marcas luxo

897 views

Published on

apresentação sobre marcas de luxo

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

marcas luxo

  1. 1. 03/06/2012 Marta Cunha 1
  2. 2. Pense e Cite uma marca de luxo. 03/06/2012 Marta Cunha 2
  3. 3. « Le luxe, ce nest pas le contraire de la pauvreté mais celui de la vulgarité »"O luxo, não é o oposto da pobreza, mas da vulgaridade" Coco Chanel 03/06/2012 Marta Cunha 3
  4. 4. 03/06/2012 Marta Cunha 4
  5. 5. O QUE É LUXO?[Do lat. luxu.]S. m.1. Modo de vida caracterizado por grandes despesas supérfluas e pelo gosto da ostentação e do prazer; fausto, ostentação, magnificência2. Caráter do que é custoso e suntuoso3. Bem ou prazer custoso e supérfluo; superfluidade, luxaria (Dicionário Aurélio) 03/06/2012 Marta Cunha 5
  6. 6. Etmologicamente Luxo e luz vem da mesma origem do latim = lux. (brilho, esplendor, distinção, perceptível ou resplandecente). 03/06/2012 Marta Cunha 6
  7. 7. O luxo se associa a um signo, código,comportamento, vaidade, conforto,estilo de vida, valores estéticos, prazere requinte. Tela: Narciso - Caravaggio, pintor italiano (1571/1610) 03/06/2012 Marta Cunha 7
  8. 8. O termo luxo se refere a um produtomelhor, superior, duradouro, bem acabado,bonito, raro, exclusivo, restrito, de custo maiselevado. Verdadeiro Falso x 03/06/2012 Marta Cunha 8
  9. 9. A imagem diz tudo 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 9
  10. 10. Importância da Diferenciação Se fosse acessível a maioria das pessoas, deixaria de ser luxo. 03/06/2012 Marta Cunha 10
  11. 11. 03/06/2012 Marta Cunha 11
  12. 12. Barquinho de Giorgio Armani03/06/2012 Marta Cunha 12
  13. 13. É luxo morar nesta casinha? Chateau de Versailles 03/06/2012 Marta Cunha 13
  14. 14. Os diamantes sãoeternos? Qual o valor da Monalisa? 03/06/2012 Marta Cunha 14
  15. 15. Deixou de ser um objeto de desejo.Não há diferenciação com este produto.Só tem valor para museu e colecionadores. 03/06/2012 Marta Cunha 15
  16. 16. Quando não havia automóvel, esteseram objetos de luxo Horse Power 03/06/2012 Marta Cunha 16
  17. 17. Na época da máquina de escrever,este era um objeto de luxo Este brinquedo já foi um objeto de desejo de muitas crianças. ATARI 03/06/2012 Marta Cunha 17
  18. 18. Antes da prensa de Gutemberg, esteera um objeto de luxo. 03/06/2012 Marta Cunha 18
  19. 19. Em todas as épocas, se verifica, o uso de objetos de luxo. Cleópatra Alexandre, o Grande.Dom Pedro I 03/06/2012 Marta Cunha 19
  20. 20. Guerreiro Viking Guerreiros e caciques indígenas Guerreiro Masai 03/06/2012 Marta Cunha 20
  21. 21. Romanos Africanos Csar Alexander (Russo) Xerxes, rei da Persia 03/06/2012 Marta Cunha 21
  22. 22. Não há sociedade que rejeite o luxo 03/06/2012 Marta Cunha 22
  23. 23. Em 4.000 a.C, surgiu a separação entre ricos epobres com a criação do ESTADO.O elo entre os vivos e mortos era feita pelaidéia de magia, culto aos mortos, colocar nastumbas os “luxos” da vida para usufruto no“paraíso”. (os tesouros do faraó).O luxo traduzia a soberania dos reis.MODO DE VIVERMODO DE SE ALIMENTAR = LUXOMODO DE MORRER 03/06/2012 Marta Cunha 23
  24. 24. A burguesia vem imitar a aristocracia, copiandohábitos, comprando títulos de nobreza, suavontade é vincular-se às classe dominantes. 03/06/2012 Marta Cunha 24
  25. 25. “Le superflu, chose très nécessaire.” VoltaireO supérfluo é muito necessário. 03/06/2012 Marta Cunha 25
  26. 26. Consumo de bens e serviços premium nãoseguem os caminhos da racionalidade, asescolhas são emocionais. 03/06/2012 Marta Cunha 26
  27. 27. A decisão é movida pelo DESEJO, 03/06/2012 Marta Cunha 27
  28. 28. A decisão é movida pelo SONHO, 03/06/2012 Marta Cunha 28
  29. 29. A decisão é movida pelaNECESSIDADE DEPERTENCER SOCIALMENTE, 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 29
  30. 30. 03/06/2012 Marta Cunha 30
  31. 31. A decisão é movida peloAUTO-ESTIMA, Ai, só Freud, explica... 03/06/2012 Marta Cunha 31
  32. 32. 03/06/2012 Marta Cunha 32
  33. 33. 03/06/2012 Marta Cunha 33
  34. 34. A imagem social de uma pessoa,depende em parte dos produtos queela compra e consome. 03/06/2012 Marta Cunha 34
  35. 35. As marcas de luxo exigem um fortetrabalho de posicionamento, de usocriativo do marketing e derenovação contínua, semcontradizer sua essência. 03/06/2012 Marta Cunha 35
  36. 36. 03/06/2012 Marta Cunha 36
  37. 37. Estimativa mercado de luxo em 2010: US$ 1 trilhão(fonte: Boston Consulting Group – 2003) 03/06/2012 Marta Cunha 37
  38. 38. 03/06/2012 Marta Cunha 38
  39. 39. Ranking de Satisfação JAGUAR CADILLAC LEXUS MERCEDES LAND ROVER LINCOLN BMW PORSCHE03/06/2012 Marta Cunha 39
  40. 40. 03/06/2012 Marta Cunha 40
  41. 41. Cidades que concentram 50% das famíliasbrasileiras mais ricas: São Paulo, Rio de Janeiro,Brasília e Belo Horizonte. (fonte: Galhanone).Empresas de luxo o eixo Rio-SP, seguido de BSBe POA.Em outros países o turista internacionalmovimenta as vendas, os produtos de luxo sãoquase que voltados para a clientela local. Asmarcas já se adaptaram à compra a prazo evendas no cartão de crédito. 03/06/2012 Marta Cunha 41
  42. 42. UMA SIMPLES VELA03/06/2012 Marta Cunha 42
  43. 43. O que é preciso para se definir um artigo de luxo:QUALIDADEPUBLICO – ALVO = ELITEFORTE IDENTIDADE, reconhece de imediato osatributos visuais (estilo e design). 03/06/2012 Marta Cunha 43
  44. 44. Aniversário de 13 anos e já respira marcas de luxo – influência dos pais?Identidade ,design damarca 03/06/2012 Marta Cunha 44
  45. 45. Fórum Econômico Mundial – Angelina Jolie – Luis Vuitton 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 45
  46. 46. Raridade, exotismo, baixa disponibilidade Marta Cunha 03/06/2012 46
  47. 47. Simbologia de status social x Brasão família 03/06/2012 Marta Cunha 47
  48. 48. Preço elevado, significa valor agregado,provocando desejo de posse e sua excelência 03/06/2012 Marta Cunha 48
  49. 49. PRODUÇÃO SELETIVA ELIMITADA. Números de série nos originaisFalsificados Rolex: será impossível levar a um joalheiro para umatroca de bateria ou de limpeza, porque vai ser confiscados ourelatados. 03/06/2012 Marta Cunha 49
  50. 50. 03/06/2012 Marta Cunha 50
  51. 51. Simbologia, magia, sedução 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 51
  52. 52. 03/06/2012 Marta Cunha 52
  53. 53. Marta Cunha 03/06/2012 53
  54. 54. Apelo aos sentidos, cheiro, tato, sons... 03/06/2012 Marta Cunha 54
  55. 55. A marca está na estampa03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 55
  56. 56. 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 56
  57. 57. Conexão com o passado, tradição, história. 03/06/2012 Marta Cunha 57
  58. 58. 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 58
  59. 59. 03/06/2012 Marta Cunha 59
  60. 60. O VERDADEIRO LUXO É IMORTAL 03/06/2012 Marta Cunha 60
  61. 61. CONEXÃO COM A PERSONALIDADE E OS VALORES DE UM CRIADOR. 03/06/2012 Marta Cunha 61
  62. 62. 03/06/2012 Marta Cunha 62
  63. 63. Quem é o criador?? 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 63
  64. 64. Uma lenda pode se associar à marca 03/06/2012 Marta Cunha – FEA/USP 64
  65. 65. A maior propaganda de Ray-ban 03/06/2012 Marta Cunha 65
  66. 66. A marca oferece proteção legal 03/06/2012 Marta Cunha 66
  67. 67. As marcas definem um território 03/06/2012 Marta Cunha 67
  68. 68. 03/06/2012 Marta Cunha 68
  69. 69. Consumidor de luxo torna-se cidadão do mundo. 03/06/2012 Marta Cunha 69
  70. 70. não basta ter dinheiro tem que ter "Glamour" 03/06/2012 Marta Cunha 70
  71. 71. Estilo de vida, origem do dinheiro, há quantotempo possui, como tornaram-se ricos...(afetamo consumo??) Sacha 03/06/2012 71 Marta Cunha
  72. 72. As pessoas deixam de comprar um produto para comprar umcomportamento ou uma emoção.Há um desejo de exteriorizar a própria personalidade, necessidade demarcar filiação a um grupo social. 03/06/2012 Marta Cunha 72
  73. 73. O luxo ganha uma faceemocional, sensual e deexperiência. 03/06/2012 Marta Cunha 73
  74. 74. America Life x America Brand03/06/2012 Marta Cunha 74
  75. 75. marttha.brazil@gmail.com 03/06/2012 Marta Cunha 75

×