Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Neurônios Espelho

13,978 views

Published on

Neurônios espelho - o Reflexo revelador

Published in: Education, Technology
  • O nome do cientista é Marco iacoboni e não Arco Lacoboni....
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Neurônios Espelho

  1. 1. <ul><li>Reflexo Revelador </li></ul><ul><li>Os neurônios espelho </li></ul><ul><li>Neuropsicologia- Professor Carlos </li></ul><ul><li>Grupo: Evando, Maria, Magali, Mayara e Uelder </li></ul>
  2. 2. Descoberta dos neurônios espelho <ul><li>L igaram eletrodos a neurônios individuais no córtex pré motor de um macaco para estudar a atividade neural conforme o animal estendia a mão para pegar objetos diferentes. </li></ul>
  3. 3. Descoberta dos neurônios espelho <ul><li>Quando um dos pesquisadores entrou no laboratório e pegou uma uva passa, os neurônios pré motores do macaco dispararam como se o próprio animal estivesse pegando a fruta. </li></ul>
  4. 4. Descoberta dos neurônios espelho <ul><li>Depois de replicar esse e outros experimentos perceberam que tinham descoberto algo novo . </li></ul><ul><li>1996 - Deram o nome de “neurônios espelho” </li></ul>
  5. 5. Estudos nos seres humanos <ul><li>Usando imagens de ressonância magnética, os cientistas identificaram grupos de neurônios espelho em números mais altos e em mais regiões que em macacos. </li></ul>
  6. 6. Localização dos neurônios espelho <ul><li>C órtex pré motor e parietal inferior ( associadas a movimento e percepção ) ; </li></ul><ul><li>L obo parietal posterior, no sulco temporal superior e na insula, ( correspondem a nossa capacidade de compreender o sentimento de outra pessoa, entender a intenção e usar a linguagem ) . </li></ul>
  7. 7. Relação de neurônios espelho e a linguagem <ul><li>1998 - Rizzolatti e Arbib : </li></ul><ul><li>U ma das regiões particularmente ricas em neurônios espelho é a área de broca. </li></ul><ul><li>A s ações tem semelhança a linguagem falada ou de sinais. </li></ul>
  8. 8. Relação de neurônios espelho e a linguagem <ul><li>P ara os neurônios-espelho, “agarrar a bola” é a mesma coisa, quer seja uma ação, quer seja expresso em linguagem de sinais ou em uma frase falada. </li></ul>
  9. 9. Funções e importância <ul><li>Os neurônios espelho estão possibilitando descobertas desde como aprendemos a andar até como nos identificamos com os outros. </li></ul>
  10. 10. Funções e importância <ul><li>Não disparam apenas quando realizados uma ação, mas também no momento em que observamos alguém realizar essa ação. </li></ul>
  11. 11. Funções e importância <ul><li>E nsaiamos ou imitamos mentalmente toda ação observada. </li></ul>
  12. 12. Funções e importância <ul><li>São uma dinâmica biológica para o nosso entendimento dos outros e a complexa troca de idéias a que chamados “cultura”. </li></ul>
  13. 13. Funções e importância <ul><li>Os seres humanos usam os neurônios espelho também para: </li></ul><ul><li>I mitar diretamente as ações e entender seus significados. </li></ul><ul><li>A prender desde sorrisos e passos a expressões mais suaves e movimentos de dança . </li></ul>
  14. 14. Os neurônios espelho funcionam em grupos elaborados. <ul><li>Lacoboni exibiu à voluntários filmes de pessoas estendendo a mão para pegar objetos dentro de um cenário de “chá das cinco” . </li></ul>
  15. 15. Os neurônios espelho funcionam em grupos elaborados. <ul><li>Em cada situação um conjunto básico de neurônios espelho de “estender a mão” disparo u. </li></ul>
  16. 16. Os neurônios espelho funcionam em grupos elaborados. <ul><li>M esa arrumada </li></ul>M esa bagunçada
  17. 17. Os neurônios espelho funcionam em grupos elaborados. <ul><li>C oncluiu-se que os neurônios espelho representam papel fundamental quando percebemos intenções. </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Perceber intenções é o primeiro passo para entender os outros e também para construir relacionamentos sociais e sentir empatia. </li></ul>
  19. 19. “ Nós dois enojados na minha insula: a base neural comum para ver e sentir nojo” <ul><li>Com imagens de ressonância magnética Wicker descobriu que sentir nojo e ver um olhar de repulsa no rosto de alguém fizeram com que o mesmo conjunto de neurônios-espelho disparasse na insula . </li></ul>
  20. 20. Para a psicologia <ul><li>“ O s neurônios espelho irão fazer pela psicologia o que o DNA fez pela biologia: apresentar um sistema de referencias unificador e ajudar a explicar uma serie de capacidades mentais que ate agora permanecem misteriosas e inacessíveis a experimentos.” neurologista cognitivo Vilayanur Ramachandran </li></ul>
  21. 21. <ul><li>O s neurônios espelho podem esclarecer não apenas como aprendemos coisas e entendemos os outros, mas como os seres humanos deram “um grande salto à frente” quando descobriam novas habilidades em organização social, uso de ferramentas e linguagem e tornaram possível a cultura humana. </li></ul>
  22. 22. No autismo <ul><li>Pesquisas sugerem que um sistema de neurônios espelho inativos possa explicar as dificuldades profundas com linguagem, aprendizado e empatia. </li></ul>                                               
  23. 23. Con sideraçoes finais <ul><li>Para alguns pesquisadores, os neurônios espelho foram cruciais no desenvolvimento de habilidades sociais elaboradas, redes sociais e infra-estrutura de conhecimento que chamamos de cultura. </li></ul>
  24. 24. <ul><li>O registro arqueológico sugere que o “grande salto à frente” – inicio da cultura humana – começou a cerca de 50 mil anos atrás. </li></ul>
  25. 25. <ul><li>O cérebro humano não passou por nenhuma explosão de crescimento, tem aproximadamente o mesmo tamanho por cerca de 200 mil anos, o que mudou foi uma adaptação genética que deu a “ neurônios chave ” a capacidade de espelhamento, abrindo caminho para avanços acelerados na compreensão, comunicação e aprendizagem. </li></ul>
  26. 26. Lado negativo <ul><li>P odem estar implicados, por exemplo, na influencia de jogos de videogame violentos que reforçam em nível neural uma associação de prazer e realização com infligir danos. </li></ul>
  27. 27. <ul><li>“ A influencia imitativa pode nem sempre ser um processo mediado conscientemente” L acoboni </li></ul>
  28. 28. <ul><li>Para alguns, esse poder explicativo faz dos neurônios espelho a maior descoberta neurocientifica nos tempos recentes. </li></ul>
  29. 29. <ul><li>“ Isso muda completamente a forma como acreditamos que o cérebro trabalha.” Arco L acoboli- pesquisador de neurônios espelho. </li></ul>

×