Resumo de CNASaúde segundo a OMS– é o estudo de completo bem-estar físico, mental e social e não apenasa ausência de doenç...
Vacinação – tem como objetivos a prevenção de determinadas doenças.Rastreios – servem para examinar determinado órgão ou s...
ReproduçãoPreservação da espécieResulta da reprodução sexuada;        Gâmeta masculino               Fecundação         De...
Carateres sexuais secundários                    Mulher                                           Homem - Seios desenvolvi...
Vias genitaisEpidídimos – Recobrem parcialmente os testículos; é o local onde se dá a maturação dosespermatozoides (proces...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Resumo de ciencias

857 views

Published on

resumo da primeira matéria do 9º ano

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
857
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
23
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Resumo de ciencias

  1. 1. Resumo de CNASaúde segundo a OMS– é o estudo de completo bem-estar físico, mental e social e não apenasa ausência de doenças ou enfermidades.Qualidade de vida – vida com qualidade necessita a existência de saúde e a satisfação denecessidades básicas, como a alimentação, a habitação, as condições de higiene e o bem-estar,connosco, com os outros e com o ambiente.Indicadores do estado de saúde de uma população: Taxa de mortalidade infantil; Esperança de vida à nascença; Taxa de doenças infeciosas; Percentagem de doenças cardiovasculares; Percentagem de obesos; Percentagem de gravidezes na adolescência e de grávidas viagens.Taxa de mortalidade infantil (TMI) – é a relação existente entre o nº de mortes ocorridas no 1ºano de vida de um ser humano e o nº dos nascimentos, no mesmo intervalo de tempo.Esperança de vida á nascença – é o nº de anos que um ser humano tem probabilidade de viver,no momento do nascimento.Taxa de doenças infeciosas – calcula-se relacionando o nº de ocorrências de doençasinfeciosas, com o efetivo da população em estudo, no decurso de um ano.Doenças infeciosas – de causa microbiana, transmissíveis, através de qualquer forma decontágio. Na sua prevenção, são fundamentais duas medidas – as vacinas e a higiene – que,quando existem, são o método mais eficaz.Percentagem de doenças cardiovasculares – calcula-se relacionando o nº de ocorrências dedoenças cardiovasculares com o efetivo da população em estudo. As doenças cardiovascularesafetam o coração e/ou os vasos sanguíneos. O consumo de gorduras e bebidas alcoólicas, ahipertensão arterial, o tabagismo, o stresse físico e emocional, a obesidade e os diabetes sãofatores de risco destas doenças.Obesidade – excesso de peso.Diabetes – é uma doença crónica caracterizada pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue.Existem 2 tipos de diabetes: diabetes tipo 1 e diabetes tipo 2. Os diabetes tipo 1 apresentamdependência de insulina e os diabetes tipo 2 produzem insulina.A assistência médica, a vacinação, os rastreios, o combate ao stresse e o ordenamento doterritório são fatores que influenciam a saúde comunitária e individual.Assistência médicaO serviço nacional de saúde (SNS) é responsável pela promoção dos cuidados de saúderelativos à prevenção, diagnostico e tratamento de doenças.
  2. 2. Vacinação – tem como objetivos a prevenção de determinadas doenças.Rastreios – servem para examinar determinado órgão ou sistema de órgãos. São gratuitos e decaracter voluntário.Stresse – é um situação de tensão que depende de vários fatores e que afeta o nossoorganismo. Quando experimentado em situações esporádicas não constitui qualquer problemae faz parte das nossas reações normais. Contudo, se for sentido em excesso e não fortratado/acompanhado pode levar ao aparecimento de outras doenças como, por exemplo adepressão.Fatores de stresse: Ver televisão. Jogar computador. Conduzir em locais de tráfego interno.Fatores de prevenção: Prática de exercício físico. Alimentação equilibrado. Dormir as horas necessárias.Ordenamento do territórioContribui para uma maior qualidade de vida e por isso contribui para o bem-estar físico,harmonia e equilibrado dos indivíduos e populações.Medidas de ação para a promoção de saúdeHigiene - é uma medida de prevenção indispensável, uma higiene corporal cuidada, umahigiene oral eficaz e o uso de vestuário confortável são indispensáveis a uma vida comqualidade.Prática desportiva – é um fator que promove a qualidade de vida.Alimentação equilibrada – é fundamental para a saúde individual.Zonas verdes – são locais privilegiados de convívio e, consequentemente, de combate aostresse causado pela vida sedentária.Poluição – é a causadora do aquecimento global, doenças e mal-estar.Andar a pé é um excelente método de combate à obesidade e às doenças que lhe estãoassociadas. Para além disso, a utilização de transportes alternativos ao automóvel é o principalmeio de combate à poluição nas grandes cidades.A violência, a insegurança e os maus tratos afetam gravemente a saúde e qualidade de vidadas famílias e populações.
  3. 3. ReproduçãoPreservação da espécieResulta da reprodução sexuada; Gâmeta masculino Fecundação Desenvolvimento de um novo ser. Gâmeta femininoFunções dos órgãos reprodutores: Produzir gâmetas. Permitir a fecundação. Desenvolvimento inicial do novo individuo.Homens VS MulheresHomens e mulheres diferem ao nível dos aparelhos reprodutores e apresentam tambémcaracterísticas diferentes.Apresentam o que se chama de diformismo sexual.– Caracteres sexuais primários Existentes desde a nascença.– Caracteres sexuais secundários Surgem apenas na puberdade.AdolescênciaFase da vida que marca a transição entre a vida adulta. Iniciada com a puberdade; Período de tempo em que os órgãos sexuais estão em maturação; Termina com a maturidade dos órgãos sexuais; Ocorrem grandes alterações físicas, fisiológicas e psíquicas; Desenvolvimento das características sexuais secundárias; Aquisição de uma identidade.PuberdadeÀ componente biologia das transformações características da adolescência dá-se o nome depuberdade.A puberdade não é sinonimo de adolescência mas uma parte dela.Compreende:O período desde o aparecimento dos carateres sexuais secundários até o completodesenvolvimento físico.
  4. 4. Carateres sexuais secundários Mulher Homem - Seios desenvolvidos. - Pénis e testículos desenvolvidos.- Pelos no púbis e nas axilas. - Pelos no púbis, face e axilas.- Ancas arredondadas. - Engrossamento da voz.- Menstruação. (a primeira tem o nome de - Ombros largos.menarca)- Aparecimento de acne. - Primeiras ejaculações. - Aparecimento de acne. Constituição do sistema reprodutor masculino Gónadas Órgãos onde se produzem as células sexuais ou gâmetas (espermatozoides). Testículos Vias genitais Canais responsáveis pelo armamento e condução dos espermatozoides.Epidídimos Canais deferentes Uretra Glândulas anexas Responsáveis pela produção de secreções indispensáveis à sobrevivência dos gâmetas masculinos.Vesículas seminais Próstata Órgãos genitais externosPénis Escroto Gónadas – Testículos Os testículos são constituídos por canais muito finos e cumpridos, os tubos seminíferos, onde se formam os espermatozoides. Nos testículos também é produzida a testosterona.
  5. 5. Vias genitaisEpidídimos – Recobrem parcialmente os testículos; é o local onde se dá a maturação dosespermatozoides (processo que os torna férteis e móveis).Canais deferentes – Canais onde se armazenam os espermatozoides e que os transportamaté à uretra.Uretra – canal que serve para eliminar a urina e o esperma para o exterior. Glândulas anexasVesículas seminais – Glândulas que produzem o líquido seminal, rico em substânciasnutrientes para os espermatozoides.Próstata – Glândula que produz o líquido prostático, viscoso e alcalino que garante asobrevivência dos espermatozoides e neutraliza a acidez da vagina. Órgãos externosPénis – Órgão comum aos sistemas urinário e reprodutor que excreta urina e lança espermapara o exterior; na extremidade do pénis situa-se a glande, sobre a qual a pele forma umaprega solta, o prepúcio que protege a glande.Escroto – bolsa que se encontra fora da cavidade abdominal, onde se encontram alojados ostestículos Constituição de um espermatozoideCabeça – contém o núcleo da célula onde se encontra o material genético que fará parte donovo ser.Peça intermédia – contém a maior parte dos mitocôndrias, organitos responsáveis pelaprodução de energia necessária à deslocação dos espermatozoides e é constituída pelo coloe corpo.Cauda – parte que os espermatozoides usam para se movimentarem. Percurso dos espermatozoides Depois de formados nos testículos passam para os epidídimos e de seguida para os canais deferentes. É nos canais deferentes, que os espermatozoides se misturam com o líquido prostático e seminal . Constituição do esperma Ao conjunto dos líquidos prostático e seminal e dos espermatozoides dá-se o nome de esperma. Regulação hormonal do sistema reprodutor masculino Hipotálamo Hipófise FUNÇÕES DA TESTOSTERONA Quando a sua Crescimento dos órgãos sexuais. concentração é Hormonas hipofisárias Aparecimento/desenvolvimento/ elevado, inibe. (LH e FSH) manutenção dos caracteres Testículos sexuais secundários. Produção de espermatozoides. Testosterona

×