Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Psicologia introdução

40,227 views

Published on

Published in: Education
  • DOWNLOAD THAT BOOKS INTO AVAILABLE FORMAT (2019 Update) ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download Full EPUB Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download Full doc Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download PDF EBOOK here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download EPUB Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... Download doc Ebook here { http://bit.ly/2m6jJ5M } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ................................................................................................................................... eBook is an electronic version of a traditional print book that can be read by using a personal computer or by using an eBook reader. (An eBook reader can be a software application for use on a computer such as Microsoft's free Reader application, or a book-sized computer that is used solely as a reading device such as Nuvomedia's Rocket eBook.) Users can purchase an eBook on diskette or CD, but the most popular method of getting an eBook is to purchase a downloadable file of the eBook (or other reading material) from a Web site (such as Barnes and Noble) to be read from the user's computer or reading device. Generally, an eBook can be downloaded in five minutes or less ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks .............................................................................................................................. Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .....BEST SELLER FOR EBOOK RECOMMEND............................................................. ......................................................................................................................... Blowout: Corrupted Democracy, Rogue State Russia, and the Richest, Most Destructive Industry on Earth,-- The Ride of a Lifetime: Lessons Learned from 15 Years as CEO of the Walt Disney Company,-- Call Sign Chaos: Learning to Lead,-- StrengthsFinder 2.0,-- Stillness Is the Key,-- She Said: Breaking the Sexual Harassment Story That Helped Ignite a Movement,-- Atomic Habits: An Easy & Proven Way to Build Good Habits & Break Bad Ones,-- Everything Is Figureoutable,-- What It Takes: Lessons in the Pursuit of Excellence,-- Rich Dad Poor Dad: What the Rich Teach Their Kids About Money That the Poor and Middle Class Do Not!,-- The Total Money Makeover: Classic Edition: A Proven Plan for Financial Fitness,-- Shut Up and Listen!: Hard Business Truths that Will Help You Succeed, ......................................................................................................................... .........................................................................................................................
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Pode citar a fonte?
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • esses artigos partilhados nesta pagina são ótimos e mi ag~judou bastante... obrigado!
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Obrigado
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Psicologia introdução

  1. 2. INTRODUÇÃO PSICOLOGIA
  2. 3. ORIGEM E CONCEITUAÇÃO <ul><li>A Psicologia se origina na Grécia Antiga </li></ul><ul><li>Etimologicamente temos: </li></ul><ul><li>ψυχη = (psykhe): alma </li></ul><ul><li>λογος = (logos) : estudo </li></ul>
  3. 4. ORIGEM E CONCEITUAÇÃO <ul><li>Assim, sob o ponto de vista da origem da palavra , psicologia significa: estudo da alma . </li></ul><ul><li>Mas, o que significava alma para o grego antigo? </li></ul>
  4. 5. ORIGEM E CONCEITUAÇÃO <ul><li>Os antigos gregos entendiam a alma como: </li></ul><ul><ul><li>Fonte da vida - elemento que fornece vida ao corpo </li></ul></ul><ul><ul><li>Princípio imaterial que do movimento da vida </li></ul></ul><ul><ul><li>Centro da consciência, das emoções, dos desejos </li></ul></ul>
  5. 6. ORIGEM E CONCEITUAÇÃO <ul><li>Dentre os nomes de destaque preocupados com as questões que envolviam a alma encontramos: </li></ul><ul><ul><li>Hipócrates (460 – 377 a.C.) </li></ul></ul><ul><ul><li>Platão (428 - 347 a.C.) </li></ul></ul><ul><ul><li>Aristóteles (384 - 322 a.C.) </li></ul></ul>
  6. 7. ORIGEM E CONCEITUAÇÃO <ul><li>Estes estudiosos preocupavam-se em estudar a natureza humana e voltavam sua atenção para: </li></ul><ul><ul><li>A consciência – a capacidade humana de perceber as coisas </li></ul></ul><ul><ul><li>O intelecto – a capacidade de pensamento e raciocínio </li></ul></ul><ul><ul><li>A ética e a moral que diferenciavam o homem dos animais </li></ul></ul>
  7. 8. A PSICOLOGIA SE MANTEVE LIGADA A FILOSOFIA DESDE O TEMPO DOS ANTIGOS GREGOS E ASSIM ATRAVESSOU OS SÉCULOS ATÉ O SÉCULO XIX O NASCIMENTO DA PSICOLOGIA CIENTÍFICA
  8. 9. WILHELM WUNDT – MÉDICO, FILÓSOFO, PSICÓLOGO FUNDA NA UNIVERSIDADE DE LEIPZIG, ALEMANHA: PRIMEIRO LABODATÓRIO DE PSICOLOGIA EXPERIMENTAL (1859) O NASCIMENTO DA PSICOLOGIA CIENTÍFICA
  9. 10. WUNDT TINHA COMO AMBIÇÃO ESTABELECER UMA IDENTIDADE DIFERENTE PARA A PSICOLOGIA E PARA TANTO FEZ USO DO MÉTODO CIENTÍFICO O NASCIMENTO DA PSICOLOGIA CIENTÍFICA
  10. 11. MÉTODO CIENTÍFICO <ul><li>Em que consiste um Método? </li></ul><ul><ul><li>Um Método consiste em um conjunto, racionalmente ordenado, de regras ou de princípios , tendo em vista obter determinado resultado . </li></ul></ul><ul><ul><li>(Comte-Sponville – Dicionário Filosófico, 2003) </li></ul></ul>
  11. 12. MÉTODO CIENTÍFICO <ul><li>O Método Cientifico se caracteriza pela experimentação . </li></ul><ul><li>E o que vem a ser experimentação ? </li></ul>
  12. 13. MÉTODO CIENTÍFICO <ul><li>A experimentação científica consiste em uma experiência ativa e deliberada de interrogação sobre o real. </li></ul><ul><li>A experimentação científica visa testar hipóteses sob determinadas condições (geralmente em laboratórios), as quais devem ser possíveis de serem reprodutíveis . </li></ul>
  13. 14. MÉTODO CIENTÍFICO <ul><li>Não há experimentação sem uma hipótese prévia . </li></ul><ul><li>Para um espírito científico, todo conhecimento é uma resposta a uma pergunta . Se não houve uma pergunta, não pode haver conhecimento científico. </li></ul><ul><li>A experimentação é, pois, algo que se vincula necessariamente à intencionalidade . </li></ul>
  14. 15. MÉTODO CIENTÍFICO <ul><li>Partindo-se destas premissas iniciais, o cientista segue alguns passos para a construção do conhecimento: </li></ul><ul><ul><li>Identificação do problema a estudar </li></ul></ul><ul><ul><li>Observação dos dados – experimentos </li></ul></ul><ul><ul><li>Descrição dos fenômenos observados </li></ul></ul><ul><ul><li>Repetição e Confirmação das experiências </li></ul></ul><ul><ul><li>Teorização – Estabelecimento de Leis </li></ul></ul>
  15. 16. COM SUA INICIATIVA, PORTANTO, WUNDT OBTEVE PARA A PSICOLOGIA O STATUS DE CIÊNCIA . O NASCIMENTO DA PSICOLOGIA CIENTÍFICA
  16. 17. A ADMINISTRAÇÃO E A PSICOLOGIA <ul><li>A prioridade do administrador não será as salas, os computadores, os cálculos, as marcas, os produtos, os processos de uma empresa/organização. </li></ul><ul><li>A prioridade do administrador será as pessoas desta empresa. </li></ul>
  17. 18. A ADMINISTRAÇÃO E A PSICOLOGIA <ul><li>Quanto mais o administrador for conhecedor dos processos que regem os processos psíquicos, o que motiva, o que rege o comportamento das pessoas, maior será a probabilidade de atuar com competência e sucesso. </li></ul>
  18. 19. A ADMINISTRAÇÃO E A PSICOLOGIA <ul><li>Neste contexto, os elementos proporcionados pela Ciência, tais como o estabelecimento de causa e efeito , ou do antecedente-consequente permitirão a realização de previsões passíveis de fornecer resultados mais favoráveis. </li></ul>
  19. 20. A ADMINISTRAÇÃO E A PSICOLOGIA <ul><li>Resultados: </li></ul><ul><ul><li>Objetividade </li></ul></ul><ul><ul><li>Competência </li></ul></ul><ul><ul><li>Competitividade </li></ul></ul><ul><ul><li>Lucratividade </li></ul></ul><ul><ul><li>Sucesso </li></ul></ul>
  20. 21. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Em termos gerais, é possível afirmar que são objetos de estudo da psicologia: </li></ul><ul><ul><ul><li>Processos Mentais </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Comportamentos </li></ul></ul></ul>
  21. 22. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Mesmo que este seja o enfoque principal da psicologia, algumas escolas se destacam por estudarem a Identidade Funcional entre corpo e mente , ou seja a influência recíproca que exercem entre si. </li></ul>
  22. 23. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Ou seja, os estados da mente podem influenciar o corpo, assim como os estados do corpo podem atuar sobre a mente. </li></ul>
  23. 24. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Em alguns casos esta influência se torna crônica a tal ponto de alguns especialistas em psicologia serem capazes de identificar por meio do corpo (posturas, tensões, etc.) quais os padrões mentais e de comportamento daquele indivíduo. </li></ul>
  24. 25. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Outros focos de estudo da psicologia: </li></ul><ul><ul><ul><li>Indivíduos especiais (fora da média) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Personalidade (diferenças individuais) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Psicopatologia (desvios de padrões de comportamento) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Grupos (dinâmica dos relacionamentos) </li></ul></ul></ul>
  25. 26. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA <ul><li>Todos estes aspectos visam a um objetivo comum: </li></ul><ul><ul><ul><li>Por que motivo as pessoas se comportam </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>de determinado motivo e não de outro ? </li></ul></ul></ul>
  26. 27. ÁREAS DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL <ul><li>O profissional de psicologia pode atuar em algumas áreas, dentre as quais se destacam: </li></ul><ul><ul><ul><ul><li>Clínica </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Educação </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Saúde </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Organizacional </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Esportiva </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Marketing </li></ul></ul></ul></ul>
  27. 28. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>A partir do impulso dado ao estudo do ser humano no século XIX, muitos progressos foram obtidos no entendimento dos processos mentais e dos comportamentos. </li></ul><ul><li>Os esforços de muitos estudiosos acabou por gerar olhares distintos e algumas diferenças no modo de entender e abordar as questões relativas ao ser humano. </li></ul>
  28. 29. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>Neste contexto, surgem três grandes linhas dentro do eixo central que consiste no estudo da psicologia: </li></ul><ul><ul><ul><li>Psicologia (Analítica, Behaviorismo, Gestalt, etc.) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Psiquiatria </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Psicanálise </li></ul></ul></ul>
  29. 30. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>As semelhanças entre as três vertentes são: </li></ul><ul><ul><li>Concentração no estudo dos processos mentais e dos comportamentos destes decorrentes. </li></ul></ul><ul><ul><li>As três tendências atribuem a si mesmas o status de ciência. </li></ul></ul>
  30. 31. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>As diferenças mais elementares envolvem: </li></ul><ul><ul><li>Formação profissional . </li></ul></ul><ul><ul><li>Método de trabalho . </li></ul></ul>
  31. 32. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>Formação profissional : </li></ul><ul><ul><li>Psicólogo Clínico – Graduação em Psicologia – Especializações em Psicologia Clínica. </li></ul></ul><ul><ul><li>Psiquiatra – Graduação em Medicina – Especializações em Saúde Mental. </li></ul></ul><ul><ul><li>Psicanalista – Graduação em Psicologia ou Medicina – Especialização em Institutos de Psicanálise. </li></ul></ul>
  32. 33. PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, PSICANÁLISE <ul><li>Método de trabalho : </li></ul><ul><ul><li>Psicólogo Clínico – Observação, escuta, intervenções verbais. </li></ul></ul><ul><ul><li>Psiquiatra – Observação, escuta, intervenções verbais, além da prescrição de medicamentos . </li></ul></ul><ul><ul><li>Psicanalista – Estímulo à associação-livre do paciente, utilização da atenção flutuante , análise e interpretação de sonhos , análise da transferência e das resistências . </li></ul></ul>
  33. 34. A PSICOLOGIA NAS ORGANIZAÇÕES <ul><li>Qual o interesse da psicologia para as organizações? </li></ul><ul><li>A psicologia deve gerar um interesse para as organizações na medida em que consiste na ciência que busca o entendimento das variáveis que determinam o comportamento humano . </li></ul><ul><li>Neste sentido, a psicologia é a ciência que pode contribuir para dar rumos mais adequados à vida das pessoas, às suas relações e, como consequência, trazendo reflexos no interior das organizações . </li></ul>
  34. 35. A PSICOLOGIA NAS ORGANIZAÇÕES <ul><li>A psicologia pode ser vista como um instrumento à disposição do administrador para apoiá-lo na busca do contínuo aumento da eficácia dos processos organizacionais através das pessoas, promovendo melhoria na qualidade de vida , dos produtos e dos serviços proporcionados pela organização . </li></ul>
  35. 36. <ul><li>SELEÇÃO DE PESSOAS. </li></ul><ul><li>CONCILIAÇÃO DE PERFIS ÀS ESPECIFICIDADES DAS TAREFAS. </li></ul><ul><li>DESENVOLVIMENTO E APERFEIÇOAMENTO DE CAPACIDADES ( TREINAMENTO ). </li></ul><ul><li>ACOMPANHAMENTO DE DESEMPENHO (MUDANÇAS DE ROTINA). </li></ul><ul><li>ANÁLISE DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO . </li></ul><ul><li>ADMINISTRAÇÃO DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS (ALTERAÇÃO DE PESSOAL). </li></ul>APLICAÇÕES PRÁTICAS DA PSICOLOGIA NAS ORGANIZAÇÕES

×