Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Boas vindas e a origem do Método VJA

Apresentação usada no retiro: A importância do método VER, JULGAR e AGIR para atingir a finalidade do MCC.

Boas vindas e a origem do Método VJA!

Related Audiobooks

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Boas vindas e a origem do Método VJA

  1. 1. A IMPORTÂNCIA DO MÉTODO VER- JULGAR-AGIR PARA ATINGIR A FINALIDADE DO MCC SEJAM TODOS BEM VINDOS!!!
  2. 2.  Incentivar e aperfeiçoar o uso do método entre os cursilhistas, garantindo o uso em todos os tempos do movimento.  Com o objetivo de ajudá-los a atingir o carisma do MCC: a evangelização dos ambientes.  Padronizando a melhor forma de execução do método, principalmente no Cursilho (Retiro). OBJETIVO DO RETIRO
  3. 3. O CAMINHO...  “Como Fazer...” do Oswaldo de Ribeirão Preto  Pela caminhada...  Agir da AD/2014  Visitas aos Setores
  4. 4. AGIR DA AD/2014 • Nos preocupamos com o pré-cursilho? • Fazemos cursilhos por termos candidatos? Ou arrumamos candidatos para fazer cursilho? • Fazemos um estudo do ambiente para escolha de candidatos? • Onde buscamos nossos candidatos? Só nas paróquias que participamos? • Convidamos para o cursilho e depois, acompanhamos nossos candidatos? • Temos PCFs em nossos setores? • Após os cursilhos, oferecemos a formação necessária? • Trabalhamos com os documentos oferecidos pelo MCC?
  5. 5. VISITAS AOS SETORES  Sem planejamentos de Pré e Pós  Igrejas como única opção na busca de candidatos  Sem Pós  Sem Escolas  Sem PCFs  Etc...
  6. 6. PARA O SUCESSO DESTE RETIRO  Precisaremos... ... nos desprendermos de valores, tradições, vaidades, pensamentos negativos, etc...  E mais do que tudo.. ... abrirmos nossos corações afim de deixar o novo acontecer e o Espirito Santo adentrar com os seus dons em nossos corações...
  7. 7. MÉTODO VER / JULGAR / AGIR V J A PréCur Pós PCF
  8. 8. ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR Evento Registro Nascido 13 nov 1882 Schaerbeek ,Bruxelas , Bélgica Ordenação 22 de setembro de 1906 Ordenado Cardeal 22 fevereiro de 1965 pelo Papa Paulo VI Falecimento 24 de julho de 1967 (aos 84 anos) Leuven , Vlaams- Processo de beatificação A causa oficial da canonização foi aberta em janeiro de 2014, com o início de um inquérito sobre a sua vida O CARDEAL QUE ENSINOU A IGREJA A ''VER, JULGAR E AGIR'' Joseph Leo Cardijn O Papa João XXIII reconheceu formalmente o método ver-julgar-agir em sua encíclica Mater et Magistra publicada no dia 15 de maio de 1961. Em um comunicado, a Comunidade Internacional Cardijn lembra que foi o falecido cardeal Joseph Cardijn , fundador do movimento da Juventude Operária Cristã - JOC, que sugeriu ao Papa João XXIII que publicasse uma encíclica para marcar o 70º aniversário da histórica encíclica Rerum Novarum do Papa Leão XIII.
  9. 9. Joseph Leo Cardijn Em resposta, o Papa João pediu que Cardijn providenciasse um esboço das questões a serem abordadas na encíclica. Ele fez isso em um memorando de 20 páginas apresentado ao pontífice. Quando a Mater et Magistra apareceu pouco mais de um ano depois, a encíclica observava que, "para levar a realizações concretas os princípios e as diretrizes sociais, passa-se ordinariamente por três fases" (n. 235). Primeiro, o "estudo da situação" concreta, escreveu João XXIII. Em segundo lugar, a "apreciação da mesma à luz desses princípios e diretrizes". Em terceiro, o "exame e determinação do que se pode e deve fazer para aplicar os princípios e as diretrizes à prática". ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR Esses "são os três momentos que habitualmente se exprimem com as palavras seguintes: “Ver, Julgar e Agir‘”
  10. 10. ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR Este método ajuda:  a situar-se diante da realidade concreta;  a confrontar a realidade com a Palavra de Deus;  a encaminhar uma ação transformadora para melhorar, corrigir e transformar uma realidade; Benefícios através do método:  parte das reais necessidades das pessoas;  clareia o (s) conteúdo (s) que se transmite;  permite vincular a teoria a pratica;  envolve as pessoas, exigindo a participação nos encontros;  dá vida e significado ao conteúdo (doutrina);  alegra o ambiente, provocando a participação de todos (as);
  11. 11.  1961 – Mater et Magistra - A igreja assume o método, no septuagésimo aniversário da Encíclica Rerum Novarum e no terceiro ano do pontificado de João XXIII  1962 - Concílio do Vaticano II - Utilizado e recomendado  1968 – Doc de Medelin  1979 – Doc de Puebla  1990 – Doc de Santo Domingo  1988/1990 – O MCC assume o método  2007 – Doc de Aparecida  Doc da CNBB  Nas Pastorais e Movimentos ( ECC, SSVP, Legião de Maria, etc)  Nas reuniões (pautas), Assembleias, Retiros, etc ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR
  12. 12. ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR
  13. 13. “Que no santo silêncio de Maria, possamos permitir que o Espírito Santo aja em nossos corações neste Retiro e para isto, com muito carinho, propomos que façamos uma noite de silêncio, afim de refletirmos sobre o Carisma do nosso
  14. 14. ORIGEM DO MÉTODO VER – JULGAR - AGIR Testemunho do Rodolfo Abrantes (ex-Raimundos) no Altas Horas

    Be the first to comment

    Login to see the comments

Apresentação usada no retiro: A importância do método VER, JULGAR e AGIR para atingir a finalidade do MCC. Boas vindas e a origem do Método VJA!

Views

Total views

3,657

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

1,082

Actions

Downloads

74

Shares

0

Comments

0

Likes

0

×