Projeto Nádia

2,776 views

Published on

Projeto prioritário
Evolução dos Níveis de Escrita

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,776
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
36
Actions
Shares
0
Downloads
27
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Projeto Nádia

  1. 1. Escola Municipal Pastor Hans Muller Alfabetização
  2. 2. Relevância  O início de nossa vida escolar deve ser marcado por sentimentos de motivação, elevação da auto- estima...vontade de aprender. O aluno em fase de alfabetização deve ter atendimento personalizado para poder inserir-se o mais brevemente possível no mundo “letrado”.
  3. 3. Situação Geradora  Que ferramentas posso usar, priorizando o uso do computador e da internet, para interferir no processo de alfabetização do meu aluno, fazendo-o evoluir do nível silábico-alfabético para o nível alfabético???
  4. 4. Produto Final  Alunos em nível de escrita alfabético.
  5. 5. Período de Realização  De 03 de junho de 2009 a  29 de julho de 2009.  Total de 08 aulas  Duração de cada aula: 01 hora
  6. 6. Professor Responsável pela sala de Informática Pedagógica  Nádia Nair da Costa Peres  nadia_peres@hotmail.com Demais Professores envolvidos:  Rosane Leitzke Hille  ro.salle@hotmail.com  Roseli Lopes Florêncio  rlflorencio@ig.com.br
  7. 7. Alunos Envolvidos 2ºs anos B e C  Número de alunos pesquisadores: 56 alunos
  8. 8. Certezas provisórias dos alunos  Escrevo uma letra para cada emissão sonora;  Grafo algumas sílabas completas e outras incompletas (com uma só letra por sílaba);  Reconheço o valor sonoro de cada sílaba;  Reconheço letras escritas de diferentes formas.
  9. 9. Dúvidas temporárias dos alunos  Descobrir quais letras formam o som das sílabas, conseguindo assim grafar as palavras segundo os padrões ortográficos da língua portuguesa;  Descobrir que a sílaba não pode ser considerada como unidade, mas que ela é composta de elementos menores – as letras;  Perceber que existem letras com a mesma grafia e vários sons; e sons iguais, com grafias diferentes.  Ler palavras mais complexas;  Ler frases curtas;
  10. 10. Objetivos  Diagnosticar e intervir a todo momento na zona de desenvolvimento proximal de cada aluno, contribuindo para os avanços conceituais necessários para alcançar o nível alfabético.  Propiciar atividades que levem as crianças a perceber a vinculação fala-escrita e como ela é representada na linguagem escrita.  Realizar atividades que levem o aluno a se apropriar, gradativamente, dos instrumentos necessários de que precisa para: ler, escrever, conhecer e compreender o mundo a sua volta
  11. 11. Etapas do Projeto  Realidade da Escola:  De um universo de 56 alunos; um é repetente;  Com exceção desta criança, os demais estão dentro da idade prevista para a série;  Não há casos de evasão escolar registrados no ano passado;  Taxa de aprovação em 2008:  1º ao 5º ano – 99%  6º ao 9º ano – 96%
  12. 12. Etapas do Projeto  Realidade do aluno:  Nossa escola fica situada num bairro onde os alunos de um modo geral tem  boa estrutura familiar;  Boas condições de moradia;  Acesso a bens culturais;  Os pais são, em sua maioria, bastante preocupados com o desempenho escolar de sua prole, exigindo assim um grau de comprometimento muito grande do professor com sua turma.  O comportamento dos alunos poderia melhorar nos quesitos  Limites;  Respeito as diferenças  Respeito ao professor e demais funcionários da escola
  13. 13. Etapas do Projeto  Jogos e atividades variadas com alfabeto móvel ;  Nas atividades em dupla, lançar mão do agrupamento produtivo;  Leitura coletiva e interpretação oral de parlendas;  Reescrita coletiva da parlenda estudada;  Localizar palavras num texto, copiá-las separando suas sílabas num diagrama.
  14. 14. Etapas do Projeto  Cruzadinha sem banco de palavras;  Preencher sílabas faltantes nas palavras;  Digitar em quadros as letras que formam cada palavra e contá-las;  Montar listas de palavras;  Caça-palavras;  Parlendas animadas – som , texto e movimento.  Organizar e digitar parlendas;  Gravar a narração de sua voz ao recitar parlendas em duplas.  Nunca é demais salientar que as atividades propostas no espaço digital fazem parte de um contexto do dia-a-dia dos alunos, sendo mostrados aqui como recortes, mas que tem um profundo significado no processo de aquisição da leitura e escrita de nossos educandos.
  15. 15. Recursos a serem utilizados HARDWARE SOFTWARE MATERIAIS ( x ) Microcomputador (es) ( x ) Editor de textos ( ) DVD/CD virgem ( ) Scanner ( ) Apresentação ( ) Jornal ( x ) Máquina Fotográfica ( ) E-mail ( ) Tinta para impressora ( ) Digital ( ) Editor de imagens ( ) Papel A4 ( ) Gravador de DVD/CD ( x ) Planilha de cálculo ( ) Livros: ( x ) Conexão de internet ( x ) Multimídia ( ) Revistas: ( x ) Microfone ( x ) Programa de Vídeo e Áudio ( ) Outros: ( ) Impressora ( ) Scanner ( ) Outros:
  16. 16. Sites de pesquisa  www.usinadejogos.com.br  www.atividadeseducativas.com.br  www.toondoo.com  www.youtube.com  www.blogger.com  www.redescola.com.br  www.podomatic.com
  17. 17. Instrumentos de Avaliação  Sondagem e observação durante o processo, no que diz respeito a suas atitudes orais, escritas e comportamentais.
  18. 18. Bibliografia  Proposta Didática de Alfabetização  Lourdes Eustáquio Pinto Ribeiro.

×