Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

A Arquiteta

43 views

Published on

A Arquiteta

Published in: Spiritual
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

A Arquiteta

  1. 1. A Arquiteta  A arquitetônica é a ciência das relações espaciais — organização, estrutura, construção,                        configuração — e você, desde pequena, está preocupada com relatividade espacial e                        com a modelagem de sistemas. Mas você não deve ser considerada como unicamente                          interessada na configuração de espaços tridimensionais, como edifícios, pontes e                    máquinas, mas sim também como a arquiteta de currículos, de empresas e de todos os                              tipos de sistemas teóricos. Em outras palavras, você é uma pessoa cujo objetivo é                            delinear estruturas sistêmicas e construir modelos estruturais. Você considera o mundo                      como pouco mais do que matéria­prima a ser remodelada de acordo com a sua                            concepção, como pedra bruta que deve ser lapidada. De fato, em seus anos posteriores,                            depois de descobrir que a maioria das pessoas está fingindo compreender as leis da                            natureza, você tende a julgar­se uma organizadora supervisora que deve opor­se à                        natureza e à sociedade em um esforço interminável para criar organização a partir das                            matérias­primas da natureza.    Pessoas como você dificilmente são encontradas em locais comuns, ou se encontradas,                        não são reconhecidas. Para você, o mundo existe essencialmente para ser analisado,                        entendido e explicado. A realidade externa em si não é importante, mas sim, uma mera                              arena para verificar a utilidade das ideias. O importante é que as estruturas básicas do                              universo sejam descobertas e descritas, e que tudo o que seja declarado sobre o universo                              seja declarado corretamente, de forma coerente e não redundante. A curiosidade acerca                        destas estruturas fundamentais é a sua força motriz e, você, pouco se importa se os                              outros entendem ou aceitam suas ideias. E você aprenderá de qualquer forma que puder.                            Se o conhecimento pode ser adquirido observando alguém ou praticando alguma ação,                        então vale a pena; caso contrário, não vale a pena.    Você estima a inteligência em si mesma e nas outras pessoas, e parece estar                            constantemente à procura dos princípios tecnológicos e científicos sobre os quais o                        mundo real está estruturado. Através de um processo de varredura cognitiva, você limita                          sua procura apenas às coisas que são relevantes para o assunto em questão e, portanto,                              você parece capaz de se concentrar melhor do que qualquer outra pessoa. Você também                            pode se tornar obcecado com análises. Uma vez apanhada em uma reflexão, este                          processo parece ter uma vontade própria, e você persiste até compreender o problema                          em toda a sua complexidade. Além disso, uma vez que você sabe alguma coisa, você                              lembra. Com seu grandioso desejo de compreender as leis do universo, você pode se                            tornar um pouco arrogante e às vezes pode se mostrar impaciente com pessoas menos                            dotadas de capacidades como as suas, ou que menos se motivem. Infelizmente, seu                          orgulho por sua engenhosidade pode às vezes gerar hostilidade e atitudes defensivas por                          parte das outras pessoas.    Pessoas como você apresentam uma maior precisão no pensamento e na linguagem do                          que todos os outros tipos de personalidade. Você tende a perceber distinções e                          inconsistências no raciocínio e na linguagem instantaneamente, e é capaz de detectar                        contradições em afirmações independentemente de quando ou onde as afirmações                    tenham sido feitas. Apenas frases que sejam coerentes têm sua consideração e, portanto,                          a autoridade conferida por um cargo, credencial, ou fama não a impressiona. Você é                            devastadora em debates ou em qualquer forma de discussão; sua capacidade de análise                         
  2. 2. diferencial lhe confere uma enorme vantagem, levando à destruição os argumentos de                        seus oponentes e ao reforço de seus próprios argumentos. Você considera todas as                          discussões como uma busca por compreensão e acredita que a sua função é eliminar                            inconsistências, independente de quem seja responsável por elas. É difícil para você                        ouvir absurdos, mesmo em uma conversa informal, sem apontar o erro de quem os                            proferiu, e isso torna a comunicação com você uma experiência desconfortável para                        muitos.    Você é a pessoa versada em lógica: a matemática, a tecnóloga, a cientista — aquela                              pessoa determinada a qualquer exercício que exija arquitetônica, análise de sistemas, ou                        concepção estrutural. Porém atente­se, que arquitetar não é o mesmo que buscar moldar                          matéria em formas harmônicas, mas o processo mais abstrato de delinear modelos. Para                          você, o modelo é o que importa, seja um modelo de duas, três ou quatro dimensões.    É difícil para algumas pessoas compreenderem essa sua maneira concisa e observadora,                        dada a sua linguagem técnica e complexa, e sua aversão a redundâncias. Entretanto,                          você pode ser uma excelente professora, especialmente para alunos avançados, embora                      novamente, é raro que você goze de muita popularidade, pois você pode ser uma                            professora bastante exigente. Você não é tão boa em serviços burocráticos e fica                          impaciente com detalhes rotineiros. Você prefere trabalhar silenciosamente, sem                  interrupções e frequentemente sozinha, e tende a ser tímida, exceto quando está entre                          amigos próximos, e sua reserva é difícil de ser penetrada. Por todas estas razões, você é                                frequentemente vista como difícil de conhecer, e raramente as pessoas percebem o                        verdadeiro nível da sua competência. Para que seu talento seja utilizado de forma eficaz                            por uma organização, precisa haver um funcionário de apoio eficiente, aquele que possa                          capturar suas ideias assim que elas surjam, antes que você perca o interesse e mude para                                outra ideia.    Você leva seus relacionamentos a sério e é uma pessoa fiel e dedicada — embora às                                vezes preocupada, e um tanto “esquecida” com compromissos, aniversários e outros                      rituais sociais comuns. É pouco provável que tais atividades sociais sejam bem­vindas                        em casa ou que você as planeje, ficando satisfeita em deixar a organização de interações                              sociais para seu cônjuge. Se tiver a oportunidade, você se refugiará no mundo dos livros                              e emergirá apenas quando as necessidades físicas tornarem­se imperativas. Entretanto,                    você se irrita facilmente, mas uma pessoa com quem é fácil conviver — isto é, até que                                  um de seus princípios seja violado; neste caso, sua adaptabilidade cessa completamente.                        Você prefere manter seus desejos e sentimentos para si mesma, pode parecer insensível                          aos desejos e sentimentos das outras pessoas, uma insensibilidade que pode confundir e                          frustrar seu cônjuge. Mas se o que seu cônjuge está sentindo é um mistério para você,                                por outro lado, você está sempre atenta ao que ele verdadeiramente quer dizer ou faz, e                                provavelmente pedirá a ele que lhe forneça uma base lógica para suas afirmações e                            ações.    Você é uma mãe dedicada; você gosta de filhos e leva o processo de criação dos filhos                                  muito a sério. Cada um dos seus filhos é tratado como um indivíduo racional, com                              direitos, privilégios, e tanta autonomia quanto uma criança pode lidar de modo seguro.                          Você incentiva seus filhos a serem responsáveis por suas próprias vidas e a traçarem                            seus próprios rumos. Você não impõe as expectativas que tem sobre si mesmo sobre                            seus filhos e nunca os ataca física ou verbalmente. Quando é seguro, você deixa que as                               
  3. 3. consequências naturais das ações de seus filhos os ensinem sobre a realidade. Quando                          isso não é seguro, de alguma forma você cria consequências lógicas que servem para                            informar seu filho sobre o ato em questão. 

×