Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

O valor dos avós

1,587 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

O valor dos avós

  1. 1. Agrupamento de Escolas António Sérgio Escola Básica de Colaride 4º ano turma B
  2. 2. O valor dos avós Os avós têm de ser respeitados, porque se não fossem eles não tínhamosnascido. São os avós que nos levam ao parque, quando os pais não estão. Muitocarinho nos dão eles! Eles são engraçados e brincam connosco. Eu adoro ter avós, com eles sinto-me melhor. Unem a família! Os meus avós são chatos de vez em quando, mas é sempre para o nossobem. Ajudam-nos quando é preciso e nós também devemos sempre ajudá-los. Viajo pela minha imaginação quando os quero recordar. Têm muito orgulho em mim! Eu tenho os melhores avós do Mundo! Luís
  3. 3. Os meus avósOs meus avós são magníficos e queridosSão bons companheiros e boas pessoasMaravilhosos em tudoEu adoro estar com elesUnicosSão bons amigos e passeiam comigoAmorosos com toda a genteVão-me sempre comprar prendas e dão-me conselhosOrgulhosos estão sempre de mimSerão sempre os meus melhores avozinhos! Eu serei sempre a melhor netinha deles! Telma
  4. 4. Os avós não são para deixar sozinhosSão muito espertosMantêm-me sempre seguro e felizEstão sempre ao meu ladoUvas adoram comerSempre farão parte da minha vidaAmo os meus avósVou ser sempre o seu neto favoritoOs meus avós são carinhososSerão sempre os meus melhores AMIGOS! Gustavo
  5. 5. O valor dos avós Os meus avós são muito simpáticos. A minha avó faz umas filhoses muito boas, de que eugosto muito. O meu avô arranja-me as coisas de que eu preciso. Eles brincam comigo sempre que podem. Costumamosconversar muito. Sinto-me muito contente quando os vejo e abraço-os. Eles serão sempre os meus companheiros. Gosto muito dos meus avós! Inês
  6. 6. Os meus avósOs meus avós adoram-meSou muito amável com elesMeigos são eles para mimEstão sempre a meu ladoÚnicos eles sãoSempre que me abraçam eu fico felizAjudam-me nos bons e maus momentosVejo-os sempre que é possívelOuvem-me sempreSerei sempre o netinho deles! Duarte
  7. 7. Quando preciso a minha avó está lá.O meu avô dá-me tudo o que quero.A minha avó leva-me ao parque a brincarcom os meus amigos Inocêncio e Flávio.Se pudesse dava a minha vida por eles! Pedro
  8. 8. O valor dos avósOs meus avós são simpáticosValor as minhas avós têm para mimAs minhas avós são carinhosasLêem-me histórias fantásticasOh! Estas avós são tão boas para mim!Riem comigo.Das duas avós qual gosta mais de mim?Ah! Afinal gostam as duas igual.São maravilhosas!As avós são minhas amigasVamos passear às vezesO dia fica maravilhoso quando estamos juntosSão as minhas avós. Nunca as esquecerei! Rúben
  9. 9. Os meus avósOs meus avós ensinam-me coisasSão simpáticos.Muito alegresEstão sempre a apoiar-meÚnicos para mimSão generososAvós do meu coração serão sempreVão comigo ao parque quando têm tempoOs meus avós são uns segundos paisSão os meus avós! Tiago Moreira
  10. 10. Os meus avósOs meus avósSão tão divertidosMaravilhososExcelentes pessoasÚnicos para mimSempre que vêm a Portugal divirto-meAprendo muito com elesVão ser sempre os meus segundos paisOrgulho-me delesSão os meus avós, nunca vou esquecê-los! Bruna
  11. 11. Os meus avós Os meus avós ensinam-me coisas que eu gosto. Gosto quando a minha avó: faz bolos deliciosos, de quandopasseamos juntas e vamos conhecer novos lugares. Eu gosto quando o meu avô me ensina coisas novas que eleaprendeu. Adoro passear com o meu avô e também de ver televisãocom ele. Eles são muito divertidos, adoram levar-me ao parque como meu irmão. Eles brincam muito comigo. São boas pessoas, bonos companheiros! Às vezes dão-me prendas de que eu gosto bastante. Eu adoro os meus avós! Fátima
  12. 12. Os meus avós…Olhem para os meus avósSão tão engraçadosMaravilho-me com elesEles estão no norte de PortugalUnidos para sempre estaremosSinto-me feliz quando os visitoAndo sempre perto deles, quando lá vouVou com eles passear e conhecer novos lugaresOuço-os com muita atençãoSão os meus companheiros Ana Sofia
  13. 13. Os meus avós Os meus avós ensinam-me muitas coisas. Tenho uma ótima relação com eles. Eles fazemmuitas coisas comigo: vamos às compras, passeamos,brincamos e dizemos piadas. Eles são muito engraçados, alegres e ativos.Principalmente os avós paternos. Os avós não podem estar sozinhos! Eu adoro-os e dou-lhes mimos, carinho ecompanhia e eles retribuem-me. Eu gosto muito deles e eles também gostammuito de mim. Bianca
  14. 14. Os meus avósOs meus avós são simpáticos e divertidosSempre muito animados e alegresMinha avó é boa cozinheiraE o meu avô arranja-me o computador quandoprecisoUnidos e atarefadosSim, eles são os meus avós.As vezes brincamosVamos passearOh! Que avós fantásticos eu tenhoSim, gosto muito deles. Beatriz
  15. 15. Os meus avósO meu avô é carinhosoSabe divertir-seMiminhos vou dar sempre aos meus avósE eles carinho me retribuemUnicos para mimSomos todos divertidosA minha avó é simpáticaVamos todos para o parqueOs melhores avós eu tenhoSabemos todos brincar, apesar das nossasidades! António
  16. 16. O valor dos avósOs meus avós são fantásticosSão muito sabichõesMuito alegres e simpáticosEles são engraçadosUm dos meus avós e a minha avó são honestosSempre estão do meu ladoAs vezes levam-me a passearVasos com plantas ajudo-os a regarOh! tantas vezes que conversamosSão fantásticos! Margarida
  17. 17. O valor dos avós Era uma vez um menino que não gostava dos avós. Quando ele ia para casa dos avós, quer fosse dos paternos, quer fosse dos maternos, dizia sempre: - Isto é uma seca! Aqui não há nada para fazer! A avó repetia sempre: - Temos pena. Porta-te lá bem!!! - Está bem. – dizia ele contrariado. Um dia, quando foi para o quarto, em casa dos avós, viu que atrás da sua cama estava uma portaminúscula. Como era muito curioso, abriu-a com muito cuidado. Mal tocou na porta encolheu. - Mas que raio se está a passar? – questionou ele. Passados uns minutos, ouviu uma voz estranha. Era uma voz fininha e irritante, que lhe disse: - Anda, despacha-te … entra antes que te apanhem aqui! Então ele avançou e viu que era um ratinho que ali estava. Perguntou-lhe: - Mas quem é que me vai apanhar? - Uns ladrões que apanham os meninos que não gostam dos avós. O menino ficou assustado e fugiu dali.Finalmente ele tinha aprendido a lição. Agora ele já sabia dar valor aos avós. Tiago Pinto
  18. 18. Quem tem avós tem um tesouro muito precioso!

×