Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Todo Mundo Virou Mídia, e agora RP

226 views

Published on

Os departamentos de comunicação e Relações Públicas por anos desenharam estratégias de divulgação considerando um universo limitado de mídias, como veículos impressos e on-line, televisão, rádio…No entanto, o fenômeno dos influenciadores digitais fez com que cada individuo possa torna-se um veículo de comunicação (mídia), exigindo uma reestruturação das estratégias corporativas.

Published in: Marketing
  • Be the first to comment

Todo Mundo Virou Mídia, e agora RP

  1. 1. Todo mundo virou mídia e agora RP?
  2. 2. Todo mundo virou mídia? Sim! Todos podem ser
  3. 3. Mídia. substantivo feminino Todo suporte de difusão da informação que constitui um meio intermediário de expressão capaz de transmitir mensagens Uma pessoa gritando no meio da rua com um megafone e cartazes é uma mídia? É! Instagramers, Youtubers, Blogueiros, “Fofoqueiros”...
  4. 4. E agora RP? Comemore! Vibre! Pule de alegria!
  5. 5. Ontem Hoje Plano de mídia engessado Pouca abertura para criação de conteúdo em conjunto Dificuldade de acesso Interesse recíproco Criação conjunta e adaptada Durabilidade da notícia: Retorno a partir de buscas on- line Universo amplo e complexo de mídias : Mídia + Cross Media Alta “perecividade” dos veículos impressos Muita informação dependendo de poucos canais Muita informação – cada uma com um influenciador adequado
  6. 6. Métricas precisas Controle de conversão Seleção minuciosa de público alvo Adaptação de acordo com
  7. 7. Marketing de influênci a • Amigos (O boca-a-boca) • Novelas (Os personagens só usam e vestem aqui que condiz com a personalidade construída para ele) • Marca de Margarina (1930) • Soap Opera – Marketing de Conteúdo P&G (1940) - TV • Artistas/celebridades (Garotos e Garotas Propaganda – Não convencem tanto) • Influenciadores Digitais (Autênticos e abrangentes)
  8. 8. A palavra é… Autenticidad eQUEM NÃO LAVA ROUPA NÃO INFLUENCIA COMPRA DE SABÃO EM PÓ TEM QUE SER VISTO COMO UMA OPORTUNIDADE PARA O
  9. 9. Brandscaping | Construindo parcerias com conteúdo • Parcerias entre negócios de perfis complementares • Novas bases de clientes – atingir um público que você não atinge diretamente • Conteúdo – Dar propósito e valor para aquela parceria (Caso Converse) • Resolver dores e problemas
  10. 10. Andrew M. Davis “Em vez de tentar significar tudo para todos, tente ser relevante para um grupo específico de pessoas” SELEÇÃO | SUPER TARGET Ir no Micro alcançar o AM ROC
  11. 11. MARKETING TRADICIONAL Marketing com MICRO- INFLUENCIADOR ESPopulação Geral Micro-Influenciador Cliente Cliente Conhecime nto Interesse Desejo Ação Convencim ento Engajamento Consideraçã o Conversão
  12. 12. .CONTEÚDO • Se vc quer falar apenas sobre si, faça anúncio no jornal • Se quer construir uma mensagem e dar sentido para a finalidade d seu produto, crie pautas, histórias e enredos • Investe muito mais em criação e conteúdo que em canal de divulgação • 90/10 (não existe mais).INTERESSE RECÍPROCO O que um não quer, dois não fazem! .SINERGIA Estilo, linguagem, filosofia e missão
  13. 13. ORÇAMENTO BAIXO RETORNO ALTO $ Ações com influenciadores não precisam ser milionárias Presente Permuta Pagamento s em post
  14. 14. Retorno sobre investimento - ROI X media value x alcance de pessoas x engajamento Aumento de vendas, faturamento, crescimento da empresa Clientes Oportunidades Leads Público Alvo
  15. 15. Ferramentas de Influenciadore
  16. 16. ISSO SIGNIFICA QUE O RELACIONAMENTO COM A MIDIA TRADICIONAL MUDOU? Vantagens •Apuração •Análise Crítica •Gerador de interesse
  17. 17. Relacionamento Eventos presenciais Envio de materiais relevantes Reuniões de planejament o
  18. 18. Engaje-se também na sua comunidade
  19. 19. Obrigada Marjori Schroeder Gerente de Relações Públicas América Latina marjori-seaworld@imaginadora.com.br facebook.com | marjorischroeder Instagram | marjoschroeder

×