Natal <br />Unidade<br />Na diversidade<br />
     Desde tempos muito antigos, os mitos solares faziam nascer o deus Sol no solstício de Inverno, quando os dias começam...
     Os egípcios traziam ramos de palmeiras para dentro de casa no dia mais curto do ano em Dezembro como um símbolo de tr...
     Os egípcios, em especial, celebravam todos os anos, no solstício de Inverno, o nascimento do pequeno Hórus, filho da ...
      Entre os povos do Oriente, o sol nascente era representado por um menino no colo de uma Virgem celeste, sua mãe. <br />
      Os romanos celebravam, nesta altura, o deus Saturno com bebidas e  a comidas abundantes<br />
      Na Letónia, ainda se festeja o Solstício de inverno (dia 22 de Dezembro), ou seja o regresso do sol, porque nessa da...
A celebração cristã do Natal só foi iniciada no século IV quando o Papa Júlio I proclamou o dia 25 de Dezembro como o do n...
Wren boys - Irlanda<br />Festa dos Rapazes – Trás-os- Montes<br />Outras celebrações que tinham por base rituais pagãos ou...
     O culto da natureza dos tempos antigos está, sem dúvida,  na origem da celebração da árvore.<br />     Os druidas tin...
    A árvore de natal, referida, pela primeira vez, na Alemanha, era antigamente, adornada com velas e guloseimas, hoje co...
     Actualmente, o advento começa a ser celebrado, quatro semanas antes do Natal,  acendendo, uma das quatro velas de uma...
Na Dinamarca, há milhares de velas por todo o lado e há sempre bolinhos e doces prontos para os visitantes, para que o esp...
       O Pai Natal foi inspirado no bispo Nicolau, que viveu e na cidade de Myra, na Turquia, no século IV. A sua generosi...
     A sua transformação em símbolo natalício aconteceu na Alemanha e daí correu mundo.<br />
Muitos grupos corais e instrumentais percorrem as ruas tocando e cantando músicas de Natal. A primeira canção conhecida, S...
Prefeitura de Nuremberga enfeitada dutrante a feira de Natal<br />Na Áustria é costume organizarem-se «mercados do menino ...
      A figura do Pai Natal, que conhecemos hoje, foi obra do cartoonista ThomasNast, na revista Harper'sWeeklys, em 1881....
     O seu aspecto foi um muito influenciado pelo poema do norte-americano Clement Moore escrito em 1822 intitulado «Uma V...
.<br />
     Nos anos 30 do século XX, a Coca-Cola contratou um publicitário para criar a imagem da marca para a campanha de Inver...
       E O PRESÉPIO ?<br />
O presépio de Natal surgiu no século XIII, e ainda hoje se faz. As primeiras imagens que representam a Natividade foram cr...
S. Francisco de Assis, em 1224, teve a ideia de criar o primeiro presépio em figuras de barro. <br />
Em França está muito viva a tradição do presépio. <br /> Os presépios são feitos com peças de cerâmica. No sul do país, há...
  E os presentes?<br />
 <br /> <br />      Na Antiguidade, nesta época do ano, era costume cada agricultor trocar as suas especialidades de modo ...
Mais tarde, os cristãos adoptaram este costume, simbolizando a oferta de presentes, a generosidade do ideal católico, pate...
<ul><li>A Grécia é um país cristão, mas ortodoxo, que é um dos ramos em que o Cristianismo se dividiu.
Na véspera de natal as crianças vão de casa em casa cantando kalanda (cânticos de Natal) e dão-lhes doces, frutos secos e ...
Tal como na Rússia, outro país cristão ortodoxo, jejua-se durante 40 dias e o Natal acontece a 6 de Janeiro.
No jantar de Natal come-se um pão especial: christopsomo (pão de Cristo). </li></li></ul><li>MERRY CHRISTMAS<br />
 Os ingleses apreciam decorar a árvore de Natal. As crianças penduram meias compridas na véspera de Natal para que o Fathe...
         Uma das árvores de Natal mais populares encontra-se em TrafalgarSquare, em Londres. É uma oferta anual do povo da...
 E o nosso Natal?<br />
Entre nós, como em toda a Europa, o aspecto mais importante é o da festa da família. <br />Até à década de 1970 era o meni...
Quero que todos os dias <br />Sejam dias de Natal<br />Para todos terem alegria <br />E a ninguém lembrar o mal <br />Ó me...
Expansão do Natal<br />
   Os Portugueses, os Espanhóis, os Ingleses, Franceses, Ingleses e Alemães criaram uma economia à escala do Globo com as ...
O Natal em Israel<br />"Mo'adim Lesimkha"<br />
 <br />Joyeux Noël/ PrettigeKerstfeest(Bélgica (Belgique)VeseléVánoceRepúblicaCheca (CeskáRepublika)Gloedelig Jul Dinamarc...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Natal

4,316 views

Published on

Reflexão sobre o Natal

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,316
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
20
Actions
Shares
0
Downloads
97
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Natal

  1. 1. Natal <br />Unidade<br />Na diversidade<br />
  2. 2. Desde tempos muito antigos, os mitos solares faziam nascer o deus Sol no solstício de Inverno, quando os dias começam a crescer.<br />
  3. 3. Os egípcios traziam ramos de palmeiras para dentro de casa no dia mais curto do ano em Dezembro como um símbolo de triunfo da vida sobre a morte. <br />
  4. 4. Os egípcios, em especial, celebravam todos os anos, no solstício de Inverno, o nascimento do pequeno Hórus, filho da virgem Isis. <br />
  5. 5. Entre os povos do Oriente, o sol nascente era representado por um menino no colo de uma Virgem celeste, sua mãe. <br />
  6. 6. Os romanos celebravam, nesta altura, o deus Saturno com bebidas e a comidas abundantes<br />
  7. 7. Na Letónia, ainda se festeja o Solstício de inverno (dia 22 de Dezembro), ou seja o regresso do sol, porque nessa data os dias começam a tornar-se mais longos. <br /> As pessoas decoram a árvore de Natal com cem velas enquanto comem deliciosos biscoitos de gengibre.<br />
  8. 8. A celebração cristã do Natal só foi iniciada no século IV quando o Papa Júlio I proclamou o dia 25 de Dezembro como o do nascimento de Jesus.<br />
  9. 9. Wren boys - Irlanda<br />Festa dos Rapazes – Trás-os- Montes<br />Outras celebrações que tinham por base rituais pagãos ou romanos foram adaptadas e transformadas para se inserirem no cristianismo.<br />
  10. 10. O culto da natureza dos tempos antigos está, sem dúvida, na origem da celebração da árvore.<br /> Os druidas tinham o costume de decorar velhos carvalhos com maçãs douradas. <br />
  11. 11. A árvore de natal, referida, pela primeira vez, na Alemanha, era antigamente, adornada com velas e guloseimas, hoje com lâmpadas e símbolos do Natal. <br />
  12. 12. Actualmente, o advento começa a ser celebrado, quatro semanas antes do Natal, acendendo, uma das quatro velas de uma coroa feita de ramos verdes. <br />
  13. 13. Na Dinamarca, há milhares de velas por todo o lado e há sempre bolinhos e doces prontos para os visitantes, para que o espírito do Natal (Yul) não se vá embora. <br />Cada casa faz as suas decorações. Os pais decoram em segredo a árvore , iluminada com estrelas, doces e muitas coisas brilhantes. Esta só pode ser vista à hora do jantar, pelas crianças. <br />  Ao cair da noite, lê-se o Evangelho do Natal e todos entoam cânticos. <br />
  14. 14. O Pai Natal foi inspirado no bispo Nicolau, que viveu e na cidade de Myra, na Turquia, no século IV. A sua generosidade deu origem a lendas segundo as quais visitava a casa das crianças no dia 6 de Dezembro e colocava um saco com moedas de ouro na chaminé.<br />
  15. 15. A sua transformação em símbolo natalício aconteceu na Alemanha e daí correu mundo.<br />
  16. 16. Muitos grupos corais e instrumentais percorrem as ruas tocando e cantando músicas de Natal. A primeira canção conhecida, Silent Night, data de 1818 e foi executada na igreja da vila de Oberndorf, na Áustria, pela primeira vez.<br />
  17. 17. Prefeitura de Nuremberga enfeitada dutrante a feira de Natal<br />Na Áustria é costume organizarem-se «mercados do menino Jesus» em muitas cidades<br />
  18. 18. A figura do Pai Natal, que conhecemos hoje, foi obra do cartoonista ThomasNast, na revista Harper'sWeeklys, em 1881.<br />
  19. 19. O seu aspecto foi um muito influenciado pelo poema do norte-americano Clement Moore escrito em 1822 intitulado «Uma Visita de São Nicolau» no qual substituía a mitra pelo boné, o báculo pelo saco e o burro por oito renas. Nascia o Pai Natal.<br />
  20. 20. .<br />
  21. 21. Nos anos 30 do século XX, a Coca-Cola contratou um publicitário para criar a imagem da marca para a campanha de Inverno. Deste modo, as cores da empresa ficaram associadas para sempre à figura do Pai Natal: o vermelho e o branco.<br />
  22. 22. E O PRESÉPIO ?<br />
  23. 23. O presépio de Natal surgiu no século XIII, e ainda hoje se faz. As primeiras imagens que representam a Natividade foram criadas em mosaicos no interior das igrejas e templos, remontando ao século VI. <br />
  24. 24. S. Francisco de Assis, em 1224, teve a ideia de criar o primeiro presépio em figuras de barro. <br />
  25. 25. Em França está muito viva a tradição do presépio. <br /> Os presépios são feitos com peças de cerâmica. No sul do país, há artesãos especializados na sua confecção, remontando os moldes mais antigos ao século XVII e a feira mais antiga dessas figuras ocorre, em Marselha, durante o mês de Dezembro.<br />
  26. 26. E os presentes?<br />
  27. 27.  <br /> <br /> Na Antiguidade, nesta época do ano, era costume cada agricultor trocar as suas especialidades de modo que todos pudessem consumir alguma variedade. Os romanos reforçaram este hábito, aumentando o volume e valor das ofertas. <br />
  28. 28. Mais tarde, os cristãos adoptaram este costume, simbolizando a oferta de presentes, a generosidade do ideal católico, patente nos presentes trazidos pelos Reis Magos ao Menino Jesus.<br />
  29. 29. <ul><li>A Grécia é um país cristão, mas ortodoxo, que é um dos ramos em que o Cristianismo se dividiu.
  30. 30. Na véspera de natal as crianças vão de casa em casa cantando kalanda (cânticos de Natal) e dão-lhes doces, frutos secos e prendas.
  31. 31. Tal como na Rússia, outro país cristão ortodoxo, jejua-se durante 40 dias e o Natal acontece a 6 de Janeiro.
  32. 32. No jantar de Natal come-se um pão especial: christopsomo (pão de Cristo). </li></li></ul><li>MERRY CHRISTMAS<br />
  33. 33. Os ingleses apreciam decorar a árvore de Natal. As crianças penduram meias compridas na véspera de Natal para que o Father as encha de presentes.<br /> A refeição de Natal é feita, ao meio dia do dia 25 de Dezembro. <br /> Na tarde do dia 25, a maioria das famílias assiste pela televisão à mensagem especial da rainha<br />
  34. 34. Uma das árvores de Natal mais populares encontra-se em TrafalgarSquare, em Londres. É uma oferta anual do povo da Noruega, em memória do acolhimento feito pelos ingleses ao rei Haakon, aí exilado quando o seu país foi ocupado por Hitler. <br /> <br />
  35. 35. E o nosso Natal?<br />
  36. 36.
  37. 37.
  38. 38. Entre nós, como em toda a Europa, o aspecto mais importante é o da festa da família. <br />Até à década de 1970 era o menino Jesus que trazia as prendas. A partir daí e com a acentuação da globalização passou a dominar o Pai Natal. No entanto, o fundo comum contínua – a generosidade, o desejo do bem estar dos outros, a paz , convívio – é esta a unidade na diversidade que pode ser resumida neste poema de Natal:<br />
  39. 39. Quero que todos os dias <br />Sejam dias de Natal<br />Para todos terem alegria <br />E a ninguém lembrar o mal <br />Ó menino! Não te esqueças <br />De me dar um presente <br />Transforma todos os dias <br />Em Natais p'ra toda a gente.<br />Em Natais quentes de amor <br />Com cestos cheios de pão <br />Com luzes, sinos e febres <br />Com homens todos irmãos<br />
  40. 40. Expansão do Natal<br />
  41. 41. Os Portugueses, os Espanhóis, os Ingleses, Franceses, Ingleses e Alemães criaram uma economia à escala do Globo com as suas viagens de descoberta e divulgaram as tradições europeias<br />
  42. 42.
  43. 43. O Natal em Israel<br />"Mo'adim Lesimkha"<br />
  44. 44.
  45. 45.
  46. 46.
  47. 47.
  48. 48.  <br />Joyeux Noël/ PrettigeKerstfeest(Bélgica (Belgique)VeseléVánoceRepúblicaCheca (CeskáRepublika)Gloedelig Jul Dinamarca (Danmark)mFroheWeihnachtenAlemanha (Deustchland)HäidJõuleEstónia (Eesti) ΚΑΛΑ ΧΡΙΣΤΟΥΓΕΝΝΑ Grécia (Ellas)FelizNavidadEspanha (España)JoyeuxNoélFrança (France) Merry Christmas Irlanda (Ireland)BuonNataleItália (Italie)KAΛA XPIΣTOYΓENNA Chipre (Kypros-Kibris)PriecīgusZiemassvētkusLetónia (Latvija)LaimingųKalėdųLituânia (Lietuva)JoyeuxNoél/FroheWeihnachtenLuxemburgo (Luxembourg)KellemesKarácsonyiÜnnepeketHungria (Magyarország)il-Milied it- TajjebMalta (Malta)PrettigeKerstfeestHolanda(Nederland)FroheWeihnachtenÁustria (Österreich)WesolychŚwiątBożegoNarodzeniaPolónia (Polska)Veselbo?ičVeselbo?ičEslovénia(Slovenija)VeseléVianoceEslováquia (Slovensko)HyvääJouluaFinlândia (Suomi) God Jul Suécia (Sverige) Merry Christmas ReinoUnido (United Kingdom)<br />Feliz Natal Portugal<br />
  49. 49.
  50. 50. Fontes<br />www.museus.sp.gov.br/noticias/presepios.htm<br />http://natalnomundo.sites.uol.com.br/<br />http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4853434-EI308,00-Natal+Israel+alivia+medidas+de+seguranca+em+postos+de+controle.html<br />Nacional Geographic, Dez, 2007<br />Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, Natal na Europa, Público<br />

×