Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

ÉTica, direiro e política filipa 10 jd

6,916 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

ÉTica, direiro e política filipa 10 jd

  1. 1. Ética, Direito e Política•Disciplina:Filosofia•Ano/Turma: 10.º A•Ano Lectivo:2010/2011•Trabalho realizado por: •Ana Filipa, n.º 2; •António Figueiredo, n.º 5; •Beatriz Vieira, n.º 6; •Rui Pereira, n.º 15.
  2. 2. Introdução• Este trabalho vai ser realizado no âmbito da disciplina de Filosofia e para ele, foi-nos proposto falar acerca da ética, direito e política.• Abordamos também outro tipo de conteúdos tais como a justiça social e a desobediência civil.• Esperamos que o trabalho seja do vosso agrado e que possam compreender melhor os temas nele abordados.
  3. 3. Ética• Ética (do grego ethos, que significa modo de ser, carácter, comportamento) é o ramo da filosofia que procura estudar e indicar o melhor modo de viver no quotidiano e na sociedade.• É uma reflexão sobre os actos humanos e as regras morais que os orientam para lhes determinar o fundamento, o que permite avaliá-los em termos de bem e de mal.
  4. 4. Política• A Política derivada palavra polis, que designa a cidade-estado (comunidade de indivíduos que viviam de forma organizada). • Ao exercício da política damos o nome de actividade política, isto é, uma forma de organização dos grupos humanos com o objectivo de garantir uma vida em comum harmoniosa.
  5. 5. Direito• O Direito é o conjunto de regras, normas ou leis que regulam a convivência social dentro do Estado, ou seja, é, em suma, o ordenamento jurídico do Estado.• Possui a finalidade de impedir e tentar resolver pacificamente os conflitos entre os indivíduos e os grupos sociais e promover o bemcomum da sociedade.
  6. 6. O Estado• O estado nasce das necessidades de compatibilização, de regulação dos conflitos e da organização da sociedade, sendo que este corresponde a uma sociedade politicamente organizada.• Tem como principais características o território, o povo e o poder político.
  7. 7. Relação entre Direito, Política e Ética• Ética, direito e política são conceitos que se encontram em íntima relação com os conceitos de estado e justiça: • A ética define o que é a justiça; • O Estado é o agente da política; • O direito é o objecto da política; • A justiça é a finalidade última da política.
  8. 8. Justiça Social• Justiça social é uma construção moral e política baseada na igualdade de direitos e na solidariedade colectiva. Em termos de desenvolvimento, a justiça social é vista como o cruzamento entre o pilar económico e o pilar social.• A justiça social possui a seguinte máxima: dar a quem precisa aquilo que é seu por direito.• É frequente falar-se de sistemáticas situações de injustiça social, de extremas situações de miséria em contraste com a riqueza acumulada de algumas classes, tal facto leva à procura pela igualdade.
  9. 9. Thomas Hobbes • Thomas Hobbes foi um matemático, teórico político, e filósofo inglês. • Nascido a 5 de Abril de 1588 na Aldeia de Westport, Inglaterra. • Morreu a 4 de Dezembro de 1679, com 91 anos, em Hardwick Hall, Inglaterra. • Os seus principais interesses eram a Política, Direito, Filosofia Política, Ciência Política e Teoria do Conhecimento.
  10. 10. O Contrato Social, segundo Thomas Hobbes• No estado de natureza assiste-se a uma situação de permanente conflito e medo entre os indivíduos. Esta situação é insustentável.• O Estado vai impedir esta situação de conflito permanente entre os indivíduos exigindo a sua submissão em troca da segurança que estabelece e, por este motivo, o Estado é um bem necessário.• No estado de natureza, o indivíduo vive num permanente estado de violência e de medo, no qual ninguém se encontra a salvo. Hobbes sintetizou este estado de guerra permanente com a seguinte expressão: “O Homem é o lobo do Homem”.• Os indivíduos não podem continuar a viver neste estado de permanente angústia e temor, por isso torna-se necessário o estabelecimento de um contrato ou pacto entre todos os indivíduos que salvaguarde as suas vidas e os seus bens.
  11. 11. John Locke•John Locke foi um filósofo inglês e ideólogo do liberalismo, sendo considerado o principal representante do empirismo britânico e um dos principais teóricos do contrato social.•Nascido a 29 de Agosto de 1632 em Inglaterra.•Morreu a 28 de Outubro de 1704, com 72 anos.•Os seus principais interesses eram a Metafísica, Epistemologia, Filosofia Política, a Filosofia da Mente, e a Educação.
  12. 12. O Contrato Social, segundo John Locke• No estado de natureza os indivíduos possuem certos direitos que não são totalmente respeitados. O respeito pelos direitos individuais é um bem. O Estado vai garantir o pleno respeito de todos os direitos individuais. Logo, o Estado é um bem necessário.• Verificam-se nesta concepção de estado de natureza de Locke diferenças em relação a Hobbes. Enquanto para Hobbes, no estado de natureza, se assistia a uma situação de permanente conflito e medo entre os indivíduos, um estado de guerra de todos contra todos, para Locke, no estado de natureza, assiste-se a uma situação de convivência e sociabilidade entre os indivíduos, de respeito pelos direitos do outro, como o direito à vida, à liberdade e à propriedade.
  13. 13. Desobediência Civil• A Desobediência civil é uma forma particular de desobediência, na medida em que é executada com o fim imediato de mostrar publicamente a injustiça da lei ou de uma situação e com o fim mediato de induzir o legislador a mudá-la. Como tal é acompanhada por parte de quem a cumpre de justificativas com a pretensão de que seja considerada não apenas como lícita, mas como obrigatória e seja tolerada pelas autoridades públicas diferentemente de quaisquer outras transgressões.
  14. 14. “Geração à Rasca”http://www.youtube.com/watch?v=6SgLCx2XWFw
  15. 15. Conclusão• Com a elaboração deste trabalho, ficamos a saber um pouco mais acerca do tema principal do trabalho (ética, direito e política), assim como ficamos a conhecer os principais teóricos do contrato social.• Para além destes temas, foram também abordados outros como a justiça social e o estado, que também através deste trabalho ficamos a compreender melhor.

×