Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Separação das Minhocas:                                                                                                   ...
Minhocultura ou Vermicompostagem                       Técnicas de Criação:                                   Fontes de ma...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Minicurso minhocultura

2,721 views

Published on

  • Be the first to comment

Minicurso minhocultura

  1. 1. Separação das Minhocas: Autores:- Manual - diretamente sobre o canteiro. Adriana Maria de Aquino- Iscas - colocam-se sacos de ráfia cheios de esterco Diego Campana Loureiro - Bolsista ICsobre o canteiro atraindo as minhocas, em seguidaseparando os sacos de ráfia do material já Foto da capa: resíduos em canteiros de alvenaria e bambuestabilizado (húmus).- Peneira - separa-se o húmus das minhocas atravésdo peneiramento. Design: Vandréa Ferreira Minhocultura Canteiro de madeira utilizando iscas para a separação das minhocasComercialização: O húmus poderá ser armazenado durante um Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Centro Nacional de Pesquisa de Agrobiologiaperíodo de seis meses depois de produzido. Acima Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimentodeste período, o húmus vai perdendo seus nutrientes. BR 465, Km 7 CEP: 23851-970 Seropédica - RJO húmus pode ser vendido como adubo orgânico e Tel.: (21) 2682-1500 Fax: (21) 2682-1230utilizado na produção de mudas. Http:// www.cnpab.embrapa.br E-mail:sac@cnpab.embrapa.br Além disso, a minhocultura é capaz deproduzir uma grande biomassa (minhocas) que podeser utilizada na complementação da alimentaçãoanimal, na pesca esportiva, venda de matrizes paraprodutores que desejam entrar no ramo daminhocultura, ou até mesmo na alimentação humana,devido ao seu elevado nível de proteínas, e também naindústria farmacêutica, para a produção de Seropédica, RJmedicamentos, sendo já utilizados em alguns países Ano 2004orientais (China e Japão).
  2. 2. Minhocultura ou Vermicompostagem Técnicas de Criação: Fontes de matéria-prima: O local de construção do minhocário deve situar-se Toda matéria orgânica de origem animal e Processo de reciclagem de resíduos orgânicos o mais próximo possível do mercado consumidor e da vegetal passada pela pré-compostagem, ou seja,através da criação de minhocas em minhocários, matéria-prima utilizada como substrato. Além de semi-curado, livre de fermentação, pode ser usadaoferecendo importante alternativa para resolver situar-se em uma área de fácil acesso, de na alimentação das minhocas. As minhocas exigemeconomicamente e ambientalmente os problemas dos preferência em locais parcialmente sombreados, alimentações balanceadas, rica em nitrogênio,dejetos orgânicos, como o lixo domiciliar. O produto mas com boa insolação, e em terrenos elevados, com fibras e carboidratos. Quanto mais rica for afinal da vermicompostagem constitui num excelente pouca declividade, facilitando a construção dos matéria-prima, maior será o sucesso econômico dofertilizante orgânico (húmus) capaz de melhorar canteiros e os sistemas de drenagem. Um fator seu empreendimento. Podemos utilizar como fontesatributos químicos (oferta, melhor retenção e limitante que devemos estar atentos na fase de de matéria-prima: estercos de boi, cavalo e coelho,ciclagem de nutrientes), físicos (melhoria na elaboração do minhocário é a disponibilidade de restos de cultura (uma leguminosa, pois fixaestruturação e formação de agregados) e biológicos matéria-prima e água em abundância e limpa no local, nitrogênio, palha, folhas e cascas de frutas),do solo (aumento da diversidade de organismos principalmente nos períodos de seca, quando é mais resíduos agro-industriais (bagaço de cana), lixobenéficos ao solo). necessária para a irrigação dos canteiros. domiciliar, lodo de esgoto. Tipos de Criatórios: Manejo do Minhocário: - Caixas de madeira ou tonéis de 200 litros, A quantidade necessária de minhocas para cortados longitudinalmente, com furos na parte iniciar a criação é de 1 litro, aproximadamente 1500 inferior. minhocas /m². Para um bom desenvolvimento do - Canteiros de blocos, tijolos, madeira ou bambu, minhocário além de matéria-prima suficientemente normalmente possuem 1 metro de largura por 0,30 a rica para alimentar as minhocas, devemos 0,40 cm de altura e o comprimento possível ou proporcionar um ambiente adequado para o bom desejado. O piso do canteiro poderá ser cimentado desenvolvimento e reprodução das minhocas, ou terra batida. monitorando a temperatura (entre 20-25°C), - Sistema de montes com o piso em terra batida ou umidade (70-85%), pH ( pH 7,0), aeração e cimentado. drenagem do meio (o meio não deve ser compactado e nem encharcado). É interessante depois de preenchido os canteiros com as diferentes fontes Canteiro de bambu com cobertura de folha de bananeira para manutenção da de matéria-prima semi-curada, cobrirmos os umidade canteiros com folhas de bananeiras ou restos de capina para manutenção de umidade e proteção contra incidência direta da luz solar, além deEspécies de Minhocas criadas comercialmente dificultar fuga das minhocas.no Brasil: A minhoca possui alguns inimigos naturais- Eisenia foetida, também conhecida como vermelha- que devem ser controlados, dentre eles galinhas, ,da-califórnia; sanguessugas, pássaros e formigas lava-pés. Se o- Eudrilus eugeniae, ou noturna africana ou minhoca ambiente natural não for favorável aodo esterco. desenvolvimento das minhocas haverá fugas das Minhocas vermelha-da-califórnia em substrato de esterco bovino mesmas, inviabilizando a produção do seu empreendimento.

×