História da rádio

6,284 views

Published on

Published in: Education, Travel, Business
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
6,284
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
802
Actions
Shares
0
Downloads
129
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

História da rádio

  1. 1. A Rádio em Portugal* Do nacional e do local A história *adaptação do artigo “Historia da Rádio em Portugal: uma aproximação ao local. http://industrias-culturais.blogspot.com/2009/11/radio-em-portugal-uma-aproximacao-ao.html
  2. 2. 1924: P rimeiras emissões de rádio em Portugal As estações pertenciam a comerciantes, gestores de hotelaria e militares, chamados amadores da rádio ou senfilistas. Repertório de música clássica
  3. 3. 1931: Aparecimento da primeira estação moderna: Rádio Clube Português Liderada por Jorge Botelho Moniz Programação voltada para a música popular
  4. 4. 1935: Aparece a Emissora Nacional
  5. 5. 1937: Primeiras emissões da Rádio Renascença Ligada à Igreja Católica
  6. 6. Até 1974 Panorama radiofónico constituído por: <ul><li>Rádio Clube Português </li></ul><ul><li>Emissora Nacional </li></ul><ul><li>Rádio Renascença </li></ul><ul><li>Conjuntos de pequenas estações agrupadas </li></ul><ul><li>- Emissores Associados de Lisboa </li></ul><ul><li>- Emissores do Norte Reunidos </li></ul>
  7. 7. Anos 80 Grande Boom das Rádios Piratas <ul><li>Existência de lacunas na legislação permitiu a ocupação de frequências de uma forma desregrada </li></ul><ul><li>No final da década foram reconvertidas em </li></ul><ul><li>rádios locais, de proximidade ou temáticas </li></ul>
  8. 8. Anos 80 Aparecimento da TSF Esta rádio traz um novo paradigma: - Especializou-se em Informação, principalmente no campo da política - É a primeira rádio informativa em Portugal
  9. 9. Século XXI Uma revolução chamada Internet <ul><li>“ O desafio tecnológico da rádio chama-se digitalização, com vantagens como melhor qualidade de registo de programa, perfeita fiabilidade na transmissão e recepção, articulação com vários suportes (imagem, por exemplo), disponibilização de cópias em vários suportes (caso da internet).” </li></ul>
  10. 10. Século XXI <ul><li>Graças a apoios do Estado (programa ROLI), todas as estações radiofónicas, incluindo as locais, têm a possibilidade de chegar a qualquer parte do mundo com a emissão online </li></ul><ul><li>O Estado impôs a “obrigatoriedade de emissão em 24 horas diárias e um mínimo de oito horas de programação própria” </li></ul>
  11. 11. Actual panorama radiofónico Quatro grandes grupos de comunicação <ul><li>Radiodifusão Nacional </li></ul><ul><li>Grupo Renascença </li></ul><ul><li>Gupo Media Capital </li></ul><ul><li>TSF (Controlinveste) </li></ul>Cerca de 350 rádios locais
  12. 12. Actual panorama radiofónico “ Enquanto as rádios de cobertura nacional se integram, por regra, em grupos e apresentam maior estabilidade e volumes de negócios, as rádios locais são pequenas e médias empresas que facturam anualmente pouco acima de €100 mil.”
  13. 13. Actual panorama radiofónico Nas rádios locais, a “falta de quadros (programadores, jornalistas) traduz-se em programação fácil e indiferenciada”.

×