Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Estudo bíblico - Feridas na alma

205 views

Published on

Estudo bíblico a respeito das feridas na alma humana. O conteúdo é livre para ser trabalhado em qualquer local. Pedimos, no entanto, que sua essência seja mantida.

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Estudo bíblico - Feridas na alma

  1. 1. Uma vida com Cristo Feridas na alma Brasil, 2019
  2. 2. Feridas na alma | Estudo Sumário Introdução:................................................................................. 3 1. Diferenças entre corpo, alma e espírito: ............................. 4 CORPO.................................................................................... 4 ALMA...................................................................................... 4 ESPÍRITO ............................................................................... 4 2. Fatores causadores de uma ferida na alma ........................ 5 2.1. O que é uma ferida na alma? ......................................... 5 2.2 O que é uma ferida na alma? ......................................... 6 3 Como curar uma alma ferida? ............................................ 7
  3. 3. 3 Introdução: Toda ferida tem suas causas, complicações e também uma cura. Com um machucado na alma não é diferente. Embora ele não seja palpável, é sentido por cada um de nós. Pode ser comparado à uma lesão corpórea, mas é muito mais denso e afeta todas as pessoas que nos rodeiam. Alguns sintomas que identificam uma alma ferida:  Sabe aqueles dias que você se sente triste e com uma vontade enorme de chorar? Tristeza essa que você não sabe como explicar, mas chorando você se sente um pouco melhor?  Quando você se sente cansado, com aquele peso nas costas e faz exames para saber se está com algo? Porém, exame nenhum diagnóstica o que você tem. Enfim todos nós passamos por isso, a alma é onde acontecem as piores dores que nos fazem crescer, caso sejam utilizadas de forma sábia.
  4. 4. Feridas na alma | Estudo 4 1. Diferenças entre corpo, alma e espírito: Na Bíblia, encontramos que o ser humano é formado de um corpo, uma alma e um espírito. Ao longo da Palavra de Deus constatamos as comprovações e respostas para esses termos. Logo no início, no livro de Gênesis, Deus fala a respeito da formação do homem. No capítulo 1, os versículos 26 e 27 dizem o seguinte: “E disse Deus: ‘Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança’ (...). E Deus criou o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. ”. Um pouco mais adiante, em Gênesis 2:7, está escrito: “E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego de vida; e o homem foi feito alma vivente”. Sendo assim: CORPO é a nossa estrutura corpórea, que foi feita a partir do “pó da terra” e que pode ser vista. Porém não possui ânimo e nem vida. É apenas o nosso meio material de interagirmos com mundo físico. ALMA é justamente o “fôlego de vida” dado por Deus, que nos tornou “alma vivente ”. É a nossa vida, o que somos de fato, mas não pode ser visualizada através dos nossos olhos carnais. É onde estão os nossos sentimentos, vontades e o intelecto. Corpo e alma interagem com os cinco sentidos e se relacionam diretamente, ou seja, quando o corpo morre, a alma também morre. ESPÍRITO Já para entender esse termo é preciso antes compreender quem Deus é, pois somos imagem e semelhança do Senhor. Em João 4:24 Jesus fala que “Deus é Espírito, e por isso os que o adoram devem adorá-lo em espírito e em verdade”. Portanto, quando a Bíblia diz que o Criador nos formou à Sua “imagem”, não estava se referindo à parte carnal, pois Deus não é carne e sim Espírito. Dessa forma, sabemos que nós seres humanos, além do corpo e alma, também possuímos um espírito. Além disso, o espírito humano é o meio pelo qual Deus se comunica e relaciona conosco, como é dito em Romanos 8:16 “O Espírito de Deus se une com o nosso espírito para afirmar que somos filhos de Deus
  5. 5. Feridas na alma | Estudo 5 2. Fatores causadores de uma ferida na alma 2.1.O que é uma ferida na alma? Antes de trabalharmos as suas causas, precisamos, em primeira instância, definir o conceito de “ferida na alma”. Para isso, podemos partir, facilmente, do conceito carnal comumente utilizado por todos nós ao ouvirmos “estou com um ferimento, machucado”. Já imaginamos o maior órgão do nosso corpo, a pele, com algum tipo de dano. Como qualquer outra coisa, essa lesão tem uma causa – pode ser oriunda de um corte, golpe ou qualquer outra atividade que venha a danificar a integridade do órgão em questão. Não precisamos entender muito da área da saúde para vermos como o corpo reage de maneira quase instantânea para reparar o dano ocasionado pelos fatores internos ou externos. Não citarei de forma detalhada, mas o documentário “Super Interessante – Corpo Humano – Sistema imunológico” nos traz uma visão geral de como um simples arranhão é capaz de “convocar batalhões” de células que visam defender nosso corpo; leucócitos, plaquetas e etc. Com uma ferida carnal, nosso corpo possui um excelente mecanismo de defesa para essas situações. A partir disso, podemos notar que uma “ferida na alma” é algo que afeta o seu estado natural. Ao contrário do corpo humano, que já tem por padrão uma defesa biológica, a alma necessita apreender certos conceitos e habilidades inerentes à sua própria existência, desenvolvê-las de maneira não-involuntária, mas oriunda da vontade de nossos corações; é nesse momento onde a terceira estrutura humana se faz importante: é com o nosso espírito que buscamos apoio para prosseguir a cada choque obtido em nossos corações. No entanto, isso demanda tempo e certo empenho. Mais adiante veremos como uma ferida nessa estrutura humana pode ser sarada. É como um machucado normal no corpo só que mais intrínseco a quem somos, como um todo, atingindo as demais regiões como vemos em Mateus 15:11 “O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem. ” Essa lesão está totalmente interligada com o nosso modo de viver no mundo, mas é inevitável que os fatores externos também nos apanhem de surpresa. Isso se deve ao fato de nossa alma sofrer com os impactos de um espírito em conflito, devido a sua morte, como vemos em Gênesis 2:17 “Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. ”
  6. 6. Feridas na alma | Estudo 6 2.2O que é uma ferida na alma? “Porquanto a carne luta contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne. Eles se opõem um ao outro, de modo que não conseguis fazer o que quereis.” – Gálatas 5:17 O versículo aparenta ser bastante simples, mas esconde algo surpreendente. Vemos, de modo evidente, que existem fatores externos que são capazes de adentrarem em nossas mentes, por meio de nossos sentidos; gerando prejuízos ou crescimentos. Não obstante, para que estímulos externos negativos cheguem a nós, é preciso, também, que hajam debilidades inerentes nós mesmos, só assim o nosso espírito fica em estado de dormência, e, por consequência, nossa alma se alimenta de coisas não tão agradáveis. A epístola de Paulo aos Romanos nos traz uma imensidão de detalhes sobre como devemos enfrentar as situações da vida. É incontestável, os conflitos se enquadram em 2 classes, que tangem nossas 3 “entidades” trabalhadas nesse estudo: Inesperados: São os conflitos de maior ocorrência, nos acompanharão para o resto da vida. Nesse caso, é oriundo da má dieta que possuímos, os conceitos que visam nos edificar e proteger dos impactos gerados pela vida foram deixados de lado; perdas, acidentes, doenças e entre outros. Os sentidos são a porta de entrada para que a alma seja ferida, mas a maneira como sua mente os trabalha, é um fator essencial para definir se será uma ferida construtiva ou uma ferida que provocará outra lesão já esperada. Esperados: É paradoxal, mas parte de dentro para fora. A partir de sentimentos como a inveja, cobiça, luxuria e entre outras coisas, provocamos situações totalmente esperadas, mas nada agradáveis. Quando acontecem, ecoa a seguinte frase em nossa mente “eu poderia ter evitado isso”. Tanto os nossos sentidos corpóreos quanto o nosso subconsciente têm participação para o ferimento. Recomendo grandemente a leitura do capítulo 8 de Romanos, é um texto que complementa muito bem o que foi dito aqui.
  7. 7. Feridas na alma | Estudo 7 3 Como curar uma alma ferida? Vencer esse conflito de alma não é possível sem passar por processos internos, os quais podem ser dolorosos, mas necessários. Fugir dos assuntos que nos causam dor é uma de nossas reações, para que venhamos evitar a sofrer novamente. Porém, assim como uma pessoa doente precisa de medicação, uma alma ferida necessita de cura. É preciso ter em mente que não conseguiremos realizar isso sozinhos, somente Jesus pode nos tratar. Afinal, a palavra de Deus diz em Salmos 147:3 “Ele cura os que têm o coração partido e trata dos seus ferimentos.” Pode ser que a ferida da sua alma tenha sido causada por alguma culpa ou remorso, devido a algo errado que você fez no passado. No entanto, nunca é tarde demais para renunciar ao seu orgulho e confessar seus pecados a Jesus, de forma honesta e sincera. Após essa iniciativa, é importante arrepender-se e decidir mudar, pois desta maneira, alinhamos a nossa vontade com a vontade de Deus, que é “boa, agradável e perfeita” (Romanos 12:2) e nos libertamos do fardo opressivo dos nossos erros. Talvez você possa falar: “Não sei se Deus perdoaria os meus pecados, eu já errei tanto.” Provavelmente todos já pensaram assim também. Porém, veja o que o Pai nos diz em Isaías 43:25 “Mas Eu - Eu mesmo - sou o seu Deus e por isso perdoo os seus pecados e os esqueço.” Além disso, Jesus nos orienta em Mateus 7:7 “Peçam e vocês receberão; procurem e vocês acharão; batam, e a porta será aberta para vocês.” Então, o que queremos dizer é o seguinte: não há nada que impeça o Senhor de perdoar aqueles que clamam por misericórdia; ore e Ele o(a) perdoará independente do que seja e irá curar a sua alma de qualquer aflição, fazendo com que você também consiga se perdoar. Ou talvez, você foi machucado(a) por meio de traições, ofensas, julgamentos, abuso, rejeição, mentiras, agressão física ou verbal, relacionamentos tóxicos ou outros tipos de feridas, que certamente causaram marcas dolorosas em sua alma e hoje, lembranças e pensamentos negativos aprisionam a sua mente. De forma semelhante ao caso acima, a melhor solução é sempre pedir ajuda a Jesus. Lembre-se de que não podemos vencer nossos problemas sozinhos, mas sim através da oração frequente e guiada pelo Espírito Santo, não por nossas próprias forças (Zacarias 4:6). Para vencer a dor é necessário enfrentá-la. Davi não escondia suas dores e inquietações, mas sempre clamava a Deus com a certeza que de Ele o ajudaria, como em Salmos 55:16 “Eu, porém, invocarei a Deus, e o Senhor me salvará.” e Salmos 120:1 “Na minha angústia, clamo ao Senhor, e Ele me ouve.”
  8. 8. Feridas na alma | Estudo 8 Abra o seu coração a Deus em oração, entregue a Ele todos esses sentimentos que te fazem sofrer, conte o que te aflige e te perturba. O Senhor já sabe do que precisamos antes mesmo falarmos (Mateus 6:8), mas é preciso que nós cultivemos um relacionamento com Ele, firmado em amor, confiança e fé, de que tudo irá cooperar para o nosso bem (Romanos 8:28). Em Efésios 4:23, o apóstolo Paulo nos instrui: “É preciso que o coração e a mente de vocês sejam completamente renovados” e através da Palavra de Deus, da oração e do Espírito Santo nós conseguiremos ter a mente renovada, nos libertando do sofrimento causado pelos traumas e das lembranças ruins. Porém, é preciso que você não desista e decida acreditar, mesmo quando as coisas não parecerem estar progredindo. Não desanime, pois, a renovação para a cura acontece pouco a pouco. Há um poder muito grande em nossa mente, que pode nos levar à decadência ou à vitória, veja o que Provérbios 4:23 diz: “Tenha cuidado com o que você pensa, pois, a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos”. Muitos pensamentos negativos aparecerão para te fazer parar, mas sempre que chegarem, escolha não acreditar neles. Mantenha sua mente positiva e assim ficará constantemente cheio de confiança e esperança em Deus. Jesus é completamente confiável e entende a sua dor. Em muitas situações, onde as pessoas lhe pediam uma cura, Ele dizia “Seja feito conforme a sua fé” (Mateus 8:13, Mateus 9:29) e eram saradas porque tinham fé. Atualmente não é diferente, “Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e sempre” (Hebreus 13:8). Ore, entregue, confie, seja positivo, não desista, decida acreditar. Deus pode curá-lo de qualquer mal, tenha fé. “O Senhor é bondoso e fiel; o nosso deus tem compaixão de nós” (Salmos 116:5).

×