Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
?
VOCÊ
SE SENTE
REPRESENTADO
PELA
PUBLICIDADE
DAS MULHERES
BRASILEIRAS
DECLARAM
QUE NÃO
fonte: Instituto Patrícia Galvão
NÃO É SÓ
PUBLICIDADE
A gente acredita que não pode continuar pensando e falando “é só publicidade”.
Não quando a publicida...
PARTE DO
PROBLEMA
PARTE DA
SOLUÇÃO
Não estamos dizendo que a
publicidade é o grande
problema.
Mas ela é, sem dúvida
nenhum...
O OPOSTO DE
OFENSIVO
NÃO É
CHATO
O mundo está ficando chato, dizem por aí. Mas, para nós, o contrário de
"ofensivo" não é "...
NÃO É SÓ
SOBRE
MULHERES
A gente aprendeu que falar de
empoderamento feminino não é só falar
de mulheres, é falar de todos.
NOSSO
PROJETOCOMO
GENÊRO E RAÇA
SÃO REPRESENTADOS NA
PUBLICIDADE BRASILEIRA
8.051
P E Ç A S
P U B L I C I T Á R I A S
3.038
I N S E R Ç Õ E S
D E 3 0 ”
50
S E G M E N T O S
207
M A R C A S
P O S T S...
PERSONAGENS
A m o s t r a : 3 . 0 3 8 i n s e r ç õ e s
P R O T A G O N I S T A S
17%
33%
26%
7%
11%
PRODUTO
HOMENS
MULHER...
PERSONAGENS
P R O T A G O N I S T A S
19%
8%
9%
4%
3%
PRODUTO
HOMENS
MULHERES
AMBOS
SOCIEDADE
88%
11%
1%
82%
12%
6%
BRANCO...
INVISIBILIDADE
A PUBLICIDADE
BRASILEIRA É
RACISTA
COMO AS
MULHERES SÃO
RETRATADAS NA
PUBLICIDADE
GRUPOS
2% 50% 36% 9% 0% 2%
6% 67% 20% 4% 1% 2%
BIOTIPOS
1 2 3 4 5
BIOTIPOS
26% MULHERES 22% MULHERES
84% BRANCAS
12% NEGRAS
4% DIVERSAS
82% BRANCAS
12% NEGRAS
4% AMARELAS
2% INDÍGENAS
87% ...
E OS
HOMENS
BIOTIPOS
4% 27% 41% 15% 0% 10%
1 2 3 4 5
1% 64% 22% 3% 1% 8%
GRUPOS
33% HOMENS 33% HOMENS
83% BRANCOS
7% NEGROS
4% DIVERSOS
88% BRANCOS
11% NEGROS
1% AMARELOS
61% JOVEM/ADULTO
41% BIOTIPO 3
...
REFORÇAMOS OU
QUEBRAMOS
ESTEREÓTIPOS
21R$ APROX.
MILHÕES
É A ESTIMATIVA DO
INVESTIMENTO EM MÍDIA QUE
REFORÇA ESTEREÓTIPOS DE
GÊNERO NA TV.
* Investimento bruto...
* Investimento bruto tabela das emissoras Globo e Megapix.
12R$ APROX.
MILHÕES
É A ESTIMATIVA DO
INVESTIMENTO EM MÍDIA QUE...
5,13%DAS 3.038 DAS
INSERÇÕES
EMPODERAM
MULHERES.
APENAS
CONTRIBUI OU
NÃO PARA A
EQUIDADE
54% NÃO
CONTRIBUEM
30%INDEFINIDO
15% CONTRIBUEM
54% NÃO
CONTRIBUEM
30%INDEFINIDO
8 %
4NÃO CONTRIBUEM PARA A
EQUIDADE DE GÊNERO.
LUGAR-COMUM
EXISTE UM LUGAR-COMUM
NA PUBLICIDADE.
ESTAMOS CONTANDO AS
MESMAS HISTÓRIAS.
NÃO VEMOS ALÉM DE PAPÉIS
LIMITADOS...
REALIDADE
ESTAMOS LIMITANDO A NÓS MESMOS.
A REALIDADE É MUITO MAIS DIVERSA
DO QUE O QUE RETRATAMOS.
DECISÃONADA VAI MUDAR SE AS PESSOAS
NÃO DECIDIREM MUDAR. TODAS E
TODOS PRECISAM DECIDIR PELA
EQUIDADE NO SEU DIA A DIA.
TODAS AS EMPRESAS TEM
A POSSIBILIDADE,
A OPORTUNIDADE E
A RESPONSABILIDADE
DE PARTICIPAR DESSA MUDANÇA.
TODXS.
É PARA
OBRIGADX!
Este relatório de pesquisa é propriedade intelectual da Heads Propaganda e não pode ser divulgado ou reproduzido...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

TODxS - Uma análise da representatividade na publicidade brasileira

1,987 views

Published on

Por Isabel Aquino - Heads Comunicação
#PSnaCasper

Published in: Internet
  • Hey guys! Who wants to chat with me? More photos with me here 👉 http://www.bit.ly/katekoxx
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

TODxS - Uma análise da representatividade na publicidade brasileira

  1. 1. ?
  2. 2. VOCÊ SE SENTE REPRESENTADO PELA PUBLICIDADE
  3. 3. DAS MULHERES BRASILEIRAS DECLARAM QUE NÃO fonte: Instituto Patrícia Galvão
  4. 4. NÃO É SÓ PUBLICIDADE A gente acredita que não pode continuar pensando e falando “é só publicidade”. Não quando a publicidade é onipresente nos nossos dias. Não quando a publicidade reforça estereótipos de mulheres e homens. Não quando a publicidade projeta padrões inalcançáveis para ambos. Não quando a publicidade reflete comportamentos ofensivos a uns ou a muitos. Não quando tanta gente sente que a publicidade não a representa.
  5. 5. PARTE DO PROBLEMA PARTE DA SOLUÇÃO Não estamos dizendo que a publicidade é o grande problema. Mas ela é, sem dúvida nenhuma, parte dele. E, por ser parte do problema, tem responsabilidade de se tornar parte da solução.
  6. 6. O OPOSTO DE OFENSIVO NÃO É CHATO O mundo está ficando chato, dizem por aí. Mas, para nós, o contrário de "ofensivo" não é "chato". Precisamos sair dessa zona de conforto, ter sensibilidade para sair do lugar-comum e entender que esse “comum” não é mais aceitável.
  7. 7. NÃO É SÓ SOBRE MULHERES A gente aprendeu que falar de empoderamento feminino não é só falar de mulheres, é falar de todos.
  8. 8. NOSSO PROJETOCOMO GENÊRO E RAÇA SÃO REPRESENTADOS NA PUBLICIDADE BRASILEIRA
  9. 9. 8.051 P E Ç A S P U B L I C I T Á R I A S 3.038 I N S E R Ç Õ E S D E 3 0 ” 50 S E G M E N T O S 207 M A R C A S P O S T S 889 33 127 S E G M E N T O S M A R C A S UNIVERSO TV FACETerceira onda da pesquisa, realizada em julho de 2016.
  10. 10. PERSONAGENS A m o s t r a : 3 . 0 3 8 i n s e r ç õ e s P R O T A G O N I S T A S 17% 33% 26% 7% 11% PRODUTO HOMENS MULHERES AMBOS SOCIEDADE 83% 7% 10% 84% 12% 4% 62% 38% 18% 82% BRANCOS NEGROS DIVERSOS BRANCAS NEGRAS DIVERSAS BRANCOS DIVERSOS BRANCOS DIVERSOS
  11. 11. PERSONAGENS P R O T A G O N I S T A S 19% 8% 9% 4% 3% PRODUTO HOMENS MULHERES AMBOS SOCIEDADE 88% 11% 1% 82% 12% 6% BRANCOS NEGROS DIVERSOS BRANCAS NEGRAS DIVERSAS 43% OUTROS A m o s t r a : 8 8 9 i n s e r ç õ e s
  12. 12. INVISIBILIDADE
  13. 13. A PUBLICIDADE BRASILEIRA É RACISTA
  14. 14. COMO AS MULHERES SÃO RETRATADAS NA PUBLICIDADE
  15. 15. GRUPOS 2% 50% 36% 9% 0% 2% 6% 67% 20% 4% 1% 2% BIOTIPOS 1 2 3 4 5
  16. 16. BIOTIPOS 26% MULHERES 22% MULHERES 84% BRANCAS 12% NEGRAS 4% DIVERSAS 82% BRANCAS 12% NEGRAS 4% AMARELAS 2% INDÍGENAS 87% JOVEM/ADULTO 50% BIOTIPO 2 62% CABELO LISO 1% CABELO CRESPO 67% BIOTIPO 2 69% CABELO LISO 7% CABELO CRESPO
  17. 17. E OS HOMENS
  18. 18. BIOTIPOS 4% 27% 41% 15% 0% 10% 1 2 3 4 5 1% 64% 22% 3% 1% 8% GRUPOS
  19. 19. 33% HOMENS 33% HOMENS 83% BRANCOS 7% NEGROS 4% DIVERSOS 88% BRANCOS 11% NEGROS 1% AMARELOS 61% JOVEM/ADULTO 41% BIOTIPO 3 66% CABELO LISO 3% CABELO CRESPO 64% BIOTIPO 2 68% CABELO LISO 3% CABELO CRESPO BIOTIPOS 83% JOVEM/ADULTO 6% CARECAS 6% CARECAS
  20. 20. REFORÇAMOS OU QUEBRAMOS ESTEREÓTIPOS
  21. 21. 21R$ APROX. MILHÕES É A ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO EM MÍDIA QUE REFORÇA ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO NA TV. * Investimento bruto tabela das emissoras Globo e Megapix.
  22. 22. * Investimento bruto tabela das emissoras Globo e Megapix. 12R$ APROX. MILHÕES É A ESTIMATIVA DO INVESTIMENTO EM MÍDIA QUE EMPODERA AO QUEBRAR ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO.
  23. 23. 5,13%DAS 3.038 DAS INSERÇÕES EMPODERAM MULHERES. APENAS
  24. 24. CONTRIBUI OU NÃO PARA A EQUIDADE
  25. 25. 54% NÃO CONTRIBUEM 30%INDEFINIDO 15% CONTRIBUEM
  26. 26. 54% NÃO CONTRIBUEM 30%INDEFINIDO 8 % 4NÃO CONTRIBUEM PARA A EQUIDADE DE GÊNERO.
  27. 27. LUGAR-COMUM EXISTE UM LUGAR-COMUM NA PUBLICIDADE. ESTAMOS CONTANDO AS MESMAS HISTÓRIAS. NÃO VEMOS ALÉM DE PAPÉIS LIMITADOS POR GÊNERO OU DE PADRÕES DE COMPORTAMENTO E DE BELEZA.
  28. 28. REALIDADE ESTAMOS LIMITANDO A NÓS MESMOS. A REALIDADE É MUITO MAIS DIVERSA DO QUE O QUE RETRATAMOS.
  29. 29. DECISÃONADA VAI MUDAR SE AS PESSOAS NÃO DECIDIREM MUDAR. TODAS E TODOS PRECISAM DECIDIR PELA EQUIDADE NO SEU DIA A DIA.
  30. 30. TODAS AS EMPRESAS TEM A POSSIBILIDADE, A OPORTUNIDADE E A RESPONSABILIDADE DE PARTICIPAR DESSA MUDANÇA. TODXS. É PARA
  31. 31. OBRIGADX! Este relatório de pesquisa é propriedade intelectual da Heads Propaganda e não pode ser divulgado ou reproduzido, seja parcial ou integralmente, sem prévia autorização por escrito da agência. Contato: heads@heads.com.br

×