sobre as outras.• Área metropolitana: é conjunto formado pela metrópole e pelas cidades vizinhas.• Megalópole: é um extensa região urbanizada, resultante do encontro de duas ou mais metrópoles pelo processo de conurbação.
  22. 22. Classificação das cidades• Quanto à sua origem- Espontâneas: surgiram naturalmente de pequenos povoados, de uma capela ou de uma fortificação. Exs: São Paulo, Recife, Nova York, Paris.- Planejadas: surgiram a partir de um plano previamente elaborado. Exs: Brasília, Aracaju, Madri, Washington.
  23. 23. Classificação das cidades• Quanto à sua função (atividade básica ou principal)- Comerciais: Londres (ING), São Paulo.- Industriais: Detroit (EUA), Volta Redonda (RJ).- Administrativas: Brasília, Buenos Aires.- Religiosas: Meca (Arábia Saudita), Aparecida do Norte (SP).- Militares: Resende (RJ).- Turísticas: Olinda, Fortaleza.- Portuárias: Santos (SP), Vitória (ES).
  24. 24. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  25. 25. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  26. 26. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  27. 27. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  28. 28. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  29. 29. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  30. 30. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  31. 31. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  32. 32. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  33. 33. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  34. 34. Problemas ambientais urbanos• Poluição atmosférica;• Ilhas de calor;• Poluição hídrica;• Poluição sonora;• Poluição visual;• Resíduos sólidos (lixo).
  35. 35. Problemas sociais urbanos• Violência: relacionada ao desemprego e aos problemas com a educação;• Desemprego: é uma das causas do aumento da criminalidade nos centros urbanos;• Drogas: o tráfico e o consumo de drogas está relacionado aos dois problemas sociais citados acima.Favelas: Conjunto de habitações (de madeira, papelão, plástico ou tijolo) sem infraestrutura urbana. Periferia: região que reúne os subúrbios e as favelas, constituindo a maior parte do espaço urbano.

×